Oração por Lenços e Aventais


A ERA DA IGREJA DE ÉFESO
Introdução às Eras da Igreja
William M. Branham
05 de Dezembro de 1960 – Tabernáculo Branham
Jefersonville – Indiana – U.S.A

 

61 – Eles conheciam o poder daquele Nome. Eles viram que aquele Nome era tão poderoso que até os aventais do corpo de Paulo enviados em Nome de Jesus ao povo sofredor podia libertar os enfermos de todas  as moléstias e expulsar os espíritos maus. Tão maravilhosa e clara foi a manifestação deste Nome que reprovou os Judeus em Éfeso que tentaram usá-lo para conjurar demônios. Atos 19:11-17:

E Deus pelas mãos de Paulo fazia maravilhas extraordinárias.

De sorte que até os lenços e aventais se levavam do seu corpo aos enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os  espíritos malígnos saíam.

E alguns dos exorcistas judeus ambulantes tentavam invocar o nome do Senhor Jesus sobre os que tinham espíritos malígnos, dizendo: Esconjuro-vos por Jesus a quem Paulo prega.

E os que faziam isto eram sete filhos de Ceva, judeu, principal dos sacerdotes.

Respondendo, porém, o espírito malígno, disse: Conheço a Jesus, e bem sei quem é Paulo; mas vós quem sois?

E, saltando neles o homem que tinha o espírito malígno, e assenhoreando-se de dois, pôde mais do que eles; de tal maneira que, nus e feridos, fugiram daquela casa.

E foi isto notório a todos os que habitavam em Éfeso, tanto judeus como gregos; e caiu temor sobre todos eles, e o nome do Senhor Jesus era engrandecido.


A FESTA DAS TROMBETAS
William M. Branham
19 de Julho de 1964
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

03 – E aqui na mesa nesta manhã estão estes lenços e aventais, e simplesmente pequenos embrulhos dos necessitados de um auxílio físico, e doméstico seja o que quer que seja. Mas Tu és Deus e somente Deus , e o único Deus verdadeiro que existe; e pedimos a Ti no Nome de Jesus, Teu filho amado, e cures cada um destes. E pode haver alguém aqui que não tenha um lenço ou um embrulho do necessitado de cura.

04 – Pode haver alguém através da nação ao redor do mundo que (mesmo esta fita) seria ouvida em suas casas ou suas igrejas. Nós oramos, Senhor, que enquanto o culto prossegue que – em – ou a fita está sendo tocada, ou na posição em que estivermos, ou – ou melhor, condição, que o grande Deus do Céu possa honrar esta sinceridade dos nossos corações nesta manhã, e cure os necessitados e dê a eles o que necessitam.


COMPANHEIRISMO
William M. Branham
19 de Maio de 1962
Green Lake – WI – U.S.A.

 

02 – Agora, diante de mim estão alguns lenços que foram enviados aqui, Senhor, para a convenção. Eles representam  pessoas que estão necessitadas. E nos foi dito na Bíblia que eles tomavam do corpo de São Paulo lenços e aventais, e os espíritos imundos saíam deles, e os enfermos eram curados. Nós sabemos que não somos o Santo Paulo, mas Tu ainda continuas o mesmo Deus. E Tu tens provido um caminho hoje, pois Tu és o mesmo ontem, hoje e eternamente. Oramos para que Tu cures estas pessoas.

03 – E como um escritor disse, quando Israel foi impedido pelo Mar Morto da terra prometida, Deus olhou para baixo através da Coluna de Fogo com olhos irados e o mar ficou com medo e recuou e Israel seguiu em sua jornada. Deus, eu oro para que quando estes lenços forem colocados sobre o corpo dos enfermos, Deus possa olhar, não somente através da Coluna de Fogo, mas através do Sangue do Seu Próprio Filho, Quem opera, e que a enfermidade possa retroceder dando lugar ao poder de cura de Cristo. 


ELIAS E A COMIDA OFERECIDA
William M. Branham
11 de Março de 1960
Phoenix – Arizona – U.S.A.

 

03 – Nosso Senhor, nós te somos gratos hoje à noite pelos cânticos de Sião, pelo Evangelho fora de moda que limpa os nossos corações do mal, e, pelas mais graciosas promessas na Bíblia que são nossas. Pela fé nós recebemos. E nós sabemos que Deus não faz acepção de pessoas. E na geração que Paulo viveu, as pessoas…havia tantos doentes. Eles levavam os lenços, aventais, para que ele pudesse colocá-los em seu corpo, e então tirava de seu corpo para o doente e o oprimido. E as Escrituras nos dizem que os espíritos imundos saíam das pessoas e as aflições as deixavam por causa da fé delas no Senhor Jesus. Deus, fazem quase dois mil anos que Paulo se foi para a Tua presença. Aquela geração passou com ele, mas Tu és o Deus de todas as gerações. Agora o  povo, hoje à noite, tem crido em Ti e nós os entregamos a Ti, nesta noite, esses lenços e pequenos embrulhos de roupas, e crendo com todo nosso coração que Tu responderás nossas orações e eles serão curados. Conceda-o, Senhor. Nós os entregamos, para a glória de Deus, no Nome de Jesus, Teu Filho. Amém.


