A FÉ PERFEITA
25 de agosto de 1963
Jeffersonville – Indiana – E.U.A.
Tradução – GO


1 Somente crer, somente crer;
Tudo é possível, somente crer.
Somente crer, somente crer;
Tudo é possível, somente crer.

Nosso Pai celestial, esta é nossa intenção nesta noite: Temos nos congregado para somente crer no senhor Jesus Cristo. Há aqueles aqui nesta noite que estão enfermos e os que estão debilitados de saúde. Como o irmão acaba de cantar o hino tão formoso: “ chegou Jesus”, rogamos que Tu chegues à cena nesta hora, Senhor, e cures a todo aquele que está aflito, e que não fique nenhuma pessoa débil em nosso meio nesta noite. Conceda-o, Senhor, e ajuda-nos enquanto olhamos agora à palavra para encontrar fé suficiente para esta hora. Pedimos isto no Nome de Jesus Cristo. Amém.
2 Agora, sei que muitos estão trabalhando e têm que regressar às suas casas cedo. Por isso não pregarei muito, e logo teremos a linha de oração pelos enfermos. Isto assim me tem dado oportunidade para orar por alguns casos de emergência que estavam aqui no quarto antes de eu passar à plataforma. Nesta tarde vi alguns que estavam sumamente graves, e eu estava fazendo alguns telefonemas e orando pelos enfermos. E temos visto a mão de nosso Senhor Jesus Cristo curando aos enfermos e aflitos. E temos nos regozijado em quão maravilhoso Ele é.
3 Não entramos com muita freqüência a cultos de cura como este, porque geralmente, se há algum caso de emergência, o Espírito Santo passa e o aponta pelo discernimento; nos faz saber rapidamente e nos diz algo concernente a isso, logo os demais, se não é algo muito grave, o passamos por alto. Porém pensei como seria que íamos estar para os dois cultos. Covinha que tivéssemos um serviço de oração pelos enfermos; além do mais creio que é um mandamento bíblico; e não podemos pregar o Evangelho completo sem incluir a cura divina.
4 Agora se alguém quer saber, este é o filho do irmão Collins, a quem durante a semana em que pregamos os Sete Selos, o médico havia dito que tinha febre reumática e que tinha que se manter deitado de costas e tomar tudo por meio de um tubo. Não havia outra maneira. Então o pai e a mãe o trouxeram de casa e colocaram aqui no quarto, oramos por ele, e o Senhor Jesus o curou tão completamente que ele voltou à escola; então as autoridades chamaram aos pais para saber disto. Também chamaram ao especialista que o estava tratando, o qual não podia crer que tal coisa houvesse sucedido. Levaram-no para que o examinassem, e estava perfeitamente normal e são. Foi que “então chegou Jesus e o poder do tentador foi aniquilado”.
5 O estranho é que eu ia pedir que alguém cantasse esse hino e enquanto estava ministrando ali no quarto, de repente ouvi que alguém o estava cantando: “Chegou Jesus”. Então vemos que Ele é quem faz com que todas as coisas operem para bem.
6 Agora, muitos estarão passando a noite para sair cedo e estar no trabalho nas primeiras horas da manhã. Eu sei que alguns têm muitos quilômetros por diante, e vocês não sabem como me satisfaz ver vosso esforço. Eu sei que é duro, e al vê-lo sinto também melancolia e tristeza. Às vezes chego a tal ponto onde trabalho muito, e logo Satanás chega e me diz: “Olha, ninguém te quer. Na verdade tu não tens nenhum amigo em todo o mundo”. Recordem, eu não estou isento de tentação, e tenho que vencer isso; porém quando olho algo como este esforço que vocês fazem, eu o mostro para ele lhe digo: “E isto?” Isso me ajuda a vencer.
7 Como sucedeu a um amigo que está presente hoje, o qual numa ocasião lhe cercaram algumas pessoas de um grupo que não creia na cura divina, e lhe disseram: “Isso que estão pregando de cura divina, não há nada de verdade nisso”. Agora, sucede que este homem que estava atacando a cura divina, em Kentucky perto de uma senhora que foi maravilhosamente curada de câncer, quando estávamos numas reuniões em Akton Campgrounds. Sucedeu que a irmã da senhora enferma estava no culto uma certa noite e tinha um lenço em seu bolso. O Espírito Santo chamou a esta mulher (e eu nunca havia estado nesse lugar antes) e lhe disse que tinha um lenço em seu bolso, o qual havia trazido de casa; e lhe disse que sua irmã vivia ali na colina, e estava morrendo com um câncer no estômago. Os médicos já a haviam desenganado porque não podiam fazer mais nada por ela. Então eu lhe disse: “Vá e ponha esse lenço sobre sua irmã, porque ASSIM DIZ O SENHOR; ela viverá´´. Essa foi a noite quando todos os vizinhos pensaram que havia chegado o exército da Salvação, quando chegou o irmão Bem; porém essa senhora foi tão perfeitamente curada, a tal ponto que agora ela faz todo o trabalho de sua casa e também o da vizinha.
8 Então este jovem tendo este conhecimento, disse a estas pessoas: “Expliquem-me esse caso, por favor. Vocês sabem muito bem que ela tinha câncer. Ela havia vindo aqui a Louisville e havia sido operada, mas os médicos a costuraram e a despediram, porque não podiam fazer nada. E agora está perfeitamente normal. Expliquem-me isso”. Com isso já ficou resolvida a discussão. A Bíblia diz:
E, vendo estar com eles o homem que fora curado, nada tinham que dizer em contrário. Atos 4:14
9 Antes isso se envergonha o diabo. Ali estava de pé entre eles o homem no qual havia sido realizada a maravilha. Levanta Deus os mortos? Aqui está assentado um homem que foi levantado dos mortos. Cura Deus os enfermos? Oh, irmão, as mãos seriam levantadas por todos os lados. Deus na verdade cura aos enfermos. E nós sabemos que Ele é o grande Eu Sou, não o grande eu fui ou eu serei, mas: Eu Sou. Isso é presente a todo tempo, e em todo lugar o mesmo ontem, hoje e eternamente.
10 Agora para adiantar, abramos a santa Bíblia. Quero ler uma porção que antes me perturbava muito. E quero ter uma linha de oração nesta noite para orar por todo aquele que necessita de oração. Agora vamos ler em São Marcos capítulo onze, começando com o versículo vinte e dois. Muitos de vocês conhecem esta Escritura, é muito conhecida. Esta é a Escritura na qual eu estava pensando quando Ele me falou acerca dos esquilos. Esta é a mesma porção das Escrituras. Sempre tem sido uma coisa enredada porque Ele diz: “Tudo aquilo que pedirdes”. Não é: “Tudo o que eu pedir”, mas: “Tudo o que pedirdes”. Leiamos:
E Jesus, respondendo, disse-lhe: Tende fé em Deus;
Porque em verdade vos digo que qualquer que disser a monte: Ergue-te e lança-te no mar; e não duvidar em seu coração, mas crer que se fará aquilo que diz, tudo o que disser lhe será feito.
Por isso vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis, e te-lo-eis;
E, quando estiverdes orando, perdoai, se tendes alguma coisa contra alguém, para que vosso Pai, que está nos céus, vos perdoe as vossas ofensas;
Mas, se vós não perdoardes, também vosso Pai, que está nos céus, vos não perdoará as vossas ofensas.
Marcos 11:22-26
11 Agora bem, a fé está baseada no perdão. E como dissemos na pregação desta manhã, estamos procurando fazer com que a Igreja chegue ao lugar onde possamos verdadeiramente ver os tempos apostólicos em nosso meio. Todos anelamos isso. E está ali à porta. O podemos ver, porém queremos vê-lo ainda em maior grau. Desejamos que seja uma torrente para que nos ajude, ou seja, fluindo de nós para ajudar a outros.
12 Recordem, Jesus nunca usou Seu grande poder para Si mesmo, mas Ele usou para outros. E para isso foi enviado. E poderíamos pensar: “Um Homem tão cheio de poder como Ele, poderia adoecer?” Sim senhor. Eu tenho lido em alguma parte, não sei onde, que quando Ele ressuscitou ao filho da viúva em Naím, se assentou numa pedra porque lhe doía a cabeça. Creio que foi no livro “ O príncipe da casa de davi”. A Bíblia diz : “Ele levou nossas enfermidades “. E “levar “ significa carregar. Ele sofreu tudo como nós; sofreu a enfermidade, teve tentações, teve problemas e transtornos tal como nós. E isso foi porque Ele tinha que ser um Medidor aperfeiçoador; e como o Lavrador, tinha que provar a fruta para saber. Também poderíamos citar a experiência da mulher junto ao poço, e encontraríamos muitos mais ao entrar nas Escrituras.
13 Agora quero dizer isto: Eu creio em toda Escritura e que toda a Escritura é a Verdade. Há muitos críticos hoje que não querem crer nisso. Numa ocasião um deles disse: “Quando Jesus mandou aos discípulos buscar o jumento onde os dois caminhos se encontravam, Ele acertou isso de antemão”. É que eles não entendem que Deus é Quem o acertou de antemão.
14 Deus me disse outro dia, não faz muito, que eu saudaria de novo ao irmão Dauch na rua. Isso é muito estranho porque eu não estava aqui essa manhã; porém a poucos minutos, não foi que o encontrei de passagem pela rua, mas estava descendo de meu carro no mesmo instante quando ele passava, e o saudei. Ele não me conheceu porque havia tirado os óculos e não podia me ver, porém quando ouviu minha voz, começou a chorar. Que sucedeu? Em geral ele não age assim, mas isto foi o cumprimento do que lhe havia sido dito ali no hospital sob a câmera de oxigênio; e assim sucedeu. Também lhe disse nessa ocasião que chegaria a sentar-se no tabernáculo de novo. E esse era o desejo de seu coração. Quando estávamos nos cultos em Chicago, ele queria vir, e nisso estava seu coração. Lhe mandei um telegrama dizendo-lhe que todos estávamos orando por ele para que sarasse. E um irmão que o estava visitando nesses dias, nos disse depois que ele tinha tanto desejo de vir; porém agora aqui o vemos entre nós, como testemunho. Isso não foi acertado de antemão por ninguém, mas o próprio Deus acertou tudo assim, porque Ele sempre faz com que tudo funcione perfeitamente ao ponto.
