O PATRIARCA ABRAÃO
07 de fevereiro de 1964
Bakersfield – Califórnia – E.U.A.
Tradução – EUA


1 Livro de Gênesis novamente, capítulo 22, começando com o versículo 15, e esperamos agora falar só um instante e começar a parte da pregação. Gênesis 22, começando com o versículo 15.
Então o anjo do Senhor bradou a Abraão pela segunda vez os céus,
E disse: Por mim mesmo, jurei, diz o Senhor: Porquanto fizeste esta ação, e não me negaste o teu filho, o teu único,
Que deveras te abençoarei, e grandissimamente multiplicarei a tua semente como as estrelas dos céus, e como as areias que estão na praia do mar; e a tua semente possuirá as portas do seu inimigo;
E em tua semente serão benditas todas as nações da terra; porquanto obedeceste à minha voz.
2 Que promessa, por causa de obediência! Obediência é o que Deus quer. Certa vez foi dito que: “Obediência é melhor do que o sacrificar”. Obedecer ao Senhor é melhor do que qualquer sacrifício que você possa fazer.
3 Agora estamos face a um grande texto, hoje á noite, O Patriarca Abraão, que foi chamado “o pai da Fé”, porque Deus lhe fez a promessa de herdar a terra, e a sua Semente. E é através de Abraão que nós, estando mortos em Cristo, nos tornamos Semente de Abraão e somos herdeiros com Ele conforme a promessa.
4 Agora, Abraão foi apenas um homem comum, não tinha nada de especial. Deus não chegou a chamar-lhe, quanto ao que temos em registro, até completar setenta e cinco anos. Sua esposa, que era sua meia-irmã, com sessenta e cinco anos nessa ocasião, eles provavelmente já estavam juntos desde que eram bem jovens. E ela era infértil, não tinha filhos. Deus chamou para uma separação completa, para separar-se do resto do mundo, e de todo o seu povo, e de todos os seus parentes. Havia algo especial para ele fazer.
5 E quando Deus espera você fazer algo especial, Ele exige uma separação completa de qualquer dúvida. Você tem que chegar à obediência completa, a obedecer ao que Ele diz. Deus exige. Você não pode fazer isso de forma diferente. E, agora, Ele sempre dá um exemplo, e esse foi o Seu exemplo, de uma completa separação de toda a sua família, de todos os seus parentes, e assim por diante, para andar com uma vida separada a Deus.
6 Os anos passaram, nada aconteceu, mas ainda assim Abraão ficou firme. Não desanimou. “Ele nunca duvidou das promessas de Deus por incredulidade, mas foi fortificado dando louvor a Deus”.
7 Ano após ano, à medida que passavam, sem dúvida que muitos críticos vinham e diziam: “Abraão, pai das nações, quantos filhos você tem agora?” Isso não o fez duvidar. Sem filho, e Sara havia passado do tempo de vida, de dar à luz, claro, muito depois da menopausa, mas ainda assim Abraão cria em Deus do mesmo modo. Ele fez os preparos para o bebê, porque sabia e estava certíssimo de que Deus não podia fazer uma promessa que não fosse suficiente para sustenta-la.
8 Sua Semente deveria pensar assim mesmo. Independente de quão irreal pareça, quão inatural pareça para a mente natural, entretanto Deus não pode fazer uma promessa que Ele não seja suficiente para cumprir. Cremos nisso mesmo hoje. Toda Semente verdadeira de Abraão crê nisso mesmo. Não importa as circunstâncias, quanto conhecimento acumulamos, quantas coisas têm acontecido, quão inatural seja para a mente natural, quão insensato seja, ou melhor, para a mente natural, não faz nem um pouco de diferença. Se Deus disse que é assim, assim é. E a Semente de Abraão está firmada no ASSIM DIZ O SENHOR. Caso encerrado.
9 Verificamos que, vinte e cinco anos mais tarde, não havia filho. E ainda assim Deus foi fiel em cumprir a Sua promessa a Abraão, pois Abraão creu em Deus. O menininho apareceu em cena, o pequeno Isaque.
10 Então depois do pequeno Isaque aparecer em cena, então verificamos que Deus lhe deu um teste duplo. Ele disse: “Este filho…” Depois de ter agora cento e quinze anos, ou vinte, tinha Abraão. Ele disse: “Quero que leves este, o teu filho único, e o leves até à montanha que Eu te mostrarei, e lá oferece-o, nessa montanha, como sacrifício”. Em outras palavras, destruir toda evidência que ele tinha de que a promessa se cumpriria. Isso é tirar todas as coisas naturais.
11 E Abraão disse: “Eu o recebi como se tivesse ressuscitado. E estou certíssimo que Ele é poderoso para ressuscita-lo dos mortos”.
12 Assim é com os que agora são a Semente de Abraão, porque Ele nos ressuscitou dos mortos. Estávamos mortos em pecados e ofensas. E Aquele que foi poderoso para mudar a minha mente, mudar meus pensamentos, mudar minha natureza, mudar-me completamente, Ele pode fazer o que Lhe agrada. O que Ele disser, eu creio que é a Verdade, e toda Semente de Abraão crê nisso mesmo.
13 Abraão, não desobediente a Deus, pegou o rapazinho. E nessa manhã, disse aos servos: “Espere, aqui com as mulas. E o filho e eu iremos além para adorarmos, e eu e ele voltaremos”. Oh, como vai ele fazer isso? Quando ele sobe ao topo da montanha, para tirar a vida do seu próprio filho, entretanto ele diz: “O filho, o rapaz e eu voltaremos”. Ele sabia que algo tinha de acontecer. E ele não sabia exatamente como Deus ia fazer aquilo; não era essa a questão. Ele sabia que Deus tinha prometido.
14 É só isso o que nos importamos em saber, que Deus prometeu! Como será? Não posso lhe dizer. Mas Deus disse que sim! Ele enviaria Jesus Cristo, pela segunda vez, Ele virá em forma física. Ele declarará posse dos que são Seus. Haverá mil anos, um reino milenar sobre esta terra, com Ele, com os redimidos. É isso o que Ele prometeu, e esperamos a chegada dessa hora.
15 Ele prometeu curar os doentes, ressuscitar os mortos, expulsar demônios. Ele prometeu fazer isso. Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Como? Não sei. Ele prometeu faze-lo! Nós cremos; assunto encerrado. Quando uma pessoa crê em Deus, ela crê em tudo o que Ele diz.
16 E é assim que Abraão creu em Deus. Agora, ele recebeu o pedido de destruir toda evidência que a promessa Dele seria cumprida, mas ele estava certo de que Deus podia faze-lo.
17 Agora, não somente Ele deu esta grande promessa, mas também a deu à sua Semente. E porque Abraão foi fiel, e guardou a – a Palavra de Deus que Deus lhe prometeu, e sabia que Deus podia ressuscitar este filho. E ele não poupou seu próprio filho; mas (Deus) foi um tipo de Deus entregando Seu Filho, claro; enquanto ele subia a montanha carregando a lenha, e assim por diante; como Cristo mais adiante carregou Seu Próprio bloco para sacrifício, morro acima, para onde Ele foi crucificado.
18 Nós entendemos que nisto, ao fazer isto, isso agradou muito a Deus ver que Abraão O amou acima de qualquer coisa na terra, até o seu próprio filho. Ele O amava acima do que qualquer pessoa pudesse dizer, do que qualquer pessoa pudesse fazer, ainda assim ele amava Deus bastante para crer em Sua Palavra.
19 Todos da Semente de Abraão crêem em Deus assim. Eles estão crendo em Deus. E sabemos que isso agradou tanto a Deus que foi isto o que Ele disse: “A tua Semente possuirá as portas de seu inimigo. A tua Semente possuirá as portas de seu inimigo”. Lembre-se, isso foi o ASSIM DIZ O SENHOR. A Semente de Abraão crê nisso. Se você for Semente genuína de Abraão, a fé que Abraão tinha em Deus, está em você. E você crê que, aquilo que Deus disse, Deus cumpre a Sua promessa.
20 E Ele disse, agora lembre-se, Ele somente fez esta promessa a Abraão depois de ter-lhe dado um teste. A Semente de Abraão deve primeiro ser testada, para ver se realmente crê na Palavra. Lembre-se, a única maneira de poder guardar a promessa de Deus, porque ele cria na promessa de Deus, e foi testado para ver se ele cria Nela ou não.
21 Nós somos levados a esse teste. A Semente de Abraão, hoje, é levada a esse teste. Aceitaremos a Palavra de Deus, ou aceitaremos o que o homem disse a respeito Dela? Tomaremos o que alguma organização criou como credo, e aceitaremos isso, ou tomaremos o que Deus disse? Se a Palavra de Deus é verdade, nós cremos na Palavra de Deus, independente do que qualquer outra coisa seja. Deixamos que a palavra de todo homem seja mentira, e que a de Deus seja a Verdade. A verdadeira Semente de Abraão! Mas antes de você se tornar aquela verdadeira Semente, você tem que passar pelo teste, como o próprio Abraão passou. Ele prometeu não somente a Abraão, mas que a Semente dele possuiria as portas dos inimigos. Oh, que coisa!
22 Imagine só, o patriarca estava certíssimo nisso, no seu teste da promessa da Palavra de Deus, que estava certa. Independente de quais fossem as circunstâncias, mesmo assim ele creu que a Palavra estava certa. Abraão, o grande patriarca, não duvidou, quando ele chegou àquela hora do teste. Ele creu que Deus era poderoso para ressucitá-lo dos mortos. Ele creu nisso, porque Deus tinha feito a promessa. E quando Deus fez a promessa de que ele seria “o pai de nações”, e, ele creu que foi isso. Ele não sabia como seria. Quando o bebê chegou, depois de ter confiado, vinte e cinco anos, então ele recebeu o pedido de destruir o menino, mesmo assim ele sabia que a promessa de Deus era verdadeira, entregou seu filho.
23 É a mesma coisa com a Semente dele! A promessa de Deus é o selo, para os que são a Semente de Abraão. A promessa é um selo, uma testemunha assinalada. E quando cremos em toda Palavra prometida, então o selo nos é dado, para por isso confirmar a promessa. Veja, se nós – se nós, sendo a Semente de Abraão, nós passamos pelo teste para ver se vamos crer na Bíblia, ou não. A Bíblia é a Palavra de Deus, porque Ela é Deus. E então, depois você passou pelo teste, para crer.
24 Quando alguns dizem: “Os dias dos milagres já passaram”. Se você aceitar isso, isso está contrário à Palavra.
25 Se você diz: “Não se recebe o Espírito Santo, hoje. Não existe tal coisa. Só os doze apóstolos O receberam”.
26 A Palavra disse, Pedro pregando-A no Dia de Pentecostes, ele disse: “Arrependei-vos, cada um de vós, e sede batizados no Nome de Jesus Cristo para o perdão dos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo. Pois a promessa é para vós, e para vossos filhos, e para todos que estão distantes, a tantos quantos o Senhor nosso Deus chamar”.
27 É exatamente isso o que Ela quer dizer. É, agora se você estiver pronto para fazer o teste, o teste de ácido de Deus, e segue essa receita que estou lhe dizendo, você descobrirá que Deus cumpre a Sua Palavra, se você crer Nela. Isso mesmo. Mas você tem que passar por isso, porque esse é o selo; quando você puder receber Isso, então você receberá a promessa. Porque Ela é a receita de Deus, o modo que deveríamos fazer, e é assim que temos que segui-La, justamente oque Ele disse. Agora não é só para alguns, mas para “todo aquele”, todo aquele que crê, todo aquele que se arrepende, todo aquele que crê. É para todas as gerações, para todos os povos, todo aquele que quer crer Nela. E fé na Palavra de Deus traz você até esta promessa. Então, e só então, você pode ter poder para possuir o selo da promessa.
28 E a promessa que nós recebemos, o selo, é o batismo do Espírito Santo. Isso mesmo. Pois isso é Deus em forma de Espírito, você sendo a Palavra Dele dentro de você, então Ele entra. Se você receber a Palavra dentro de você, o Espírito Santo é a única coisa que pode fazer isso viver, e então você tem a promessa de possuir a porta de todo inimigo que tente ataca-lo. Isso mesmo. Deus prometeu, e assim é.
29 Agora, lembre-se, você só pode fazer isso então, e só então, depois de ser testado pela Palavra.
30 Abraão foi testado pela Palavra. “Você crê, Abraão, que terá o filho?”
“Sim”.
31 O filho veio. “Agora destrua-o. Você ainda crê, Abraão?”
32 “Creio, ainda, pois Tu és poderoso para ressuscita-lo dos mortos”.
33 E depois disso, Ele disse: “Agora, a sua Semente possuirá a porta do seu inimigo”. Amém! Depois do teste vir!
34 Vamos verificar alguns da semente de Abraão, na semente natural. O que, nós somos hoje a Semente espiritual. Mas vamos encontrar, pela semente natural, alguns dos que creram na promessa completa de Deus, e nunca que-… [Espaço em branco na fita – Ed.]
35 Eu disse: “Aliás, para que uma moça cristã quer mostrar a sua anágua? Não consigo entender isso”.
36 Você nasceu de novo, de Deus, você tem a beleza do Espírito Santo para mostrar que o que você é, você é. Você tem virtude que estas mulheres de saia escandalosa não têm. Isso mesmo. Uma verdadeira mulher de Deus, que se destaca com virtude; talvez riam-se de você, e chamam-lhe de antiquada, mas você tem algo que elas não conseguem alcançar, e já perderam e que nunca conseguirão ter novamente. Isso mesmo. Você tem virtude. É isso o que Deus busca, é virtude. Está vendo?
37 Mas em primeiro lugar, se houver dúvida em sua mente, não faça isso, de modo algum. Não venha à fila de oração se houver dúvida em sua mente. Não venha, a menos que você creia mesmo, enfaticamente, que não haja uma oscilação em sua mente, de modo nenhum, mas que você vai ser curado, então você sairá uma pessoa sã desta plataforma. Isso mesmo, quando de jeito nenhum houver dúvida em sua mente. É necessário você crer em Deus, não fazer que crê. Realmente crer!
38 E a Semente de Abraão crê porque a Palavra disse que é assim, e é por isso que nós cremos. Não porque alguém criticou, porque alguém disse que sim. Porque Deus disse que sim, isso torna o que foi dito a Verdade. Quando Deus diz, isso encerra todas as dúvidas. Ele é a última palavra. Ele é o último. Quando Deus diz alguma coisa, está acabado. Não há nada que possa falar contra Isso. “Seja a palavra de todo homem mentira, e seja a Minha Verdade”.
39 Agora enquanto verificamos algumas destas sementes, pensemos. Pensamos nos filhos hebraicos, eu tenho aqui, pensando nisso, nos filhos hebraicos, depois de terem sido testados contra adoração de imagem. Agora, lembre-se, o rei disse: “Todo aquele que não se inclinar à esta imagem, será lançado na fornalha ardente”. Agora, estes filhos criam que a Palavra de Deus era certa, que não deveriam adorar nenhum tipo de imagem, mas quando eles chegaram à hora de mostrar isso, e foram testados para ver se adorariam.
40 Quando, todo o resto dos filhos lá recebeu e foi adorar – eles foram exatamente do modo que o rei disse. Eles acompanharam o modo popular de pensar daquele dia, de que deveriam adorar.
41 E quando foram testados, para ver se adorariam imagens e transgrediriam a Palavra de Deus, eles permaneceram fiéis à Palavra. Independente das circunstâncias, eles permaneceram fiéis à Palavra. E quando os lançaram na fornalha ardente, a promessa de Deus cumpriu-se. Eles possuíram as portas do inimigo deles. E houve um quarto Homem que Se encontrava ali, com uma chave que destrancou o calor do fogo, e isso não podia fazer outra coisa senão coloca-los em liberdade. Amém.
42 Quando um homem, ou uma mulher estão prontos para fazerem o teste, o teste de ácido!
43 Veja você, eles tiveram que entrar no fogo. E então quando entraram, estavam no fogo, e a única coisa que aconteceu, este teste de fogo apenas destrancou, tirou as – as ataduras de suas mãos.
44 Muitas vezes, Deus nos deixa, quando nos amarramos todos com o mundo, amarrados, Ele deixa os testes de fogo virem sobre nós, onde temos que tomar uma decisão. E quando tomamos, a única coisa que o teste pode fazer, quando uma verdadeira Semente de Abraão encontra-se na – na encruzilhada da decisão, e toma a decisão de servir a Deus, só pode soltar as ataduras e nos libertar. Talvez Satanás lhe dê uma doença. Talvez ele lhe dê uma coisa, outra. Como você sabe que não é Deus que pôs você na encruzilhada, para ver que tipo de – de – de decisão você tomará?
45 Eles possuíram a porta do fogo. O fogo não podia queima-los. Nem ao menos havia cheiro de fogo sobre eles, porque sabiam que eram a Semente de Abraão, e tomaram uma posição por Deus e Sua Palavra. Eles possuíram as – as portas do inimigo, e o fogo não pôde queima-los, porque possuíram as portas.
46 Mais para frente houve um homem, um profeta lá, chamado Daniel. Ele…foi testado para ver se serviria um verdadeiro Deus, ou não. E quando chegou essa hora, para ver se ele serviria um só verdadeiro Deus, ou adoraria um deus pagão, ele recusou faze-lo; e levantava a persiana, e orava ao seu Deus, todos os dias. E por isso ele foi levado, sob pena das leis federais, e foi lançado na toca de leões. Um bando de leões faminto rugiu atrás dele. O que ele fez? Ele possuiu a porta do seu inimigo. Os leões não puderam come-lo. Deus enviou uma Coluna de Fogo, um Anjo que se pôs entre ele e o leão.