ENTÃO JESUS CHEGOU E CHAMOU
17 de abril de 1964
Tampa – Flórida – E.U.A.
Tradução – EUA

 

5 – Pai, nós rogamos por aqueles que estão enfermos e aflitos. Que esta seja a noite da sua libertação. Muitos, Senhor, pondo lenços aqui em cima na plataforma. E rogamos, Pai Celestial, enquanto imponho as mãos sobre estes na caixa. Agora, a Bíblia nos ensina que “levavam do corpo de São Paulo lenços e aventais, e espíritos imundos saíam das pessoas, e enfermidades eram curadas.” Agora, nós compreendemos que não somos São Paulo, mas Tu ainda permaneces Jesus. E rogamos, Senhor, que Tu cures cada um que estes lenços representam. Que cada um seja para a Tua Glória.

Parte para nós agora o Pão da Vida, da Palavra, enquanto esperamos, em nome de Jesus Cristo. Amém.

70 – E então ele disse a Geazi: “Cinge os teus lombos, e toma este bordão e vai e põe-no sobre a criança.” Ele não sabia o que fazer.

71 – Por isso, acho que é aí onde… Paulo, outro homem da Escritura, nunca, nunca teria tomado lenços de seu corpo, se não tivesse tido Escrituras para isto. Elias sabia que tudo o que tocava era abençoado; mas se ele pudesse fazer a mulher crer nisso! Assim eu acho que foi isso que Paulo fez. Agora, nós ungimos lenços com azeite. Agora, isso não é escriturístico, mas está bem. Isso está perfeitamente bem. “Mas levavam do corpo de Paulo,” a Bíblia disse, “lenços e aventais.” Note. Mas…

72 – E Elias, ele disse: “Toma este bordão, vai e põe-no sobre o garotinho. E se alguém te falar, não respondas. Somente segue em frente, põe o bordão sobre o garotinho.”

73 – Agora, a fé da mulher não estava no bordão. Estava no profeta. Ela disse: “Como o – o Senhor Deus vive, e tua alma nunca morre, eu não te hei de deixar.” E ela ficou bem ali, persistente, até que obteve a resposta do que queria saber.

74 – Bem, Elias não tinha a resposta, de modo que havia só uma coisa a fazer, ir com ela. Assim, ele cingiu os lombos, e foi.

75 – Ele encontrou Geazi voltando. Disse: “Cumpriste as minhas ordens?”

76 – Ele disse: “Cumpri. Eu pus o bordão sobre o garotinho. Não havia vida, nem nada, ainda.” Fazia horas e horas que o garotinho tinha morrido.

77 – Bem, Elias entrou. Ele não sabia o que fazer. Assim, lembre-se, ele caminhou de um lado para outro do quarto, simplesmente de uma parte a outra, de uma parte a outra, até que o Espírito veio sobre ele. E quando o Espírito veio sobre ele, ele deitou o próprio corpo sobre o corpo daquele garotinho, e ele espirrou sete vezes e veio à vida, por causa daquela determinação e daquela fé daquela mãe.


A HISTÓRIA DA MINHA VIDA
William M. Branham
19 de Abril de 1959
Los Angeles – Califórnia – U.S.A

 

03 – [O Irmão Glover diz: “O irmão poderia orar por estes lenços antes de começar?” -Editor] Será um prazer. [“Há aqueles e estes pelos quais orar.”] Correto, senhor, obrigado. Quanto a este santo homem, o Irmão Glover, a quem conheço faz alguns anos, eu tive o privilégio de estar com ele um pouco ontem à noite. E ele me disse que tinha parado por um pouco, descansando. E agora, aos setenta e cinco anos de idade, está voltando ao serviço do Senhor. Eu não estou cansado nem a metade do que estava antes de ouvir isso. Eu achei que estivesse cansado, mas eu – eu acho que não estou. Ele acabou de me colocar aqui alguns lenços, na – na forma de envelopes, etc., onde estão dentro e já fechados.

04 – Agora, qualquer um de vocês em alcance de rádio, ou aqui, que deseje um destes lenços, e você que desejaria, o Templo Angelus os envia constantemente, a qualquer tempo. Você poderia escrever para cá mesmo, para o Templo Angelus e orarão sobre ele, porque eu lhe garanto que é escriturístico. É uma promessa de Deus.

05 – E se você quisesse que eu orasse sobre um lenço para você, ora, será um prazer fazer isso. Apenas me escreva à caixa postal 3-2-5, 325, Jeffersonville, soletra-se J-e-f-f-e-r-s-o-n-v-i  dois éles-e, Jeffersonville, Indiana. Ou se você não conseguir lembrar da caixa postal, simplesmente escreva “Jeffersonville.” É uma cidade pequena, uma população de mais ou menos trinta e cinco mil. Todos me conhecem ali. E assim seria um prazer orar sobre um lenço e mandá-lo para você.