15 Em outra ocasião um crítico disse: “Com razão Jesus podia tomar cinco pães e com eles alimentar a cinco mil pessoas, porque os pães era maiores naqueles dias. Ele simplesmente alimentou a mil pessoas com cada pão”. Agora o estranho deste caso é que estes pães originalmente eram para alimentar a um menino. Como foi que um menino andava carregando tanto pão como que para alimentar cinco mil pessoas, a tal ponto que cada um deles ficasse completamente satisfeito. Além do mais, e as doze cestas que recolheram no fim de tudo? Assim são os críticos; porém tudo isso não muda em nada a Palavra de Deus, a qual se mantém igual e continua adiante.
16 Agora queremos falar sobre a fé e de uma maneira diferente: A fé Perfeita. Isso é uma coisa muito tremenda. Agora, a Bíblia nos diz que a fé é algo que você tem que crer que existe e em realidade nenhuma outra coisa declarará que ainda existe, senão a própria fé.
17 Agora também: “Aquele que vem a Deus, tem que crer que Ele existe”. E “É impossível agradar a Deus sem fé”. Você não O pode agradar de outra maneira. E se você diz que crê em Deus, ainda quando nunca O tem visto, então tem que crer por fé. E se pelo contrário você pudesse ver, então já não seria fé. Qualquer coisa que os sentidos declaram, já não tem nada que ver com a fé, porque já é fato científico, isso já não é fé. Porém você tem que aceitar a Deus por fé. E “Aquele que vem de Deus, tem que crer em Deus”, e “a fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus; e você tem que vir a Deus por meio da Palavra. Tome a Palavra assim como diz, e “estará correto”.
18 Abraão teve que crer somente no que a Voz lhe disse. E quando ele tinha cem anos, já havendo passado vinte e cinco anos, ele tinha muito mais confiança na promessa do que quando lhe foi dada vinte e cinco anos atrás. È que ele creu nela.
E não duvidou da promessa de Deus por incredulidade, mas foi fortificado na fé, dando glória a Deus;
E estando certíssimo de que o que ele tinha prometido também era poderoso para o fazer.
Romanos 4:20-21
19 Assim temos que ser todos nós. Temos que vir com uma fé que não pode falhar, crendo que Deus fez a promessa. Porém agora, você tem que estar na condição para ter essa fé; e sobre isso vamos falar: como receber essa fé. Em Hebreus capítulo onze diz:
Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam…
Hebreus 11:1
20 Aqui é onde muita gente falha em receber sua cura ou o que estão buscando, porque tomam a fé como algo que em verdade não é. É que não crêem. Não é questão de imaginar, mas é uma verdadeira substância. Agora escutem bem: Isto não é o que você imaginam mas algo tão real como quando qualquer outro sentido de seu corpo lhe declara alguma coisa. É tão real como quando meus olhos me declaram que isto aqui é uma folha de papel, ou que aquilo é luz; é tão real como dizer: “Eu sinto minha roupa.” É tão real como escutar a música; é tão real como saborear algo em minha boca. É assim real. A única coisa é que você não a pode mostrar a outra pessoa. Você apenas tem! Amém! É sua. Fé é a substância… Vê você? Não é somente algo imaginário.
21 Agora, eu creio que estas coisas são mui profundas. Eu tocarei apenas nos pontos sobressalientes, logo vocês inteirem-se bem de cada um.
22 Agora, isto é algo que você em verdade possui. Não é algo que você imagina que tem. É tão real como saber que anda em seu automóvel. É tão real como saber que você está assentado neste tabernáculo. É tão real como poder ouvir minha voz. É portanto uma substância, não uma imaginação ou emoção, mas algo que você possui; e isto lhe vem somente por meio de escutar a Palavra de Deus. A fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus. Isso então chega ao ponto onde sua fé não está baseada em algum indivíduo, em nenhum homem nem organização, nem em algum grupo de pessoas; mas em Deus, porque Deus é a Palavra. Sua fé está em Deus. A fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus. Então quando Deus, por meio de Sua Palavra, não pelo que alguém disse ou que outro fez, mas pelo que diz a Palavra de Deus… Ele disse: “Antes seja Deus verdadeiro, mas todo homem mentiroso.”
23 Agora, se você vê a alguém fazer algo por meio de uma promessa de Deus, e logo a outro dizendo: “Eu também posso fazer isso”, porém sendo somente uma imaginação, quando o tal intentar fazer o mesmo, o encontraremos por ali ao lado do caminho todo acidentado. Tem que ser uma substância.
24 Agora, aquilo é potencialmente uma fé. Isso é algo que pode trazer você a uma fé. É potencialmente … Por exemplo, se você me pede uma árvore de carvalho, e eu lhe dou uma semente de carvalho, potencialmente você tem a árvore de carvalho, porém ainda não se tem produzido; mas quando chegar ao amadurecimento, então você verá que é uma árvore de carvalho. Assim mesmo você pode imaginar que Deus fará certas coisas, porém quando lhe for revelado, então já é fé – fé Perfeita que não pode falhar. Por isso me são tão maravilhosas essas visões, porque têm provado ser a verdade cada vez. Eu sei que Ele prometeu isso. O prometeu em Sua Palavra, e agora vemos que está sucedendo neste dia. Então assim sabemos onde estamos de pé quando Ele fala. Isso me dá fé, porque Ele nunca opera contrário à Palavra, então eu não poderia ter fé nisso. Tudo tem que regressar à Palavra, ou seja, fé em ouvir a Palavra de Deus. Você tem que ouvir a Palavra. A Palavra é tudo que você necessita.
25 Agora, fé é a substância; e neste capítulo de Hebreus podemos ver o que é a fé e o que fizeram aqueles que tiveram fé. Vê Você? Há muita gente que tem fé hoje, porém amanhã já não a tem, logo depois de amanhã é outra coisa diferente; porém quando Deus fixa a âncora e você a pode ver, então não há nada que poderá fazer com que você se mova. Porém até que chegue a esse lugar, você andará fazendo provas aqui e ali, caminhando às tontas e presumindo (presumir é “avançar sem autoridade”). Quando alguém anda tratando de fazer isto e aquilo, correndo daqui par ali, é porque ainda não tem a fé, ainda que possivelmente tenha o que nós chamamos “fé´´.
26 Agora, quero que entendam isto. A Igreja tem que levantar-se no poder de Deus a um nível mais alto. Já estamos mui perto do fim. E eu creio que a Igreja agora está em condições par ensinar-lhe coisas mais profundas e assim pulí-la até que desapareçam todas as crenças manufaturadas e então entrar às coisas verdadeiras. Tem que ser algo que você conhece.
27 Agora, se você me diz: “Irmão Branham, isso não é a luz elétrica.” No entanto, eu sei que é. Você dirá: “E como sabe que é?” Então eu lhe responderia: “Porque a estou olhando.”
28 “E como sabe você que não pode estar errado?”
29 “Porque minha vista sempre me tem declarado que isso é a luz.” Por isso é que eu creio nas visões, porque sempre têm provado e declarado ser a verdade, porque vêm da Palavra. Então se Ele diz, ali está acertado o assunto. Então quando é declarado dessa maneira, já não há porque adivinhar, simplesmente será dessa maneira. Logo você ouve: “ASSIM DIZ O SENHOR”, porque isto é muito mais além do pensamento humano, já está ao nível do pensamento do fruto que está na videira. Deus usa ao homem e somente ao homem. Deus não usa as organizações. Deus sempre usa ao indivíduo!
30 Agora, fé é substância; e por meio dela entendemos todas essas coisas que foram feitas. Não é uma imaginação, mas a substância, e especialmente a Fé Perfeita; e sobre isso estamos falando nesta noite, chegando à Fé Ferfeita; e sobre isso estamos falando nesta noite, chegando feitas.que estinho todo acidentado. Perfeita. Não é assunto de imaginação.
31 Muitos vêm e dizem: “Eu tenho toda a fé. Sim senhor.” Então, por que está você aqui de pé nesta linha de oração? É que seus próprios atos provam que você não tem aquilo do qual você anda falando. Se você tem essa fé, então por que está de pé na fila de oração? E por que fazem estas outras coisas? Se você tivesse a Fé Perfeita, olharia diretamente em Deus, creria Nele e se iria. Você não teria necessidade passar pela fila de oração; não teria necessidade porque sua fé já o haveria produzido. Veja assim: que benefício teria eu, se dissesse que tenho que pôr uma camisa quando já a tenho posta?
32 “E como sabe você que tem a camisa posta?” Eu a vejo, toco nela e sei que está ali. Assim também é real a Fé Perfeita quando chega a ser ancorada, e você não necessita de outra coisa. A obra já está feita e você o sabe.
33 “E como vou saber?” A fé o diz. Assim é. Entendem o que digo? Isso é a Fé Perfeita.
34 Agora, para dize-lo de outra maneira. Um diz “Estou saindo às tontas. Eu irei porque a Bíblia diz: chame os anciões da igreja, e orem por ele, ungindo-lhe com azeite. Então eu irei à frente nesta linha e sei que serei curado.” Se você não tem cuidado chegará a uma situação onde será somente imaginação. Logo ao passar por aqui dirá: “Ainda me sinto muito enfermo”.