47 Ele possui a porta do inimigo, porque foi testado para ver se adoraria um só Deus verdadeiro, ou teria uma dúzia de deuses pagãos que ele adoraria. Então ele suportou o teste, e possuiu a porta do inimigo. O leão nem conseguiu toca-lo, porque Deus estava com ele. A Promessa de Deus permaneceu verdadeira, pois ele era Semente verdadeira de Abraão.
48 Moisés, oh, outro grande homem. Ele foi testado também, para ver a promessa que Deus lhe deu. “Estarei contigo quando fores para lá”. E quando ele se encontrava diante dos imitadores do seu dom, Janes e Jambres tentaram se levantar e imitar aquilo mesmo que Moisés recebeu ordem de fazer. E Deus o havia chamado, e ele sabia que era o homem que tinha sido comissionado a fazer aquilo, e ele ficou de pé lá e realizou o milagre como Deus lhe disse para fazer. E aqui se encontravam os imitadores, para fazerem a mesma coisa, mas isso não incomodou Moisés. Ele ficou fiel à Palavra de Deus, e possuiu as portas, amém, do inimigo, porque ele ficou fiel à promessa de Deus, não importava quem estivesse tentando imitar aquilo.
49 Que lição isso é para todo cristão! Quando você olha e vê um hipócrita, apenas lembre-se que ele está tentando imitar um artigo genuíno. Mas, isso só significa que existe um que é genuíno. Fique fiel à Palavra de Deus! Não importa o que aconteça, guarde a promessa Dele. Sim, Daniel ficou fiel à Palavra de Deus.
50 Não importava quantos tentassem imita-lo, e tudo mais, ele ficou fiel. E ele veio com um propósito: para tirar Israel do Egito, e leva-los para a terra prometida. E quando chegou a hora deles irem para a terra prometida, do Egito, eis que na frente se encontrava o Mar Morto. E ele possuiu as portas da água, e as portas se abriram. E as – as águas se afastaram, e Moisés levou Israel para o deserto, para a montanha onde Deus o comissionou a traze-los. Amém. Ele possuiu as portas do inimigo.
51 O pai dele, Abraão tinha recebido a promessa, de que a sua verdadeira Semente possuiria a porta do inimigo. E as portas da água fecharam-se, e ele não pôde atravessar, e esse era o caminho para cumprir o dever. Era para ele levar aqueles filhos até aquela montanha. Deus lhe disse para faze-lo. E lá se encontrava a porta na frente, e ele possuiu a porta do inimigo.
52 Josué, um pouco mais para frente, quando eles chegaram a Cades-Barnéia, que era o trono de julgamento daquele mundo naquele tempo, ali Israel encontrou seu julgamento. Encontramos Josué com Calebe, e mais 12…ou – ou mais dez. Um de cada tribo foi enviado para espiar a terra que estavam para receber.
53 E quando viram aqueles grandes gigantes que se encontravam lá, dez deles sentiram-se tão abatidos que disseram: “Não conseguiremos toma-la. É demais. Ora, vejam a oposição que temos”. Mas quando retornaram para trazer a notícia, eles trouxeram má notícia.
54 Por que trariam má notícia, se Deus lhes disse: “Eu vos dei essa terra; é vossa?” Ele lhes disse isso no Egito. “Eu vos dei essa terra. É terra boa. Ela mana leite e mel”.
55 Mas quando viram a enorme oposição, dez deles voltaram e disseram: “Não conseguiremos toma-la”.
56 Foi Josué que acalmou o povo, e disse: “Somos mais do que capazes de possuí-la. Somos mais do que capazes!” Por causa do quê? Ele estava olhando para a promessa. Ele era uma verdadeira Semente de Abraão. Independente de qual fosse a oposição: “Poderemos possuir a porta, porque Deus prometeu a terra”. E ele possuiu a porta.
57 Mais adiante, quando ele trouxe os filhos de Israel até o rio. Lá se encontrava, no mês de abril, o grande rio, se avolumando. O Jordão descendo das montanhas, e tinha se alastrado pelas planícies. Parecia a pior ocasião, do ano, para ele estar lá. No entanto, ele era Semente de Abraão. Ele sabia que tinha uma promessa, e estava cumprindo seu dever. Deus lhe deu uma visão, de como fazer aquilo, e ele possuiu as portas do rio. Quando as portas se abriram, a água reteve-se até às montanhas. E Josué e Israel possuíram as portas do inimigo, e atravessaram para a terra prometida, porque Deus lhes disse para faze-lo. A verdadeira Semente de Abraão!
58 Irmãos e irmãs, quando ele chegou lá, Jericó era toda murada, tão alto que três charretes podiam percorrer o topo. Como poderiam estes israelitas toma-la com espadas emprestadas, encontradas, e tudo mais, e paus e pedras, como iam entrar lá? Mas ele ainda era a Semente de Abraão. Deus lhe deu uma visão, disse-lhe como fazer aquilo, disse: “Toquem uma trombeta”. Amém. É isso. “Gritem, marchem até a muralha, as portas cairão diante de vocês”. Amém! Ele era uma Semente real de Abraão. Ele era um verdadeiro crente de Deus. “As portas cairão diante de vocês. Apenas gritem, e toquem a trombeta. É só isso o que têm de fazer”. E o que aconteceu? As portas caíram, e Josué tomou a cidade.
59 Um pouco mais para frente, nós verificamos que o inimigo estava se dispersando e continuamente, depois disso, e Ele até mesmo parou o sol no próprio lugar. Como falei o outro dia de manhã, sobre o Paradoxo, Ele parou o sol até que ele possuísse as portas do seu inimigo. Amém. Ele sabia que se aquele inimigo se ajuntasse, eles estavam espalhados, e o sol estava se pondo, e os amorreus, e os amalequitas, e assim por diante, estavam todos espalhados. Se eles chegassem a se reunir, e se unissem, então ele teria dificuldade em faze-los dispersar de novo.E havia apenas uma coisa que prolongava, que era o tempo. E Ele parou o tempo. Amém! Amém! Havia uma coisa que não o deixava alcançar a promessa, que era o sol, a própria natureza cruzando acima, e Ele parou a natureza. Porquê? Ele era uma Semente de Abraão. Ele cria na promessa de Deus. Ele o parou, e possuiu as portas. Sim, senhor.
60 Estes grandes homens, todos eles eram grandes homens. Mas sabe que quando eles, cada um deles, quando chegaram à porta da morte, todos eles morreram. Cada um deles teve de morrer. Porque eles eram grandes homens: “Eles fecharam a – a boca dos leões, e escaparam do fogo, e do fio da espada”, e assim por diante, como nos foi dito em Hebreus 11. E eles possuíram as portas do inimigo, todos os inimigos menos um, e tal foi a morte. A morte engoliu cada um deles
61 Então, um dia veio a Semente Real de Abraão, Jesus Cristo, o Filho de Deus; Semente de Abraão, por fé. Não através de Isaque, a semente natural; eles fizeram a sua parte. Mas eis que veio Um o Qual não teve nascimento natural. Eis que veio Um que não chegou por desejo sexual. Eis que veio Um por nascimento virginal. O Filho de Deus, a Semente de Abraão, que grande Homem foi esse! Outros naturais todos nasceram por nascimento natural. Este Homem nasceu por nascimento virginal. O que Ele fez quando veio à terra? Ele conquistou todo inimigo que Satanás tinha. Ele conquistou tudo.
62 O que Ele fez? Ele saiu e conquistou a enfermidade. Não podia haver enfermidade perto Dele; em qualquer lugar que a enfermidade esteve, Ele a conquistou. O que Ele fez depois que a conquistou? Ele nos deu as chaves, amém, dizendo: “Tudo o que ligares na terra, Eu ligarei no Céu”. Oh! Amém! Essa é a Semente Real de Abraão, a Promessa Dele. O Espírito Santo em nós agora, com as chaves, pondo isso na enfermidade. Ele conquistou a enfermidade. A enfermidade não pode permanecer na Presença Dele. E Ele disse que nos deu as chaves para fazermos a mesma coisa, conquistar a enfermidade. “Tudo o que ligares na terra, Eu ligarei no Céu”.
63 Também, tentação, Ele foi tentado de todas as maneiras como nós. O que Ele fez? Ele conquistou isso. E o que Ele disse para nós? “Resisti ao diabo, e ele fugirá de vós”. Ele conquistou a enfermidade para nós. Ele conquistou a tentação para nós, rebentou as portas; tomou a chave do tentador, e a entregou ao crente, da Semente de Abraão, e disse: “Se ele vos tentar, resisti a ele, e ele fugirá de vós”. Oh, que coisa! Resisti a ele!
64 Ele conquistou tanto a morte como o inferno. Ele ressuscitou no terceiro dia, dizendo: “Eu venci. E porque Eu vivo, vós também viveis”. Oh, que promessa! Ela é para a Semente de Abraão. Ele conquistou a sepultura, ressuscitou no terceiro dia, para a nossa justificação. Quando Ele ressuscitou, Ele foi a nossa justificação. Isso nos torna o quê? Ele conquistou a enfermidade. Ele conquistou a morte. Ele conquistou o inferno. Ele conquistou a sepultura. Ele conquistou a tentação. Oh!
65 “Agora somos mais do que vencedores por Aquele que nos amou, e entregou a Sua vida”, sendo a Semente Real de Abraão. Com o mesmo Espírito de Deus em nós, que estava Nele, somos mais do que vencedores. Toda porta já foi conquistada para nós. A única coisa que temos de fazer é tomar posse dela. Já está conquistada. A enfermidade está conquistada. A morte está conquistada. O inferno está conquistado. A sepultura está conquistada. Tudo está conquistado, e seguramos as chaves, pela Sua graça. Você tem medo de coloca-las na fechadura, e dizer: “Eu venho no Nome de Jesus Cristo?” “Pedi ao Pai qualquer coisa em Meu Nome”. Eu O amo.
66 Depois de dois mil anos passarem, dois mil anos, e Ele ainda está aqui em nosso meio, o poderoso Conquistador que rasgou o véu em dois, que levou toda enfermidade, toda doença, tudo, sobre Ele mesmo, e carregou as nossas enfermidades à cruz, e a nossa enfermidade e as nossas doenças, e triunfou sobre elas, e ressuscitou para a nossa justificação, e encontra-Se vivo depois de dois mil anos, para manifestar-Se como um Jesus Cristo vivo, entre a Semente real de Abraão que é herdeira de todas as coisas. Oh, que coisa! Aqueles que depois, que passam pelo teste, a promessa da Palavra! Se você pode crer na Palavra, então você também é a Semente de Abraão. É assim que você chega a Ela.
67 Se você não pode suportar esse teste da Palavra, então se você duvidar Dela, um pouco suspeito Dela, você mal consegue recebe-La, tem uma coisa ou outra que você não consegue crer Nela, então não venha na fila de oração. Eu nem chegaria perto do altar, até conseguir bastante graça para saber que a Palavra de Deus é verdadeira.
68 E quando você chegar a atravessar esse véu de incredulidade, então você estará com as chaves nas suas mãos, da morte, do inferno, e da sepultura, porque você tem um Conquistador o Qual conquistou por você. Então você tem Hebreus 13:8, que nos diz: “Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje, e eternamente”. Como podemos fazer isso?
69 As pessoas hoje dizem: “Oh, pois, vou lhe dizer uma coisa, Ele num – de certo modo, Ele é”.
“Ele é o mesmo”, a Bíblia disse.
“Oh, pois, hoje Ele não faz do mesmo modo que fazia”.
70 Encontramos isso agora mesmo, quando vemos a Sua Palavra vindicada. O que causa isso? Lança-A de volta bem no colo deles de novo. Amém.
71 A Semente verdadeira de Abraão crê Nela. Eles A conhecem. E Ele permanece, hoje à noite, do modo que Se encontrou com Abraão lá nos dias de Ló e realizou aquele milagre, como Ele fez ao contar para Sara o que ela disse atrás Dele. Jesus prometeu, a Semente Real de Abraão, que a Igreja veria essa mesma coisa pouco antes da Sua Vinda. O que é isso? Tem que acontecer. Deus prometeu. Jesus Cristo confirmou e disse que seria assim, e aqui estamos hoje, depois de dois mil anos, nós O vemos em nosso meio, ainda o poderoso Conquistador! Ele conquistou a morte, o inferno, a sepultura, toda superstição; levou a Palavra…?…ela. Sim.
72 Ele disse: “Se vós estiverdes em Mim, e Minhas Palavras em vós, pedireis tudo o que quiseres e vos será dado”. O que foi isso? A Palavra, Cristo, o Qual está em seu coração. “Se estiverdes em Mim, Minhas Palavras estiverem em vós, então conquistastes tudo porque Eu conquistei, por vós. Se vós estiverdes em Mim, se podeis Me entender, se podeis estar em Mim. Aquele que crê em Mim, que Me recebe; não apenas manufaturar, mas que pode receber. Aquele que ouve as Minhas Palavras, entende as Minhas Palavras, e crê Naquele que Me enviou, tem Vida eterna; e não entrará em tentação, ou condenação, mas passou da morte pra a Vida”. Aí está Ele, o poderoso Conquistador!
73 Aqui está Ele hoje, o mesmo ontem, hoje, e eternamente. Aqui está Ele agindo diante da Semente de Abraão, que foi chamada da Babilônia, chamada de Sodoma, chamada do mundo, e separada, mostrando a Sua promessa exata e completamente. Depois de dois mil anos, aqui está Ele em nosso meio, hoje à noite, aquele poderoso Conquistador, a Palavra de Deus, a Qual pode discernir os pensamentos que estão no coração, e os intentos dele. O que é isso? “A Tua Semente possuirá as portas do seu inimigo”. O que é isso? É a Semente de Abraão, a Semente real, crendo na Palavra. E a Palavra é – a Palavra é Deus.
74 Agora quando vemos isto, podemos clamar com eles, como o poeta de antigamente.
Vivendo, Ele me amou; morrendo, Ele me salvou;
Sepultado, Ele levou meus pecados para longe;
Ressuscitando, Ele justificou de graça para sempre;
Algum dia Ele voltará, ó que dia glorioso!
75 Alguém disse: “Você está envelhecendo, rapaz”. Não posso evitar isso.
76 Tenho vivido desde que era menino, a única realização que tenho tido é ver a Vinda de Jesus Cristo. Entreguei a minha vida para esse propósito. Ainda estou no púlpito, como velho, creio na mesma História, e a maior coisa em que posso pensar é ver Jesus Cristo vindo dos céus para receber os Seus. Deus, então meu… Não é para menos que possamos cantar:
Salve o poder do Nome de Jesus!
Caiam os Anjos prostrados;
Trazei o diadema real,
E O coroai como Senhor de todos.

77 Por que? Ele é o poderoso Conquistador. Se você estiver Nele, você está na Palavra. Ele disse: “Se estiverdes em Mim, pedi tudo o que quereis”. “Tudo o que quereis”, pois toda porta já foi conquistada. Então podemos dizer;
Pois cada promessa do Livro é minha,
Cada capítulo, versículo, e linha;
Confiando estou em Sua Palavra divina,
Pois cada promessa do Livro é minha.
78 Amigos, vocês entendem o que isso significa? Toda promessa que Deus fez a Abraão, toda promessa que foi proferida pelos profetas, toda promessa que Jesus Cristo prometeu para este dia, Ele está aqui para confirmá-la e mostrar que Ele vive para todo o sempre. “A tua Semente possuirá a porta do inimigo”.
79 Quando chega a hora da morte. Você diz; “O que tem isso?’ Ainda assim você tem a Posse que Paulo disse: “Ó sepultura, onde está a tua vitória? Ó morte, onde está o teu aguilhão? Mas graças a Deus, o Qual nos dá a vitória através daquele poderoso Conquistador, Jesus Cristo”. Oh!
Caiam os Anjos prostrados;
Trazei o diadema real,
E O coroai como Senhor de todos.
80 Hoje à noite, depois de dois mil anos, nos levantamos para ainda O vermos, o Poderoso Conquistador, o Qual rasgou o véu que nos separava de qualquer promessa de Deus, e somos mais do que vencedores Nele.
Oremos.
81 Pai Celestial, enquanto estamos de pé aqui, hoje à noite, na Presença do Espírito Santo, aquela grande Pessoa de Jesus Cristo em forma de Espírito, a Qual foi prometida vir sobre a Semente de Abraão, a Semente real. Rogamos, ó Deus, que se houver um homem ou uma mulher, um mocinho ou uma mocinha, aqui dentro, que não Te conhece; eles têm dúvida ou frustrações na mente deles, a respeito da Palavra de Deus, se Ela é a Verdade ou não. Ó grande Deus, o Qual fez a promessa, vem hoje à noite! Há uma grande promessa que Tu fizeste, Senhor; Tu podes cumprir essa promessa, Tu disseste: “Aquele que crer em Mim, as obras que Eu faço ele também fará; maiores do que estas fará, pois Eu vou para o Pai”. Deus, Pai, rogamos que Tu confirmes a Tua Palavra.
82 Há muitos dos filhos de Abraão aqui hoje à noite, que estão doentes. Oh, o diabo os reteve na porta; foram colocados dentro, e as chaves foram viradas, e disseram: “Agora você deve morrer; você está com problema de coração. Você está com isto, aquilo, ou aquilo mais, e deve morrer”.
