A OBRA-PRIMA DE DEUS IDENTIFICADA
05 de dezembro de 1964
Yuma – Arizona – E.U.A.
Tradução – EUA


1 Muito obrigado, irmão. Billy quer que eu diga que esta é minha primeira vez no púlpito por três meses. E ele…Eu me lembro da primeira vez que lhe pedi para testificar, ele disse: “Em primeiro lugar, estou assustado.” Eu também estou. Há cerca de trinta e cinco anos no ministério, e este é o maior período em que fiquei fora do púlpito desde que entrei no ministério. Eu precisava de um pequeno descanso, de modo que o irmão Mosley e eu, e alguns dos irmãos aqui, fizemos uma pequena caçada. E estamos descansados agora. E esta é minha primeira reunião desde que estou…por volta de primeiro de setembro. E é algo significativo. Um ministério é algo com que se deve permanecer?
2 E agora eu lhes pedi para desligar aquele ventilador, ou ver se poderiam desligá-lo, porque sei que é difícil ouvir. E é difícil, eu sei, quando alguém, está dando seu testemunho. Foi difícil para eu ouvi-los. Vocês conseguem ouvir bem agora? Bom. Eu sei que devo ficar meio perto deste microfone até que eles acertem isso.
3 Este é certamente um – um grande privilégio para mim, e eu – eu estou certamente grato ao presidente, e à subdivisão local dos Homens de Negócios do Evangelho Completo aqui em Yuma, e por todos os ministros. Estes ótimos cantores aqui, que estiveram aqui em cima faz alguns momentos, eu gostaria de ouvi-los na – na reunião. Isso foi realmente bom. Eu – eu simplesmente me perguntei, quando estavam cantando, se João me viu. E espero que tenha visto. E, assim, eu ouço dizer que vocês estão num reavivamento aqui. O Senhor os abençoe ricamente, irmão e irmã, enquanto vocês ministram. E a todos os meus amigos em Phoenix e diferentes lugares, que estão…e de lá da Califórnia.
4 E somente quero dizer uma palavra sobre as sedes locais. Quando vim ao povo pentecostal, eu era…tive uma experiência pentecostal, não sabendo que havia uma igreja pentecostal. Eu era da Batista Missionária, então. Eu havia recebido o batismo do Espírito Santo, e descobri que havia algumas pessoas que criam na mesma coisa que eu havia recebido. E elas a tinham recebido quarenta anos antes de eu a receber. Deste modo eu fui apenas um, como Paulo disse, eu creio, não tentando acompanhá-lo, mas de certo modo “um nascido fora de tempo.” Mas os…Meus irmãos pareciam pensar que eu tinha me desviado, como que meio fora, como dizemos. Mas eu – eu sabia que tinha recebido algo. Então, minha experiência era exatamente como eles tinham ali. E é assim que eu gosto disso.
5 E, porém quando vim entre eles, a parte dolorosa disto, eu descobri que estavam mais ou menos tão divididos, em diferentes denominações, como minha igreja batista estava. E eles…Eu pensava que havia somente uma chamada pentecostal, e fosse só. Mas vim a descobrir que havia várias diferentes denominações. De modo que, agora, eram todas ótimas. Eu sei que alguns dos homens mais admiráveis que já conheci na vida, estavam nestes grupos. E eram – eram, naturalmente, diferentes denominações. E meu – meu pensamento era que devíamos ser um de coração, com Cristo, e nunca me uni a nenhuma denominação deles. Só permaneci entre eles, e tentando segurar ambas as mãos e todas as mãos, e dizer: “Somos irmãos.” Nós não…Nós podemos ver pequenas coisas de modo diferente uns dos outros. Mas, fora tudo isso, ainda somos irmãos, porque nascemos do mesmo Espírito. Somos a família de Deus.
6 Então quando os homens de negócios cristãos, os Homens de Negócios do Evangelho Completo, esta subdivisão, eu estive entre as primeiras reuniões com o irmão Shadarian. Eu o conheci antes que houvesse a organização, ou o organismo tivesse sido estabelecido. Considerei que era uma grande coisa. E tem sido uma porta aberta para mim, para viajar internacionalmente com estes Homens de Negócios do Evangelho Completo.
7 Onde, às vezes, encontra-se um grupo de ministros, algumas vezes, eles criam um pequeno sentimento contra outro grupo, porque alguém disse alguma coisa. Isso não é em todos os lugares, mas encontramos isto em certas localidades. E como, se uma igreja vai patrocinar, a outra não quer ter nada a ver com isto.
8 Porém com os Homens de Negócios do Evangelho Completo, tem sido uma porta aberta para mim. Quando eles chegam, então eu reúno todos os meus irmãos, e nós – nós podemos nos associar; talvez dois pastores poderiam ter tido um sentimento, ou algo assim. Esta tem sido uma grande porta aberta, e tenho viajado internacionalmente para eles agora faz anos, falando em suas subdivisões.
9 E Yuma não tem uma cidade muito grande, apesar de eu supor que seja muito maior que aquela de onde venho, Jeffersonville, Indiana. Mas eu me encontrei com seu presidente aqui. O…ele estava…e várias pessoas de sua sede local. E acho que vocês têm uma maravilhosa oportunidade aqui.
10 Eu só estava pensando, esta noite, enquanto me sentava aqui e olhava para as pessoas. Vocês sabem, muito em breve nós vamos ficar sem este privilégio. O Concílio Mundial de Igrejas em breve irá nos engolir. Eu presumo que a maior parte da minha audiência esta noite seja formada por pentecostais, e batistas, e – e Igreja de Deus, e aqueles que estão fora desse Concílio Mundial de Igrejas. E – e eles, é exatamente disso que eles fizeram uso, e isso é o que a Bíblia disse que fariam. E estamos advertidos disso, de modo que permaneçamos desembaraçados disto. E assim como estava falando esta noite no cântico, acerca da Vinda próxima do Senhor, pode estar mais perto do que pensamos que esteja.
11 E penso que quando podemos nos reunir com este tipo de companheirismo, isto faz algo a nós, nos aproxima uns dos outros. E à medida que nos aproximamos uns dos outros, também nos aproximamos de Deus, porque Jesus disse: “Quando o fizestes ao menor destes Meus pequeninos, a Mim o fizestes.”
12 Eu tenho um garotinho aqui em algum lugar, eu suponho, Jose. Eu tenho Billy sentado aqui. Duas filhas sentadas ali atrás, e uma esposa. Agora se alguém tivesse algo que fosse…você quisesse proceder de forma realmente amável, eu preferiria que o fizesse por meus filhos do que fazê-lo por mim. E assim eu me sinto talvez, como pai…E Ele é a fonte da paternidade. Acho que é assim que Deus Se sente. Se tivéssemos de…Nós O servimos à medida que servimos uns aos outros. É assim que servimos a Deus.