35 Então ale o tem. É que você não teve fé. A fé genuína fará a obra no mesmo ato. A fé genuína o farra tão real a você. Observe bem na mulher ali no dia de Cristo, a qual tinha fluxo de sangue. Ela disse: “Se tão somente tocar na orla de seu vestido, serei curada.” Assim, tão logo quanto o fez, ela sentiu que sua enfermidade havia cessado imediatamente. É que ela realmente creu. E ela ao tocar Nele, para provar que sua enfermidade havia cessado, Jesus fez a pergunta: “Quem me tem tocado?” Foi essa Fé Perfeita. E aqui nesta noite, essa mesma Fé Perfeita, tocará em Jesus Cristo tal como sucedeu ali. A mulher chegou com a Fé Perfeita nesse momento.
36 Agora, podemos ver claramente que os discípulos no princípio não tinham esta Fé Perfeita. Não a tiveram porque tinham a Cristo caminhando com eles, porém logo foi Cristo neles. Então você pode ver que é muito difícil ter esta Fé Perfeita sem ter ao Espírito Santo, porque Ele é quem a traz. Agora você me faz a pergunta: “Os discípulos não tinha Fé Perfeita?” Não, porque eles se encontraram com um menino afligido com epilepsia e estiveram tratando de expulsar esse demônio do menino, porém não puderam faze-lo. Logo o pai do menino viu que vinha Jesus e lhe disse: “Temos trazido meu filho ante Teus discípulos, mas eles não puderam cura-lo.”
37 Depois, os discípulos perguntaram a Jesus: “Por que não pudemos nós curar ao menino?”
38 Jesus respondeu: “Por vossa incredulidade”. Correto. “Por causa de vossa incredulidade.” Agora recordem, eles tinham o poder; Jesus lhes havia dado poder para curar aos enfermos, ressuscitar aos mortos e expulsar demônios, apenas uns quantos dias antes. Eles tinha o poder, porém não tinham a é para utilizar esse poder. Agora ali está o Tabernáculo Branham e toda a Noiva de hoje. O espírito Santo está aqui com o poder, porém vocês não têm a fé para movê-lo. Vêem o que digo? Se necessita de fé para movê-lo.
39 Eu tenho ali em casa um cartucho que carreguei à mão. Eu sei exatamente o que essa bala pode fazer, segundo todos os dados (como a Palavra), porém tenho que disparar o rifle, o fogo tem que chegar à pólvora, a qual tem o poder, porém necessita do fogo para disparar. É a mesma coisa, a pólvora está no cartucho, porém se necessita da fé para carrega-lo. Se necessita disso: a Fé Perfeita para incendiar o poder do Espírito santo, o qual agora temos desde que Ele veio sobre nós. Necessitamos da fé para incendiar, para ver grandes coisas. Fé é algo que se apresenta a você.
40 Você entra ao quarto do enfermo com um coração cheio de gozo, sabendo exatamente o que vai dizer. Você ao entrar já sabe o que vai suceder, porque algo já tem sido revelado, e você o sabe. Você pode entrar no Nome do senhor Jesus Cristo e dizer: “Levanta-te daí, porque ASSIM DIZ O SENHOR.” Ali o têm. Isso é a Fé Perfeita. Se houver dez milhões de pessoas de pé ali dizendo que não sucederá, você já sabe que assim sucederá. Vai suceder! Sem importar com o que digam os demais; é você quem tem a fé.
41 Podem imaginar a Josué dizendo a todos os anciãos de Israel: “rmãos, nós somos os servos de Jeová. Eu tenho o mesmo desejo de vocês, oremos a Deus e peçamos-lhe por favor, para ver se está bem que nos dê um pouquinho mais de sol até à tarde; para ver se pode reter o sol em seu lugar.” Não! Não foi assim. Ele tinha necessidade agora mesmo. Ele nem se quer orou e nem nenhuma outra coisa, antes, tendo necessidade, ordenou ao sol, dizendo: “Pára-te, eu tenho necessidade e estou no serviço do Senhor. Ele me mandou aqui nesta obra e estou fazendo o melhor que sei, e agora o inimigo está se fortalecendo, e ali estão; se o sol se pôr, eles se reunirão e me causarão muito dano; assim sendo pára-te. E tu lua: Fique aí.” Amém! E assim se manteve por quase vinte e quatro horas.
42 Agora, se a terra está dando voltas e Ele a parou, e o sol ficou num só lugar sem se mover, que sucedeu? Se você trata de entendê-lo se meterá em embrulhada com os cientistas, porque eles dizem que se a terra se detiver, logo tem que cair. Então, como foi? E se se põe a dizer que a Palavra de Deus não é a verdade, então se faz um incrédulo, um pagão. Porém o importante é que sucedeu. Eu não posso explicar a mecânica de como foi, porém sucedeu.
43 Eu não conheço a mecânica do Espírito Santo, Porém sei que caiu sobre mim. Eu não posso explicar a mecânica, porém conheço as benções do Espírito Santo. E quanto à mecânica, isso é assunto de Deus, Ele se encarrega disso.
44 Então este menino não podia ser curado, porque sucedeu que os discípulos tinham o poder… Jesus lhes havia dado poder para curar toda classe de enfermidades, expulsar demônio, curar os leprosos e até para levantar aos mortos. Ele lhes deu este poder, porém eles não tinham a fé para fazer funcionar este poder que tinham. Nisso fizeram a pergunta para Jesus: “por que não podemos fazer aquilo?” Recordem, eles tinha a Palavra, e naquele tempo a Palavra foi encarnada, e foi a Palavra Quem lhes disse: “Eu vos dou o poder.” (Amém). “Eu dou o poder a vós.” Então eles tinham o poder, porém não tinham a fé para fazer funcionar a Palavra que se encontrava neles. Entendem?
45 Porém Jesus sim, a tinha. Ele era a Palavra e tinha fé que sucederia o que Ele dizia: Disse: “Muito bem, traga-o aqui. Até quando vos tenho que sofrer?” Ele tinha fé juntamente com Seu poder. Por que foi assim? Ele disse: “Eu de mim mesmo não posso fazer nada”. Por quê? É que Ele confiou no que era, confiou em saber que Ele era a Palavra, e tinha fé em Deus, Quem também fez a Ele a Palavra. Ele foi Deus, a Palavra. E a Palavra estava Nele e isto lhe deu fé, porque as Escrituras haviam prometido que Ele faria essas coisas. E então todas as Escrituras se entrelaçam pra provar que Ele era exatamente o que as escrituras prometiam, e Ele sabia Quem era. Então Ele confiava no que Deus havia feito Dele. Agora se assim foi com Ele, na podemos nós confiar no que Deus tem feito de nós? “Estes sinais seguirão a todo aquele que crer.”
46 Ele tinha fé no que era. E se você é crente, você terá fé no que você é. Você é um crente. E se tem fé em Deus, a Bíblia nos diz: “Se nosso coração nos repreende, então não podemos ter fé; porém se nosso coração não nos repreende, então temos fé, ou seja, confiança em Deus.”
Isto se encontra em I João 3:21:
Amados, se o nosso coração nos não condena, temos confiança para com Deus.
47 Porém por quanto você está fazendo as coisas que não convém, não pode ter confiança em Deus. Você automaticamente sabe que está errado, você, você automaticamente se identifica com o pecador ao saber que está errado; porém quando seu coração não lhe repreende e você sabe que é crente e não há nada entre você e Deus, então você pode pedir o que deseja, e sabe que lhe será concedido, porque é a Palavra que lhe foi dada, assim como foi dada aos discípulos. Então a única coisa que tem que fazer é ter fé no que é. Tenha fé no que a Palavra diz que você é.
48 Jesus teve fé na Palavra de Deus que disse o que e era. Disse: “De mim está escrito…” Não falou Davi Dele ali nos Salmos e também todos os profetas? Disse: “ Eu sou o pão da vida que vem de Deus, dos Céus.” Amém! “Eu sou a Árvore da vida do Jardim do éden. Eu sou todas estas coisas. Eu sou o que sou.” E Ele sabia pela Fé Perfeita que Ele era o Messias ungido e que o Espírito de Deus estava sobre Ele. Ele disse: “Eu de mim mesmo não faço nada, porém é minha fé em Deus”. Deus estava Nele, a Palavra manifestada. E quando a Palavra de Deus entra em você, então é manifestada porque você é um crente. E um crente é “a fé de Deus que se mover em você.” Lhes agrada isto? Me agrada o ensinamento do que verdadeiramente é a fé, e conhecendo quem foi Ele.
49 Sem uma sombra de dúvida, ele sabia que era o filho de Deus. Ele sabia porque a Palavra O havia identificado. A Palavra de Deus identificou quem Ele era. Ele disse: “Se não faço as obras de meu Pai, então não creais em mim; porém se as faço, então crede-me pelas obras porque elas são a manifestação da Palavra prometida.” Oh, se unicamente pudessem vocês se despertarem para isso! O podem captar? A Palavra mesmo identificou quem Ele era. E disse: “Quem me pode convencer de pecado?” Em outras palavras: “Quem pode me mostrar quer minha vida e minhas obras não enquadram perfeitamente com o que deveria fazer o Messias?” Ninguém podia dizer nada porque Ele era. Então Ele tinha fé para crer, e o que dizia, sucedia.
50 Então deu meia volta e disse: “As obras que eu faço, vós também as fareis. Um pouquinho e o mundo não me verá mais, porém vós me vereis porque eu estarei em vós até o fim do mundo. Não penseis no que haveis de dizer, porque não sereis vós falando, mas o Pai que mora dentro, será Ele quem fala. Não sou eu, mas o Pai que mora em mim, é Ele quem faz as obras.” Vêem o que digo?
51 Agora, a identificação Escriturística de um cristão é isto; segundo as palavras de Jesus Cristo: “Estes sinais seguirão aos que crerem.” Agora, como vai você chamar-se um crente, povo de Deus, e negar estas palavras? E ainda mais, como pode você chamar-se um crente e negar qualquer partezinha desta Palavra? Não se pode fazer. Nisso mostra que não é crente e por isso os sinais não lhe podem seguir, porque você aceita somente o que lhe convém crer, e deixa o demais porque não lhe convém crer; porém você tem que tomar a coisa completa e crer nela. E quando você verdadeiramente crê, não de uma maneira manufaturada, então, “estes sinais seguirão aos que crerem.”