83 Ó Deus, que a trombeta do jubileu soe, hoje á noite, do Evangelho, para todo escravo poder sair livre! Jesus Cristo conquistou essas portas. Seguramos as chaves em nossas mãos. Oh! “Em Meu Nome expulsarão demônios. Se pedirdes alguma coisa em Meu Nome, Eu o farei. Aquele que crê em Mim, as obras que Eu faço ele também fará. A Palavra de Deus é mais afiada e mais eficaz do que espada de dois gumes, cortando até a divisão e as medulas, e é apta para discernir os pensamentos que estão no coração”.
84 “E como aconteceu nos dias de Noé, assim será na vinda do Filho do homem, pois comiam, bebiam, casavam, davam-se em casamento; grandes programas de construção”. E observamos o mundo: “Haverá sinais, coisas espantosas acima no céu (isso são discos voadores), terremotos em diversos lugares, o mar rugindo (ondas gigantescas), os homens desmaiando (de temor), atrito entre as nações, perplexidade do tempo”.
85 “E como foi nos dias de Ló, assim será na vinda do Filho do homem”. Ó Deus, vem hoje à noite e executa a Tua Palavra, vem hoje à noite e honra a fé dos filhos de Abraão. Através do Nome de Jesus Cristo pedimos. Amém.
86 O Senhor abençoe vocês, ricamente. Não vou fazer apelo para virem ao altar neste momento. Vou deixar por conta de vocês. Eu acho que, muitas vezes, o apelo para virem ao altar… Eu creio com eles. “Mas todos quantos receberam, foram batizados”. É isso: “Todos quantos O receberam”. Vamos orar pelos enfermos.
87 Eu poderia falar aqui a noite toda. Vocês são uma bela audiência. Mas o que eu digo é só como homem; mas se eu falar as Palavras Dele, então as palavras não são minhas, são Palavras Dele. Se eu disser alguma coisa, e Deus não sustentar isso, então foi a minha palavra. Se eu disser a Palavra Dele, e Ele sustenta-La, quem é aquele pecaminoso homem ou mulher, moço ou moça, que se afastará e dirá que Ela não é assim?
88 Jesus, disse quando Ele fez aquelas coisas, que disseram: “Este Homem é um adivinho. Ele é um demônio!” Um adivinho, qualquer um sabe que adivinhação é do diabo. Ele disse: “Ele é um adivinho”. Mas você já viu um adivinho pregar o Evangelho? Você já viu adivinho expulsar demônios? Não, com certeza que não o fazem.
89 Ele disse: “Agora, Eu, o Filho do homem, vos perdôo isso. Mas quando o Espírito Santo vier, nunca será perdoado o falar contra Ele, nem neste mundo nem no mundo por vir, porque isso é chamar a obra de Deus de espírito imundo”.
90 Deus seja misericordioso para conosco, esta noite, e é a minha oração que Deus desça e confirme esta Palavra diante de vocês.
91 Irmão, irmã, esta é a minha alma. Eu tenho que me encontrar com Deus. Sou responsável pelo que digo a vocês. Deus me terá como responsável por isso. Isso mesmo. De que me adiantaria ficar aqui e dizer estas coisas se eu soubesse que estaria condenando a minha alma para o inferno?
92 “Há caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele, são os caminhos de morte”. Deus não necessita de nenhum intérprete. Como eu disse, Ele interpreta a Sua Própria Palavra.
93 “A Semente de Abraão possuirá a porta do inimigo”. Você crê nisso? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.]
94 Se eu pudesse cura-lo, eu faria isso. Cristo curou você. A única coisa: você está com a chave na mão. Essa chave é a sua fé, para apoderar-se disso. Não quer destrancar, esta noite? Enquanto Ele vem em nosso meio, aquele Poderoso Conquistador que conquistou toda doença, e vem aqui e mostra-lhe que Ele já vez isso, pois Ele ainda é a Palavra. “E a Palavra é apta para discernir os pensamentos que estão no coração”.
95 Que cartão de oração? B, um a… De onde começamos outro dia de noite? [Alguém diz: “Um”. – Ed.] Vamos começar a partir de cinqüenta. Quem está com o cartão de oração B, cinqüenta? Levante a mão. Cartão de oração B. Começamos a partir de um, o outro dia de noite, agora vamos começar a partir de cinqüenta, esta noite.
96 Quem está com B, B, cinqüenta? Levante a mão. Cartão de oração B, cinqüenta. Quer dizer que não está aqui? Você está com ele? Muito bem, B, cinqüenta. B, cinqüenta e um, quem está com esse? B, cinqüenta e um, muito bem. B, cinqüenta e dois, quem está com B, cinqüenta e dois? Muito bem, você está com ele. B, cinqüenta e três, cinqüenta e quatro, venha para cá. Cinqüenta e quatro cinqüenta e cinco.
97 Meu filho vem aqui pouco antes de eu entrar, e mistura uma porção de cartões. E está vendo como estão, um aqui e um ali? Eles não sabem. Você poderá vir nesta fileira aqui e pegar o um, o próximo pegar o dez, o outro pegar o vinte e cinco. Não sabemos onde estão, mas qualquer o lugar que estejam.
98 Agora quantos chamamos? Cinco quatro? B, cinqüenta. Foi B, cinqüenta, não foi? [Alguém diz: “Sim”. – Ed.] B, cinqüenta a cinqüenta e cinco. Cinqüenta e seis, cinqüenta e sete, cinqüenta e oito, cinqüenta e nove, sessenta. Agora vejamos, um dois… Conte-os, Billy, e nós… Sessenta, setenta, que eles se levantem primeiro, por gentileza. B, cinqüenta a setenta, setenta e cinco. Conte-os, irmão Roy, por gentileza, enquanto falo com a audiência.
99 Quantos aí agora, enquanto olham nesta direção, e não têm cartão de oração?
100 Lembre-se, Jesus disse: “As obras que Eu faço vós também as fareis”. Isso é verdade? [A congregação: “Amém”. – Ed.] É verdade. Vocês crêem nisso? [“Amém”.] A Semente de Abraão disse que sim.
101 A Bíblia diz que: “Ele é o Sumo Sacerdote”. Hebreus capítulo 4: “Ele é o Sumo Sacerdote que pode compadecer-se das nossas fraquezas”. Vocês crêem nisso? [A congregação: “Amém”. – Ed.] Se Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, como Ele se compadeceria?
102 Há uma pequena mulher, na Bíblia, enquanto vocês prestam atenção no que estou dizendo. Uma pequena mulher, na Bíblia, talvez ela não tivesse cartão de oração; mas ela disse em seu coração: “Se eu conseguir tocar aquele Homem, eu creio Nele”. Ela havia gastado tudo o que tinha, pois os mé-… com os médicos. Eles não conseguiam ajuda-la. O caso dela era sério demais. Eles não conseguiam ajuda-la. Mas ela creu que Deus a ajudaria. E tocou na beira da vestimenta Dele.
103 E Ele disse: “Conheci que de Min saiu virtude”. Está certo?
104 Vocês crêem que Ele é o mesmo, esta noite? [A congregação: “Amém”. – Ed.] Vocês crêem que Ele está aqui?” [“Amém”.] Quantos crêem que Ele ressuscitou dos mortos? [“Amém”.] Agora como se pode provar que Ele ressuscitou dos mortos?
105 Não faz muito tempo, um famoso homem batista me procurou, e disse: “Irmão Branham, fui derrotado – derrotado, uma vez, por um maometano que disse isto. Ele disse: ‘Se Ele ressuscitou, Ele prometeu que faria a mesma coisa. Vejamos Ele fazer’”. Vejam, eles crêem que Ele não ressuscitou.
106 Mas nós, sim, cremos que Ele faz. Nós cremos que Ele ressuscitou dos mortos. Não há outra religião no mundo que possa provar que seu fundador está vivo, senão o cristianismo. E a única forma de Deus poder confirmar Isso, é através dos que crêem; pois essa é a única forma de Deus cumprir as Suas Palavras, é os que crêem Nela.
107 Agora enquanto estão formando esta fila de oração aqui. Não sei quantos atenderemos. Quero que cada um de vocês fique na sua posição, fique no seu lugar, não se agitem. Olhem nesta direção e orem, digam: “Senhor Jesus, eu creio”.
108 Lembre-se, Ele me disse: “Se você conseguir que as pessoas creiam em você; e então seja sincero quando orar”. Tem sido assim de lado a lado desta nação, para lá e para cá, por quinze anos, não falhou nem uma vez. Não pode falhar.
109 Deus, uma coisa que Deus não pode fazer, é falhar. Ele tem que cumprir a Sua Palavra. Eu creio nisso. Eu creio nisso o tanto quanto eu…mais do que creio que estou de pé aqui, mais do que estou neste recinto; isto poderia ser uma miragem, poderia ser um sonho. Em minha alma, sei que Jesus Cristo, o Filho de Deus, vive. E você sendo uma Semente de Abraão, você estando morto em Cristo, você é Semente de Abraão.
110 Agora estão com uns lenços aqui. São bem sucedidas através disto, as pessoas que crêem. Agora inclinemos a cabeça, enquanto eles estão se preparando, e oremos por estes.
111 Pai celestial, a Bíblia nos ensina, e há gente que crê que toda Palavra que Tu disseste é a Verdade. Senhor, às vezes cambaleiam e levam até o buraco da fechadura, a chave deles, errando, e riscando, mas eles crêem que ali se encontra. Deixa que continuem levando, até que encontrem, pois ali está. E essa chave é a chave certa: “Se tu podes crer, tudo é possível”. Como o cântico esta sendo cantado agora, ou tocado.
112 A Bíblia diz que: “Paulo tirou de seu corpo lenços e aventais, e os enviava aos enfermos e aos aflitos, e espíritos imundos saíam das pessoas, e eram curadas”.
113 Agora, Senhor, sabemos que São Paulo está Contigo. Mas, não era ele; era Tu, Senhor, Cristo nele. “Vivo, não eu, mas Cristo vive em mim”, ele disse.
114 E agora para esta geração, Tu ainda és Cristo, hoje, como eras ontem. E enquanto oro sobre estes lenços, tocando-os, rogo que Tu derrotes todo inimigo. Dá fé a eles, para que saibam que o inimigo está derrotado.
115 E certa vez, o Mar Vermelho, como acabamos de falar, tinha interrompido Israel de chegar à promessa, e eles estavam cumprindo o dever. E um escritor disse que: “Deus olhou com olhos irados, através daquela Coluna de Fogo, e o mar teve medo e abriu suas portas, e eles atravessaram”.
116 Olha, esta noite, através do Sangue de Jesus Cristo. E que quando estes lenços forem colocados sobre os enfermos, que o inimigo veja a nossa fé, esta noite, ao fazermos esta oração de fé por eles. E que cada um seja libertado, em Nome de Jesus Cristo. Amém.
117 Agora quero que me dêem toda sua atenção. Quem estiver cuidando do microfone aqui, que aumente o volume. Porque, se o Espírito Santo fizer isto… não digo que Ele fará.
118 Agora qualquer um que vier aqui e lhe disser que tem poder para curar os enfermos, não creia nisso. O poder está todo em Cristo. Ele é o Conquistador, não você ou eu. Nós só aceitamos o que Ele fez. Ninguém tem poder para salvar ou curar.
119 Toda pessoa no mundo, o preço já foi pago. A exigência foi paga. Como foi? “Ele foi ferido pelas nossas transgressões, pelas Suas pisaduras fomos sarados”. A sua – a sua cura está paga. A sua salvação está paga. Você tem a fé para vir aceita-la? É só isso. Se você for Semente de Abraão, você tem. Deus prometeu. Tem algo em você que diz que está aí, e está.
120 Agora o que é dom? Dom é para ir curar as pessoas? Não. Dom é retirar-se do caminho, para que Deus possa usar você.
121 Agora Ele prometeu que, o último sinal, de acordo com Jesus Cristo: “Como foi nos dias de Sodoma, pouco antes de queimar”. Não antes de outras coisas ocorrerem, o Evangelho foi pregado por Ló, e assim por diante; não isso. Mas pouco antes de queimar, Deus desceu em forma de homem, e sentou-se com a Igreja eleita, Abraão e seu grupo, o qual tinha a promessa.
122 Agora lembre-se, só a Semente de Abraão recebe isto: “Um pouco e o mundo não Me verá mais”, Jesus disse. “Vós Me vereis, pois estarei convosco, em vós, até a consumação dos séculos”.
123 Mas Ele prometeu, pouco antes Dele retornar: “Como foi em Sodoma”, veja o que Sodoma está recebendo; veja o que a Igreja eleita está recebendo, disse: “assim será na vinda do Filho do Homem”. Deus manifestado em forma de homem, que com Suas costas voltadas para a tenda, disse o que Sara fez dentro da tenda. Todos que sabem que essa é a Verdade, levantem a mão. Exatamente isso. Agora Ele prometeu isso. Estamos no fim do tempo. Agora lembre-se, essa foi a última coisa que aconteceu; e o mundo gentio queimou, Sodoma, e o filho prometido apareceu em cena. Estamos esperando um Filho prometido, o Filho de Deus.
124 Aqui estamos. Que Deus abra os seus olhos. Não sei mais que dizer. Que Ele abra os seus olhos.
125 Agora Pai celestial, sou tão incapaz, sou um monte de lama que Tu formaste, e colocaste aqui. Ó Deus, possa eu, hoje à noite, ter a Tua graça e Presença, que sejas Tu que uses estes pequenos amontoados de lama que Tu tens aqui. Senhor, que aqueles os quais Tu chamaste para a Vida eterna, e talvez ainda não A tenham aceitado, que esses vejam estas promessas. Talvez eles foram ensinados que isso foi para outro dia, mas aqui está na Bíblia. Confirma-A, Senhor. Essa é a Tua Própria interpretação. Não precisa mais do que isso. Se Tu fizeres assim, então eles verão que a Palavra é verdade. Concede, Pai. Nós nos entregamos a Ti.
126 Que cada pessoa aqui, Senhor, use sua fé, hoje à noite. Que cada membro da Tribo de Abraão, através de Jesus Cristo, tenha fé, esta noite, e aceite a Tua Presença. E daremos louvor a Ti. Amém.
127 Agora, este é o úl-… Agora isto é estranho. Quero que vocês me ajudem agora, orem por mim. Sentem-se bem quietos, não fiquem se mexendo. Fiquem quietos, orem.
128 Agora, vejam, está mudando de evangelismo, para acalma-los, de tal modo que o Espírito de Deus pode leva-los completamente a outra dimensão.
129 Agora aqui está esta jovem… Venha aqui um pouquinho, jovem. E apenas… Está bem assim, para que eu não me afaste deste microfone. Veja, eu não sei o que acontece, veja você, e então, às vezes, você sabe… Agora a única maneira de eu saber, está – está no microfone, veja você, e estão tentando captar lá, e eu simplesmente não sei o quê.
130 Agora somos desconhecidos um do outro. Não a conheço, nunca a vi na vida. Mas é bem mais jovem que eu. E provavelmente nascemos a milhas de distância um do outro, e anos de diferença. Esta é a primeira vez que nos conhecemos. Está certo? Se for, levante a mão para a audiência ver. Agora, ela é simplesmente uma mulher aqui de pé.
131 Veja, leve isto à Escritura. Tomemos São João 4. Cada um de vocês leia isso quando forem para casa. Não – não que esta mulher seja esse tipo de mulher; eu não sei. E você sabe que não sou Jesus Cristo. Mas Ele está aqui. É Ele. Agora o Espírito Dele nos ungindo, pode revelar o problema dela, como Ele fez com a mulher no poço. A mesma coisa.
132 E, por isso, os sacerdotes e os líderes daquele dia, disseram: “Este Homem é um adivinho, ou um demônio, Belzebu”.
133 Esta mulher disse: “Senhor, vejo que Tu és profeta. Sabemos que o Messias vem, e esse será o sinal Dele”.
134 Agora, quantos sabem que isso é verdade? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Bem, se Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, não seria esse o Seu sinal esta noite? [“Amém”.] Ele prometeu que seria, pouco antes do fim do tempo? [“Amém”.] Agora veja se Ele cumpre Sua promessa à Semente de Abraão.
135 Agora se alguém aqui acha que isso é errado, venha você aqui e faça a mesma coisa. Se não é, então não diga nada a respeito. Você tem o privilégio.
136 Agora, em Nome de Cristo, eu tomo todo espírito sob meu controle, para a glória e honra de Deus.
137 Eu terei que conversar com você, um momento, jovem. Você sabe que o nosso Senhor conversou com aquela mulher junto à fonte. Ele disse: “Traze-Me de beber”. O que Ele estava fazendo?
138 Agora observe, Ele disse, em São João 5: “Em verdade, em verdade vos digo: o Filho”, que era Ele, corpo, “nada posso fazer em Mim mesmo”, apenas de acordo com o que Ele via o Pai fazer. “O que o Pai faz, Ele mostra ao Filho. Veja, nada posso fazer em Mim mesmo, a não ser como vejo o Pai fazer”. Então, Jesus nunca operou um milagre até primeiro Deus mostrar-Lhes através de visão; não dizer-Lhe em Seu ouvido, mas mostrar-Lhe. “O que Eu vejo”, não ouço, “vejo o Pai fazer”. É isso o que O tornou um Profeta semelhante a Moisés, como Moisés disse. Agora quando Ele – Ele conhecia o Pai… Ele estava em…
139 Ele estava indo para Jericó, mas teve necessidade de passar por Samaria, e Ele chegou à cidade de Sicar. E agora veja, os samaritanos andavam esperando um Messias.