13 E sabendo que isto é a verdade, então eu penso que toda vez que esta subdivisão se reúne, sendo que ela permanece interevangélica. Não há realmente nenhuma doutrina em particular que os Homens de Negócios do Evangelho Completo. E se alguém discorda, está perfeitamente bem. Está bem. Nós temos companheirismo, de qualquer maneira. Deste modo eu acho que seria uma…Se eu morasse aqui nesta cidade, eu creio, quando essa subdivisão se reunisse, se houvesse alguma maneira possível, de algum modo, eu estaria ali e teria todos ali que pudesse levar. Isso mesmo, porque é uma – é uma coisa que fortalece juntos.
14 Eu moro em Tucson, e estou constantemente falando naquela subdivisão local, o tempo todo. E em Phoenix, desde que me mudei para o Arizona eu estou em Phoenix toda vez que tenho oportunidade de escapar e ir a – a Phoenix. Porque, e tento trazer alguém comigo, convido alguém, trago outros ministros.
E dizem: “Bem, bem, veja, irmão Branham, nós não.”
15 Eu digo: “Não importa o que vocês…Simplesmente venham comigo. Venham como um – um amigo, comigo.”
16 E somente os levo ali um pouquinho. Isso é tudo que se tem de fazer. E eles descobrem que o coração de todo homem está faminto por companheirismo. E deveríamos estar fazendo dessa maneira. É um grande sinal do tempo do fim. Deus abençoe esta subdivisão. Que ela – que ela exista até que o Senhor Jesus venha para nos receber em cima na Glória, é a minha oração.
17 Agora, eu me lembro da minha primeira viagem por Yuma. Eu estava num Ford Modelo T que conseguia alcançar trinta milhas por hora. Eu estava pensando enquanto chegava dirigindo hoje. Ainda fiel ao Ford; eu ainda tenho um, e não tive nenhum outro além disso. Mas eu… Agora, eu não vendo Fords. Agora, não estou fazendo propaganda disso. Estão vendo? Mas lembro-me de como aquele Ford…Muitos de vocês mais ou menos da minha idade se lembram do velho Modelo T. Isso foi em 1927. Você tinha de olhar muito bem ou não encontraria Yuma quando passasse. Era muito pequena, e vocês certamente cresceram. Mas, a maneira como eu tirava trinta milhas por hora no meu Ford: ele ia a quinze milhas por hora nesta direção, quinze nesta direção. De modo que, somando, eu tinha trinta milhas por hora, com todos os meus solavancos e coisas tais. Yuma cresceu.
18 Esta gloriosa Igreja, pela qual estamos – nós estamos batalhando por esta maravilhosa Fé.
19 Obrigado, irmão, quem quer que tenha feito isso. [Alguém deu alguma coisa ao irmão Branham – Ed.]
20 Ela cresceu, também, e estamos agradecidos por isso. O Senhor abençoe a todos vocês.
21 Nós esperamos que se vocês estiverem nas imediações, perto de qualquer destas reuniões…Eu tenho a – a subdivisão em Phoenix, para falar, no próximo domingo. E no domingo seguinte em Flagstaff. E na segunda-feira seguinte, dia vinte e um, haverá um banquete em Tucson. Todos estão convidados.
22 E, querendo o Senhor, eu quero falar no salão de baile do Hotel Westward Ho, eu creio. Em que noite começa? [Alguém diz: “Domingo à tarde, dia dezessete.” – Ed.] Domingo à tarde, dia dezessete, apenas um pequeno culto evangelístico. Espero que estes cantores estejam por perto, próximo daquela ocasião, para nos ajudar. E vamos estar ali então até quarta-feira. Acho que é domingo à tarde. E fazemos isso porque não interromperemos nenhum dos programas das igrejas. Então segunda e terça-feira, e então quarta-feira estaremos no Ra-…no West-… no Ramada Inn [Hotel – Trad.], Ramada Inn. E então quinta-feira começamos no Westward Ho. É isso?
23 [Um irmão diz: “Westward Ho, domingo, segunda-feira, terça-feira. Então vamos ao Ramada Inn, quarta-feira, e ficamos ali até a convenção.” – Ed.] A convenção termine, no Ramada Inn. De modo que ficaremos contentes em tê-los a qualquer hora.
24 Agora, antes de nos voltarmos para este Livro, vamos inclinar a cabeça só por um momento e falar com o Autor.
25 Agora, de cabeça inclinada ao pó de onde Deus nos tirou, e, se Jesus tardar, temos de retornar nessa direção algum dia. Simplesmente desde que tenho estado aqui, eu recebi um recado do Leste, que uma pequena dama que conheci…É a jovenzinha chamada Edith Wright. Partiu para se encontrar com Deus esta tarde, às três horas. Nós temos de regressar. Se há alguém aqui que gostaria de ser lembrado na oração, por favor, somente erga a mão a Deus. Deus os abençoe.
26 Pai Celestial, como temos de tal maneira desfrutado deste ótimo companheirismo, cantando, oh, como emocionou o meu coração quando ouvi esse cântico: João Me Viu? Pai, confio que todos estaremos ali, cada um de nós. E estamos inclinados agora em direção ao pó, e nós – nós rogamos que Tu recebas nossa – nossa ação de graças, e nosso arrependimento, e nossa oração uns pelos outros.
27 E agora nos voltamos para a Tua Palavra, a parte sagrada da reunião que parece ser mais sagrada do que – do que o restante, porque sabemos que nesta ocasião estamos tratando com pessoas, para conduzi-las a uma Verdade, a Cristo e à Palavra, que é Cristo. E rogamos que Tu abras a Palavra para nós. Nós – nós somos insuficientes, Senhor, mas Tu és todo-suficiente. Assim eu rogo que Tu abençoes nossos débeis esforços, e que esta noite encontremos a nós mesmos e à nossa posição na Palavra de Deus. Concede isto, Pai. E Te daremos o louvor, porque pedimos isto em Nome de Jesus. Amém.
28 Agora, é realmente agradável estar aqui. Tenho algumas notas aqui às quais pensei referir-me, por alguns minutos visto que não creio que nos seja permitido usar este salão por muito tempo à tarde. E sou um tanto, também, entre o povo pentecostal, sou um tanto lento, vocês sabem.
29 Eu me lembro. Eu lhes disse, talvez. Quando pela primeira vez vi um ministro pentecostal, foi o Rev. Robert Daugherty de Saint Louis. Eu duvido que qualquer um de vocês o tenha conhecido. Vocês viram o testemunho da garotinha dele no livro. Ele foi – ele foi…Ela foi curada da dança-de-são-vito, e tinha sido desenganada. E foi assim que conheci as primeiras pessoas pentecostais.