06 – E agora, temos tido grande êxito com isto, porque. . . Você receberá um formulário com o lenço, que pessoas ao redor do mundo oram toda manhã às nove horas, e ao meio dia e às três horas. E você pode imaginar por detrás de todo o mundo, a que hora da noite tem que se levantar para fazer esta oração. Então se todas estas dezenas de milhares, e vezes milhares, estão enviando orações a Deus exatamente naquele mesmo momento por este ministério, a sua enfermidade, Deus simplesmente não pode rejeitar isso. E então, agora nós, como digo, não temos programas, não estamos querendo um centavo de dinheiro. Nós estamos apenas… Se pudermos ajudá-lo, é para isso que  estamos aqui. E vamos. . .

Alguém está trazendo outro punhado de lenços.

07 – Agora, se você não têm um lenço que queria enviar, bem, então escreva mesmo assim. Se você não necessita dele no momento, guarde-o no Livro de Atos, na Bíblia, no capítulo 19. E será um tipo de uma fitinha branca que lhe será enviada, e as instruções como confessar seus pecados primeiro. E (obrigado) como confessar seus pecados. . . Você não deve nunca tentar receber nada de Deus sem primeiro estar certo com Deus. Está vendo? E então nisso você está instruído nisto para chamar seus vizinhos e o seu pastor. Se você tem algo em seu coração contra alguém, vá acertar isso primeiro, e volte. E então ore, tenha um culto de oração em seu lar, e prenda este lenço com alfinete na sua roupa de baixo, então creia em Deus. E naquelas mesmas três horas, cada dia, haverá gente no mundo todo orando, uma corrente ao redor do mundo.

08 – E agora, é seu absolutamente grátis; apenas peça. E – e, agora, não estaremos lhe escrevendo para lhe importunar ou para dizer-lhe de algum programa que temos. Nós queremos que você apoie o programa, mas não temos nenhum para você apoiar. Vêem? Então você. . . Não é para conseguir seu endereço; é apenas boa vontade e um ministério do Senhor que estamos procurando levar avante.

09 – Agora vamos inclinar nossas cabeças. E se você está no alcance do rádio, tenha o seu lenço colocado aí, apenas coloque sua própria mão sobre ele enquanto oramos.

10 – Senhor Misericordioso, trazemos a Ti estes pacotinhos, talvez alguns deles pareçam ser pequenas vestes para um bebê, ou – ou alguma camisetinha, ou talvez um par de botinhas, ou – ou algo assim, um lenço, que irá ao doente e aflito, Senhor, é de acordo com Tua Palavra que fazemos isto. Pois lemos, no Livro de Atos, que levaram do corpo do Teu servo, Paulo, lenços e aventais, porque creram que Teu Espírito estava no homem. E espíritos imundos saíam das pessoas, e aflições e enfermidades os deixavam, porque criam. E agora nós compreendemos, Senhor, que não somos São Paulo, mas sabemos que Tu ainda permaneces Jesus. E oramos que Tu honres a fé deste povo.


UNIDADE
William M. Branham
11 de Fevereiro de 1962
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

236 – Nosso Pai Celestial, aqui está um monte de lenços, luvas, talvez isto vá através do correio. Eu não sei quem os colocou aqui, talvez foi Billy, talvez as pessoas aqui na audiência. Eu simplesmente sinto em fazer isto agora, Senhor. Não há nada em minhas mãos, nada em mim como um ser humano. Eu não poderia descansar em meu próprio entendimento humano. Eu não compreendo porque isto é assim, mas estou seguindo o que Tu disseste. “Eles levavam do corpo de Paulo, lenços e aventais, e o espírito  maligno saía das pessoas”. Não era porque ele era um grande homem, era porque Deus estava com ele na Palavra e poder. Ele nunca consultou os apóstolos, mas descobriram, quando eles se encontraram, aquele mesmo evangelho, a mesma forma de batismo, a mesma coisa que eles estavam fazendo, estava de ponto a ponto a mesmo.


AS REALIDADES INFALÍVEIS DO DEUS VIVO
William M. Branham
26 de Junho de 1960
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

256 – Estou segurando roupas de nenenzinhos, pequenos blusões, lenços, roupas em minha mão. Nós fomos ensinados, na Bíblia, que eles tiraram do corpo de São Paulo, lenços e aventais; e espíritos imundos saiam das pessoas, e as enfermidades eram curadas. O povo hoje continua ver o mesmo Deus. Agora nós sabemos que não somos o Santo Paulo, mas Tu continuas sendo Jesus. E não foi o Santo Paulo; foi a sua vida rendida a Jesus Cristo. “O Senhor fez milagres especiais”, não Paulo; o Senhor! 