140 Os judeus andavam esperando, e Ele mostrou-lhes o Seu sinal. Filipe, Natanael, Pedro, logo que esse sinal foi feito, disseram: “Tu és o Filho de Deus”.
O rabi disse: “Este Homem é Belzebu”.
141 Mas agora lembre-se, os gentios, nós, nós éramos os anglo-saxônicos, nós – nós não andávamos esperando nenhum Messias. Éramos pagãos, romanos, e assim por diante. Não andávamos esperando nenhum Messias. Ele só vem aos que O andam esperando.
142 Mas os samaritanos andavam esperando-O, então Ele teve que chegar a eles, por Samaria. Sentou-Se junto à fonte. Uma jovem, provavelmente mais ou menos da sua idade, chegou. Ela era mulher de má fama. Você já leu essa história, creio eu. E Ele disse: “Mulher, traze-Me de beber”.
143 Ela disse: “Oh, não é costume para Ti, um judeu, pedir tal coisa a uma samaritana”.
144 Ele disse: “Mas se soubesses com Quem falas, Tu Me pedirias de beber”.
145 A conversa continuou. Por fim, Ele encontrou onde estava o problema dela. Lembra-se o que era? Ela teve maridos em demasia. E disse; “Vá buscar o teu marido, vem aqui”.
Ela disse: “Não tenho nenhum”.
146 Disse: “Bem dissestes”, disse, “porque tiveste cinco, e aquele com quem vives agora não é teu”.
147 Ela disse: “Senhor, vejo que Tu és profeta. Sabemos que quando o Messias vier Ele nos dirá essas coisas”.
E Ele disse: “Eu O sou”.
148 Ela largou seu cântaro, correu para a cidade, e disse: “Vinde ver um Homem o Qual me disse o que fiz. Não é este o Messias?” Eles não tinham tido um profeta por centenas de anos. E aqui estava um Homem que afirmava ser o Messias, e provou ser um – um profeta, e mostrou o sinal do Messias.
149 Se Ele fizer a mesma coisa, isso faria você crer na mesma coisa, sendo que Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, e prometeu por estas Escrituras que Ele faria?
Isso faria a audiência crer? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.]
150 Você sofre de problema dos rins. Se estiver certo, levante a mão.
151 Por que isso sempre me golpeia no rosto? Alguém diz: “Ele adivinhou isso”. Eu não adivinhei isso.
152 Aqui, ela é uma mulher distinta. Você acredita em mim? Agora você sabe que eu não adivinhei isso. Deixe-me dizer mais uma coisa. O seu marido está com você. Ele também está sofrendo. Não está? Complicação da espinha. É isso mesmo. Não é? Você tem um menininho com você. Ele também está sofrendo. Você quer que ele receba oração. Tem alguma coisa que não está bem com os olhos dele. É isso mesmo. Você tem uma menininha com você, ela está com problemas dos rins, como você. Está certo? Agora todos vocês podem ficar bons, se crerem. Você crê? Deus a abençoe. Siga em seu caminho e fique boa.
153 Vocês crêem? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente. O que é isso? O que Ele está tentando fazer? Para você, Semente de Abraão, Ele está lhe mostrando que não está morto. Eu não consigo fazer essas coisas. Ele não está morto. Mas Ele está vivo, mostrando que você tem o direito de possuir as portas do seus inimigo. Isso deveria encerrar isso.
154 Esta senhora, venha para cá, só um momento. Nós temos aproximadamente a mesma idade, suponho. Mas somos – somos desconhecidos um do outro, que eu saiba. Não a conheço, e somos desconhecidos. Não sei nada a seu respeito. Se isso estiver certo, levante a mão, veja. [A irmã diz: “Está certo”. – Ed.] Foi só que lhe deram um cartão de oração, e a senhora está aqui. Muito bem. Agora se o Senhor Jesus…
155 Se eu, talvez, digamos que eu estivesse procurando tomar o lugar do irmão Oral Roberts, ou de alguns desses grandes homens de fé, eu dissesse: “O que há de errado com a senhora?”
156 A senhora dissesse: “Bem, eu tenho tal e tal”. Agora, ele talvez não esteja certo. Está vendo? Eu não sei. Está vendo? Mas, ele, a senhora poderia dizer-lhe oque há de errado.
157 Ele imporia as mãos sobre a senhora, diria: “Deus me enviou para – para orar pelos enfermos. Crê nisso?” “Sim”. “Glória a Deus! Vá, creia”.
158 Está bem. Está bem. Deus prometeu isso. Mas, veja a senhora, estamos vivendo um pouco mais adiante no – no dia do que isso. Jesus prometeu: “Como foi nos dias de Sodoma. As obras que Eu faço também fareis”.
159 Agora se Deus pode me dizer o que tem sido, a senhora saberá se é verdade ou não. Ele pode me dizer o que a senhora será. E se for verdade, isto também será verdade. Se Ele lhe disser, seja o que for, eu não sei; mas se Ele me disser qual for o seu problema.
160 Também crerá, audiência? [“A congregação: “Amém”.]
161 Eu, na realidade, deveria parar. Aquela vez, aquela pessoa que estava aqui faz pouco, isso deveria confirmar. Jesus fez isso uma vez. Ele não fez nem uma outra vez. Todos em Sicar creram, creram no testemunho da mulher, quando ela foi, contou-lhes, e ela era uma mulher de má fama. Uma cristã acabou de sair da plataforma, diante de todos vocês! Amém. Mas sendo que é mais tarde do que pensamos, que o Senhor continue a provar-Se, o grande, poderoso Conquistador, que a Semente de Abraão… Mas como Abraão, Ele fez isso para Abraão, uma vez; então destruiu e fez de novo. Abraão continuamente creu em Deus.
162 A senhora na está aqui para si mesma. Está aqui por outra pessoa, e é por uma senhora. É a sua irmã. [A irmã diz: “Ó Senhor!” – Ed.] E essa senhora está sombreada para a morte. [“Que coisa!”] E ela está sofrendo de – de diabete. [“Oh!’] E ela não é daqui. [“Não”.] Ela é de um… Ela é de Louisiana, uma região pantanosa. [“Oh, oh, oh!”] Isso… E eis uma outra coisa, para que a audiência saiba disto. A senhora tem uma filha que está muito doente, que tem planos de assistir este encontro, e ela tem epilepsia. [“Oh, oh, oh!”] Isso é verdade. Isso é verdade. Não é? [“Oh!”] A senhora crê agora? [“Sim. Amém.”] Se for Semente de Abraão, aceite e saia, [“Meu Senhor! Meu Senhor!”] e seja curada em Nome de Jesus Cristo.
163 Vocês crêem? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Certamente que sim. Lembrem-se, é a promessa Dele. Ele disse que faria. Ele cumpre Sua promessa.
164 Como está? Somos desconhecidos um do outro. Não a conheço. Mas Deus a conhece. Crê que se Deus puder revelar-me o seu problema, então a senhora saberá que isso tem de vir de algum poder espiritual. [A irmã diz: “Certo”. – Ed.] Agora, só há duas coisas de onde pode vir, isso a senhora poderia imaginar. Quando é executado, é além de explicação, porque é um fenômeno. E, também, é um paradoxo; algo, bem, é irracional, no entanto verdade. Seria um paradoxo. E agora a senhora sabe, se é verdade ou não, a senhora saberá se Ele lhe disse a verdade.
165 Agora, lembre-se, eu não a conheço. Tem que ser Alguém além de mim. Se a senhora fizer como os fariseus, e disseram: “Oh, é um espírito mau”, então a senhora terá essa recompensa. Se crer que é Cristo, terá a recompensa Dele. O motivo de a senhora poder crer é porque Ele prometeu isso para este dia, e nunca aconteceu desde aquele tempo até este. Isso torna este o tempo final.
166 Tem alguém que continua aparecendo diante da senhora, o tempo todo. É um homem, de cabelo grisalho. É o seu marido. [A irmã diz: “Sim”. – Ed.] Sentado bem ali. Ele está tentando aceitar a cura dele, estando sombreado por câncer, tumor, câncer. A senhora tem problema dos rins, problema da bexiga. [“Sim”.] Vocês são o Sr. e a Sra. Little.[“Somos”.] Está certo? [“Sim”.] Creia de todo o coração, e sejam curados.
167 “Você diz o seu, o nome deles?” Ora, certamente que sim. Jesus não disse a Pedro: “Teu nome é Simão, o filho de Jonas?”
168 Aqui está um homem. Somos desconhecidos um do outro, senhor. Não o conheço. Mas o senhor é um homem, como – como Pedro chegou ao Senhor Jesus, nós nos encontramos. Crê que sou servo Dele? Crê que o que eu disse é verdade? [O irmão diz: “Sim, senhor. Creio, senhor”. – Ed.] Se puder crer! [“Sim, senhor”.] Eu, se houvesse alguma coisa que eu pudesse fazer pelo senhor, eu faria, mas não há nada que eu possa fazer. Ele já fez; é apenas algo para conseguir que o senhor creia. E, veja, não sou eu. Se fosse, eu, eu – eu faria tudo o que pudesse pelo senhor. Mas Ele me deu um dom, e apenas descanso diante Dele, e é Ele quem fala. [“Isso mesmo. Sim, senhor”.] Crê nisso? [“Sim”.]
169 Crê nisso, audiência? [A congregação: “Amém”. – Ed.]
170 Eu queria encontrar um homem. O senhor tem várias coisas de errado consigo. Mas uma das coisas é que tem um tumor em seu olho direito. Esse é seu problema principal. Eis outra coisa, uma mulher continua aparecendo aqui. É a sua esposa. Crê que Deus pode me dizer o que há de errado com sua esposa aqui? O problema dela está na boca. São seus dentes. Isso mesmo. Crê que o mesmo Jesus, o Qual sabia quem era Simão Pedro, pode me dizer quem é o senhor? [O irmão diz: “Sim”. – Ed.] Isso faria que cresse grandemente? [“Sim, senhor”.] Faria? [“Sim”.] Oscar Barnes. [“Isso mesmo”.] É isso mesmo? Vá para casa, seja curado.
171 [Espaço em branco na fita – Ed.]… desconhecido seu. Não o conheço, mas Deus, sim, o conhece. Crê que Ele é poderoso para me dizer qual é o seu problema? Creria de todo o coração? O seu problema está em volta da garganta, e em seu peito aqui. É uma – é uma deterioração óssea. Você está ficando com coisas como caroços e nós, dentro da estrutura óssea. Isso mesmo Você não é daqui. Você está em uma – uma cidade que tem laranjais por toda parte. Fica num vale, com uma vista panorâmica de montanhas atrás dela. Tem um hotel chamado Antlers. É São Bernardino. É daí que você É. Volte, Jesus Cristo o cura, se você crê.
172 Só tem uma coisa que pode curar câncer, que é Deus. Você crê que Ele o curará? [O irmão diz: “Creio sim”. – Ed.] Creia”! Vá, e que o Senhor Deus o torne inteiramente são.
173 O motivo de ter estado excepcio-… excessivamente nervoso, realmente contrariado. Por esse nervosismo, o seu estômago está com uma complicação.Você não consegue digerir seu alimento; sobe até à boca. É ácido em toda sua boca. Bem de tardezinha você fica bem cansada e tudo mais. Você tem úlcera péptica no estômago. Crê que é Jesus Cristo que pode dizer-lhe isso? [A irmã diz: “Sim” – Ed.] Vá comer o seu jantar, então. Creia de todo o coração, Jesus Cristo a torna boa.
174 Como vai? Há muitas coisas erradas. Mas uma das coisas que você tem receio é de ficar aleijada com artrite. Mas crê que Deus a curará, a deixará boa disso? [A irmã diz: “Sim” – Ed.]
175 Senhor Jesus, rogo que T concedas isso à minha irmã. Dá a ela sua visão. Tira dela o problema com artrite, em Nome de Jesus. Amém
176 Vá agora, crendo. Ele fará, e tudo estará bem. Não duvide, continue só andando, e creia de todo o coração.
177 Problema de coração é uma coisa terrível, mas Cristo cura o coração. Você crê nisso? [A irmã diz: “Sim”. – Ed.] Vá, creia, e tudo será feito. Está acabado.
178 Você acredita que vai ficar aleijada? Não, eu também acho que não. Meu pensamento, artrite; essa sombra aí, oh, é câncer. [A irmã diz: “Oh, oh!” – Ed.] Crê que Ele curará isso? [“Sim, creio”]. Vá, creia. Ele a tornará sã.
179 Tem incomodado você, por algum tempo, bloqueio no coração. Mas crê que vai acabar, hoje à noite? Vá, creia, Jesus Cristo cura você.
180 A senhora tem tido um probleminha, problema de senhoras, bastante tempo. E então, está, tem dificuldade em se levantar de manhã. Tem dificuldade em mover-se, em seus membros. Mal consegue andar, até mais tarde durante o dia, do tempo. É artrite. Vá, não duvide, não terá mais isso. Somente creia, de todo o coração.
181 Você tem várias coisas, complicações. Mas a coisa que está incomodando-a muito, você também pensa em artrite, que está deixando-a aleijada. Crê que Ele a fará andar e ficar boa? [A irmã diz: “Sim, senhor”. – Ed.] Vá, creia de todo o coração, Jesus Cristo a deixará boa.
182 Problema do coração devido a nervos, e artrite, mas crê que Deus curará você? Crê? Vá, e que o Senhor Jesus cure você.
183 Esse estômago tem mesmo causado muito problema nos últimos anos, não tem? Não causará mais. Vá, creia. Deus abençoe.
184 Você também pode, seu estômago está curado. Vá, creia de todo o coração. Não duvide.
185 Você tem dificuldade em respirar, essa velha asma realmente o deixa abatido. Não deixa? Crê que vai acabar agora? [O irmão diz: “Sim”. – Ed.] Muito bem, vá crer. Amém
186 Aleluia! Vocês crêem de todo o coração? [A congregação regozija – Ed.]
187 Só um momento. Vocês não vêem essa Luz aí? Uma pequena senhora de cor olhando para mim, sentada logo aqui, ela tem um tumor em seu lado esquerdo. Ela tem problema dos rins, complicações. A senhora tinha mais fé. Não precisa subir aqui. Acabou. Somente creia. Amém. Tenha fé em Deus!
Vocês crêem nisso? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.]
188 A senhora crê, irmã, que se recuperará desse problema da espinha, sentada aí? Crê que Ele a curará? Certo. Apenas não duvide, e poderá receber isso se somente crer.
189 O homem senado aqui, olhando para mim, sofre de problema de próstata, levantando à noite e coisa assim. O senhor crê? Isso acabará, então, se crer.
190 Aqui se encontra um homem de cor sentado aqui, olhando pra mim. Ele está sofrendo de epilepsia. Ele também está buscando o batismo do Espírito Santo. Fique de pé, senhor, aceite a sua cura. Que Deus lhe dê o batismo do Espírito Santo. Amém.
191 Sentado bem do outro lado do senhor, tem uma criança sentada aí, que também tem epilepsia, como que acessos de desmaio, sentada aí, do outro lado. Você crê que Deus curará a criança, aí? Você crê de todo o coração? Então Deus curará a criança.
192 Vocês crêem, cada um de vocês? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Ele não é – não é, Ele não é verdadeiramente a Semente Real de Abraão? [“Amém”.] Ele não é o poderoso Conquistador? [“Amém”.] Ele prometeu que você poderia possuir as portas do inimigo? [“Amém”.]
193 Quantos de vocês estão ligados, sentem a pressão do inimigo? Levantem a mão, os que sentem a pressão do inimigo. E são a Semente de Abraão, levantem a mão assim. Digam: “Irmão Branham, nervosismo me incomoda”. Oh, tem mais ou menos oitenta por cento de vocês com isso. Digam, eu… Está tão espessa agora, o povo todo está ficando como uma grande nuvem esbranquiçada, está quase que me cegando, aí onde vocês estão.
194 Vocês não vêem, que aqui vinte ou trinta, talvez, casos, ou mais, aqui mesmo nesta plataforma e aí nessa audiência, que Deus não falha? É Jesus Cristo o mesmo ontem, hoje, e eternamente. Vocês crêem nisso? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Então por que não, cada Semente de Abrão, por que não tomam a chave agora? O grande Conquistador, que conquistou isso por você, está aqui.Ele provou estar aqui. Vocês crêem Nele? [“Amém”.]
195 Então peguem a sua chave da fé, estendam a mão, e digam; “Jesus Cristo, creio para a minha cura, agora mesmo”. Coloquem-se de pé. Levantem a mão, destranquem a fé de vocês agora. “Eu creio, Senhor Jesus. Eu creio agora mesmo”.
196 Agora coloquem as mãos uns sobre os outros. Ponham as mãos um no outro, outra Semente de Abraão. Agora ore por essa pessoa. Coloquem as mãos sobre elas. Jesus disse: “Estes sinais seguirão os que crêem. Se colocarem as mãos sobre os enfermos, eles sararão”.
197 Satanás, você perdeu a batalha. No Nome de Jesus Cristo, saia daqui, e solte estas pessoas, para a glória de Deus.

Deixe seu comentário

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

O PATRIARCA ABRAÃO
07 de fevereiro de 1964
Bakersfield – Califórnia – E.U.A.