30 E, isto, fui ouvi-lo pregar, e – e, ora, ele – ele conseguia pregar. Ele… Ele nem mesmo esperava por nada. E pregava até ficar completamente sem fôlego, e ficava roxo, e seus joelhos dobravam juntos, e ele quase encostava no chão. E recuperava o fôlego, podia-se ouvi-lo lá do outro lado da cidade, quase, voltava pregando. E pensei: “Que coisa, eu – eu simplesmente não consigo pensar nisto tão rápido.”
31 Eu simplesmente tenho de me apressar. Sou um tanto lento, e ficando velho, também, vocês sabem, arrastando-me de um lado para outro, de modo que espero que vocês sejam pacientes comigo por alguns minutos.
32 Uma coisa é certa, que eu sei que não falhará, é a Sua Palavra. “O céu e a terra passarão, mas a Sua Palavra jamais falhará.” Assim vamos abrir agora, se você tem sua Bíblia, e gosta de lê-La, no Livro de Isaías, no capítulo 53 de Isaías. Eu gostaria de ler isto somente para edificar, tomar um texto sobre o qual formar um contexto, por um tempo.
Quem deu crédito à nossa pregação?…a quem se manifestou o braço do Senhor?
Porque foi subindo como renovo perante ele e como raiz de uma terra seca; não tinha parecer nem formosura; e, olhando nós para ele, nenhuma beleza víamos, para que o desejássemos.
Era desprezado e o mais indigno entre os homens, homem de dor, experimentado nos trabalhos e, como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado, e não fizemos dele caso algum.
Verdadeiramente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputamos por aflito, ferido de Deus e oprimido.
Mas ele foi ferido pelas nossas transgressões e moído pela nossa iniqüidade; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele,…pelas suas pisaduras, fomos sarados.
Todos nós andamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho, mas o Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos.
Ele foi oprimido, mas não abriu a boca; como um cordeiro, foi levado ao matadouro e, como a ovelha muda perante os seus tosquiadores, ele não abriu a boca.
Da opressão e do juízo foi tirado; e quem contará o tempo da sua vida? Porquanto foi cortado da terra dos viventes e por…transgressão do meu povo foi ele atingido.
E puseram a sua sepultura com os ímpios e com o rico, na sua morte; porquanto nunca fez injustiça, nem houve engano na sua boca.
Todavia, ao Senhor agradou o moê-lo, fazendo-o enfermar; quando a sua alma se puser por expiação do pecado, verá a sua posteridade, prolongará os dias, e o bom prazer do Senhor prosperará nas suas mãos.
O trabalho da sua alma ele – ele verá e ficará satisfeito; com o seu conhecimento, o meu servo, o justo, justificará a muitos, porque a iniqüidade deles levará sobre si.
Pelo que lhe darei a parte de muitos, e, com os poderosos, repartirá ele os despojos; porquanto derramou a sua alma na morte e foi contado com os transgressores; mas ele levou sobre si os pecados de muitos e pelos transgressores intercedeu.
33 Eu simplesmente gostaria de dizer isto, como um pequeno texto. Eu gostaria de tomar um texto daí, como: A Obra-Prima de Deus Identificada.
34 Agora, este seria um – um – um texto e tanto para se ler, para selecionar uma obra-prima. Mas quando olhamos para isto, como pensaríamos, isso seria qualquer outra coisa exceto uma obra-prima, porque disse: “De Quem os homens esconderam o rosto, e nenhuma beleza víamos, para que O desejássemos.” E muitas vezes, o que nós chamaríamos de obra-prima, enquanto Deus não teria nada que ver com isto. Porque, a sabedoria do homem é loucura para Deus, mas a loucura de Deus é mais sábia do que toda a sabedoria do homem.
35 E nós vemos aqui que Deus nos dá um quadro de algo. Eu gostaria de tentar trazer este quadro perante nós, pois compreendo que pode ser a última vez que alguns de nós nos reuniremos. Pode ser que nunca mais nos vejamos novamente como estamos agora. Portanto, se nos reunimos com este propósito, não para ser vistos ou ouvidos…
36 Porém tivemos nosso companheirismo uns com os outros enquanto servimos esta maravilhosa refeição esta noite, de lado a lado da mesa, enquanto alimentamos nosso corpo físico, e agora gostaríamos que Deus alimentasse nossa alma com Seu Maná que está oculto. Somente àqueles sacerdotes que entraram no Santo dos santos é permitido comer do Seu Alimento.
37 E se notamos, esta noite, nosso – nosso bife. Não creio alguma vez tenha tido um – um banquete, em todos os lugares em que fiz reuniões, como esta noite, que tenha tido um bife tão bom como serviram esta noite. Agora, vejam, porque tivemos de ter isto; se vivemos, algo teve de morrer de modo que pudéssemos desfrutar deste tempo de companheirismo, e também sustentar nossa vida.
38 Estive conversando com um homem que era vegetariano, não faz muito, e ele me disse: “Bem, eu – eu não concordo com o irmão.” Bem, ele – ele me deu como que uma carta, queria se encontrar comigo em particular. E ele disse: “Irmão Branham, eu sempre o considerei um homem santo.” Ele disse: “Mas quando o ouvi dizer que comeu presunto e ovos para café da manhã,” disse, “isso – isso me desanimou.”
39 Bem, isso, eu não colocaria a pedra de tropeço no caminho dele. Agora, essa é a maneira dele crer. Mas eu disse: “Bem, senhor, se não como, eu não vivo.”
40 Ele disse: “Mas, veja, o irmão teve de comer um porco, e – e matar um frango.”
41 Eu disse: “Senhor, nós somente vivemos de substância morta. Não importa o que se coma. Se come vegetais. Se come. Se come pão, o trigo morreu. Se come milho, o milho morreu. Se come feijão, o feijão morreu.”
42 O que quer que se coma, você somente pode viver fisicamente porque algo morreu para que você pudesse viver. Agora, o que quer que se faça, até mesmo beber leite, as bactérias, o que quer que seja, você tem de viver de substância morta. E isto somente prova, se temos de viver esta vida natural, e somente podemos fazê-lo por substância morta, algo teve de morrer de modo que pudéssemos viver eternamente. Esse foi Jesus Cristo, que Deus deu por nós como resgate.
43 E agora, quando pela primeira vez me encontrei com o povo pentecostal, eu – eu fui à Califórnia, o estado adjacente logo aqui, do outro lado do rio. E estava em Los Ângeles. Eu não vivi nos dias desta famosa dama ministra, Sra. Semple…Aimee Semple McPherson. Cheguei a conhecer seu filho, Rolf, um fino cavalheiro cristão, e – e sua esposa e família. Eles são certamente pessoas encantadoras, e o Dr. Teeford e muitos da equipe do Templo Angelus. E eu preguei o Jubileu dos Pentecostais, Jubileu de cinqüenta anos ali, poucos anos atrás, e com certeza aproveitei muito.