52 Oh, irmão, pode você comparar ao cristão de hoje com aqueles cristãos da antiguidade? Como aqueles discípulos caminharam no poder do Espírito; movidos pelo Espírito Santo; foram prisioneiros de Cristo, como pregamos hás pouco, prisioneiros da Palavra e da Vontade de Deus. Não lhes agrada ver uma igreja como essa? Assim vai suceder. Tem que vir; e eu creio que já está em marcha.
53 A Palavra identificou a Ele pelo que era, e agora a mesma Palavra nos identifica. Ele disse: “ Se alguém me ama, guardará meus mandamentos. E se alguém diz que me ama e não guarda meus mandamentos (todos os mandamentos ), o tal é um mentiroso e a Verdade não está nele.”
54 Você diz: “Eu não creio naquilo…” Bem, isso nos mostra que você é incrédulo, isso é tudo. Se a Bíblia o diz, isso significa que é correto; ali fica acertado tudo. O que a Bíblia diz, isso é Verdade.
55 Agora, notem bem as Palavras de Jesus em São João 15:7: “Se estiverdes em mim (pronome pessoal, ou seja ter fé Nele) e minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quizerdes…” Agora, Ele sabia quem era e por isso podia ter fé. A fé podia operar quando Ele sabia o que era. Logo: “Se estiverdes em mim e minhas palavras estiverem em vós, então conhecereis quem sois; pedi tudo o que quizerdes e vos será feito.” Não seria maravilhoso o seguinte? Que toda pessoa vindo por esta fila de oração nesta noite, dissesse: “Eu sou cristão e não sinto nenhuma condenação. Sei que meu coração não me condena e algo está me dizendo que nesta noite cessará meu sofrimento.” Venha você assim, e então sairá com algo grande. Não importa quanta emoção tenha nem quantas outras coisas; nada servirá até que a Fé Perfeita se haja manifestado e haja sido identificada em você como a substância; e quando isto estiver presente, então nada o moverá.
56 Se você tivesse câncer, e o médico dissesse que você haveria de morrer antes do amanhecer do dia de amanhã porque tudo estaria muito mal; o coração, a respiração esta quase a zero, o câncer o tem comido, o sangue está todo contaminado com câncer, etc; porém algo lhe vem com a substância desta fé genuína, a Fé Perfeita, e esta substância toma âncora em você, então você poderia rir na presença do médico. Seria como Elias ali no Monte Carmelo quando chegou ante aqueles idólatras e disse: “Por que não gritam um pouco mais forte; talvez seu deus esteja ocupado com algo.” Ele sabia o que tinha que fazer porque Deus já lhe havia dito tudo o que sucederia. Disse: “O Deus que responder com fogo, esse será Deus.”
57 Eles disseram: “Muito bem, aceitamos o desafio” E começaram a por água sobre os altares. Eles feriam seus próprios corpos, tinham tudo preparado e clamavam a seu deus: “Baal, Baal, responde-nos.” E ali pelo outro lado estava Elias, tranqüilo como sempre. Ele lhes disse: “Gritem mais forte, talvez ande num dia de campo, por ali pescando. Parece que está fora.” E assim estaca criticando deles, porque ele sabia o que sucederia.
58 E vejam bem, quando teve tudo em ordem, saiu e disse simplesmente: “Deus de Abraão, de Isaque e de Israel” (não o chamou Jacó, o qual significa um tipo malvado, mas o chamou Israel – príncipe com Deus). “Jeová, Deus de Abraão, de Isaque e daquele príncipe Jacó, seja hoje manifesto que eu sou Teu servo e que tenho feito tudo isto, não por desejo próprio, porque isto não foi idéia minha, porém foi completamente por mandato Teu que fiz isto.” Tu me disseste que devia fazer e me mostraste que tudo isto seria assim. Agora tenho posto a água sobre o altar e tenho feito todas as coisas segundo Teu mandato. Seja agora notório… E ao dizer isto, o fogo caiu do Céu. Ele estava confiado em que cairia, porque tinha a substância. Por quê? Porque assim dizia a Palavra.
59 Agora, esta Bíblia é a Palavra do mesmo Deus, e quando você pode receber a substância – a Fé Perfeita – e crer que esta promessa que Deus fez é sua…
60 Você poderia me perguntar: “Irmão Branham, como se sente você ao estar de pé diante de pessoas com diferentes idiomas, etc.? Sente você medo?” Não senhor, Ele me disse. Jamais tenho tido temor, porque Ele me disse, e eu creio que é Verdade.
61 Se Ele me dissesse nesta noite que fosse amanhã ao Jazigo Nacional para ressuscitar e Jorge Washington, eu convidaria ao mundo inteiro para que viesse ver o que aconteceria. Eu diria: “Tragam a todos os críticos que lhes for possível e os coloquem aqui perto e esperem um pouquinho. Ele estará aqui presente, tão logo quanto eu o chame.”
62 Tal como sucedeu ali na Finlândia quando encontramos aquele menino enrolado na estrada, o qual tinha mais de meia hora que havia morrido. Estava destroçado e pondo sangue pelos olhos, nariz e ouvidos; tinha as pernas machucadas, as meias estavam rasgadas e os pés nus porque os sapatos tinham desaparecidos. Olhei para ele e pensei: “Este de vê ser aquele menino.” Então disse ao irmão Moore: “Vamos ver na folha traseira da Bíblia.” Também estava conosco o irmão Lindsay, e nós três olhamos na Bíblia onde estava escrito o seguinte: “E chegará a suceder, ASSIM DIZ O SENHOR, será uma terra onde crescem muitas árvores “sempre verdes”; haverá pedras que serão unidas; haverá então um menino com cabelo curto e um calçãozinho que se abotoa na parte dianteira em cima; terá as meias muito altas e terá os olhos cor de café, porém tu porás as tuas mãos sobre ele, e voltará à vida.”
63 Assim estava escrito, e ali estava atirado o menino esperando a Palavra. Amém. Disse: “Se este menino não ressuscitar nos próximos dois minutos, então eu serei um falso profeta. Podem me expulsar da Finlândia. Porém se ressuscitar, então todos devem se prostrar e se arrependerem.” Disse: “Morte, não o podes reter.” Chamei seu espírito segundo a Palavra de Deus, “no Nome do Senhor Jesus Cristo”, e ele se pôs de pé. Correto. É que a fé se ancorou. Desuso disse e ali estava.
64 Agora, isso é Deus falando no tempo presente por visões; porém se a visão fosse contrária a esta Bíblia, então a visão estaria errada. Isto é mais que a visão. Se alguma visão é contrária à Palavra, deixe-a porque não é de Deus. Deus não contradiz Sua própria Palavra. Então se esta Palavra lhe diz algo, você pode ter a plena confiança que sucederá. Não há nada impossível. Sim, diz: “Porão as suas mãos sobre os enfermos e os curarão.” Irmão, se a Fé Perfeita se agarra a isso, então você passará pela fila de oração e quando sair daqui, estará saltando e gritando: “Já está tudo resolvido!” Tudo ficará bem. Se você tivesse um peso sobre seu coração, e quando orasse por isso, você cresse que iria receber a resposta, então sucederia; seria exatamente dessa maneira. Foi assim que sucedeu com a mulher que tinha o fluxo de sangue.
65 Jesus Cristo teve Fé Perfeita. E assim foi porque ele foi a Palavra. E você chega a ser a Palavra à medida que recebe a Palavra: “Se estiverdes em mim, e minhas palavras (esta Palavra) estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vós será feito”. Também diz: “Qualquer que disser a este monte: Lança-te ali, e não duvidar em seu coração, antes crer que o que diz será feito, então terá o que pediu.” “Tudo que orando pedirdes, crede que o recebereis e tê-lo-eis.” Nem o tempo, nem o espaço, nem qualquer outra coisa mudará isto. Você sabe que será feito.
66 Então Ele disse: “Se estiverdes em mim, e minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes e vos será feito.” É questão de reconhecer nossa posição na Escritura como crente. Tem que cada um reconhecer sua posição como Ele reconheceu a Sua.
67 Naquele dia quando caminhavam para Emaús, Ele estava falando a Cleofas e a outro discípulo, e lhes disse: “Não está escrito que o Cristo viria e faria tudo isto? Não está escrito nas Escrituras que teria que sofrer, morrer e ressuscitar ao terceiro dia? Ó insensatos e tardos de coração para crer tudo o que os profetas têm dito!”
68 Eles pensaram: “Este homem fala diferente dos demais.” E logo quando entraram na hospedagem, encontraram que era Ele. Seus lhos estavam encobertos. Eles viram que sempre se referia às Escrituras, e logo souberam que era Ele.
69 Agora, você tem que crer que receberá o que pede. Se é crente, então reconheça sua posição como crente; reconheça que estas coisas são para você. Se há condenação em sua vida, acerte isso primeiro. Se há condenação em sua vida, pode que o irmão Oral Roberts e até uma dúzia como ele, venham orar por você, e até gritem e lhe unjam com muito óleo, porém com tudo isto, a coisa não irá. Correto. Agora eu tenho observado isto quanto às Campanhas do irmão Oral Roberts; tenho visto isto em nossas filas de oração; e vocês também têm ouvido ao Espírito dizer que tal pessoa tem orado antes: “Foi um homem alto, com cabelo negro, e faces largas.” Esse é Oral Roberts. “E isso foi em tal cidade, e isto e aquilo sucedeu.”
70 Respondem: “Sim, isso é correto.”
71 “Um certo homem orou por você; porém aqui está seu problema; vá e acerte isso; vá e confesse esse pecado e seu marido (ou à sua esposa); vá e faça isto.” De nada lhe servirá a oração enquanto não acertar a coisa. Em seu coração há condenação, e Deus não entrará a tal coração, porque está condenado. Deus não mora no tal; tem que corrigir isso. Logo, quando isso fica esclarecido, tem que se ter fé. Se tudo está bem, tem que se ter fé e crer, Não temas.