Tradução – EUA


1 Livro de Gênesis novamente, capítulo 22, começando com o versículo 15, e esperamos agora falar só um instante e começar a parte da pregação. Gênesis 22, começando com o versículo 15.
Então o anjo do Senhor bradou a Abraão pela segunda vez os céus,
E disse: Por mim mesmo, jurei, diz o Senhor: Porquanto fizeste esta ação, e não me negaste o teu filho, o teu único,
Que deveras te abençoarei, e grandissimamente multiplicarei a tua semente como as estrelas dos céus, e como as areias que estão na praia do mar; e a tua semente possuirá as portas do seu inimigo;
E em tua semente serão benditas todas as nações da terra; porquanto obedeceste à minha voz.
2 Que promessa, por causa de obediência! Obediência é o que Deus quer. Certa vez foi dito que: “Obediência é melhor do que o sacrificar”. Obedecer ao Senhor é melhor do que qualquer sacrifício que você possa fazer.
3 Agora estamos face a um grande texto, hoje á noite, O Patriarca Abraão, que foi chamado “o pai da Fé”, porque Deus lhe fez a promessa de herdar a terra, e a sua Semente. E é através de Abraão que nós, estando mortos em Cristo, nos tornamos Semente de Abraão e somos herdeiros com Ele conforme a promessa.
4 Agora, Abraão foi apenas um homem comum, não tinha nada de especial. Deus não chegou a chamar-lhe, quanto ao que temos em registro, até completar setenta e cinco anos. Sua esposa, que era sua meia-irmã, com sessenta e cinco anos nessa ocasião, eles provavelmente já estavam juntos desde que eram bem jovens. E ela era infértil, não tinha filhos. Deus chamou para uma separação completa, para separar-se do resto do mundo, e de todo o seu povo, e de todos os seus parentes. Havia algo especial para ele fazer.
5 E quando Deus espera você fazer algo especial, Ele exige uma separação completa de qualquer dúvida. Você tem que chegar à obediência completa, a obedecer ao que Ele diz. Deus exige. Você não pode fazer isso de forma diferente. E, agora, Ele sempre dá um exemplo, e esse foi o Seu exemplo, de uma completa separação de toda a sua família, de todos os seus parentes, e assim por diante, para andar com uma vida separada a Deus.
6 Os anos passaram, nada aconteceu, mas ainda assim Abraão ficou firme. Não desanimou. “Ele nunca duvidou das promessas de Deus por incredulidade, mas foi fortificado dando louvor a Deus”.
7 Ano após ano, à medida que passavam, sem dúvida que muitos críticos vinham e diziam: “Abraão, pai das nações, quantos filhos você tem agora?” Isso não o fez duvidar. Sem filho, e Sara havia passado do tempo de vida, de dar à luz, claro, muito depois da menopausa, mas ainda assim Abraão cria em Deus do mesmo modo. Ele fez os preparos para o bebê, porque sabia e estava certíssimo de que Deus não podia fazer uma promessa que não fosse suficiente para sustenta-la.
8 Sua Semente deveria pensar assim mesmo. Independente de quão irreal pareça, quão inatural pareça para a mente natural, entretanto Deus não pode fazer uma promessa que Ele não seja suficiente para cumprir. Cremos nisso mesmo hoje. Toda Semente verdadeira de Abraão crê nisso mesmo. Não importa as circunstâncias, quanto conhecimento acumulamos, quantas coisas têm acontecido, quão inatural seja para a mente natural, quão insensato seja, ou melhor, para a mente natural, não faz nem um pouco de diferença. Se Deus disse que é assim, assim é. E a Semente de Abraão está firmada no ASSIM DIZ O SENHOR. Caso encerrado.
9 Verificamos que, vinte e cinco anos mais tarde, não havia filho. E ainda assim Deus foi fiel em cumprir a Sua promessa a Abraão, pois Abraão creu em Deus. O menininho apareceu em cena, o pequeno Isaque.
10 Então depois do pequeno Isaque aparecer em cena, então verificamos que Deus lhe deu um teste duplo. Ele disse: “Este filho…” Depois de ter agora cento e quinze anos, ou vinte, tinha Abraão. Ele disse: “Quero que leves este, o teu filho único, e o leves até à montanha que Eu te mostrarei, e lá oferece-o, nessa montanha, como sacrifício”. Em outras palavras, destruir toda evidência que ele tinha de que a promessa se cumpriria. Isso é tirar todas as coisas naturais.
11 E Abraão disse: “Eu o recebi como se tivesse ressuscitado. E estou certíssimo que Ele é poderoso para ressuscita-lo dos mortos”.
12 Assim é com os que agora são a Semente de Abraão, porque Ele nos ressuscitou dos mortos. Estávamos mortos em pecados e ofensas. E Aquele que foi poderoso para mudar a minha mente, mudar meus pensamentos, mudar minha natureza, mudar-me completamente, Ele pode fazer o que Lhe agrada. O que Ele disser, eu creio que é a Verdade, e toda Semente de Abraão crê nisso mesmo.
13 Abraão, não desobediente a Deus, pegou o rapazinho. E nessa manhã, disse aos servos: “Espere, aqui com as mulas. E o filho e eu iremos além para adorarmos, e eu e ele voltaremos”. Oh, como vai ele fazer isso? Quando ele sobe ao topo da montanha, para tirar a vida do seu próprio filho, entretanto ele diz: “O filho, o rapaz e eu voltaremos”. Ele sabia que algo tinha de acontecer. E ele não sabia exatamente como Deus ia fazer aquilo; não era essa a questão. Ele sabia que Deus tinha prometido.
14 É só isso o que nos importamos em saber, que Deus prometeu! Como será? Não posso lhe dizer. Mas Deus disse que sim! Ele enviaria Jesus Cristo, pela segunda vez, Ele virá em forma física. Ele declarará posse dos que são Seus. Haverá mil anos, um reino milenar sobre esta terra, com Ele, com os redimidos. É isso o que Ele prometeu, e esperamos a chegada dessa hora.
15 Ele prometeu curar os doentes, ressuscitar os mortos, expulsar demônios. Ele prometeu fazer isso. Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Como? Não sei. Ele prometeu faze-lo! Nós cremos; assunto encerrado. Quando uma pessoa crê em Deus, ela crê em tudo o que Ele diz.
16 E é assim que Abraão creu em Deus. Agora, ele recebeu o pedido de destruir toda evidência que a promessa Dele seria cumprida, mas ele estava certo de que Deus podia faze-lo.
17 Agora, não somente Ele deu esta grande promessa, mas também a deu à sua Semente. E porque Abraão foi fiel, e guardou a – a Palavra de Deus que Deus lhe prometeu, e sabia que Deus podia ressuscitar este filho. E ele não poupou seu próprio filho; mas (Deus) foi um tipo de Deus entregando Seu Filho, claro; enquanto ele subia a montanha carregando a lenha, e assim por diante; como Cristo mais adiante carregou Seu Próprio bloco para sacrifício, morro acima, para onde Ele foi crucificado.
18 Nós entendemos que nisto, ao fazer isto, isso agradou muito a Deus ver que Abraão O amou acima de qualquer coisa na terra, até o seu próprio filho. Ele O amava acima do que qualquer pessoa pudesse dizer, do que qualquer pessoa pudesse fazer, ainda assim ele amava Deus bastante para crer em Sua Palavra.
19 Todos da Semente de Abraão crêem em Deus assim. Eles estão crendo em Deus. E sabemos que isso agradou tanto a Deus que foi isto o que Ele disse: “A tua Semente possuirá as portas de seu inimigo. A tua Semente possuirá as portas de seu inimigo”. Lembre-se, isso foi o ASSIM DIZ O SENHOR. A Semente de Abraão crê nisso. Se você for Semente genuína de Abraão, a fé que Abraão tinha em Deus, está em você. E você crê que, aquilo que Deus disse, Deus cumpre a Sua promessa.
20 E Ele disse, agora lembre-se, Ele somente fez esta promessa a Abraão depois de ter-lhe dado um teste. A Semente de Abraão deve primeiro ser testada, para ver se realmente crê na Palavra. Lembre-se, a única maneira de poder guardar a promessa de Deus, porque ele cria na promessa de Deus, e foi testado para ver se ele cria Nela ou não.
21 Nós somos levados a esse teste. A Semente de Abraão, hoje, é levada a esse teste. Aceitaremos a Palavra de Deus, ou aceitaremos o que o homem disse a respeito Dela? Tomaremos o que alguma organização criou como credo, e aceitaremos isso, ou tomaremos o que Deus disse? Se a Palavra de Deus é verdade, nós cremos na Palavra de Deus, independente do que qualquer outra coisa seja. Deixamos que a palavra de todo homem seja mentira, e que a de Deus seja a Verdade. A verdadeira Semente de Abraão! Mas antes de você se tornar aquela verdadeira Semente, você tem que passar pelo teste, como o próprio Abraão passou. Ele prometeu não somente a Abraão, mas que a Semente dele possuiria as portas dos inimigos. Oh, que coisa!
22 Imagine só, o patriarca estava certíssimo nisso, no seu teste da promessa da Palavra de Deus, que estava certa. Independente de quais fossem as circunstâncias, mesmo assim ele creu que a Palavra estava certa. Abraão, o grande patriarca, não duvidou, quando ele chegou àquela hora do teste. Ele creu que Deus era poderoso para ressucitá-lo dos mortos. Ele creu nisso, porque Deus tinha feito a promessa. E quando Deus fez a promessa de que ele seria “o pai de nações”, e, ele creu que foi isso. Ele não sabia como seria. Quando o bebê chegou, depois de ter confiado, vinte e cinco anos, então ele recebeu o pedido de destruir o menino, mesmo assim ele sabia que a promessa de Deus era verdadeira, entregou seu filho.
23 É a mesma coisa com a Semente dele! A promessa de Deus é o selo, para os que são a Semente de Abraão. A promessa é um selo, uma testemunha assinalada. E quando cremos em toda Palavra prometida, então o selo nos é dado, para por isso confirmar a promessa. Veja, se nós – se nós, sendo a Semente de Abraão, nós passamos pelo teste para ver se vamos crer na Bíblia, ou não. A Bíblia é a Palavra de Deus, porque Ela é Deus. E então, depois você passou pelo teste, para crer.
24 Quando alguns dizem: “Os dias dos milagres já passaram”. Se você aceitar isso, isso está contrário à Palavra.
25 Se você diz: “Não se recebe o Espírito Santo, hoje. Não existe tal coisa. Só os doze apóstolos O receberam”.
26 A Palavra disse, Pedro pregando-A no Dia de Pentecostes, ele disse: “Arrependei-vos, cada um de vós, e sede batizados no Nome de Jesus Cristo para o perdão dos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo. Pois a promessa é para vós, e para vossos filhos, e para todos que estão distantes, a tantos quantos o Senhor nosso Deus chamar”.
27 É exatamente isso o que Ela quer dizer. É, agora se você estiver pronto para fazer o teste, o teste de ácido de Deus, e segue essa receita que estou lhe dizendo, você descobrirá que Deus cumpre a Sua Palavra, se você crer Nela. Isso mesmo. Mas você tem que passar por isso, porque esse é o selo; quando você puder receber Isso, então você receberá a promessa. Porque Ela é a receita de Deus, o modo que deveríamos fazer, e é assim que temos que segui-La, justamente oque Ele disse. Agora não é só para alguns, mas para “todo aquele”, todo aquele que crê, todo aquele que se arrepende, todo aquele que crê. É para todas as gerações, para todos os povos, todo aquele que quer crer Nela. E fé na Palavra de Deus traz você até esta promessa. Então, e só então, você pode ter poder para possuir o selo da promessa.
28 E a promessa que nós recebemos, o selo, é o batismo do Espírito Santo. Isso mesmo. Pois isso é Deus em forma de Espírito, você sendo a Palavra Dele dentro de você, então Ele entra. Se você receber a Palavra dentro de você, o Espírito Santo é a única coisa que pode fazer isso viver, e então você tem a promessa de possuir a porta de todo inimigo que tente ataca-lo. Isso mesmo. Deus prometeu, e assim é.
29 Agora, lembre-se, você só pode fazer isso então, e só então, depois de ser testado pela Palavra.
30 Abraão foi testado pela Palavra. “Você crê, Abraão, que terá o filho?”
“Sim”.
31 O filho veio. “Agora destrua-o. Você ainda crê, Abraão?”
32 “Creio, ainda, pois Tu és poderoso para ressuscita-lo dos mortos”.
33 E depois disso, Ele disse: “Agora, a sua Semente possuirá a porta do seu inimigo”. Amém! Depois do teste vir!
34 Vamos verificar alguns da semente de Abraão, na semente natural. O que, nós somos hoje a Semente espiritual. Mas vamos encontrar, pela semente natural, alguns dos que creram na promessa completa de Deus, e nunca que-… [Espaço em branco na fita – Ed.]
35 Eu disse: “Aliás, para que uma moça cristã quer mostrar a sua anágua? Não consigo entender isso”.
36 Você nasceu de novo, de Deus, você tem a beleza do Espírito Santo para mostrar que o que você é, você é. Você tem virtude que estas mulheres de saia escandalosa não têm. Isso mesmo. Uma verdadeira mulher de Deus, que se destaca com virtude; talvez riam-se de você, e chamam-lhe de antiquada, mas você tem algo que elas não conseguem alcançar, e já perderam e que nunca conseguirão ter novamente. Isso mesmo. Você tem virtude. É isso o que Deus busca, é virtude. Está vendo?
37 Mas em primeiro lugar, se houver dúvida em sua mente, não faça isso, de modo algum. Não venha à fila de oração se houver dúvida em sua mente. Não venha, a menos que você creia mesmo, enfaticamente, que não haja uma oscilação em sua mente, de modo nenhum, mas que você vai ser curado, então você sairá uma pessoa sã desta plataforma. Isso mesmo, quando de jeito nenhum houver dúvida em sua mente. É necessário você crer em Deus, não fazer que crê. Realmente crer!
38 E a Semente de Abraão crê porque a Palavra disse que é assim, e é por isso que nós cremos. Não porque alguém criticou, porque alguém disse que sim. Porque Deus disse que sim, isso torna o que foi dito a Verdade. Quando Deus diz, isso encerra todas as dúvidas. Ele é a última palavra. Ele é o último. Quando Deus diz alguma coisa, está acabado. Não há nada que possa falar contra Isso. “Seja a palavra de todo homem mentira, e seja a Minha Verdade”.
39 Agora enquanto verificamos algumas destas sementes, pensemos. Pensamos nos filhos hebraicos, eu tenho aqui, pensando nisso, nos filhos hebraicos, depois de terem sido testados contra adoração de imagem. Agora, lembre-se, o rei disse: “Todo aquele que não se inclinar à esta imagem, será lançado na fornalha ardente”. Agora, estes filhos criam que a Palavra de Deus era certa, que não deveriam adorar nenhum tipo de imagem, mas quando eles chegaram à hora de mostrar isso, e foram testados para ver se adorariam.
40 Quando, todo o resto dos filhos lá recebeu e foi adorar – eles foram exatamente do modo que o rei disse. Eles acompanharam o modo popular de pensar daquele dia, de que deveriam adorar.
41 E quando foram testados, para ver se adorariam imagens e transgrediriam a Palavra de Deus, eles permaneceram fiéis à Palavra. Independente das circunstâncias, eles permaneceram fiéis à Palavra. E quando os lançaram na fornalha ardente, a promessa de Deus cumpriu-se. Eles possuíram as portas do inimigo deles. E houve um quarto Homem que Se encontrava ali, com uma chave que destrancou o calor do fogo, e isso não podia fazer outra coisa senão coloca-los em liberdade. Amém.
42 Quando um homem, ou uma mulher estão prontos para fazerem o teste, o teste de ácido!
43 Veja você, eles tiveram que entrar no fogo. E então quando entraram, estavam no fogo, e a única coisa que aconteceu, este teste de fogo apenas destrancou, tirou as – as ataduras de suas mãos.
44 Muitas vezes, Deus nos deixa, quando nos amarramos todos com o mundo, amarrados, Ele deixa os testes de fogo virem sobre nós, onde temos que tomar uma decisão. E quando tomamos, a única coisa que o teste pode fazer, quando uma verdadeira Semente de Abraão encontra-se na – na encruzilhada da decisão, e toma a decisão de servir a Deus, só pode soltar as ataduras e nos libertar. Talvez Satanás lhe dê uma doença. Talvez ele lhe dê uma coisa, outra. Como você sabe que não é Deus que pôs você na encruzilhada, para ver que tipo de – de – de decisão você tomará?
45 Eles possuíram a porta do fogo. O fogo não podia queima-los. Nem ao menos havia cheiro de fogo sobre eles, porque sabiam que eram a Semente de Abraão, e tomaram uma posição por Deus e Sua Palavra. Eles possuíram as – as portas do inimigo, e o fogo não pôde queima-los, porque possuíram as portas.
46 Mais para frente houve um homem, um profeta lá, chamado Daniel. Ele…foi testado para ver se serviria um verdadeiro Deus, ou não. E quando chegou essa hora, para ver se ele serviria um só verdadeiro Deus, ou adoraria um deus pagão, ele recusou faze-lo; e levantava a persiana, e orava ao seu Deus, todos os dias. E por isso ele foi levado, sob pena das leis federais, e foi lançado na toca de leões. Um bando de leões faminto rugiu atrás dele. O que ele fez? Ele possuiu a porta do seu inimigo. Os leões não puderam come-lo. Deus enviou uma Coluna de Fogo, um Anjo que se pôs entre ele e o leão.