PERSEVERANÇA
William M. Branham
18 de Fevereiro de 1962
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

326 – Oremos agora por estas roupas aqui. Nosso Pai Celestial, eles tiraram do corpo do Santo Paulo lenços ou aventais, e Isto diz que “Espíritos imundos saíam deles”. Nós sabemos que não somos o Santo Paulo, mas nós sabemos que Tu continuas o mesmo Jesus, pois Tu estas igualmente vivo hoje como estavas nos dias do Santo Paulo. Oro por estes pedidos, Senhor, que estes lenços representam. Pequenos pedidos, Senhor, que estes lenços representam. Pequenos panos e lenços, e pequenos sapatinhos de nenê. Deus, eu oro para que Tu concedas isto.


CRISTO É REVELADO EM SUA PRÓPRIA PALAVRA
William M. Branham
22 de Agosto de 1965
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

10 – E todo este grande monte de lenços e roupas e coisas que estão colocadas aqui como pedido, Tu conheces todos, Pai. Eu oro para que Tu concedas cura a todos eles. No Nome de Jesus Cristo. Amém.


AS ÁGUIAS DE DEUS
William M. Branham
02 de Abril de 1960
Tulsa – Oklahoma – U.S.A.

 

04 – Colocados aqui nesta mesa nesta tarde estão lenços e pequenos pertences que irão para os enfermos e aflitos. Deus Todo Poderoso, eu oro a Ti no Nome de Jesus para que seja quem for que tocá-los que estão doentes, que eles possam ser curados; não como minha própria oração, Pai, mas a oração deste grande auditório cheio de Cristãos nesta tarde. Nós oferecemos isto unanimemente por aqueles que estão necessitados.

05 – Senhor, nós oramos para que Tu nos abençoe nos demais afazeres deste dia. Nós oramos pelas igrejas nesta noite. Que possa haver apenas glória e gozo inefável em cada igreja. Dê-nos um grande derramamento de Tua presença nesta tarde. Que o Espírito Santo possa entrar na Palavra, se tornar nossa carne e habitar aqui conosco nesta tarde. Pois pedimos isto no Nome de Jesus. Amém. 


AQUELE QUE ESTÁ EM VÓS
William M. Branham
10 de Novembro de 1963
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

65 – E na outra noite sua esposa chamou-me e disse-me, “Irmão Branham, eu ahco que ele está morrendo” disse, “Ele está… está todo inchado, e sua febre… ele está quase, fora de si”. E disse, “A última coisa que ele disse, ‘chame o irmão Branham’”.

Eu disse, “Você tem alguma coisa, um lenço em sua bolsa?”

“Não”. (Eu estava em Tucson, e ela estava em Arkansas)

E eu disse, “Você tem algum?”

Ela disse, Eu creio que seu “cachecol”.

Eu disse, “Agora ponha sua mão sobre o cachecol. E agora segure o fone na outra mão”. Eu orei e pedi a Deus para ser misericordioso e para afugentar aquele inimigo.

66 – E ela foi e colocou o cachecol sobre o homem; e na próxima manhã ele me telefonou! Vêem? Vêem? Agora… e cerca de 24 horas, ou menos que isso.


O QUE FAREMOS COM ESTE JESUS CHAMADO CRISTO?
William M. Branham
26 de Janeiro de 1964
Ramada Inn – Domingo – Tarde
Phoenix – Arizona – U.S.A.

 

172 – Enquanto o Espírito Santo está aqui, quero impor as mãos sobre estes lenços aqui. Levantemos as mãos a Cristo.

173 – Senhor Jesus, cremos em Ti. Sabemos que Tu és a Verdade, a Luz, a Palavra. Ponho as mãos sobre estes lenços. Rogo, Senhor Jesus, que Teu poder circule por este prédio e por estes lenços, sobre estes casaquinhos e capas. E que o Espírito Santo venha sobre eles, Senhor. Concede. E que sejam curados, cada um deles, pois Tua Palavra é Verdade. Concede, Senhor.


RELIGIÃO DE JEZABEL
William M. Branham
19 de Março de 1961
Middletown – Ohio – U.S.A.

 

169 – Conceda-o, que todos estes lenços de mão e pequenas remessas que estão colocadas aqui… Eu oro, Senhor, que o Espírito Santo sobre nós, e neste edifício nos ungindo, possa cada um deles ficar bom, Está escrito na Bíblia que quando Israel estava no caminho do dever, no seu caminho para a terra prometida, que o Mar Vermelho estava no caminho. E um dos escritores disse, “Deus olhou para baixo através daquela Coluna de Fogo e o Mar Vermelho ficou temeroso e se afastou, e Israel foi para a terra prometida”. 


COMO FUI COM MOISÉS, ASSIM SEREI CONTIGO
William M. Branham
11 de Setembro de 1960
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

234 – Agora estas cartas e estes lenços, sobre os quais tenho orado. Muitos de vocês, alguns de vocês talvez tenham que ir. Não se esqueçam desta noite agora, o culto é sobre a vindicação. “A Divina Vindicação da Verdadeira Igreja”. Vê?

tabernaculo-4 - Copia

Posted in Sem categoria.