44 Assim em respeito a esta mulher, que deu um exemplo como ela fez, de tentar o melhor que pôde, e para – para apresentar o que estava em seu coração, eu prestei um tributo a ela ao ir ao seu sepulcro em Forest Lawn. E enquanto estava ali de pé com meu chapéu tirado, e – e inclinava a cabeça e agradecia a Deus pela nobre vida desta pequena criada, foi-me então perguntado pelo grupo com o qual estava, um grupo de ministros, se eu gostaria de dar uma volta pelo…por todo o Forest Lawn. E no interior da capela mortuária ali, ou como quer que a chamem, eu estava olhando os diferentes desenhos, e vi a Ceia do Senhor, e me detive. Muitos de vocês a notaram, quando põem as luzes sobre ela, a Última Ceia, e ouviram a história dela.
45 Mas uma das coisas mais notáveis que vi ali, foi quando se entra pela porta, eu acho que seria do lado leste. Havia uma – uma estátua de Moisés que se encontrava ali, que foi a obra de coroamento da vida de Michelangelo, eu creio que foi, o escultor. Que, eu posso estar errado quanto ao homem. Creio que está certo. Michelangelo, esse – esse…o grande escultor que deu forma a isto, ou uma imagem de Moisés. E como ele a estava explicando, o – o guia que estava nos conduzindo, ele disse que essa foi uma das maiores obras-primas que Michelangelo produziu. E disse que consumiu muito da sua vida, trabalho árduo.
46 Então eu notei, eu creio que era, no joelho direito. A estátua parecia perfeita, polida, e Moisés com a tábua das leis na mão, e sua barba comprida. E era, naturalmente, a concepção mental de Michelangelo, do que Moisés devia parecer. Talvez nunca tivesse visto um quadro, mas, em sua própria mente, ele esboçou o que pensou como que Moisés devia parecer.
47 E a história continua, tão logo ele concluiu a – a estátua, e toda polida e perfeita, ele se afastou para contemplar sua obra. E quando ficou tão inspirado, a tal ponto que ela parecia tanto…O que ele tinha em mente, ele tinha feito com a mão. Parecia tanto com isto, e todos os anos que ele tinha esperado por isto, que ele ficou tão empolgado com a inspiração, ele a golpeou no joelho e gritou: “Fala!” E há um lugar quebrado na – a – na perna, joelho de Moisés, onde Michelangelo golpeou com seu martelo, porque ele estava tão inspirado.
48 Veja, havia algo dentro dele, no princípio, que ele esboçou um quadro mental do que pensou como que Moisés devia parecer. E quando ele viu isso refletido diante dele, a própria coisa que ele tinha em mente, o que ele pensou como que Moisés devia parecer; e levou essa visão consigo por todos aqueles anos e anos, conforme apanhava o grande pedaço de granito, e lascava um pedaço aqui e um pedaço ali, e o marcava, porque tinha de sair perfeitamente. E quando ela estava concluída diante dele, ele – ele viu o reflexo do que estava em sua mente. Foi isso que de tal modo o inspirou a golpear a imagem, e gritar: “Fala!” Todos os seus anos de labuta tinham sido recompensados. Seu grande trabalho manual tinha sido completado.
49 Agora nós vemos isso, e eu – eu fiquei inspirado por isto, porque pensei que, realmente, a marca na perna foi o que a tornou para mim a obra-prima. Porque, apenas, se tivesse sido apenas outro retrato, ou algo de Moisés, algum tipo de figura de que algum homem tivesse tido uma concepção. Mas, o homem que estava fazendo o trabalho, ela de tal modo o satisfez que ele a golpeou. E a marca nela a tornou a obra-prima para mim, porque ela refletiu perfeitamente o que estava em sua mente como que Moisés devia parecer.
50 Oh, eu fiquei ali. Eu tive de me afastar por alguns minutos, para pensar no – no que isso deve ter significado para ele, e – e o que significou para mim nessa ocasião. Então veio à minha mente, isto sobre o que quero lhes falar.
51 Vamos voltar agora nossos pensamentos de Michelangelo, ao grande Escultor, Deus Todo-Poderoso, o Qual, no princípio, antes que houvesse um dia ou raiar de dia, antes que houvesse um átomo ou uma molécula. Deus, em Sua mente, teve o homem, como que o homem devia parecer, o que ele devia ser, e como devia agir. E queria que esse homem fosse parte de Si, de modo que “Ele fez o homem à Sua imagem, e à semelhança de Deus criou Ele o homem,” oh, quando Deus, no princípio, fez esta obra-prima, algo que refletiu Seus pensamentos.
52 Lembre-se, há somente uma forma de Vida Eterna, e nossos…até mesmo nosso nome e nossos pensamentos estavam com Deus antes que houvesse a fundação do mundo. Porque agora nós possuímos Vida Eterna. E para sermos isso, nós temos de ser uma parte de Deus. De modo que teríamos de estar esse tanto em Seus pensamentos, porque temos Vida Eterna, e fomos predestinados para esta vida. “E nosso nome foi posto no Livro da Vida do Cordeiro antes da fundação do mundo,” conforme Apocalipse. Agora, que Deus nos teve em Seu pensamento, então temos Vida Eterna, porque então Ele nos falou, e viemos à existência. E uma palavra é apenas um pensamento manifestado. Deus nos teve, no princípio, em Seus pensamentos.
53 Agora, e quando ele fez Adão, aquele primeiro homem, quão perfeito ele era. Ele parecia Deus. Deus, o grande Espírito Santo, chocando sobre a terra, e Ele…os pássaros saíram, talvez, e os animais, diferentes coisas, e continuou vindo mais na forma Daquele que estava chocando. Até que, finalmente, surgiu uma espécie exatamente como Aquele que estava chocando, Deus. Deus foi, ou…O homem foi feito à imagem de Deus, então, quando Ele o colocou neste grande jardim. Como Michelangelo colocou a grande obra de sua vida, e todos os grandes escultores; Deus colocou Seu trabalho manual no jardim do Éden, fez-lhe uma companheira. Que – que – que completa satisfação foi para Deus, a tal ponto que Ele descansou. Estava simplesmente em descanso. Sua obra tinha sido completada.
Então a história triste vem, do inimigo.
54 Agora note. Esta coisa que eu quero que você tenha em mente, que Deus deu a este homem uma proteção, Ele lhe deu. Ele o fortificou dentro de Sua Palavra, porque lhes disse o que poderiam fazer, o que não poderiam fazer.
55 E essa é a mesma base onde nos encontramos hoje, o que podemos fazer, o que não podemos fazer. Não importa quão bons sejamos, o quanto vamos à igreja, ou façamos isto, nós temos de nascer de novo. Está vendo? Tem de ser.