47 Ele possui a porta do inimigo, porque foi testado para ver se adoraria um só Deus verdadeiro, ou teria uma dúzia de deuses pagãos que ele adoraria. Então ele suportou o teste, e possuiu a porta do inimigo. O leão nem conseguiu toca-lo, porque Deus estava com ele. A Promessa de Deus permaneceu verdadeira, pois ele era Semente verdadeira de Abraão.
48 Moisés, oh, outro grande homem. Ele foi testado também, para ver a promessa que Deus lhe deu. “Estarei contigo quando fores para lá”. E quando ele se encontrava diante dos imitadores do seu dom, Janes e Jambres tentaram se levantar e imitar aquilo mesmo que Moisés recebeu ordem de fazer. E Deus o havia chamado, e ele sabia que era o homem que tinha sido comissionado a fazer aquilo, e ele ficou de pé lá e realizou o milagre como Deus lhe disse para fazer. E aqui se encontravam os imitadores, para fazerem a mesma coisa, mas isso não incomodou Moisés. Ele ficou fiel à Palavra de Deus, e possuiu as portas, amém, do inimigo, porque ele ficou fiel à promessa de Deus, não importava quem estivesse tentando imitar aquilo.
49 Que lição isso é para todo cristão! Quando você olha e vê um hipócrita, apenas lembre-se que ele está tentando imitar um artigo genuíno. Mas, isso só significa que existe um que é genuíno. Fique fiel à Palavra de Deus! Não importa o que aconteça, guarde a promessa Dele. Sim, Daniel ficou fiel à Palavra de Deus.
50 Não importava quantos tentassem imita-lo, e tudo mais, ele ficou fiel. E ele veio com um propósito: para tirar Israel do Egito, e leva-los para a terra prometida. E quando chegou a hora deles irem para a terra prometida, do Egito, eis que na frente se encontrava o Mar Morto. E ele possuiu as portas da água, e as portas se abriram. E as – as águas se afastaram, e Moisés levou Israel para o deserto, para a montanha onde Deus o comissionou a traze-los. Amém. Ele possuiu as portas do inimigo.
51 O pai dele, Abraão tinha recebido a promessa, de que a sua verdadeira Semente possuiria a porta do inimigo. E as portas da água fecharam-se, e ele não pôde atravessar, e esse era o caminho para cumprir o dever. Era para ele levar aqueles filhos até aquela montanha. Deus lhe disse para faze-lo. E lá se encontrava a porta na frente, e ele possuiu a porta do inimigo.
52 Josué, um pouco mais para frente, quando eles chegaram a Cades-Barnéia, que era o trono de julgamento daquele mundo naquele tempo, ali Israel encontrou seu julgamento. Encontramos Josué com Calebe, e mais 12…ou – ou mais dez. Um de cada tribo foi enviado para espiar a terra que estavam para receber.
53 E quando viram aqueles grandes gigantes que se encontravam lá, dez deles sentiram-se tão abatidos que disseram: “Não conseguiremos toma-la. É demais. Ora, vejam a oposição que temos”. Mas quando retornaram para trazer a notícia, eles trouxeram má notícia.
54 Por que trariam má notícia, se Deus lhes disse: “Eu vos dei essa terra; é vossa?” Ele lhes disse isso no Egito. “Eu vos dei essa terra. É terra boa. Ela mana leite e mel”.
55 Mas quando viram a enorme oposição, dez deles voltaram e disseram: “Não conseguiremos toma-la”.
56 Foi Josué que acalmou o povo, e disse: “Somos mais do que capazes de possuí-la. Somos mais do que capazes!” Por causa do quê? Ele estava olhando para a promessa. Ele era uma verdadeira Semente de Abraão. Independente de qual fosse a oposição: “Poderemos possuir a porta, porque Deus prometeu a terra”. E ele possuiu a porta.
57 Mais adiante, quando ele trouxe os filhos de Israel até o rio. Lá se encontrava, no mês de abril, o grande rio, se avolumando. O Jordão descendo das montanhas, e tinha se alastrado pelas planícies. Parecia a pior ocasião, do ano, para ele estar lá. No entanto, ele era Semente de Abraão. Ele sabia que tinha uma promessa, e estava cumprindo seu dever. Deus lhe deu uma visão, de como fazer aquilo, e ele possuiu as portas do rio. Quando as portas se abriram, a água reteve-se até às montanhas. E Josué e Israel possuíram as portas do inimigo, e atravessaram para a terra prometida, porque Deus lhes disse para faze-lo. A verdadeira Semente de Abraão!
58 Irmãos e irmãs, quando ele chegou lá, Jericó era toda murada, tão alto que três charretes podiam percorrer o topo. Como poderiam estes israelitas toma-la com espadas emprestadas, encontradas, e tudo mais, e paus e pedras, como iam entrar lá? Mas ele ainda era a Semente de Abraão. Deus lhe deu uma visão, disse-lhe como fazer aquilo, disse: “Toquem uma trombeta”. Amém. É isso. “Gritem, marchem até a muralha, as portas cairão diante de vocês”. Amém! Ele era uma Semente real de Abraão. Ele era um verdadeiro crente de Deus. “As portas cairão diante de vocês. Apenas gritem, e toquem a trombeta. É só isso o que têm de fazer”. E o que aconteceu? As portas caíram, e Josué tomou a cidade.
59 Um pouco mais para frente, nós verificamos que o inimigo estava se dispersando e continuamente, depois disso, e Ele até mesmo parou o sol no próprio lugar. Como falei o outro dia de manhã, sobre o Paradoxo, Ele parou o sol até que ele possuísse as portas do seu inimigo. Amém. Ele sabia que se aquele inimigo se ajuntasse, eles estavam espalhados, e o sol estava se pondo, e os amorreus, e os amalequitas, e assim por diante, estavam todos espalhados. Se eles chegassem a se reunir, e se unissem, então ele teria dificuldade em faze-los dispersar de novo.E havia apenas uma coisa que prolongava, que era o tempo. E Ele parou o tempo. Amém! Amém! Havia uma coisa que não o deixava alcançar a promessa, que era o sol, a própria natureza cruzando acima, e Ele parou a natureza. Porquê? Ele era uma Semente de Abraão. Ele cria na promessa de Deus. Ele o parou, e possuiu as portas. Sim, senhor.
60 Estes grandes homens, todos eles eram grandes homens. Mas sabe que quando eles, cada um deles, quando chegaram à porta da morte, todos eles morreram. Cada um deles teve de morrer. Porque eles eram grandes homens: “Eles fecharam a – a boca dos leões, e escaparam do fogo, e do fio da espada”, e assim por diante, como nos foi dito em Hebreus 11. E eles possuíram as portas do inimigo, todos os inimigos menos um, e tal foi a morte. A morte engoliu cada um deles
61 Então, um dia veio a Semente Real de Abraão, Jesus Cristo, o Filho de Deus; Semente de Abraão, por fé. Não através de Isaque, a semente natural; eles fizeram a sua parte. Mas eis que veio Um o Qual não teve nascimento natural. Eis que veio Um que não chegou por desejo sexual. Eis que veio Um por nascimento virginal. O Filho de Deus, a Semente de Abraão, que grande Homem foi esse! Outros naturais todos nasceram por nascimento natural. Este Homem nasceu por nascimento virginal. O que Ele fez quando veio à terra? Ele conquistou todo inimigo que Satanás tinha. Ele conquistou tudo.
62 O que Ele fez? Ele saiu e conquistou a enfermidade. Não podia haver enfermidade perto Dele; em qualquer lugar que a enfermidade esteve, Ele a conquistou. O que Ele fez depois que a conquistou? Ele nos deu as chaves, amém, dizendo: “Tudo o que ligares na terra, Eu ligarei no Céu”. Oh! Amém! Essa é a Semente Real de Abraão, a Promessa Dele. O Espírito Santo em nós agora, com as chaves, pondo isso na enfermidade. Ele conquistou a enfermidade. A enfermidade não pode permanecer na Presença Dele. E Ele disse que nos deu as chaves para fazermos a mesma coisa, conquistar a enfermidade. “Tudo o que ligares na terra, Eu ligarei no Céu”.
63 Também, tentação, Ele foi tentado de todas as maneiras como nós. O que Ele fez? Ele conquistou isso. E o que Ele disse para nós? “Resisti ao diabo, e ele fugirá de vós”. Ele conquistou a enfermidade para nós. Ele conquistou a tentação para nós, rebentou as portas; tomou a chave do tentador, e a entregou ao crente, da Semente de Abraão, e disse: “Se ele vos tentar, resisti a ele, e ele fugirá de vós”. Oh, que coisa! Resisti a ele!
64 Ele conquistou tanto a morte como o inferno. Ele ressuscitou no terceiro dia, dizendo: “Eu venci. E porque Eu vivo, vós também viveis”. Oh, que promessa! Ela é para a Semente de Abraão. Ele conquistou a sepultura, ressuscitou no terceiro dia, para a nossa justificação. Quando Ele ressuscitou, Ele foi a nossa justificação. Isso nos torna o quê? Ele conquistou a enfermidade. Ele conquistou a morte. Ele conquistou o inferno. Ele conquistou a sepultura. Ele conquistou a tentação. Oh!
65 “Agora somos mais do que vencedores por Aquele que nos amou, e entregou a Sua vida”, sendo a Semente Real de Abraão. Com o mesmo Espírito de Deus em nós, que estava Nele, somos mais do que vencedores. Toda porta já foi conquistada para nós. A única coisa que temos de fazer é tomar posse dela. Já está conquistada. A enfermidade está conquistada. A morte está conquistada. O inferno está conquistado. A sepultura está conquistada. Tudo está conquistado, e seguramos as chaves, pela Sua graça. Você tem medo de coloca-las na fechadura, e dizer: “Eu venho no Nome de Jesus Cristo?” “Pedi ao Pai qualquer coisa em Meu Nome”. Eu O amo.
66 Depois de dois mil anos passarem, dois mil anos, e Ele ainda está aqui em nosso meio, o poderoso Conquistador que rasgou o véu em dois, que levou toda enfermidade, toda doença, tudo, sobre Ele mesmo, e carregou as nossas enfermidades à cruz, e a nossa enfermidade e as nossas doenças, e triunfou sobre elas, e ressuscitou para a nossa justificação, e encontra-Se vivo depois de dois mil anos, para manifestar-Se como um Jesus Cristo vivo, entre a Semente real de Abraão que é herdeira de todas as coisas. Oh, que coisa! Aqueles que depois, que passam pelo teste, a promessa da Palavra! Se você pode crer na Palavra, então você também é a Semente de Abraão. É assim que você chega a Ela.
67 Se você não pode suportar esse teste da Palavra, então se você duvidar Dela, um pouco suspeito Dela, você mal consegue recebe-La, tem uma coisa ou outra que você não consegue crer Nela, então não venha na fila de oração. Eu nem chegaria perto do altar, até conseguir bastante graça para saber que a Palavra de Deus é verdadeira.
68 E quando você chegar a atravessar esse véu de incredulidade, então você estará com as chaves nas suas mãos, da morte, do inferno, e da sepultura, porque você tem um Conquistador o Qual conquistou por você. Então você tem Hebreus 13:8, que nos diz: “Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje, e eternamente”. Como podemos fazer isso?
69 As pessoas hoje dizem: “Oh, pois, vou lhe dizer uma coisa, Ele num – de certo modo, Ele é”.
“Ele é o mesmo”, a Bíblia disse.
“Oh, pois, hoje Ele não faz do mesmo modo que fazia”.
70 Encontramos isso agora mesmo, quando vemos a Sua Palavra vindicada. O que causa isso? Lança-A de volta bem no colo deles de novo. Amém.
71 A Semente verdadeira de Abraão crê Nela. Eles A conhecem. E Ele permanece, hoje à noite, do modo que Se encontrou com Abraão lá nos dias de Ló e realizou aquele milagre, como Ele fez ao contar para Sara o que ela disse atrás Dele. Jesus prometeu, a Semente Real de Abraão, que a Igreja veria essa mesma coisa pouco antes da Sua Vinda. O que é isso? Tem que acontecer. Deus prometeu. Jesus Cristo confirmou e disse que seria assim, e aqui estamos hoje, depois de dois mil anos, nós O vemos em nosso meio, ainda o poderoso Conquistador! Ele conquistou a morte, o inferno, a sepultura, toda superstição; levou a Palavra…?…ela. Sim.
72 Ele disse: “Se vós estiverdes em Mim, e Minhas Palavras em vós, pedireis tudo o que quiseres e vos será dado”. O que foi isso? A Palavra, Cristo, o Qual está em seu coração. “Se estiverdes em Mim, Minhas Palavras estiverem em vós, então conquistastes tudo porque Eu conquistei, por vós. Se vós estiverdes em Mim, se podeis Me entender, se podeis estar em Mim. Aquele que crê em Mim, que Me recebe; não apenas manufaturar, mas que pode receber. Aquele que ouve as Minhas Palavras, entende as Minhas Palavras, e crê Naquele que Me enviou, tem Vida eterna; e não entrará em tentação, ou condenação, mas passou da morte pra a Vida”. Aí está Ele, o poderoso Conquistador!
73 Aqui está Ele hoje, o mesmo ontem, hoje, e eternamente. Aqui está Ele agindo diante da Semente de Abraão, que foi chamada da Babilônia, chamada de Sodoma, chamada do mundo, e separada, mostrando a Sua promessa exata e completamente. Depois de dois mil anos, aqui está Ele em nosso meio, hoje à noite, aquele poderoso Conquistador, a Palavra de Deus, a Qual pode discernir os pensamentos que estão no coração, e os intentos dele. O que é isso? “A Tua Semente possuirá as portas do seu inimigo”. O que é isso? É a Semente de Abraão, a Semente real, crendo na Palavra. E a Palavra é – a Palavra é Deus.
74 Agora quando vemos isto, podemos clamar com eles, como o poeta de antigamente.
Vivendo, Ele me amou; morrendo, Ele me salvou;
Sepultado, Ele levou meus pecados para longe;
Ressuscitando, Ele justificou de graça para sempre;
Algum dia Ele voltará, ó que dia glorioso!
75 Alguém disse: “Você está envelhecendo, rapaz”. Não posso evitar isso.
76 Tenho vivido desde que era menino, a única realização que tenho tido é ver a Vinda de Jesus Cristo. Entreguei a minha vida para esse propósito. Ainda estou no púlpito, como velho, creio na mesma História, e a maior coisa em que posso pensar é ver Jesus Cristo vindo dos céus para receber os Seus. Deus, então meu… Não é para menos que possamos cantar:
Salve o poder do Nome de Jesus!
Caiam os Anjos prostrados;
Trazei o diadema real,
E O coroai como Senhor de todos.

77 Por que? Ele é o poderoso Conquistador. Se você estiver Nele, você está na Palavra. Ele disse: “Se estiverdes em Mim, pedi tudo o que quereis”. “Tudo o que quereis”, pois toda porta já foi conquistada. Então podemos dizer;
Pois cada promessa do Livro é minha,
Cada capítulo, versículo, e linha;
Confiando estou em Sua Palavra divina,
Pois cada promessa do Livro é minha.
78 Amigos, vocês entendem o que isso significa? Toda promessa que Deus fez a Abraão, toda promessa que foi proferida pelos profetas, toda promessa que Jesus Cristo prometeu para este dia, Ele está aqui para confirmá-la e mostrar que Ele vive para todo o sempre. “A tua Semente possuirá a porta do inimigo”.
79 Quando chega a hora da morte. Você diz; “O que tem isso?’ Ainda assim você tem a Posse que Paulo disse: “Ó sepultura, onde está a tua vitória? Ó morte, onde está o teu aguilhão? Mas graças a Deus, o Qual nos dá a vitória através daquele poderoso Conquistador, Jesus Cristo”. Oh!
Caiam os Anjos prostrados;
Trazei o diadema real,
E O coroai como Senhor de todos.
80 Hoje à noite, depois de dois mil anos, nos levantamos para ainda O vermos, o Poderoso Conquistador, o Qual rasgou o véu que nos separava de qualquer promessa de Deus, e somos mais do que vencedores Nele.
Oremos.
81 Pai Celestial, enquanto estamos de pé aqui, hoje à noite, na Presença do Espírito Santo, aquela grande Pessoa de Jesus Cristo em forma de Espírito, a Qual foi prometida vir sobre a Semente de Abraão, a Semente real. Rogamos, ó Deus, que se houver um homem ou uma mulher, um mocinho ou uma mocinha, aqui dentro, que não Te conhece; eles têm dúvida ou frustrações na mente deles, a respeito da Palavra de Deus, se Ela é a Verdade ou não. Ó grande Deus, o Qual fez a promessa, vem hoje à noite! Há uma grande promessa que Tu fizeste, Senhor; Tu podes cumprir essa promessa, Tu disseste: “Aquele que crer em Mim, as obras que Eu faço ele também fará; maiores do que estas fará, pois Eu vou para o Pai”. Deus, Pai, rogamos que Tu confirmes a Tua Palavra.
82 Há muitos dos filhos de Abraão aqui hoje à noite, que estão doentes. Oh, o diabo os reteve na porta; foram colocados dentro, e as chaves foram viradas, e disseram: “Agora você deve morrer; você está com problema de coração. Você está com isto, aquilo, ou aquilo mais, e deve morrer”.