Deixe seu comentário

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

Oração por Lenços e Aventais


A ERA DA IGREJA DE ÉFESO
Introdução às Eras da Igreja
William M. Branham
05 de Dezembro de 1960 – Tabernáculo Branham
Jefersonville – Indiana – U.S.A

 

61 – Eles conheciam o poder daquele Nome. Eles viram que aquele Nome era tão poderoso que até os aventais do corpo de Paulo enviados em Nome de Jesus ao povo sofredor podia libertar os enfermos de todas  as moléstias e expulsar os espíritos maus. Tão maravilhosa e clara foi a manifestação deste Nome que reprovou os Judeus em Éfeso que tentaram usá-lo para conjurar demônios. Atos 19:11-17:

E Deus pelas mãos de Paulo fazia maravilhas extraordinárias.

De sorte que até os lenços e aventais se levavam do seu corpo aos enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os  espíritos malígnos saíam.

E alguns dos exorcistas judeus ambulantes tentavam invocar o nome do Senhor Jesus sobre os que tinham espíritos malígnos, dizendo: Esconjuro-vos por Jesus a quem Paulo prega.

E os que faziam isto eram sete filhos de Ceva, judeu, principal dos sacerdotes.

Respondendo, porém, o espírito malígno, disse: Conheço a Jesus, e bem sei quem é Paulo; mas vós quem sois?

E, saltando neles o homem que tinha o espírito malígno, e assenhoreando-se de dois, pôde mais do que eles; de tal maneira que, nus e feridos, fugiram daquela casa.

E foi isto notório a todos os que habitavam em Éfeso, tanto judeus como gregos; e caiu temor sobre todos eles, e o nome do Senhor Jesus era engrandecido.


A FESTA DAS TROMBETAS
William M. Branham
19 de Julho de 1964
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

03 – E aqui na mesa nesta manhã estão estes lenços e aventais, e simplesmente pequenos embrulhos dos necessitados de um auxílio físico, e doméstico seja o que quer que seja. Mas Tu és Deus e somente Deus , e o único Deus verdadeiro que existe; e pedimos a Ti no Nome de Jesus, Teu filho amado, e cures cada um destes. E pode haver alguém aqui que não tenha um lenço ou um embrulho do necessitado de cura.

04 – Pode haver alguém através da nação ao redor do mundo que (mesmo esta fita) seria ouvida em suas casas ou suas igrejas. Nós oramos, Senhor, que enquanto o culto prossegue que – em – ou a fita está sendo tocada, ou na posição em que estivermos, ou – ou melhor, condição, que o grande Deus do Céu possa honrar esta sinceridade dos nossos corações nesta manhã, e cure os necessitados e dê a eles o que necessitam.


COMPANHEIRISMO
William M. Branham
19 de Maio de 1962
Green Lake – WI – U.S.A.

 

02 – Agora, diante de mim estão alguns lenços que foram enviados aqui, Senhor, para a convenção. Eles representam  pessoas que estão necessitadas. E nos foi dito na Bíblia que eles tomavam do corpo de São Paulo lenços e aventais, e os espíritos imundos saíam deles, e os enfermos eram curados. Nós sabemos que não somos o Santo Paulo, mas Tu ainda continuas o mesmo Deus. E Tu tens provido um caminho hoje, pois Tu és o mesmo ontem, hoje e eternamente. Oramos para que Tu cures estas pessoas.

03 – E como um escritor disse, quando Israel foi impedido pelo Mar Morto da terra prometida, Deus olhou para baixo através da Coluna de Fogo com olhos irados e o mar ficou com medo e recuou e Israel seguiu em sua jornada. Deus, eu oro para que quando estes lenços forem colocados sobre o corpo dos enfermos, Deus possa olhar, não somente através da Coluna de Fogo, mas através do Sangue do Seu Próprio Filho, Quem opera, e que a enfermidade possa retroceder dando lugar ao poder de cura de Cristo. 


ELIAS E A COMIDA OFERECIDA
William M. Branham
11 de Março de 1960
Phoenix – Arizona – U.S.A.

 

03 – Nosso Senhor, nós te somos gratos hoje à noite pelos cânticos de Sião, pelo Evangelho fora de moda que limpa os nossos corações do mal, e, pelas mais graciosas promessas na Bíblia que são nossas. Pela fé nós recebemos. E nós sabemos que Deus não faz acepção de pessoas. E na geração que Paulo viveu, as pessoas…havia tantos doentes. Eles levavam os lenços, aventais, para que ele pudesse colocá-los em seu corpo, e então tirava de seu corpo para o doente e o oprimido. E as Escrituras nos dizem que os espíritos imundos saíam das pessoas e as aflições as deixavam por causa da fé delas no Senhor Jesus. Deus, fazem quase dois mil anos que Paulo se foi para a Tua presença. Aquela geração passou com ele, mas Tu és o Deus de todas as gerações. Agora o  povo, hoje à noite, tem crido em Ti e nós os entregamos a Ti, nesta noite, esses lenços e pequenos embrulhos de roupas, e crendo com todo nosso coração que Tu responderás nossas orações e eles serão curados. Conceda-o, Senhor. Nós os entregamos, para a glória de Deus, no Nome de Jesus, Teu Filho. Amém.