56 E Deus disse a Adão o que ele podia fazer e o que não podia fazer. Ele o colocou detrás de Sua Palavra.
57 E então o inimigo entrou, por meio de engano, e atravessou rastejando os muros da Palavra de Deus, porque a porta foi aberta para ele, e desfigurou essa imagem, para pecar. Essa é uma das histórias mais tristes.
58 Ao pensar que o homem que foi feito à imagem de Seu Criador, e lhe foi dado um muro atrás do qual ficar, que essa Palavra não poderia nunca falhar. Essa é – essa é a esperança do cristão. É seu – seu escudo. É sua armadura. É sua rocha hoje, é, ficar atrás da Palavra; todo crente.
59 Agora, você nunca deve sair detrás Disso. Quando sai, você, você está abrindo a porta para o inimigo, quando dizem: “Oh, bem, você pode fazer um pouco disto, e um pouco daquilo.” Deus quer que você se separe de tudo que se chama pecado. Completamente separado para Ele, e para Ele somente.
60 Ele tem um propósito em sua vida, cada indivíduo, de modo que ninguém mais na face da terra pode tomar o seu lugar. Deus tem algo para você. Você foi feito dessa maneira. Você foi feito dessa maneira com um propósito. Deus é soberano em Sua obra. Ele até mesmo… Coisas diferentes. Nós diferimos, uns dos outros.
61 Nós notamos na vida animal. Nós verificamos, na vida animal, há um animal, Deus fez um animal de carga, como o cavalo, e – e ele tem de trabalhar. E a vaca é um sacrifício. E, mas, o – o leão e o tigre vagam pela floresta sem qualquer labor nem nada. Ele fez um grande animal como um elefante, então fez um pequenino como o rato. Agora, quem está ali para dizer a Deus o que fazer e como fazê-lo? Ele o faz à sua própria maneira.
62 E Ele faz as montanhas. Ele faz os desertos. Ele faz os – os mares. Ele faz as planícies. Ele faz um tipo de árvore, madeira dura, a palmeira, e – e assim por diante. Ele faz isto.
63 Ele faz os homens diferentes. Ele nos dá, a cada um, um lugar diferente. E uma palmeira nunca pode ser uma nogueira. Uma nogueira nunca pode ser uma palmeira. Ninguém pode tomar o seu lugar, e você não devia tentar tomar o lugar de ninguém. Porque você é um indivíduo para Deus, e Deus tem um propósito para você. Ele o fez assim. Você diz: “Por que Ele fez isto?” Ele é soberano. Existe uma razão para Ele ter feito isto ser assim.
Mas nós verificamos que todos somos guardados pela Palavra.
64 No céu nós olhamos para os corpos celestes. A Bíblia diz que até mesmo uma estrela difere da outra. Existe a Sírio e várias outras. E Marte e Júpiter, todas essas outras, elas diferem umas das outras. O sol difere da lua, e a lua das estrelas. E há Anjos, tal como há Serafins e Querubins, e Anjos e grandes Anjos, em – em categorias. E até mesmo no novo mundo vindouro, os reis da terra trazem sua honra para a cidade.
65 Nós sempre vamos ser assim. Porque, Deus não é um Sears and Roebuck Harmony House [Sistema de decoração das lojas Sears and Roebuck baseado em apenas alguns tons para a casa toda – Trad.]. Ele é um Deus de variedade. Ele faz um de uma maneira, e um de outra. Porém devemos servi-Lo da maneira que Deus nos fez, e estar contentes, e permanecer detrás de Sua Palavra. E foi assim que Deus fez isto.
66 Mas quando verificamos que o inimigo passou através daquela Palavra, a isto, um trabalho manual de Deus, ele o desfigurou. E é exatamente isso que ele está fazendo agora. Está se movendo despercebidamente através daquele trabalho manual, o inimigo está, tentando nos tornar um Concílio Mundial de Igrejas. E o homem tem…Ora, os homens não conseguem nem mesmo concordar uns com os outros, como vamos fazer um mundo inteiro concordar com um homem? E tão logo se faça isto…
67 Nós temos Um com Quem devemos nos manter em harmonia, que é Deus. “E no princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.” E a Palavra permanece Deus, e sempre será Deus, porque Deus está na Palavra. “E o Verbo Se fez carne e habitou entre nós,” na Pessoa do Filho de Deus.
68 Agora nós verificamos que depois, Ele encontrou nesta grande desfiguração. Parecia, tivesse sido você e eu, e tivéssemos gasto todo aquele tempo e esforço, nós teríamos chutado a coisa e simplesmente largado mão. Porém, não Deus. Ele não estava querendo deixar Seu trabalho arruinar-se. Esse é o amor de Deus. Não admira que o poeta tenha dito:
Se as águas do oceano fossem tinta,
E o céu um pergaminho,
E cada haste da terra uma pena,
E todo homem escriba por profissão;
Para escrever o Amor do Deus Altíssimo,
As águas do mar se secariam;
Ou o pergaminho não seria suficiente,
Ainda que estendido de céu a céu.
69 Veja, o amor de Deus! Depois que o homem tinha caído e deliberadamente aberto a porta para o inimigo, e entrado e o desfigurado, e posto a morte nele, ainda assim Deus não estava querendo que isto malograsse. Ele desceu e começou tudo novamente. Ele ia fazer aquele homem novamente.
70 Ele pôs Adão num concerto: “Faça isto, e não isto; isto, e não aquilo; não toques, não manuseies, não proves.”
71 Mas nós verificamos que quando Ele começou novamente, Ele começou com – com Abraão. E em Abraão Ele fez que iniciasse com um concerto incondicional. Não “se tu quiseres.” Eu fiz. Eu já o fiz. Eu te abençoei, a ti e à tua semente, e assim por diante, depois de ti.” Era um concerto incondicional. Ele começou com Abraão, Sua feitura novamente, e agora com Seu concerto incondicional. Então, ao verificarmos, Ele baseou isso em Abraão e lhe deu o concerto, incondicional, com a promessa.
72 Então Ele veio aos patriarcas, nós vimos em seguida, no Antigo Testamento, enquanto seguimos. Aqui ele mostrou a fundação do seu trabalho. Agora nós temos Abraão, Isaque, Jacó, José; os quatro patriarcas.
73 Agora, Abraão representou a obra de fé, fé, porque Abraão era uma fé. Ele tinha a grande fé, porque, “ele não duvidou da promessa de Deus por incredulidade.” Quando, nós diríamos “as coisas estão indo mal,” e tudo estava contra ele, ele ainda assim ficou firme em Deus.
74 Então temos Isaque, que foi filho amado, que representava amor. Porque Abraão sendo um tipo de Deus, como Isaque foi oferecido, Gênesis 22. Nós verificamos que ele levou a lenha morro acima. E tudo retratou Cristo, prefigurou-O. E então o carneiro veio e foi oferecido em seu lugar.