72 No livro de jó diz: “Jó temia.” Agora, o que ele temia isso em realidade sucedeu. O que o trouxe foi seu temor; sua fé o haveria guardado, porém seu temor o trouxe. Ele tinha medo que certa coisa sucedesse, e assim foi. Porém se ele houvesse estado convencido que não ia suceder, então haveria sucedido. Entendem?
73 Se você tem medo quando vem pela linha de oração, e diz: “Pois eu simplesmente não tenho a fé suficiente”, certamente nunca sucederá, não tenha dúvida disso; porém se você sabe que vai suceder, então assim será. É uma substância. Jô temia que estas coisas lhe acontecessem, e assim foi. Se você teme que sua enfermidade não lhe deixará, então assim será. Se você tem fé que lhe deixará, assim será. Consulte com qualquer médico e verá que a primeira coisa que ele fará é animar sua confiança no medicamento que está lhe dando. Se você não tem confiança no remédio, então é melhor deixa-lo. Então que é? É a fé que cura. Sempre é fé.
74 Pedro estava bem até que teve temor. A Palavra lhe declarou que podia caminhar sobre a água; porém ao princípio ele estava temeroso e pensava que era um fantasma, e disse: “Senhor, se és Tu, permita-me ir a Ti sobre a água.”
75 Jesus lhe disse: “Venha pois.” Então ele desceu do barco dizendo: “é o Senhor, eu vou caminhar.” Porém quando fixou os olhos nas ondas, então teve medo. Que lhe entrou à mente? Primeiro foi: “Vou caminhar porque a Palavra me disse que caminhasse.” Em segundo lugar ele olhou os sintomas. Olhou ao mar e observou o tamanho das ondas e teve medo, e nisso começou a afundar-se. O que temeu, isso mesmo sucedeu. O que ele creu, isso sucedeu. Quando creu que podia caminhar, caminhou; porém quando teve medo em sua crença, então a substância lhe deixou.
76 Ele todavia professava sua fé, porém não tinham a substância. A substância haveria atravessado por cima dessas ondas brancas até chegar a Jesus. Isso é, se houvesse tido a Fé Perfeita, porém não a teve. No princípio a teve e pensou que a tinha; estava disposto a sair: “A Palavra me tem dito que fizesse isto. Tem que suceder.” Desceu do barco e se arrancou. Não pensou em quão contrárias eram as ondas; não deixou que isso lhe entrasse na mente. Agora, quando você se põe a pensar: “Bom, pois a verdade é que tenho estado enfermo por tanto tempo…” Ali já lançou a perder tudo, é melhor que volte ao barco; porém quando você deixa de pensar nessas coisas…
77 Agora, Abraão “não enfraqueceu na fé, nem considerou o corpo amortecido (sendo já de quase cem anos), nem a matriz morta de Sara.” Ele não pensou naquelas impossibilidades, nem as considerou; essas coisas nem lhe entraram no entendimento. Somente considerava o que disse Deus e continuou para adiante. E enquanto Pedro fez o mesmo, ele caminhou.
78 Porém Jesus viveu num mundo que ninguém conhecia nem entendia. Ele era uma pessoa muito rara. Viveu num mundo ou atmosfera de Fé Perfeita, no Deus Perfeito, o qual era ele mesmo. Se nós vivêssemos na Fé Perfeita do Cristão, o que somos, seríamos então como místicos aos do mundo. As pessoas não nos entenderiam.Caminharíamos no Espírito, faríamos o que o Espírito dissesse, e deixaríamos de fazer o que o Espírito nos proibisse. Então seríamos algo místico para o mundo. E assim é em realidade com todo verdadeiro crente; é um místico para o mundo. As pessoas não entendem porque vivem num mundo à parte. Jesus vivia num mundo onde ninguém podia chegar ou tocar. Os discípulos não O entendiam. Quando Ele lhes falava dizendo-lhes certas coisas, eles lhe respondiam: “Mestre, Tu falas em parábolas e nós não entendermos. Como pode ser isto?´´ è que eles não estavam no mesmo mundo Dele. Não lhe entendiam. Ninguém Lhe entendia.
79 Então quando um homem vive por fé e caminha por fé (a substância), então ele está à parte de todo o mundo, e chega a ser uma nova criatura em Cristo; então estamos chegando ao material para formar a Noiva, isto é, às condições para sermos raptados. E isso é para cada um de nós, não somente para o pastor, os diáconos, os oficiais mas para todo laico também; cada indivíduo caminha só neste mundo com Deus. Você é batizado neste Reino, e não há mais ninguém ali; somente você e Deus. Ele dá as ordens, e você as cumpre. Qualquer coisa que ele lhe diga, não existirá a menor dúvida; você seguirá adiante. Se o Senhor lhe diz alguma coisa, não haverá no mundo nada que lhe faça fazer o contrário. Você continuará igual. Agora está chegando à Fé Perfeita, perfeição que não pode falhar. Essa fé nunca falha. Então ele com sua Fé Perfeita foi um místico para eles; e hoje é o mesmo com aqueles que têm a mesma fé Perfeita: São místicos para os demais.
80 Nos tem sido ensinado para resistirmos ao diabo e ele fugirá de nós. Agora, resistir é simplesmente despedir. Resista-o, ou melhor, dê-lhe as costas. Quando deus tem dito algo, não importa o que o diabo trate de dizer, você não lhe escutará. Seus ouvidos estarão surdos a tudo, menos ao que o espírito lhe diga. A palavra diz: “Quem tem ouvidos” (ou seja, aquele que está escutando), “Ouça o que o espírito diz às Igrejas.” Aquele que tem essa capacidade pode captar o que o Espírito está dizendo às Igrejas.
81 Satanás vem com isso: “Pois eu não posso…” Isso não tem nada a ver. “Se ensinamos isso, a denominação nos expulsará.” Isso não tem nada a ver. A verdade prossegue adiante.
82 “Aquele que tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às Igrejas”; A Bíblia diz assim várias vezes: “Aquele que tem fé, ou seja, aquele que tem ouvidos, ouça.” “Aquele que tem sabedoria, conte o número da besta.” E assim é nestas coisas: “Aquele que tem, diga aos demais para que eles também tenham.” E assim é quanto à Fé da qual estamos falando agora. Você tem que ter essa Fé Perfeita, a fé que responde: “Sim.”Se Ele diz “Sim”, assim é, e não há nada que O possa mudar.
83 Ele com sua Fé Perfeita era uma Pessoa muito rara. O diabo não podia manter-se perto. Quando o diabo chegou ante Jesus com sua concepção intelectual, em pouco tempo se deu conta que havia chocado contra uma linha de dez mil volts que lhe atirou ao solo. Sim senhor. Lhe disse: “Está escrito, não só de pão viverá o homem.” Isso lhe deu um golpe tremendo.
84 Na próxima oportunidade lhe chegou com mais cuidado e lhe disse: “Tu és um grande homem, agora podem te exaltar e ser uma pessoa muito proeminente.”
85 Lhe respondeu: “Para trás de mim, Satanás.” Vê você? Ele provou ante Satanás que Ele era Jeová, Deus: “Porque está escrito, não tentarás ao Senhor Teu Deus.” Agora, se em verdade Ele não houvesse sido Deus, então Satanás poderia lhe haver dito: “Porém tu não és esta Pessoa”; porém ele sabia bem que não podia contradizer isso, porque as obras de Jesus provavam quem Ele era. O Senhor teu Deus.
86 Agora, notem bem: A Fé Perfeita resolve toda circunstância sem importar qual seja; a Fé Perfeita domina tudo. Veja bem: Quando você crê em algo ou põe a fazer algo, e tem fé no que está fazendo, não importam as circunstâncias; isso não tem nada a ver, porque a fé domina essas circunstâncias. Se é onde há alguma enfermidade, e Deus revela que certa coisa sucederá, você simplesmente fala e segue adiante sem duvidar, nem se quer faz perguntas, porque já é uma coisa concluída. Isto domina sobre toda circunstância. Alguém diz: “Porém se você faz isto aqui, então aquilo vai…” Porém a verdade é que Isto já venceu tudo isso. A fé crê que Deus operará tudo. “Eu não sei como vai fazer, porém de todas as maneiras o fará.” A fé domina sobre toda circunstância. E além do mais, a Fé e o amor estão relacionados (são parentes), porque você não pode ter fé sem ter amor, porque sua fé está baseada num Deus que é a pura essência do amor. Então a fé e o amor operam juntos.
87 É por exemplo como dois jovens. O moço se enamora da jovem e ela se enamora dele. Com o tempo vão se conhecendo melhor; então seus corações começam a bater como um só, apesar de ainda não serem esposos; mas seu amor os une, e têm confiança um no outro. Agora, se verdadeiramente amam um ao outro, e o jovem sabe que a moça lhe ama, e ela também conhece que ele a ama, então têm confiança e fé um no outro. Se não tem fé um no outro, seria melhor que não se casassem. Tem que se ter fé. E se você separa a estes dois seres, pondo um no extremo norte, e o outro no extremo sul, todavia seguiria pulsando aquele amor de um para com o outro, porque se amam. Agora, se você em verdade ama ao Senhor, não somente por tratar de escapar do inferno, mas porque em verdade Lhe ama, então você terá fé em Deus. Isso é se você Lhe ama.