ENTÃO JESUS CHEGOU E CHAMOU
17 de abril de 1964
Tampa – Flórida – E.U.A.
Tradução – EUA

 

5 – Pai, nós rogamos por aqueles que estão enfermos e aflitos. Que esta seja a noite da sua libertação. Muitos, Senhor, pondo lenços aqui em cima na plataforma. E rogamos, Pai Celestial, enquanto imponho as mãos sobre estes na caixa. Agora, a Bíblia nos ensina que “levavam do corpo de São Paulo lenços e aventais, e espíritos imundos saíam das pessoas, e enfermidades eram curadas.” Agora, nós compreendemos que não somos São Paulo, mas Tu ainda permaneces Jesus. E rogamos, Senhor, que Tu cures cada um que estes lenços representam. Que cada um seja para a Tua Glória.

Parte para nós agora o Pão da Vida, da Palavra, enquanto esperamos, em nome de Jesus Cristo. Amém.

70 – E então ele disse a Geazi: “Cinge os teus lombos, e toma este bordão e vai e põe-no sobre a criança.” Ele não sabia o que fazer.

71 – Por isso, acho que é aí onde… Paulo, outro homem da Escritura, nunca, nunca teria tomado lenços de seu corpo, se não tivesse tido Escrituras para isto. Elias sabia que tudo o que tocava era abençoado; mas se ele pudesse fazer a mulher crer nisso! Assim eu acho que foi isso que Paulo fez. Agora, nós ungimos lenços com azeite. Agora, isso não é escriturístico, mas está bem. Isso está perfeitamente bem. “Mas levavam do corpo de Paulo,” a Bíblia disse, “lenços e aventais.” Note. Mas…

72 – E Elias, ele disse: “Toma este bordão, vai e põe-no sobre o garotinho. E se alguém te falar, não respondas. Somente segue em frente, põe o bordão sobre o garotinho.”

73 – Agora, a fé da mulher não estava no bordão. Estava no profeta. Ela disse: “Como o – o Senhor Deus vive, e tua alma nunca morre, eu não te hei de deixar.” E ela ficou bem ali, persistente, até que obteve a resposta do que queria saber.

74 – Bem, Elias não tinha a resposta, de modo que havia só uma coisa a fazer, ir com ela. Assim, ele cingiu os lombos, e foi.

75 – Ele encontrou Geazi voltando. Disse: “Cumpriste as minhas ordens?”

76 – Ele disse: “Cumpri. Eu pus o bordão sobre o garotinho. Não havia vida, nem nada, ainda.” Fazia horas e horas que o garotinho tinha morrido.

77 – Bem, Elias entrou. Ele não sabia o que fazer. Assim, lembre-se, ele caminhou de um lado para outro do quarto, simplesmente de uma parte a outra, de uma parte a outra, até que o Espírito veio sobre ele. E quando o Espírito veio sobre ele, ele deitou o próprio corpo sobre o corpo daquele garotinho, e ele espirrou sete vezes e veio à vida, por causa daquela determinação e daquela fé daquela mãe.


A HISTÓRIA DA MINHA VIDA
William M. Branham
19 de Abril de 1959
Los Angeles – Califórnia – U.S.A

 

03 – [O Irmão Glover diz: “O irmão poderia orar por estes lenços antes de começar?” -Editor] Será um prazer. [“Há aqueles e estes pelos quais orar.”] Correto, senhor, obrigado. Quanto a este santo homem, o Irmão Glover, a quem conheço faz alguns anos, eu tive o privilégio de estar com ele um pouco ontem à noite. E ele me disse que tinha parado por um pouco, descansando. E agora, aos setenta e cinco anos de idade, está voltando ao serviço do Senhor. Eu não estou cansado nem a metade do que estava antes de ouvir isso. Eu achei que estivesse cansado, mas eu – eu acho que não estou. Ele acabou de me colocar aqui alguns lenços, na – na forma de envelopes, etc., onde estão dentro e já fechados.

04 – Agora, qualquer um de vocês em alcance de rádio, ou aqui, que deseje um destes lenços, e você que desejaria, o Templo Angelus os envia constantemente, a qualquer tempo. Você poderia escrever para cá mesmo, para o Templo Angelus e orarão sobre ele, porque eu lhe garanto que é escriturístico. É uma promessa de Deus.

05 – E se você quisesse que eu orasse sobre um lenço para você, ora, será um prazer fazer isso. Apenas me escreva à caixa postal 3-2-5, 325, Jeffersonville, soletra-se J-e-f-f-e-r-s-o-n-v-i  dois éles-e, Jeffersonville, Indiana. Ou se você não conseguir lembrar da caixa postal, simplesmente escreva “Jeffersonville.” É uma cidade pequena, uma população de mais ou menos trinta e cinco mil. Todos me conhecem ali. E assim seria um prazer orar sobre um lenço e mandá-lo para você.