83 Ó Deus, que a trombeta do jubileu soe, hoje á noite, do Evangelho, para todo escravo poder sair livre! Jesus Cristo conquistou essas portas. Seguramos as chaves em nossas mãos. Oh! “Em Meu Nome expulsarão demônios. Se pedirdes alguma coisa em Meu Nome, Eu o farei. Aquele que crê em Mim, as obras que Eu faço ele também fará. A Palavra de Deus é mais afiada e mais eficaz do que espada de dois gumes, cortando até a divisão e as medulas, e é apta para discernir os pensamentos que estão no coração”.
84 “E como aconteceu nos dias de Noé, assim será na vinda do Filho do homem, pois comiam, bebiam, casavam, davam-se em casamento; grandes programas de construção”. E observamos o mundo: “Haverá sinais, coisas espantosas acima no céu (isso são discos voadores), terremotos em diversos lugares, o mar rugindo (ondas gigantescas), os homens desmaiando (de temor), atrito entre as nações, perplexidade do tempo”.
85 “E como foi nos dias de Ló, assim será na vinda do Filho do homem”. Ó Deus, vem hoje à noite e executa a Tua Palavra, vem hoje à noite e honra a fé dos filhos de Abraão. Através do Nome de Jesus Cristo pedimos. Amém.
86 O Senhor abençoe vocês, ricamente. Não vou fazer apelo para virem ao altar neste momento. Vou deixar por conta de vocês. Eu acho que, muitas vezes, o apelo para virem ao altar… Eu creio com eles. “Mas todos quantos receberam, foram batizados”. É isso: “Todos quantos O receberam”. Vamos orar pelos enfermos.
87 Eu poderia falar aqui a noite toda. Vocês são uma bela audiência. Mas o que eu digo é só como homem; mas se eu falar as Palavras Dele, então as palavras não são minhas, são Palavras Dele. Se eu disser alguma coisa, e Deus não sustentar isso, então foi a minha palavra. Se eu disser a Palavra Dele, e Ele sustenta-La, quem é aquele pecaminoso homem ou mulher, moço ou moça, que se afastará e dirá que Ela não é assim?
88 Jesus, disse quando Ele fez aquelas coisas, que disseram: “Este Homem é um adivinho. Ele é um demônio!” Um adivinho, qualquer um sabe que adivinhação é do diabo. Ele disse: “Ele é um adivinho”. Mas você já viu um adivinho pregar o Evangelho? Você já viu adivinho expulsar demônios? Não, com certeza que não o fazem.
89 Ele disse: “Agora, Eu, o Filho do homem, vos perdôo isso. Mas quando o Espírito Santo vier, nunca será perdoado o falar contra Ele, nem neste mundo nem no mundo por vir, porque isso é chamar a obra de Deus de espírito imundo”.
90 Deus seja misericordioso para conosco, esta noite, e é a minha oração que Deus desça e confirme esta Palavra diante de vocês.
91 Irmão, irmã, esta é a minha alma. Eu tenho que me encontrar com Deus. Sou responsável pelo que digo a vocês. Deus me terá como responsável por isso. Isso mesmo. De que me adiantaria ficar aqui e dizer estas coisas se eu soubesse que estaria condenando a minha alma para o inferno?
92 “Há caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele, são os caminhos de morte”. Deus não necessita de nenhum intérprete. Como eu disse, Ele interpreta a Sua Própria Palavra.
93 “A Semente de Abraão possuirá a porta do inimigo”. Você crê nisso? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.]
94 Se eu pudesse cura-lo, eu faria isso. Cristo curou você. A única coisa: você está com a chave na mão. Essa chave é a sua fé, para apoderar-se disso. Não quer destrancar, esta noite? Enquanto Ele vem em nosso meio, aquele Poderoso Conquistador que conquistou toda doença, e vem aqui e mostra-lhe que Ele já vez isso, pois Ele ainda é a Palavra. “E a Palavra é apta para discernir os pensamentos que estão no coração”.
95 Que cartão de oração? B, um a… De onde começamos outro dia de noite? [Alguém diz: “Um”. – Ed.] Vamos começar a partir de cinqüenta. Quem está com o cartão de oração B, cinqüenta? Levante a mão. Cartão de oração B. Começamos a partir de um, o outro dia de noite, agora vamos começar a partir de cinqüenta, esta noite.
96 Quem está com B, B, cinqüenta? Levante a mão. Cartão de oração B, cinqüenta. Quer dizer que não está aqui? Você está com ele? Muito bem, B, cinqüenta. B, cinqüenta e um, quem está com esse? B, cinqüenta e um, muito bem. B, cinqüenta e dois, quem está com B, cinqüenta e dois? Muito bem, você está com ele. B, cinqüenta e três, cinqüenta e quatro, venha para cá. Cinqüenta e quatro cinqüenta e cinco.
97 Meu filho vem aqui pouco antes de eu entrar, e mistura uma porção de cartões. E está vendo como estão, um aqui e um ali? Eles não sabem. Você poderá vir nesta fileira aqui e pegar o um, o próximo pegar o dez, o outro pegar o vinte e cinco. Não sabemos onde estão, mas qualquer o lugar que estejam.
98 Agora quantos chamamos? Cinco quatro? B, cinqüenta. Foi B, cinqüenta, não foi? [Alguém diz: “Sim”. – Ed.] B, cinqüenta a cinqüenta e cinco. Cinqüenta e seis, cinqüenta e sete, cinqüenta e oito, cinqüenta e nove, sessenta. Agora vejamos, um dois… Conte-os, Billy, e nós… Sessenta, setenta, que eles se levantem primeiro, por gentileza. B, cinqüenta a setenta, setenta e cinco. Conte-os, irmão Roy, por gentileza, enquanto falo com a audiência.
99 Quantos aí agora, enquanto olham nesta direção, e não têm cartão de oração?
100 Lembre-se, Jesus disse: “As obras que Eu faço vós também as fareis”. Isso é verdade? [A congregação: “Amém”. – Ed.] É verdade. Vocês crêem nisso? [“Amém”.] A Semente de Abraão disse que sim.
101 A Bíblia diz que: “Ele é o Sumo Sacerdote”. Hebreus capítulo 4: “Ele é o Sumo Sacerdote que pode compadecer-se das nossas fraquezas”. Vocês crêem nisso? [A congregação: “Amém”. – Ed.] Se Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, como Ele se compadeceria?
102 Há uma pequena mulher, na Bíblia, enquanto vocês prestam atenção no que estou dizendo. Uma pequena mulher, na Bíblia, talvez ela não tivesse cartão de oração; mas ela disse em seu coração: “Se eu conseguir tocar aquele Homem, eu creio Nele”. Ela havia gastado tudo o que tinha, pois os mé-… com os médicos. Eles não conseguiam ajuda-la. O caso dela era sério demais. Eles não conseguiam ajuda-la. Mas ela creu que Deus a ajudaria. E tocou na beira da vestimenta Dele.
103 E Ele disse: “Conheci que de Min saiu virtude”. Está certo?
104 Vocês crêem que Ele é o mesmo, esta noite? [A congregação: “Amém”. – Ed.] Vocês crêem que Ele está aqui?” [“Amém”.] Quantos crêem que Ele ressuscitou dos mortos? [“Amém”.] Agora como se pode provar que Ele ressuscitou dos mortos?
105 Não faz muito tempo, um famoso homem batista me procurou, e disse: “Irmão Branham, fui derrotado – derrotado, uma vez, por um maometano que disse isto. Ele disse: ‘Se Ele ressuscitou, Ele prometeu que faria a mesma coisa. Vejamos Ele fazer’”. Vejam, eles crêem que Ele não ressuscitou.
106 Mas nós, sim, cremos que Ele faz. Nós cremos que Ele ressuscitou dos mortos. Não há outra religião no mundo que possa provar que seu fundador está vivo, senão o cristianismo. E a única forma de Deus poder confirmar Isso, é através dos que crêem; pois essa é a única forma de Deus cumprir as Suas Palavras, é os que crêem Nela.
107 Agora enquanto estão formando esta fila de oração aqui. Não sei quantos atenderemos. Quero que cada um de vocês fique na sua posição, fique no seu lugar, não se agitem. Olhem nesta direção e orem, digam: “Senhor Jesus, eu creio”.
108 Lembre-se, Ele me disse: “Se você conseguir que as pessoas creiam em você; e então seja sincero quando orar”. Tem sido assim de lado a lado desta nação, para lá e para cá, por quinze anos, não falhou nem uma vez. Não pode falhar.
109 Deus, uma coisa que Deus não pode fazer, é falhar. Ele tem que cumprir a Sua Palavra. Eu creio nisso. Eu creio nisso o tanto quanto eu…mais do que creio que estou de pé aqui, mais do que estou neste recinto; isto poderia ser uma miragem, poderia ser um sonho. Em minha alma, sei que Jesus Cristo, o Filho de Deus, vive. E você sendo uma Semente de Abraão, você estando morto em Cristo, você é Semente de Abraão.
110 Agora estão com uns lenços aqui. São bem sucedidas através disto, as pessoas que crêem. Agora inclinemos a cabeça, enquanto eles estão se preparando, e oremos por estes.
111 Pai celestial, a Bíblia nos ensina, e há gente que crê que toda Palavra que Tu disseste é a Verdade. Senhor, às vezes cambaleiam e levam até o buraco da fechadura, a chave deles, errando, e riscando, mas eles crêem que ali se encontra. Deixa que continuem levando, até que encontrem, pois ali está. E essa chave é a chave certa: “Se tu podes crer, tudo é possível”. Como o cântico esta sendo cantado agora, ou tocado.
112 A Bíblia diz que: “Paulo tirou de seu corpo lenços e aventais, e os enviava aos enfermos e aos aflitos, e espíritos imundos saíam das pessoas, e eram curadas”.
113 Agora, Senhor, sabemos que São Paulo está Contigo. Mas, não era ele; era Tu, Senhor, Cristo nele. “Vivo, não eu, mas Cristo vive em mim”, ele disse.
114 E agora para esta geração, Tu ainda és Cristo, hoje, como eras ontem. E enquanto oro sobre estes lenços, tocando-os, rogo que Tu derrotes todo inimigo. Dá fé a eles, para que saibam que o inimigo está derrotado.
115 E certa vez, o Mar Vermelho, como acabamos de falar, tinha interrompido Israel de chegar à promessa, e eles estavam cumprindo o dever. E um escritor disse que: “Deus olhou com olhos irados, através daquela Coluna de Fogo, e o mar teve medo e abriu suas portas, e eles atravessaram”.
116 Olha, esta noite, através do Sangue de Jesus Cristo. E que quando estes lenços forem colocados sobre os enfermos, que o inimigo veja a nossa fé, esta noite, ao fazermos esta oração de fé por eles. E que cada um seja libertado, em Nome de Jesus Cristo. Amém.
117 Agora quero que me dêem toda sua atenção. Quem estiver cuidando do microfone aqui, que aumente o volume. Porque, se o Espírito Santo fizer isto… não digo que Ele fará.
118 Agora qualquer um que vier aqui e lhe disser que tem poder para curar os enfermos, não creia nisso. O poder está todo em Cristo. Ele é o Conquistador, não você ou eu. Nós só aceitamos o que Ele fez. Ninguém tem poder para salvar ou curar.
119 Toda pessoa no mundo, o preço já foi pago. A exigência foi paga. Como foi? “Ele foi ferido pelas nossas transgressões, pelas Suas pisaduras fomos sarados”. A sua – a sua cura está paga. A sua salvação está paga. Você tem a fé para vir aceita-la? É só isso. Se você for Semente de Abraão, você tem. Deus prometeu. Tem algo em você que diz que está aí, e está.
120 Agora o que é dom? Dom é para ir curar as pessoas? Não. Dom é retirar-se do caminho, para que Deus possa usar você.
121 Agora Ele prometeu que, o último sinal, de acordo com Jesus Cristo: “Como foi nos dias de Sodoma, pouco antes de queimar”. Não antes de outras coisas ocorrerem, o Evangelho foi pregado por Ló, e assim por diante; não isso. Mas pouco antes de queimar, Deus desceu em forma de homem, e sentou-se com a Igreja eleita, Abraão e seu grupo, o qual tinha a promessa.
122 Agora lembre-se, só a Semente de Abraão recebe isto: “Um pouco e o mundo não Me verá mais”, Jesus disse. “Vós Me vereis, pois estarei convosco, em vós, até a consumação dos séculos”.
123 Mas Ele prometeu, pouco antes Dele retornar: “Como foi em Sodoma”, veja o que Sodoma está recebendo; veja o que a Igreja eleita está recebendo, disse: “assim será na vinda do Filho do Homem”. Deus manifestado em forma de homem, que com Suas costas voltadas para a tenda, disse o que Sara fez dentro da tenda. Todos que sabem que essa é a Verdade, levantem a mão. Exatamente isso. Agora Ele prometeu isso. Estamos no fim do tempo. Agora lembre-se, essa foi a última coisa que aconteceu; e o mundo gentio queimou, Sodoma, e o filho prometido apareceu em cena. Estamos esperando um Filho prometido, o Filho de Deus.
124 Aqui estamos. Que Deus abra os seus olhos. Não sei mais que dizer. Que Ele abra os seus olhos.
125 Agora Pai celestial, sou tão incapaz, sou um monte de lama que Tu formaste, e colocaste aqui. Ó Deus, possa eu, hoje à noite, ter a Tua graça e Presença, que sejas Tu que uses estes pequenos amontoados de lama que Tu tens aqui. Senhor, que aqueles os quais Tu chamaste para a Vida eterna, e talvez ainda não A tenham aceitado, que esses vejam estas promessas. Talvez eles foram ensinados que isso foi para outro dia, mas aqui está na Bíblia. Confirma-A, Senhor. Essa é a Tua Própria interpretação. Não precisa mais do que isso. Se Tu fizeres assim, então eles verão que a Palavra é verdade. Concede, Pai. Nós nos entregamos a Ti.
126 Que cada pessoa aqui, Senhor, use sua fé, hoje à noite. Que cada membro da Tribo de Abraão, através de Jesus Cristo, tenha fé, esta noite, e aceite a Tua Presença. E daremos louvor a Ti. Amém.
127 Agora, este é o úl-… Agora isto é estranho. Quero que vocês me ajudem agora, orem por mim. Sentem-se bem quietos, não fiquem se mexendo. Fiquem quietos, orem.
128 Agora, vejam, está mudando de evangelismo, para acalma-los, de tal modo que o Espírito de Deus pode leva-los completamente a outra dimensão.
129 Agora aqui está esta jovem… Venha aqui um pouquinho, jovem. E apenas… Está bem assim, para que eu não me afaste deste microfone. Veja, eu não sei o que acontece, veja você, e então, às vezes, você sabe… Agora a única maneira de eu saber, está – está no microfone, veja você, e estão tentando captar lá, e eu simplesmente não sei o quê.
130 Agora somos desconhecidos um do outro. Não a conheço, nunca a vi na vida. Mas é bem mais jovem que eu. E provavelmente nascemos a milhas de distância um do outro, e anos de diferença. Esta é a primeira vez que nos conhecemos. Está certo? Se for, levante a mão para a audiência ver. Agora, ela é simplesmente uma mulher aqui de pé.
131 Veja, leve isto à Escritura. Tomemos São João 4. Cada um de vocês leia isso quando forem para casa. Não – não que esta mulher seja esse tipo de mulher; eu não sei. E você sabe que não sou Jesus Cristo. Mas Ele está aqui. É Ele. Agora o Espírito Dele nos ungindo, pode revelar o problema dela, como Ele fez com a mulher no poço. A mesma coisa.
132 E, por isso, os sacerdotes e os líderes daquele dia, disseram: “Este Homem é um adivinho, ou um demônio, Belzebu”.
133 Esta mulher disse: “Senhor, vejo que Tu és profeta. Sabemos que o Messias vem, e esse será o sinal Dele”.
134 Agora, quantos sabem que isso é verdade? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Bem, se Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, não seria esse o Seu sinal esta noite? [“Amém”.] Ele prometeu que seria, pouco antes do fim do tempo? [“Amém”.] Agora veja se Ele cumpre Sua promessa à Semente de Abraão.
135 Agora se alguém aqui acha que isso é errado, venha você aqui e faça a mesma coisa. Se não é, então não diga nada a respeito. Você tem o privilégio.
136 Agora, em Nome de Cristo, eu tomo todo espírito sob meu controle, para a glória e honra de Deus.
137 Eu terei que conversar com você, um momento, jovem. Você sabe que o nosso Senhor conversou com aquela mulher junto à fonte. Ele disse: “Traze-Me de beber”. O que Ele estava fazendo?
138 Agora observe, Ele disse, em São João 5: “Em verdade, em verdade vos digo: o Filho”, que era Ele, corpo, “nada posso fazer em Mim mesmo”, apenas de acordo com o que Ele via o Pai fazer. “O que o Pai faz, Ele mostra ao Filho. Veja, nada posso fazer em Mim mesmo, a não ser como vejo o Pai fazer”. Então, Jesus nunca operou um milagre até primeiro Deus mostrar-Lhes através de visão; não dizer-Lhe em Seu ouvido, mas mostrar-Lhe. “O que Eu vejo”, não ouço, “vejo o Pai fazer”. É isso o que O tornou um Profeta semelhante a Moisés, como Moisés disse. Agora quando Ele – Ele conhecia o Pai… Ele estava em…
139 Ele estava indo para Jericó, mas teve necessidade de passar por Samaria, e Ele chegou à cidade de Sicar. E agora veja, os samaritanos andavam esperando um Messias.