Agora isso foi fé, amor.
75 E Jacó, que significa “suplantador,” e que é um enganador. E compreendemos que a vida de Jacó realmente representou graça, porque foi a graça de Deus, o tempo todo, com Jacó.
76 Então vem José. Não há nada contra José. Ele foi o perfeito. O profeta de Deus que surgiu entre seus irmãos. E odiado sem causa, e foi vendido. E sob todos os aspectos, sua vida prefigurou a vida de Jesus Cristo. “Veio para o que era Seu, e os Seus não O receberam.” Como José foi odiado por seus irmãos, lançado numa cova, supostamente estando morto; tirado, exaltado à destra de Faraó. E quando ele deixava o trono, tocavam a trombeta, para saber que todo joelho tinha de se dobrar, e a José.
77 Nós verificamos que Jesus foi quase vendido pelo mesmo preço que José. Tirado da – da cova; e ascendeu ao Céu; sentou-Se à destra de Deus. E quando Ele vier daquele Lugar, “A trombeta soará, e todo joelho se dobrará, e toda língua confessará a Ele,” perfeição.
Isso foi fé, amor, graça, e perfeição.
78 Então a obra do corpo vem, desta grande escultura. Ele fez a obra do corpo pelos profetas. Os profetas foram a obra do corpo.
79 Então finalmente veio a cabeça deste grande corpo, que foi Cristo, Ele Próprio. Todos os profetas tinham predito Dele. Toda a obra de fundação tinha predito Dele. Desde o jardim do Éden, desde o tempo em que Ele começou: “Eu porei inimizade entre a tua semente e a semente da serpente.” E verificamos que Ele começou ali, e subiu através dos – dos patriarcas até os profetas, e saiu ali. Uma vez mais Ele viu Seu próprio reflexo, quando um homem nasceu na terra, do ventre de uma mulher, aquela foi a Obra-Prima de Deus. Foi o Filho de Deus, Jesus Cristo. A razão por que Ele foi, porque Ele foi perfeitamente a Palavra.
80 “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. E o Verbo Se fez carne e habitou entre nós.”
81 Agora nós vemos refletido Nele uma perfeita obra-prima. Ele foi tão perfeito, como Deus, a tal ponto que disse: “Se não faço as obras de Meu Pai, não Me acrediteis. Ainda que Eu… Não podeis crer em Mim? Credes nas obras, porque elas testificam para vós, Quem Eu sou.” Eu gosto disso. Está vendo? Ele disse: “Se não credes em Mim…”
Eles disseram: “Tu és Homem, fazendo-te igual a Deus.”
82 Ele disse: “Se não podeis crer em Mim, crede nas obras que Eu faço. E se não faço as obras Daquele que Me enviou, então não tendes direito de crer em Mim.”
83 Assim todo cristão hoje devia ter esse mesmo testemunho. Se nesta Palavra prometida de Deus, se nossa vida não se qualifica e satisfaz exatamente o que a Palavra disse, então não temos direito de nos chamar cristãos, se não nascemos de novo. Jesus disse, em Marcos 16: “Estes sinais seguirão aos que crerem.” Está vendo? Não: “Eles possivelmente; eles deveriam; eles provavelmente seguirão.” Eles seguirão. Esse é o Escultor que nos fez. Essa é a Igreja que foi talhada. Esse é o – esse é o Corpo de Cristo.
84 Agora nós verificamos que isto O refletiu perfeitamente. O Escultor agora tinha a Palavra refletida na Obra-Prima novamente, chamada Seu Filho, Deus, Emanuel. Somente pense, que uma pessoa tão rendida, de tal modo que Deus Se identificou ali, naquele corpo, e Ele Se tornou… Ele e Deus Se tornaram um. “Eu e Meu Pai somos Um. Meu Pai habita em Mim. Eu faço sempre o que agrada ao Pai.”
85 E se o cristão hoje pudesse ter um testemunho assim? Você seria uma obra-prima bem aqui em Yuma, na rua. Se você é lavadeira ali detrás do tanque, você ainda assim é uma obra-prima para Deus, quando pode dizer: “Eu faço sempre o que agrada a Deus,” e o mundo inteiro pode ver a – a obra de Jesus Cristo refletindo-se em você.
86 Foi dito, certa vez, o velho ouro, antes que houvesse o fundidor. Os…Costumavam tomar o ouro e batê-lo, o batedor batia, os índios nos dias antigos, quando o Arizona estava em seu primórdio. Eles batiam o ouro até o batedor ver seu próprio reflexo no ouro. Batia-se para tirar dele toda a pirita, a escória, a terra, até o batedor poder ver seu próprio reflexo como num espelho, batendo.
87 Agora, é isso o que o Evangelho faz. Tantas pessoas não gostam de ser viradas e de apanharem. Bem, o que a igreja precisa esta noite é de uma boa surra do Espírito Santo à moda antiga, do mundo e das coisas do mundo. É disso que os pentecostais precisam esta noite. É disso que nosso movimentos precisam esta noite, é de uma boa à moda antiga, como para limpar o ouro até que todo o mundo seja extraído de nós, e Jesus Cristo seja refletido.
88 Deixem-me ter este punhado de pessoas aqui esta noite, que tenha plenamente considerado o Cristo, e a vida dedicada a Cristo. Eu posso fazer mais com este punhado, ou Deus pode fazer mais, melhor dizendo, com este punhado de pessoas aqui, do que se poderia fazer com o inteiro Concílio Mundial de Igrejas, em prol do Reino de Deus. Um homem rendido plenamente em Suas mãos, isso é tudo de que Deus precisa.
89 Mas, veja, nós não estamos querendo permanecer quietos e deixá-Lo bater este lado, aquele lado, eliminar isto, eliminar aquilo, eliminar esta idéia, e aquela, e deixar Jesus Cristo ser refletido em nós. Nós assistimos filmes demais.Nós temos televisões demais. Nós temos outros divertimentos mundanos demais, até que a igreja perdeu se paladar pelas pessoas. É porque o Espírito Santo Se move para fora, e outra coisa se move para dentro. É isso mesmo, amigos.
90 Eu ouço os testemunhos, os pentecostais à moda antiga, como eles tinham reuniões de oração durante toda a noite. Nossos pais e mães, quarenta, cinqüenta anos atrás, oravam durante toda a noite. O povo os detestava, na rua. E nós pensamos, hoje, se alguém não nos dá tapinha no ombro, ora, há algo errado conosco. “Ai de vós quando todos os homens falarem bem de vós.” Ele foi desprezado e rejeitado pelos homens, e nós somos Sua imagem. Amém.