06 – E agora, temos tido grande êxito com isto, porque. . . Você receberá um formulário com o lenço, que pessoas ao redor do mundo oram toda manhã às nove horas, e ao meio dia e às três horas. E você pode imaginar por detrás de todo o mundo, a que hora da noite tem que se levantar para fazer esta oração. Então se todas estas dezenas de milhares, e vezes milhares, estão enviando orações a Deus exatamente naquele mesmo momento por este ministério, a sua enfermidade, Deus simplesmente não pode rejeitar isso. E então, agora nós, como digo, não temos programas, não estamos querendo um centavo de dinheiro. Nós estamos apenas… Se pudermos ajudá-lo, é para isso que  estamos aqui. E vamos. . .

Alguém está trazendo outro punhado de lenços.

07 – Agora, se você não têm um lenço que queria enviar, bem, então escreva mesmo assim. Se você não necessita dele no momento, guarde-o no Livro de Atos, na Bíblia, no capítulo 19. E será um tipo de uma fitinha branca que lhe será enviada, e as instruções como confessar seus pecados primeiro. E (obrigado) como confessar seus pecados. . . Você não deve nunca tentar receber nada de Deus sem primeiro estar certo com Deus. Está vendo? E então nisso você está instruído nisto para chamar seus vizinhos e o seu pastor. Se você tem algo em seu coração contra alguém, vá acertar isso primeiro, e volte. E então ore, tenha um culto de oração em seu lar, e prenda este lenço com alfinete na sua roupa de baixo, então creia em Deus. E naquelas mesmas três horas, cada dia, haverá gente no mundo todo orando, uma corrente ao redor do mundo.

08 – E agora, é seu absolutamente grátis; apenas peça. E – e, agora, não estaremos lhe escrevendo para lhe importunar ou para dizer-lhe de algum programa que temos. Nós queremos que você apoie o programa, mas não temos nenhum para você apoiar. Vêem? Então você. . . Não é para conseguir seu endereço; é apenas boa vontade e um ministério do Senhor que estamos procurando levar avante.

09 – Agora vamos inclinar nossas cabeças. E se você está no alcance do rádio, tenha o seu lenço colocado aí, apenas coloque sua própria mão sobre ele enquanto oramos.

10 – Senhor Misericordioso, trazemos a Ti estes pacotinhos, talvez alguns deles pareçam ser pequenas vestes para um bebê, ou – ou alguma camisetinha, ou talvez um par de botinhas, ou – ou algo assim, um lenço, que irá ao doente e aflito, Senhor, é de acordo com Tua Palavra que fazemos isto. Pois lemos, no Livro de Atos, que levaram do corpo do Teu servo, Paulo, lenços e aventais, porque creram que Teu Espírito estava no homem. E espíritos imundos saíam das pessoas, e aflições e enfermidades os deixavam, porque criam. E agora nós compreendemos, Senhor, que não somos São Paulo, mas sabemos que Tu ainda permaneces Jesus. E oramos que Tu honres a fé deste povo.


UNIDADE
William M. Branham
11 de Fevereiro de 1962
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

236 – Nosso Pai Celestial, aqui está um monte de lenços, luvas, talvez isto vá através do correio. Eu não sei quem os colocou aqui, talvez foi Billy, talvez as pessoas aqui na audiência. Eu simplesmente sinto em fazer isto agora, Senhor. Não há nada em minhas mãos, nada em mim como um ser humano. Eu não poderia descansar em meu próprio entendimento humano. Eu não compreendo porque isto é assim, mas estou seguindo o que Tu disseste. “Eles levavam do corpo de Paulo, lenços e aventais, e o espírito  maligno saía das pessoas”. Não era porque ele era um grande homem, era porque Deus estava com ele na Palavra e poder. Ele nunca consultou os apóstolos, mas descobriram, quando eles se encontraram, aquele mesmo evangelho, a mesma forma de batismo, a mesma coisa que eles estavam fazendo, estava de ponto a ponto a mesmo.


AS REALIDADES INFALÍVEIS DO DEUS VIVO
William M. Branham
26 de Junho de 1960
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

256 – Estou segurando roupas de nenenzinhos, pequenos blusões, lenços, roupas em minha mão. Nós fomos ensinados, na Bíblia, que eles tiraram do corpo de São Paulo, lenços e aventais; e espíritos imundos saiam das pessoas, e as enfermidades eram curadas. O povo hoje continua ver o mesmo Deus. Agora nós sabemos que não somos o Santo Paulo, mas Tu continuas sendo Jesus. E não foi o Santo Paulo; foi a sua vida rendida a Jesus Cristo. “O Senhor fez milagres especiais”, não Paulo; o Senhor! 