88 Há pouco houve o caso de uma senhora aqui em Louisvile que havia sido cristã por muitos anos, porém se enamorou de um homem que tinha apenas uns dois anos de cristão. Estavam enamorados e se casaram, porque tinham essa confiança um no outro. Então a mulher disse a seu esposo: “Olha querido, deve ser muito difícil para você, sendo um cristão novo, uma vez que tens tido que passar por lugares tão maus (antes ele bebia muito), suponho que possivelmente terás tentações muito grandes; porém quero que saibas isto: se chegares a cair em alguma tentação, não fiques fora de casa, volte aqui, porque estarei te esperando para te ajudar em oração até que obtenhas a vitória. Ficarei contigo, porque quando me casei contigo, o fiz porque te amo, e não me importa o que hajas sido, nem o que sejas; de todas as maneiras te amo.”
89 Uns dias depois, ele estava comendo ao meio-dia com uns amigos em seu trabalho e lhes disse: “Como pode a gente fazer algo mal contra alguém que te ama de tal maneira?” Ali o tem você. E como poderia a gente traspassar tal confiança?
90 E quando nós éramos pecadores e estranhos, estando sem Deus ali no mundo, nesse lodaçal de trevas, então Deus veio a nós. Deus buscou a você, não você a Deus. As Escrituras dizem: “Ninguém pode ver a mim, a menos que o Pai o traga.” Deus desceu ao lodaçal onde você se encontrava, lhe buscou e lhe tirou. Isso deveria produzir um amor perfeito. Olhe o que você era antes e o que é agora. Quem fez essa mudança? Alguém lhe amou. Não pode você então ter fé no que Ele tem prometido? O amor real e genuíno produzirá confiança em Sua Palavra.
91 Ele me encontrou quando eu não era nada e ainda sou nada, mas agora estou em Suas mãos. Ele me amou e me tomou quando eu não era digno de ser amado e com você sucedeu igual; Ele nos tem mudado. É como disse a irmã de cor quando estava testificando: “Não sou o que devo ser, nem tão pouco o que quero ser, mas a verdade é que não sou o que antes era.” Ela sabia que havia vindo de alguma parte; algo havia sucedido. E assim é.
92 Se quando seu era estranho a Deus, me amou de tal maneira que desceu a buscar-me e levantar-me, então isso me dá confiança de que Ele me quer usar. Ele tinha um propósito em faze-lo. Ele viu algo em mim. Ele também viu algo em você e teve uma razão em lhe salvar. Observem as pessoas que não são salvas hoje. Veja os milhões que podia haver tomado em vez de você, porém tomou a você. Amém! Nenhum outro pode tomar seu lugar. Amém! Você está na economia de Deus. Nenhum outro pode tomar esse lugar. Esse é Seu amor para com você. Logo, não será o seu amor estendido a Ele? Ali então existe uma amizade. Não importa qual seja a situação; todas as circunstâncias serão governadas por este amor, o qual produz Fé porque Deus ama você, e você ama a Deus. Se amam um ao outro e isso produz a fé. Bem. E é impossível que não produza exatamente o que Deus prometeu.
93 Então a Fé Perfeita é pura, tão pura como o amor. Agora, quando você ama a um indivíduo, como vocês que amam a seus maridos ou os homens às suas esposas, não há necessidade de que alguém lhe diga: “Você não a ama.” Porque você a ama e sabe que assim é.
94 Agora, se eu lhe perguntasse: “Como você pode provar que a ama?”
95 Então me responderia: “Eu o provo por minha maneira de viver.” A esposa diria: “Eu sou uma esposa fiel, e isso prova que a amo.” Então sua vida prova o que é. É igual com o cristianismo. Têm fé e confiança um no outro, e são puros. É algo real, e ainda que não se possa mostrar à outra pessoa, você sabe que o tem e suas ações o provam.
96 Logo, quando você tem fé pura e sem adulteração, assim como é seu amor para com sua companheira, então o prova por sua maneira de atuar; já não se queixará porque sabe que está incluído, e segue adiante. Não importa como apareça ou o que outros digam, você já sabe o que tem sucedido. Você sabe que está concluído, assim como sabe que ama a seu marido. O amor produz a fé.
97 Quando satanás vem tentar-nos, devemos lhe resistir com a Fé Perfeita baseada na Palavra Perfeita, assim como o fez Jesus Cristo. A Palavra de Deus é perfeita. Devemos ter Fé Perfeita na Palavra Perfeita; e assim resistir a Satanás.
98 Por meio da Fé em Sua Palavra, nós podemos conquistar qualquer coisa, seja morte, inferno e mesmo a tumba. Sabemos que Deus é Deus e com a Fé Perfeita na Palavra Perfeita de Deus, Ele conquistou tudo que lhe sobreveio. A morte não podia permanecer em sua presença nem tão pouco a enfermidade. Dele fluíam rios de virtude constantemente. A virtude procedia de Sua túnica e as pessoas à sua sombra tocavam em Sua Vestidura e eram curada, então todo o mundo queria tocar em sua roupa porque viam que a virtude saia Dele constantemente e fluía como um rio. Ali estava Ele, caminhando num mundo diferente, com a Fé Perfeita, porque era a Palavra.
99 “Se estiverdes em mim”, (por meio Dele, porque Ele trouxe a Palavra a você) “e minhas palavras estiverem em vós”, então caminhai nesta mesma ia com virtude fluindo de você. Os rios das fontes de bênção Deus estão fluindo às pessoas. Entendem? E não é questão de crer algo fora do real ou de imaginar algo, mas em verdade está sucedendo. Você o pode ver. Se é algo que você o imagina, isso não ajudaria a ninguém; porém se em verdade existe, então é algo que realmente sucedeu.
100 Vejam bem: Ele disse: “Se o Corpo (este Templo) for destruído, Eu O ressuscitarei ao terceiro dia.” Por que? Ele estava contente por fazer isso, porque as Escrituras dizem que Ele (o Messias) o faria: “Porque não deixarás a minha alma no sepulcro; nem permitirás que teu santo veja corrupção.” Um profeta, a quem chega a Palavra, havia dito que isto sucederia, e ele sabia que era essa pessoa.
101 E quando Jesus mesmo disse: “Porão as mãos sobre os enfermos e os curarão.” Então você tem que ter essa confiança Perfeita que “quando as mãos forem colocadas sobre mim, eu sararei. Porque assim disse Ele.”
102 Ele disse: “Se destruírem este corpo, eu o ressuscitarei.” Disse assim porque sabia que ele era o Messias. “Não permitirás que teu santo veja corrupção”. Ele sabia que era o Ser Santo. “Nem deixarás minha alma na sepultura”; e assim foi. Ele sabia que o faria porque tinha confiança que havia vindo para conquistar ao inferno e a morte Disse: “Se quereis, destruí este corpo, e eu o ressuscitarei ao terceiro dia”. “Eu tenho poder para dar minha vida e também para reavê-la”. Ele sabia Quem era. Você como um cristão, tem direito a toda bênção sob a redenção, pela qual Cristo morreu. É sua! Tudo tem sido pago, somente tem que crer. E não é questão de imaginar, mas de crer e saber que é seu, então o pode possuir. Essa é a Fé conquistadora.
103 Ele podia predizer que certa coisa sucederia, porque sabia que sucederia, e tudo que Ele predizia, assim aconteceria. Tudo que ele dizia, Deus honrava. Pense nisso! Qualquer coisa que dizia Jesus, deus trazia a cumprimento. Então Ele sabia que suas palavras eram palavras de Deus. E agora vejam bem como essa mesma Escritura se aplica a nós: “Direis a este monte…” Oh irmão! Vamos deixar que isso penetre bem, porque dentro de pouco teremos a fila de oração.
104 Agora, vejam bem: Ele sabia que agradava a Deus, sabia que não havia nada mal em sua Vida. Deus já havia testificado dizendo: “Este é meu filho amado no qual tenho contentamento, a ele ouvi”. No dia do batismo de Jesus, deus disse: “Este é meu filho amado, no qual tenho contentamento. Nele me apraz morar. Nele não há nenhuma condenação”.
105 Logo, quando deus mesmo vem a você e se compraz em morar em você, se agrada em cumprir as palavras que você fala ou sua decisão. Qual foi a decisão de Josué? “sol, pára-te!” E ali ficou! Amém! Qual foi a decisão de Moisés? Estendeu sua vara sobre o mar e pediu que se abrisse e se abriu. Vê você? É “qualquer coisa que pedirdes”. Se “Diserdes a este monte: lança-te daqui para ali e não duvido, isso sucederá, então podereis ter o que desejais”. Isso é você na Palavra.
106 Agora, isto não é leite desnatado, mas carne fresca. Isto o identifica. Sei que provavelmente lhes passará por cima porque não pode ancorar-se, porém a fé genuína e verdadeira o capta no ato.
107 Amigos, eu tenho visto isto do qual estamos falando. Aqui está a Bíblia aberta ante mim, e sobre a Bíblia lhes digo que o tenho visto suceder, e sei que é a verdade. Eu seu e Deus no Céu sabe que possivelmente não viverei até terminar esta mensagem nesta manhã, porém seu que isso sucedeu. Eu mesmo o tenho visto e sou testemunha do cumprimento desta Palavra, e sei que é a verdade. Foi que falei, e logo estando de pé ali, vi ao grande Criador trazer à existência um ser vivo, ali ante meus próprios olhos. A gente move a cabeça e se põe a pensar. Logo vi que produziu outro igualzinho; e isto foi somente por falar. Logo voltei para cá e disse: “Outro aparecerá ali”. E olhei e ali estava. Agora isso é a verdade. Oh! Onde deveríamos estar? Ali está a Fé Perfeita. Não houve nenhuma visão, somente falar a Palavra. Eu não vi estes esquilos antes. Ele somente me recordou esta Escritura e seu significado, e disse: “Fala e não duvides porque o que tu disseres, isso sucederá”. Então eu aceitei a Deus em Sua própria Palavra, e ali estiveram. Correto. E amigos, como seu pastor, lhes digo que isso foi tão poderoso como quando Josué parou o sol; pois nesse caso o sol já estava ali, e todos elementos estavam movendo-se em sua órbita, e ele pasrou todo o movimento; porém neste caso, deus pôs algo ali que previamente não estava. Ele criou! Estou tão agradecido por conhecer a um Deus que pode tomar o pó da terra algum dia e sem nada mais me chamará de novo à vida depôs de haver sido sepultado sob a terra. Oh, irmão! Quão formoso é aquele hino que diz:
Minha fé olha para Ti,
Ó Cordeiro do Calvário.