91 O que precisamos hoje é de umas verdadeiras e genuínas reuniões de oração, de limpeza, desde o púlpito até o zelador, a casa toda ser limpa, de Deus, surra, refletir a Imagem do Batedor, o Evangelho pregado no poder da ressurreição de Cristo. Isso mesmo.
92 Este pequeno evangelho social que adotamos, e damos tapinhas no ombro deste, e tornamos este diácono, e aquele presbítero, ou alguma outra coisa assim, ambos política. Não foi exatamente isso que aconteceu em Nicéia, Roma? Nós queremos nos livrar dessa bobagem. Metodistas, batistas, presbiterianos, pentecostais, e todos, nós devemos sair disso.
93 Política não pertence à Igreja. O Espírito Santo é que deve assumir a direção da Igreja, e não um voto político de quem é quem. “Deus colocou na igreja uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para doutores, e evangelistas, e pastores,” não que homens os introduziram ali pelo voto. Deus os colocou ali, pelo chamado do Espírito Santo, reuniões de oração, e imposição de mãos, e permanecendo diante de Deus.
94 Mas, hoje, nós socializamos nossa religião a tal ponto que é quase como a política, ela própria, nós praticamos isto em todas as nossas denominações. Nós somos…Uma não pode apontar a outra. Todos somos culpados. Ali você encontra alguns homens e mulheres genuínos. Mas o problema, a respeito do qual estou pensando é que nós estamos ficando demasiadamente no – no lado da minoria, o povo genuíno que quer crer e quer o poder de Deus. Há demasiadas pessoas introduzidas apenas por um ato social: “Bem, este é um bom homem. Ele é um ótimo companheiro.”
95 Nós temos boas igrejas. Nós construímos boas igrejas, e melhores igrejas do que costumávamos ter. Isso está bem. Não há nada contra isso. Eu gosto de ver a igreja prosperar.
96 Mas, irmão, eu preferiria vê-la prosperar no poder do Senhor do que prosperar nas coisas mundanas. Voltem ao Evangelho! Voltem ao poder de Deus! Voltem ao pentecostes, o… como o original era. Mas, veja, o problema é que nós não queremos levar essa surra.
97 Se você diz algo acerca de alguma coisa, e alguma coisa imoral que a igreja esteja fazendo, ou – ou alguma coisa social, na mesma hora eles o desprezam, fecham as portas. Você não pode entrar, veja, porque eles têm uma reunião e o impedem de entrar. Eles não o querem mais. Eles dizem: “Você está louco. Você perdeu a mente.” Mas enquanto for ASSIM DIZ O SENHOR, não me importa o que alguém diga. Requer-se o poder de Cristo para manter um homem.
98 E como Jesus disse certa vez: “Considerai os lírios; e digo-vos que nem ainda Salomão , em toda a sua glória, se vestiu como um.” Salomão, em toda a sua glória, era uma vista magnífica. Não há dúvida. Ele era uma grande coisa para o mundo, e um grande homem diante de Deus. Porém o manto de Salomão não tinha vida nele. Era um pedaço de material, provavelmente tosquiado das costas de uma ovelha. Porém, o lírio tinha vida.
99 O que necessitamos hoje é da Vida de Cristo dentro de nós. É Isso o que purifica; não o exterior, um colarinho virado, ou um diploma de psicologia, ou algo assim. Requer-se o poder do Cristo ressuscitado para nos fazer o que devíamos ser. Deus não tem outro plano além de deixar o Espírito Santo governar e reinar na Igreja.
100 Oh, Deus, Ele foi de tal modo à imagem de Deus, que Ele e Deus Se tornaram Um. “Eu e Meu Pai somos Um.” Oh, que coisa! Que viver foi esse, para Deus de tal modo viver Nele, que Sua vida inteira envolvida em Deus. Não admira que fosse uma obra-prima!
Satanás veio a Ele.
101 Toda vez que Deus pensou ter uma obra-prima, Satanás se intrometeu. Ele se intrometeu em Moisés, e ele transgrediu os mandamentos. Mas quando se tratou desta Obra-Prima, essa era a própria escolha de Deus. Amém. Ele tinha – Ele O tinha preordenado. De nada lhe valeu. Ele permaneceu fiel a Deus, quando Deus olhou para Ele e cuidou para que Ele fosse tentado por quarenta dias no deserto, como Moisés. Naturalmente, todos aqueles homens O prefiguraram. A lei foi transgredida. Mas quando ele veio, Satanás, o grande tentador, e procurou tentá-Lo, ele descobriu que não encontrou Moisés ali. Não, senhor. Ele se deparou com cinco mil watts, volts, que chamuscaram suas asas quando ele saltou contra Esse.
102 “Está escrito,” Ele disse. Está vendo? Adão rendeu-se. Porém, Jesus, o segundo Adão, aquela Obra-Prima que tinha vindo, como Redentor, Ele disse: “Está escrito: ‘Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a Palavra que sai da boca de Deus.’” Ali Ele tinha uma Obra-Prima. Sim, senhor. Ele disse algo mais. Ele disse: “Também está escrito: ‘Não tentarás ao Senhor teu Deus.’ Vai-te, Satanás.” Ali estava uma Obra-Prima. O que Ele fez?
103 Não dizendo: “Eu direi à minha igreja. Eu pedirei aos presbíteros que façam assim e tal. O bispo faça assim e tal.”
104 Ele disse: “Está escrito.” Foi por detrás Disso que Ele pôs Seu primeiro Adão, e ele caiu, e Satanás o arruinou. Porém ele não pôde arruinar Este, não importa o que tenha feito. De tal maneira que ele…
105 Deus disse: “Este é o Meu Filho amado. Escutai-O. Tudo, Eu dou tudo a Ele. Vós, escutai-O.” Eles eram Um. Eles eram o Mesmo. Deus vivia Nele, fazendo-O Deus, Emanuel, na terra. Ele foi o Cordeiro perfeito, oh, a perfeita Obra-Prima da redenção. Agradou a Deus, então, do mesmo modo que a Michelangelo, Ele ficou tão inspirado com a Sua vida. Nós encontramos em…
106 Eu tenho Escrituras anotadas aqui. Marcos 9:7, se querem ler isto. Quando…É o Monte da Transfiguração. Quando Ele esteve lá no Monte da Transfiguração, nós verificamos que ali apareceu Moisés e ali apareceu Elias.
107 E então, a primeira coisa que se nota, o apóstolo Pedro ficou tão inspirado, que disse: “Façamos três tabernáculos aqui. Simplesmente faremos três organizações disto. Faremos três denominações: Uma para Moisés, uma para Elias, e uma para Ti.”
108 Enquanto ele ainda falava, veio uma voz daquela nuvem. Ela disse: “Este é o Meu Filho amado. Estou tão satisfeito com Ele, Eu vou feri-Lo por vós. Escutai-O. Ele vai falar.”