PERSEVERANÇA
William M. Branham
18 de Fevereiro de 1962
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

326 – Oremos agora por estas roupas aqui. Nosso Pai Celestial, eles tiraram do corpo do Santo Paulo lenços ou aventais, e Isto diz que “Espíritos imundos saíam deles”. Nós sabemos que não somos o Santo Paulo, mas nós sabemos que Tu continuas o mesmo Jesus, pois Tu estas igualmente vivo hoje como estavas nos dias do Santo Paulo. Oro por estes pedidos, Senhor, que estes lenços representam. Pequenos pedidos, Senhor, que estes lenços representam. Pequenos panos e lenços, e pequenos sapatinhos de nenê. Deus, eu oro para que Tu concedas isto.


CRISTO É REVELADO EM SUA PRÓPRIA PALAVRA
William M. Branham
22 de Agosto de 1965
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

10 – E todo este grande monte de lenços e roupas e coisas que estão colocadas aqui como pedido, Tu conheces todos, Pai. Eu oro para que Tu concedas cura a todos eles. No Nome de Jesus Cristo. Amém.


AS ÁGUIAS DE DEUS
William M. Branham
02 de Abril de 1960
Tulsa – Oklahoma – U.S.A.

 

04 – Colocados aqui nesta mesa nesta tarde estão lenços e pequenos pertences que irão para os enfermos e aflitos. Deus Todo Poderoso, eu oro a Ti no Nome de Jesus para que seja quem for que tocá-los que estão doentes, que eles possam ser curados; não como minha própria oração, Pai, mas a oração deste grande auditório cheio de Cristãos nesta tarde. Nós oferecemos isto unanimemente por aqueles que estão necessitados.

05 – Senhor, nós oramos para que Tu nos abençoe nos demais afazeres deste dia. Nós oramos pelas igrejas nesta noite. Que possa haver apenas glória e gozo inefável em cada igreja. Dê-nos um grande derramamento de Tua presença nesta tarde. Que o Espírito Santo possa entrar na Palavra, se tornar nossa carne e habitar aqui conosco nesta tarde. Pois pedimos isto no Nome de Jesus. Amém. 


AQUELE QUE ESTÁ EM VÓS
William M. Branham
10 de Novembro de 1963
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

65 – E na outra noite sua esposa chamou-me e disse-me, “Irmão Branham, eu ahco que ele está morrendo” disse, “Ele está… está todo inchado, e sua febre… ele está quase, fora de si”. E disse, “A última coisa que ele disse, ‘chame o irmão Branham’”.

Eu disse, “Você tem alguma coisa, um lenço em sua bolsa?”

“Não”. (Eu estava em Tucson, e ela estava em Arkansas)

E eu disse, “Você tem algum?”

Ela disse, Eu creio que seu “cachecol”.

Eu disse, “Agora ponha sua mão sobre o cachecol. E agora segure o fone na outra mão”. Eu orei e pedi a Deus para ser misericordioso e para afugentar aquele inimigo.

66 – E ela foi e colocou o cachecol sobre o homem; e na próxima manhã ele me telefonou! Vêem? Vêem? Agora… e cerca de 24 horas, ou menos que isso.


O QUE FAREMOS COM ESTE JESUS CHAMADO CRISTO?
William M. Branham
26 de Janeiro de 1964
Ramada Inn – Domingo – Tarde
Phoenix – Arizona – U.S.A.

 

172 – Enquanto o Espírito Santo está aqui, quero impor as mãos sobre estes lenços aqui. Levantemos as mãos a Cristo.

173 – Senhor Jesus, cremos em Ti. Sabemos que Tu és a Verdade, a Luz, a Palavra. Ponho as mãos sobre estes lenços. Rogo, Senhor Jesus, que Teu poder circule por este prédio e por estes lenços, sobre estes casaquinhos e capas. E que o Espírito Santo venha sobre eles, Senhor. Concede. E que sejam curados, cada um deles, pois Tua Palavra é Verdade. Concede, Senhor.


RELIGIÃO DE JEZABEL
William M. Branham
19 de Março de 1961
Middletown – Ohio – U.S.A.

 

169 – Conceda-o, que todos estes lenços de mão e pequenas remessas que estão colocadas aqui… Eu oro, Senhor, que o Espírito Santo sobre nós, e neste edifício nos ungindo, possa cada um deles ficar bom, Está escrito na Bíblia que quando Israel estava no caminho do dever, no seu caminho para a terra prometida, que o Mar Vermelho estava no caminho. E um dos escritores disse, “Deus olhou para baixo através daquela Coluna de Fogo e o Mar Vermelho ficou temeroso e se afastou, e Israel foi para a terra prometida”. 


COMO FUI COM MOISÉS, ASSIM SEREI CONTIGO
William M. Branham
11 de Setembro de 1960
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

 

234 – Agora estas cartas e estes lenços, sobre os quais tenho orado. Muitos de vocês, alguns de vocês talvez tenham que ir. Não se esqueçam desta noite agora, o culto é sobre a vindicação. “A Divina Vindicação da Verdadeira Igreja”. Vê?

tabernaculo-4 - Copia

Posted in Sem categoria.

Deixe seu comentário