108 “Se disserdes e não duvidardes, antes crerdes no que haveis dito, então tereis o que haveis dito”. Vê você? Creia que sucederá.
109 Davi falou dele ali nos Salmos; e com esta fé tomou seu poder e ministrou a outros; não o manteve somente para Si mesmo, mas ministrou a outros, e também salvou a outros mesmo do mais profundo, e pode operar do mesmo modo agora. E ele tem prometido a mesma fé aos crentes em sua Palavra, em João 14:12, em Marcos 16 e em Marcos 11:23,
110 Agora, ele tem aparecido a nós na mesma forma como apareceu no Antigo Testamento e no Novo Testamento; e nos tem mostrado pela mesma Palavra que é o mesmo Cristo. E eu declaro a vocês que Cristo é o Espírito Santo. A palavra “Cristo” significa “ungido”; uma pessoa ungida, esse é Cristo, o Ser ungido. Era um homem ungido; porém ungido com que? A Bíblia diz em Atos capítulo dois que “Jesus de Nazaré foi um homem aprovado por Deus, ungido com o Espírito Santo, e caminhou entre nós operando grandes maravilhas”. Deus manifestou e provou que Ele estava neste Homem.
111 E agora nós chegamos a ser ungidos com esse mesmo espírito. Somos como messias (plural) menores, messias do último dia para brilhar e dar a luz à ressurreição de Jesus para assim mostrar que Ele não está morto, mas que agora está na forma do Espírito santo em seu povo, movendo-se entre sua Noiva, na condição de enamorado dela, e está derramando-se nela, e assim chegando a ser Um para a Ceia das Bodas do Cordeiro. E os mesmos sinais prometidos pelo mesmo Deus na mesma Palavra, estão produzindo as mesmas manifestações.
112 Não nos resta outra coisa senão crer; e crer é a substância e isso produz a Fé Perfeita. Agora, por uns momentos pensemos em quão entorpecidos estamos: Tem feito Ele todas as coisas corretamente? Nos tem dito algo que não sucedeu exatamente como disse? Não tem sido Deus Quem tem operado exatamente como havia prometido e não tem sido a grande Coluna de fogo a que tem estado em nosso meio? O temos visto? O tem captado a ciência? E não foi predito ainda meses antes e logo ir a esse lugar e ver Isso suceder, e até os jornais e revistas O publicarem? Não tem operado tal como operou no Antigo Testamento? É exatamente o mesmo. É o mesmo Espírito Santo que vem e discerne, e a Palavra de Deus é mais eficaz e mais penetrante que toda espada aguda de dois fios, discernindo os pensamentos e intenções do coração. Não é correto? É o mesmo Deus? E esse mesmo, não é um estranho ali por outra parte, mas está aqui. Ele está aqui e faz isto para criar a Fé Perfeita. Eu O sinto e sei que está aqui agora mesmo. Eu sei que Seu Espírito está aqui. E sei que Ele conhece todas as coisas. Amém! E sei que Ele quer operar e tem estado operando para criar esta perfeição de fé no povo.
113 Entraremos à Eternidade, como sucedeu nos dias de Noé, com somente oito almas salvas? Chegaremos como Ló com apenas três de toda essa grande cidade de Sodoma? Chegaremos como nos dias de João Batista com apenas seis crentes? Creiamos! A falta não está em Suas obras, porque elas são perfeitas; suas obras são manifestadas diariamente e perfeitamente ante nós, mostrando que Ele é a Palavra. A Palavra diz em Hebreus 4:12:
Porque a Palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.
114 Pense! Assim é a Palavra de Deus: Discerne as intenções do coração. A Palavra feita carne! Aleluia! A Palavra operando em carne humana por meio de sinais físicos, materiais e Escriturísticos, tudo perfeito para trazer a vocês uma Fé Perfeita para um Rapto Perfeito.
115 Porque não o podemos ver? Não é algo místico. O diabo tem feito todo o possível para procurar com que você não veja isto. Ele entrará nos cultos e lhe apresentará toda classe de coisa. Sacuda-se dessas coisas! A Bíblia diz: “Levante-se e sacuda-se”. Desperte-se.
116 Seu Espírito está aqui e conhece a você. Você tem uma só coisa que fazer, e isso é crer. Aceite-o porque ele lhe conhece. Crê você isso? Ele sabe que está dentro de você e sabe o que você é. Ele conhece seus desejos e quais são suas necessidades.
117 Irmão Santiago, crê você que Ele conhece a condição desse menino? Você mediu a febre dele antes de ver ao culto, e foi de mais de quarenta graus. Crê você que Deus o curará? Dentro de dois dias estará curado. Acabo de ver o que fizeram antes de ver ao culto. Isso é a verdade.
118 Sra. Little, crê você que Deus lhe dará vitória sobre essa enfermidade de diabetes? Ali está uma mulher assentada ao seu lado, eu não a conheço, porém o Espírito está sobre ela, e ela está muito preocupada acerca de um filho que será operado de um lho. Ela vem de Chicago. “Viva e mais eficaz que espada alguma de dois gumes e discerne…” Que é? A Palavra. O Crêem assim? Certamente.
119 Há uma senhora na seguinte fila que faz pouco lhe fizeram uma operação no olho; a qual não teve muito êxito; porém crê você que estará bem? O crê? Muito bem, assim seja. Devia estar pensando nisso.
120 Sra. Peckenpough, não é para você, mas é para seu neto assentado aqui. Você está orando por ele, porém crê você que Deus pode cura-lo? Crê você que deus pode dizer-me o que tem? Os médicos não sabem o que é. Tem os pulmões inchados. Correto. Tem um problema no sangue. Você está indecisa se o deve deixar ir à escola ou não. “ Viva e mais eficaz que alguma espada de dois gumes”.
121 Agora, vejo uma senhora vomitando todo o alimento; está aqui em alguma parte. Deixem-me ver seu rosto. Sim, está assentada ali atrás, seu nome é Sra. Lewellen. Se você crê de todo coração, esse mal-estar no estômago, a deixará. Amém.
122 Aqui em frente dela está uma senhora que está me olhando, assentada na beira, tem lentes. Ela tem artrites em sua mão esquerda, isto é, tinha; já não a tem. Se somente crêem!
123 Que tal esse menininho ali atrás? Vem do Estado de Ohio e tem câncer no olho. Crê você que Deus o curará? Ele o fará. Você somente creia. Vêm da cidade de Akron, Ohio. Creia agora mesmo que Deus o curará, e ele o fará. Que é? “Viva e mais eficaz que espada alguma…”
124 Aqui está uma senhora assentada e é uma enfermeira. Algo lhe bateu e tem problemas em seu ombro. Correto. È Correto? Muito bem. Creia você, e isso a deixará. Vê você? “A Palavra de Deus discerne os pensamentos e intenções do coração”.
125 Agora neste culto não temos repartido nenhum cartão de oração. Aqui não os usamos, só quando é necessário para manter a ordem. Agora, quantos querem receber a oração, enquanto a Palavra é manifestada em carne? Vamos pois trazer esta fila primeiro por aqui, todos os que desejam receber a oração. Logo a outra fila se levanta e façam fila detrás destes, e logo esta fila de cá. “Viva e mais eficaz…” Poderia uma espada de dois fios fazer isso? Não senhor! Porém a Palavra de Deus pode fazer. Por quê? Porque é a Palavra de Deus. Agora crêem? Agora quero que toquem o hino “O Grande Curador”. Nunca poderei esquecer a ocasião quando estivemos na cidade de Ft.Wayne, Indiana e aquela jovem menonita estava tocando esse hino naquela noite quando aquele menininho foi curado; e ela saltou e o Espírito Santo caiu sobre ela, e seu cabelo ruivo muito longo caiu sobre seus ombros e o piano não deixou de tocar nem uma só nota. Foi o mesmo hino; “O Grande Curador agora está perto, Jesus tão bondoso”. O poder sobrenatural moveu as teclas do piano e continuaram tocando: O Grande Curador está perto…”
126 Agora, você crê? Deve. Recordem, se não crêem, não venham aqui, fiquem assentados. Diga: “Se eu sou filho, então virei crendo”.
127 E a Bíblia disse que “estes sinais seguirão aos que crerem: porão suas mãos sobre os enfermos e os curarão”. Correto. Agora, isso é sob certa condição: “Aquele que crer”. Eu o creio. Deus o tem provado e eu o creio. Ele tem manifestado Sua Palavra para mostrar que é sua Palavra. Agora você creia nisso quando vier por aqui. O farão? E quando puzer minhas mãos sobre você isso é exatamente o que a Bíblia nos tem mandado fazer…
128 Irmão Neville, tem você azeite par ungir? Venha cá deste lado e cumpramos toda a Escritura. Unja você a toda pessoa ao passar por aqui. Agora para assegurar que eu tenha a oração da fé para toda pessoa, cada um que é crente, ponha suas mãos um sobre o outro. Aqui é onde vamos encontrar algo nuns quantos minutos.
129 Vejo o avanço desta igreja nas coisas que cremos. Vejo o avanço das pessoas e como estão prontas para tomar a Espada e sair à frente da batalha e dizer: “Eu te desafio, Satanás; tu já não podes fazer com que não creia”. Por que fazemos estas coisas? Para que as pessoas cheguem a crer. É a Palavra. É para mostrar que estou lhes pregando a verdade, a Palavra. É a Palavra feita carne, feita carne em você, a Palavra vivificada em você e em mim. Oh, o Grande Curador! Bem, inclinemos nossos rostos.