140 Os judeus andavam esperando, e Ele mostrou-lhes o Seu sinal. Filipe, Natanael, Pedro, logo que esse sinal foi feito, disseram: “Tu és o Filho de Deus”.
O rabi disse: “Este Homem é Belzebu”.
141 Mas agora lembre-se, os gentios, nós, nós éramos os anglo-saxônicos, nós – nós não andávamos esperando nenhum Messias. Éramos pagãos, romanos, e assim por diante. Não andávamos esperando nenhum Messias. Ele só vem aos que O andam esperando.
142 Mas os samaritanos andavam esperando-O, então Ele teve que chegar a eles, por Samaria. Sentou-Se junto à fonte. Uma jovem, provavelmente mais ou menos da sua idade, chegou. Ela era mulher de má fama. Você já leu essa história, creio eu. E Ele disse: “Mulher, traze-Me de beber”.
143 Ela disse: “Oh, não é costume para Ti, um judeu, pedir tal coisa a uma samaritana”.
144 Ele disse: “Mas se soubesses com Quem falas, Tu Me pedirias de beber”.
145 A conversa continuou. Por fim, Ele encontrou onde estava o problema dela. Lembra-se o que era? Ela teve maridos em demasia. E disse; “Vá buscar o teu marido, vem aqui”.
Ela disse: “Não tenho nenhum”.
146 Disse: “Bem dissestes”, disse, “porque tiveste cinco, e aquele com quem vives agora não é teu”.
147 Ela disse: “Senhor, vejo que Tu és profeta. Sabemos que quando o Messias vier Ele nos dirá essas coisas”.
E Ele disse: “Eu O sou”.
148 Ela largou seu cântaro, correu para a cidade, e disse: “Vinde ver um Homem o Qual me disse o que fiz. Não é este o Messias?” Eles não tinham tido um profeta por centenas de anos. E aqui estava um Homem que afirmava ser o Messias, e provou ser um – um profeta, e mostrou o sinal do Messias.
149 Se Ele fizer a mesma coisa, isso faria você crer na mesma coisa, sendo que Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, e prometeu por estas Escrituras que Ele faria?
Isso faria a audiência crer? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.]
150 Você sofre de problema dos rins. Se estiver certo, levante a mão.
151 Por que isso sempre me golpeia no rosto? Alguém diz: “Ele adivinhou isso”. Eu não adivinhei isso.
152 Aqui, ela é uma mulher distinta. Você acredita em mim? Agora você sabe que eu não adivinhei isso. Deixe-me dizer mais uma coisa. O seu marido está com você. Ele também está sofrendo. Não está? Complicação da espinha. É isso mesmo. Não é? Você tem um menininho com você. Ele também está sofrendo. Você quer que ele receba oração. Tem alguma coisa que não está bem com os olhos dele. É isso mesmo. Você tem uma menininha com você, ela está com problemas dos rins, como você. Está certo? Agora todos vocês podem ficar bons, se crerem. Você crê? Deus a abençoe. Siga em seu caminho e fique boa.
153 Vocês crêem? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente. O que é isso? O que Ele está tentando fazer? Para você, Semente de Abraão, Ele está lhe mostrando que não está morto. Eu não consigo fazer essas coisas. Ele não está morto. Mas Ele está vivo, mostrando que você tem o direito de possuir as portas do seus inimigo. Isso deveria encerrar isso.
154 Esta senhora, venha para cá, só um momento. Nós temos aproximadamente a mesma idade, suponho. Mas somos – somos desconhecidos um do outro, que eu saiba. Não a conheço, e somos desconhecidos. Não sei nada a seu respeito. Se isso estiver certo, levante a mão, veja. [A irmã diz: “Está certo”. – Ed.] Foi só que lhe deram um cartão de oração, e a senhora está aqui. Muito bem. Agora se o Senhor Jesus…
155 Se eu, talvez, digamos que eu estivesse procurando tomar o lugar do irmão Oral Roberts, ou de alguns desses grandes homens de fé, eu dissesse: “O que há de errado com a senhora?”
156 A senhora dissesse: “Bem, eu tenho tal e tal”. Agora, ele talvez não esteja certo. Está vendo? Eu não sei. Está vendo? Mas, ele, a senhora poderia dizer-lhe oque há de errado.
157 Ele imporia as mãos sobre a senhora, diria: “Deus me enviou para – para orar pelos enfermos. Crê nisso?” “Sim”. “Glória a Deus! Vá, creia”.
158 Está bem. Está bem. Deus prometeu isso. Mas, veja a senhora, estamos vivendo um pouco mais adiante no – no dia do que isso. Jesus prometeu: “Como foi nos dias de Sodoma. As obras que Eu faço também fareis”.
159 Agora se Deus pode me dizer o que tem sido, a senhora saberá se é verdade ou não. Ele pode me dizer o que a senhora será. E se for verdade, isto também será verdade. Se Ele lhe disser, seja o que for, eu não sei; mas se Ele me disser qual for o seu problema.
160 Também crerá, audiência? [“A congregação: “Amém”.]
161 Eu, na realidade, deveria parar. Aquela vez, aquela pessoa que estava aqui faz pouco, isso deveria confirmar. Jesus fez isso uma vez. Ele não fez nem uma outra vez. Todos em Sicar creram, creram no testemunho da mulher, quando ela foi, contou-lhes, e ela era uma mulher de má fama. Uma cristã acabou de sair da plataforma, diante de todos vocês! Amém. Mas sendo que é mais tarde do que pensamos, que o Senhor continue a provar-Se, o grande, poderoso Conquistador, que a Semente de Abraão… Mas como Abraão, Ele fez isso para Abraão, uma vez; então destruiu e fez de novo. Abraão continuamente creu em Deus.
162 A senhora na está aqui para si mesma. Está aqui por outra pessoa, e é por uma senhora. É a sua irmã. [A irmã diz: “Ó Senhor!” – Ed.] E essa senhora está sombreada para a morte. [“Que coisa!”] E ela está sofrendo de – de diabete. [“Oh!’] E ela não é daqui. [“Não”.] Ela é de um… Ela é de Louisiana, uma região pantanosa. [“Oh, oh, oh!”] Isso… E eis uma outra coisa, para que a audiência saiba disto. A senhora tem uma filha que está muito doente, que tem planos de assistir este encontro, e ela tem epilepsia. [“Oh, oh, oh!”] Isso é verdade. Isso é verdade. Não é? [“Oh!”] A senhora crê agora? [“Sim. Amém.”] Se for Semente de Abraão, aceite e saia, [“Meu Senhor! Meu Senhor!”] e seja curada em Nome de Jesus Cristo.
163 Vocês crêem? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Certamente que sim. Lembrem-se, é a promessa Dele. Ele disse que faria. Ele cumpre Sua promessa.
164 Como está? Somos desconhecidos um do outro. Não a conheço. Mas Deus a conhece. Crê que se Deus puder revelar-me o seu problema, então a senhora saberá que isso tem de vir de algum poder espiritual. [A irmã diz: “Certo”. – Ed.] Agora, só há duas coisas de onde pode vir, isso a senhora poderia imaginar. Quando é executado, é além de explicação, porque é um fenômeno. E, também, é um paradoxo; algo, bem, é irracional, no entanto verdade. Seria um paradoxo. E agora a senhora sabe, se é verdade ou não, a senhora saberá se Ele lhe disse a verdade.
165 Agora, lembre-se, eu não a conheço. Tem que ser Alguém além de mim. Se a senhora fizer como os fariseus, e disseram: “Oh, é um espírito mau”, então a senhora terá essa recompensa. Se crer que é Cristo, terá a recompensa Dele. O motivo de a senhora poder crer é porque Ele prometeu isso para este dia, e nunca aconteceu desde aquele tempo até este. Isso torna este o tempo final.
166 Tem alguém que continua aparecendo diante da senhora, o tempo todo. É um homem, de cabelo grisalho. É o seu marido. [A irmã diz: “Sim”. – Ed.] Sentado bem ali. Ele está tentando aceitar a cura dele, estando sombreado por câncer, tumor, câncer. A senhora tem problema dos rins, problema da bexiga. [“Sim”.] Vocês são o Sr. e a Sra. Little.[“Somos”.] Está certo? [“Sim”.] Creia de todo o coração, e sejam curados.
167 “Você diz o seu, o nome deles?” Ora, certamente que sim. Jesus não disse a Pedro: “Teu nome é Simão, o filho de Jonas?”
168 Aqui está um homem. Somos desconhecidos um do outro, senhor. Não o conheço. Mas o senhor é um homem, como – como Pedro chegou ao Senhor Jesus, nós nos encontramos. Crê que sou servo Dele? Crê que o que eu disse é verdade? [O irmão diz: “Sim, senhor. Creio, senhor”. – Ed.] Se puder crer! [“Sim, senhor”.] Eu, se houvesse alguma coisa que eu pudesse fazer pelo senhor, eu faria, mas não há nada que eu possa fazer. Ele já fez; é apenas algo para conseguir que o senhor creia. E, veja, não sou eu. Se fosse, eu, eu – eu faria tudo o que pudesse pelo senhor. Mas Ele me deu um dom, e apenas descanso diante Dele, e é Ele quem fala. [“Isso mesmo. Sim, senhor”.] Crê nisso? [“Sim”.]
169 Crê nisso, audiência? [A congregação: “Amém”. – Ed.]
170 Eu queria encontrar um homem. O senhor tem várias coisas de errado consigo. Mas uma das coisas é que tem um tumor em seu olho direito. Esse é seu problema principal. Eis outra coisa, uma mulher continua aparecendo aqui. É a sua esposa. Crê que Deus pode me dizer o que há de errado com sua esposa aqui? O problema dela está na boca. São seus dentes. Isso mesmo. Crê que o mesmo Jesus, o Qual sabia quem era Simão Pedro, pode me dizer quem é o senhor? [O irmão diz: “Sim”. – Ed.] Isso faria que cresse grandemente? [“Sim, senhor”.] Faria? [“Sim”.] Oscar Barnes. [“Isso mesmo”.] É isso mesmo? Vá para casa, seja curado.
171 [Espaço em branco na fita – Ed.]… desconhecido seu. Não o conheço, mas Deus, sim, o conhece. Crê que Ele é poderoso para me dizer qual é o seu problema? Creria de todo o coração? O seu problema está em volta da garganta, e em seu peito aqui. É uma – é uma deterioração óssea. Você está ficando com coisas como caroços e nós, dentro da estrutura óssea. Isso mesmo Você não é daqui. Você está em uma – uma cidade que tem laranjais por toda parte. Fica num vale, com uma vista panorâmica de montanhas atrás dela. Tem um hotel chamado Antlers. É São Bernardino. É daí que você É. Volte, Jesus Cristo o cura, se você crê.
172 Só tem uma coisa que pode curar câncer, que é Deus. Você crê que Ele o curará? [O irmão diz: “Creio sim”. – Ed.] Creia”! Vá, e que o Senhor Deus o torne inteiramente são.
173 O motivo de ter estado excepcio-… excessivamente nervoso, realmente contrariado. Por esse nervosismo, o seu estômago está com uma complicação.Você não consegue digerir seu alimento; sobe até à boca. É ácido em toda sua boca. Bem de tardezinha você fica bem cansada e tudo mais. Você tem úlcera péptica no estômago. Crê que é Jesus Cristo que pode dizer-lhe isso? [A irmã diz: “Sim” – Ed.] Vá comer o seu jantar, então. Creia de todo o coração, Jesus Cristo a torna boa.
174 Como vai? Há muitas coisas erradas. Mas uma das coisas que você tem receio é de ficar aleijada com artrite. Mas crê que Deus a curará, a deixará boa disso? [A irmã diz: “Sim” – Ed.]
175 Senhor Jesus, rogo que T concedas isso à minha irmã. Dá a ela sua visão. Tira dela o problema com artrite, em Nome de Jesus. Amém
176 Vá agora, crendo. Ele fará, e tudo estará bem. Não duvide, continue só andando, e creia de todo o coração.
177 Problema de coração é uma coisa terrível, mas Cristo cura o coração. Você crê nisso? [A irmã diz: “Sim”. – Ed.] Vá, creia, e tudo será feito. Está acabado.
178 Você acredita que vai ficar aleijada? Não, eu também acho que não. Meu pensamento, artrite; essa sombra aí, oh, é câncer. [A irmã diz: “Oh, oh!” – Ed.] Crê que Ele curará isso? [“Sim, creio”]. Vá, creia. Ele a tornará sã.
179 Tem incomodado você, por algum tempo, bloqueio no coração. Mas crê que vai acabar, hoje à noite? Vá, creia, Jesus Cristo cura você.
180 A senhora tem tido um probleminha, problema de senhoras, bastante tempo. E então, está, tem dificuldade em se levantar de manhã. Tem dificuldade em mover-se, em seus membros. Mal consegue andar, até mais tarde durante o dia, do tempo. É artrite. Vá, não duvide, não terá mais isso. Somente creia, de todo o coração.
181 Você tem várias coisas, complicações. Mas a coisa que está incomodando-a muito, você também pensa em artrite, que está deixando-a aleijada. Crê que Ele a fará andar e ficar boa? [A irmã diz: “Sim, senhor”. – Ed.] Vá, creia de todo o coração, Jesus Cristo a deixará boa.
182 Problema do coração devido a nervos, e artrite, mas crê que Deus curará você? Crê? Vá, e que o Senhor Jesus cure você.
183 Esse estômago tem mesmo causado muito problema nos últimos anos, não tem? Não causará mais. Vá, creia. Deus abençoe.
184 Você também pode, seu estômago está curado. Vá, creia de todo o coração. Não duvide.
185 Você tem dificuldade em respirar, essa velha asma realmente o deixa abatido. Não deixa? Crê que vai acabar agora? [O irmão diz: “Sim”. – Ed.] Muito bem, vá crer. Amém
186 Aleluia! Vocês crêem de todo o coração? [A congregação regozija – Ed.]
187 Só um momento. Vocês não vêem essa Luz aí? Uma pequena senhora de cor olhando para mim, sentada logo aqui, ela tem um tumor em seu lado esquerdo. Ela tem problema dos rins, complicações. A senhora tinha mais fé. Não precisa subir aqui. Acabou. Somente creia. Amém. Tenha fé em Deus!
Vocês crêem nisso? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.]
188 A senhora crê, irmã, que se recuperará desse problema da espinha, sentada aí? Crê que Ele a curará? Certo. Apenas não duvide, e poderá receber isso se somente crer.
189 O homem senado aqui, olhando para mim, sofre de problema de próstata, levantando à noite e coisa assim. O senhor crê? Isso acabará, então, se crer.
190 Aqui se encontra um homem de cor sentado aqui, olhando pra mim. Ele está sofrendo de epilepsia. Ele também está buscando o batismo do Espírito Santo. Fique de pé, senhor, aceite a sua cura. Que Deus lhe dê o batismo do Espírito Santo. Amém.
191 Sentado bem do outro lado do senhor, tem uma criança sentada aí, que também tem epilepsia, como que acessos de desmaio, sentada aí, do outro lado. Você crê que Deus curará a criança, aí? Você crê de todo o coração? Então Deus curará a criança.
192 Vocês crêem, cada um de vocês? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Ele não é – não é, Ele não é verdadeiramente a Semente Real de Abraão? [“Amém”.] Ele não é o poderoso Conquistador? [“Amém”.] Ele prometeu que você poderia possuir as portas do inimigo? [“Amém”.]
193 Quantos de vocês estão ligados, sentem a pressão do inimigo? Levantem a mão, os que sentem a pressão do inimigo. E são a Semente de Abraão, levantem a mão assim. Digam: “Irmão Branham, nervosismo me incomoda”. Oh, tem mais ou menos oitenta por cento de vocês com isso. Digam, eu… Está tão espessa agora, o povo todo está ficando como uma grande nuvem esbranquiçada, está quase que me cegando, aí onde vocês estão.
194 Vocês não vêem, que aqui vinte ou trinta, talvez, casos, ou mais, aqui mesmo nesta plataforma e aí nessa audiência, que Deus não falha? É Jesus Cristo o mesmo ontem, hoje, e eternamente. Vocês crêem nisso? [A congregação diz: “Amém”. – Ed.] Então por que não, cada Semente de Abrão, por que não tomam a chave agora? O grande Conquistador, que conquistou isso por você, está aqui.Ele provou estar aqui. Vocês crêem Nele? [“Amém”.]
195 Então peguem a sua chave da fé, estendam a mão, e digam; “Jesus Cristo, creio para a minha cura, agora mesmo”. Coloquem-se de pé. Levantem a mão, destranquem a fé de vocês agora. “Eu creio, Senhor Jesus. Eu creio agora mesmo”.
196 Agora coloquem as mãos uns sobre os outros. Ponham as mãos um no outro, outra Semente de Abraão. Agora ore por essa pessoa. Coloquem as mãos sobre elas. Jesus disse: “Estes sinais seguirão os que crêem. Se colocarem as mãos sobre os enfermos, eles sararão”.
197 Satanás, você perdeu a batalha. No Nome de Jesus Cristo, saia daqui, e solte estas pessoas, para a glória de Deus.

Deixe seu comentário