130 Senhor Jesus, o Grande Curador agora está perto, e Tu és o Curador. Eu tenho pregado Tua Palavra e Tua Palavra nos tem declarado que Tu estás aqui e que és o mesmo ontem, hoje e para sempre, e que Tu não podes falhar; Senhor, jamais tens falhado. Agora cada um que tem suas mãos sobre o outro, que as benções de Deus repousem sobre eles. E como vimos, eles são crentes e quando os ungimos com o azeite, o pastor e eu e os passamos por esta linha, que cada um passe por aqui com fé crendo e sabendo que o mesmo Deus do Céu está presente. Que cada um se sacuda. Poderão fazê-lo por esta vez, Senhor? Permita, Senhor, que isto lhes penetre, por esta vez. Senhor abra seus olhos para que possam ver o que está sucedendo e que não sejam cegos caminhando às tontas, mas que possam ver a realidade de presença do Cristo ressuscitado. Conceda isto, Senhor, no Nome de Jesus Cristo. Amém.
131 Agora lhes conjuro no Nome do senhor Jesus Cristo que não venham a esta fila de oração se não sentem que têm esta Fé Perfeita, porque de outra maneira estarão somente tomando o tempo de outra pessoa que poderia vir. Não o faça! E agora, por todo o tempo que tenho estado pregando, tenho lhes dito algo que não chegou a suceder perfeitamente ao pé da letra? O Senhor é quem fez isto. Ele i fez não para mim (eu já creio), mas para vocês para que creiam que o que lhes estou dizendo é a Verdade. Agora creiam, tudo estará bem, e você estará curado. Quando você passar por aqui, deixe cair sua incredulidade nesse bolso espiritual; você não o verá porém ali está. Quando o azeite lhe tocar na fronte, deixe cair sua incredulidade imediatamente; deixe-a ali e prossiga adiante com Fé Perfeita, e estarás curado. O farão? O Senhor lhes abençoe.
132 Agora quero que aquele irmão pregador, o irmão Capps, venha e dirija a congregação no hino: “O Grande Curador está perto”. Não cantem com desânimo, mas do profundo do coração, todos alertas e despertos. Nós oramos para que Ele estivesse; eu estou crendo, Amém.
133 Agora bem, os que têm família venham para frente. No Nome de Jesus Cristo ponho minhas mãos sobre este irmão. (Aqui o irmão Branham põe suas mãos sobre cada pessoa enquanto passam pela fila de oração – Nota do Tradutor). São todos? Agora, inclinemos nossas cabeças e cantemos:
O Grande Curador agora está perto,
Jesus tão bondoso.
Ele fala para animar o coração desalentado.
Escutai, pois, a Voz de Jesus.
A mais doce nota no canto dos serafins.
O mais doce Nome pronunciado por mortais.
O mais doce hino jamais cantado:
Jesus, bendito Jesus.
134 Sabem o que lhes tenho feito? Vocês me chamam seu pastor, e dizeis bem porque o sou. Se eu, seu pastor, tenho sido identificado por Jesus Cristo ao fazer Suas obras, então creiam em minha palavra. Por meio deste ato de fé, de por minhas mãos sobre vocês, tenho conjurado as enfermidades e aflições que lhes têm molestado. Creiam e dessa maneira obterão sua petição: não importa o que seja, porque todas as coisas são possíveis aos que crêem. E quando forem orar creiam que receberão o que estão pedindo. Eu certamente creio que o receberei! E em meu coração aceito a cura de cada um de vocês; a aceito como uma obra completa. Eu o creio. O creio com todo meu coração. E agora com minhas mãos sobre estes lenços, tenho estado observando, e creio que produzirão exatamente o que as pessoas têm pedido. Eu creio.
135 Isto está chegando a essa Terceira Etapa. Estou crendo assim. E agora quero fazer-lhes uma pergunta sincera a vocês que passaram pela fila de oração: Pode você realmente crer e sentir agora mesmo que agora tem sucedido em você desde que passou por aqui e recebeu a imposição de mãos? Levantem a mão se assim é. Ali tem o resultado. Isto é o que estávamos esperando, o qual apenas está começando a brotar, a florescer; e eu fiz com um propósito porque estou planejando algo, tomando este ato de fé e regressando ao começo para subir a fé a um nível onde nunca o haviam visto antes; e não é somente qualquer fé, mas é Fé Perfeita, num coração perfeito, cumprir uma promessa perfeita por meio de Sua Palavra perfeita, a qual é mais aguda que espada alguma de dois fios, e discerne os pensamentos e intenções do coração. E que mais? Estamos chegando agora à perfeição, porque o povo tem que chegar a isto para o Rapto. Eu a estou buscando. E para mim significa muito sacudimento, e igual para você; porém juntos chegaremos pela graça de Deus. Amém.
O Grande Curador agora está perto,
Jesus tão bondoso.
136 Senhor Jesus, peço que abençoes a meu amado irmão: que o Espírito Santo sempre mantenha a este pastor são, em completa saúde, e fortalecido no serviço até que Tu o chames. O estou reclamando, Senhor, o amo. Estamos crendo agora, Senhor. No Nome de Jesus Cristo. Amém.
O mais doce hino jamais cantado:
Jesus, bendito Jesus.
137 O amam? Pense! Agora mesmo, aqui no edifício, Ele já começou a obra em seu corpo, a obra de cura, porque ele prometeu que sucederia. Agora, captaram o que eu estava dizendo nesta noite? Captaram a parábola? “Se disseres a este monte e não duvidares, antes creres que o que dizes…” Agora, tenho observado que em menos de cinco minutos muitas mãos têm se levantado indicando que a obra tem sido agora mesmo. É isso! Ali está. Que é? A presença do Grande Curador.
138 levantemos nossas mãos a Deus e cantemos o hino de novo:
O Grande Curador agora está perto,
Jesus tão bondoso.
Ele fala para animar ao coração desalentado.
Escutai pois, a Voz de Jesus.
A mais doce nota no canto dos serafins,
O mais doce Nome pronunciado opor mortais.
O mais doce hino jamais cantado:
Jesus, bendito Jesus.
139 Detenhamo-nos por uns momentos, adoremos-lhe em nossos corações. Pense! Deus está aqui, Ele está aqui. Quem se identificou com a Palavra? “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus e o Verbo era Deus. E aquele Verbo foi feito carne, e habitou entre nós. O mesmo ontem, hoje e para sempre. A Palavra mais aguda que espada alguma de dois gumes, que discerne os pensamentos e as intenções do coração”.
140 Por que tem vindo você aqui? Que propósito tem ao estar aqui? É Cristo identificando-se como o Messias. E hoje se identifica como o mesmo Messias de ontem, o mesmo por todos os séculos. O Grande Curador que está aqui é o mesmo que disse: “Estes sinais seguirão aos que crerem: Porão suas mãos sobre os enfermos e os curarão. E se disseres a este monte: move-te daqui para ali, e não duvidares em teu coração, antes creres…” Agora, ele pôde criar esquilos, os quais não têm a capacidade de crer; porém foi minha própria fé que fez isso: foi minha fé no que Ele me desafiou a que pedisse; ele me fez o desafio para que pedisse, logo eu aceitei o desafio, e em obediência à sua Palavra, o pedi, e ali apareceram. Deus no Céu sabe que isso é a verdade. Então, não pode também curar os enfermos? Pode me elevar com a fé a este nível, mesmo para as pessoas, ainda que elas não possam subir a esse nível, se não o podem fazer, Ele pode usar minha fé; pode elevar-me a esse lugar para subir por vocês. Estou crendo e falando por vocês. Eu sou seu irmão, intercedo por vocês e faço todo possível para manter-lhes ante Deus. E estou de pé agora mesmo ante o Grande Trono Branco apontando meu dedo para o sacrifício expiatório, e declarando em seu Nome que a obra está consumada. Tem que suceder. Sim, vocês sabem que já tem sucedido, e eu também. Assim é. Correto. Amém.
A mais doce nota no canto dos serafins,
O mais doce Nome pronunciado por mortais.
O mais doce hino jamais cantado:
Jesus, bendito Jesus.
141 E sabemos que os demônios se nos sujeitam em Teu Nome, o mais doce pronunciado por mortais. Esse Nome levanta aos enfermos, cura aos enfermos, limpa aos leprosos e expulsa os demônios; gera cristãos. Não há outro nome debaixo do céu. Eu vivo nesse Nome, Nele estou batizado, creio Nele e O adoro. Oh, permita que eu chegue a ser parte desse Nome! Que eu possa me esconder e ser encontrado em Ti: O Nome de Jesus Cristo, o Messias ungido. Então assim possa eu sair do lodaçal da incredulidade para refletir a beleza de Jesus Cristo: O Mesmo ontem, hoje e para sempre. Deus lhes abençoe.
142 Quando regressarem no próximo domingo, então dêem o testemunho de como foram curados e o que sucedeu durante esta semana. Observem bem o que sucederá: a enfermidade já cessou. “E como sabe você?”
143 Ele me disse que dissesse e o disse. Tudo isso tem cessado. Eu creio. Agora seu pastor, irmão Neville. Um momento por favor. Louvado seja o Nome do senhor. Levantemos nossas mãos e O adoremos. Obrigado, Senhor.
144 Agora, como crentes, notaram o tempo que ocupou a mensagem e o ritmo em que veio, e notaram como a interpretação veio igual? É isso. Foi exatamente de acordo com a mensagem que temos pregado hoje; confirmou como uma verdade que Ele já tem feito o que tem prometido fazer. Observe bem como veio a mensagem em línguas e logo a interpretação. Veja o tempo que este falou aqui, e logo em quantas palavras falou este irmão ali. Perfeitamente.
145 Deus lhes abençoe até que nos vejamos outra vez.
Deus vos guarde no Seu santo amor;
Até o dia em que chegarmos
À Pátria onde estaremos
Para sempre com o Salvador
Ao vir Jesus nos veremos,
Aos pés de nosso Salvador;
Reunidos todos seremos,
Um redil com nosso bom pastor.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...