109 “Ele foi ferido pelas nossas transgressões. Ele foi moído pela nossa iniqüidade.” Ele foi um Cordeiro, o Cordeiro de Deus, o Sacrifício perfeito. Nunca houve ninguém que viveu como Ele, nunca houve ninguém desde então que viveu como Ele. Ele foi a perfeita Obra-Prima, correspondeu exatamente à Palavra de Deus.
110 Deus no princípio deu a Sua Palavra, uma porção para esta parte do tempo, para aquela parte, para aquela parte.
111 Aí é onde os homens estão tão enganados e confundidos hoje. Estão tentando edificar sobre algo que aconteceu quarenta, cinqüenta anos atrás. Nós estamos… Aquilo, aquilo foi dado para aquela era.
112 De que serviria Moisés vir com – com a mensagem de Enoque? De que serviria Moisés vir com – com a mensagem de Noé? De que serviria Jesus vir com – com a mensagem de Moisés? Estão vendo? E de que serviria Wesley vir com a mensagem de Lutero? De que serviria os pentecostais virem com a mensagem de Wesley? Estão vendo o que quero dizer? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.]
113 Está tudo atribuído aqui na Bíblia, e temos de saber a era e hora, e o que é para nós. E aí é onde estamos falhando hoje. Estamos lendo tudo menos a Bíblia. Este é o dia em que devíamos estar vivendo. Este é o dia em que Deus nos colocou aqui. Olhemos na Palavra.
114 Foi assim que eles falharam em ver Jesus; aqueles fariseus, e saduceus, herodianos. As diversas organizações daquele dia estavam com isto tão solidificado, e tão perfeitamente solidificado, que não havia nenhuma via de escape, eles pensavam. Mas quando Ele veio, Ele absolutamente… Ele foi diferente do que todos eles pensaram. Ele foi um Indivíduo pequeno e humilde nascido numa manjedoura, com um…supostamente sendo um Filho ilegítimo, e todas estas coisas assim.
115 Mas, ainda assim, Ele veio exatamente da maneira que a Escritura disse que Ele viria. E eles estavam tão acostumados ao que Moisés disse, e Moisés falou Dele. Ele disse: “Bem, se houvésseis conhecido a Moisés, haveríeis conhecido a Mim. Moisés falou de Mim.” E ainda assim eles não puderam ver. Simplesmente tão emaranhados em suas tradições, que não puderam ver isto. Mas, veja, Ele não veio para refletir aquelas organizações daquele dia. Ele não veio para refletir religião sectária.
116 Ele veio para refletir o Pai, e o Pai era a Palavra. Amém. Agora eu me sinto realmente religioso. Ele veio para refletir a Palavra do Pai. Deus disse que Ele estaria ali, e ali estava Ele, a perfeita Obra-Prima do grande trabalho manual de Deus. Oh, que coisa! Ele foi o perfeito reflexo Dele. Ele refletiu tudo que – de que Deus tinha falado. Ele refletiu o que Adão disse a Seu respeito. Ele refletiu tudo que os profetas disseram, tudo que os patriarcas disseram. Tudo que Ele disse, Ele foi o cumprimento da Palavra. Todos os tipos se cumpriram Nele. Sim. Ele Se tornou o Jeová do Novo Testamento. Ele foi o Jeová do Antigo Testamento. “A Palavra então,” que estava na Coluna de Fogo, “Se manifestou e habitou entre nós.” Jeová do Antigo Testamento tornou-Se Jesus do Novo Testamento. Ele foi um perfeito reflexo de Deus.
117 Oh, se a Igreja hoje pudesse somente refletir aquela primeira Igreja, quando o Espírito Santo caiu no Dia de Pentecostes! Se o cristão hoje pudesse refletir! Nós somos um bando híbrido, em relação ao que eles eram.
118 Eu passei, vindo hoje. Eu estava observando, vindo para cá, por um destes pequenos Casa Grande, ou um destes lugarejos aqui. Eu notei que havia uma – uma plantação de algodão, e alfafa diferente. Tinham de ter moinhos de vento ali para bombear água, para manter aquilo produzindo. Por quê? Isto não é dali. Certamente que não. Porém, olhe para o velho cacto, poderia não chover por cinco anos e ele viveria. E falhe em pôr água naquilo por alguns dias, e morrerá. Veja, não é o original.
119 É assim que nós estamos. Temos de ser mimados, e engrandecidos na igreja, e receber tapinhas, e chamado isto, aquilo, e aquilo mais.
120 Bem, aqueles cristãos primitivos eram robustos. Eles não se importavam com quem lhes desse tapinhas nas costas. Eles refletiam a Jesus Cristo, de tal modo que eram considerados… Eles eram indoutos e homens sem letras. Eles não iam à escola secundária, e não tinham diploma universitário. “Mas percebiam que eles haviam estado com Jesus.” É disso que eles necessitam, os cristãos hoje, perceber que você esteve com Jesus. Há algo a seu respeito que é diferente. Eu sei que não é…Essa é uma coisa impopular para se dizer, mas nós não estamos buscando popularidade. Os cristãos não estão buscando algo fácil.
121 Uma irmã idosa na minha igreja anos atrás, costumava se pôr de pé e cantar o cântico:
Devo eu ser levado para o Lar no Céu em meio a uma vida fácil e confortável,
Enquanto outros lutaram para ganhar o prêmio e velejaram através de mares
ensaguentados?
Não. Eu devo lutar, se devo reinar.
122 Pense no que você faria se estivesse aqui e tudo estivesse contra Jesus Cristo, se você tivesse vivido em Seus dias. Você está vivendo ali, meu irmão, irmã. Isso mesmo. Ele ainda é a Palavra. Veja como estão pisando Nela hoje. Veja como estão tentado organizá-La, e uni-La, e tudo mais assim, com o mundo. Resista. Tome sua – tome sua posição por Jesus Cristo e Sua Palavra. Não deixe nada impedir isso. Permaneça exatamente com Isto.
123 Como o velho chinês dono de lavanderia, costumava vir aqui ao Arizona e Califórnia, anos atrás. Ele não sabia escrever uma palavra em inglês. Ele mal o conhecia. Você levava sua roupa para ele lavar. Sabe o que ele fazia? Ele tinha pequenos pedaços de papel, nada escrito neles em absoluto. Ele simplesmente rasgava aquele pedaço de papel e lhe dava um pedaço. Quando você voltava, aquele pedaço de papel tinha de corresponder ao seu pedaço de papel, ou você não levava sua roupa. Isso é muito melhor. Você poderia copiar um nome, mas não o faria de tolo nisso, porque aquele pedaço de papel tem de corresponder exatamente ao seu pedaço de papel.
124 Foi assim que Deus fez o Seu concerto também. Não cabe à nossa experiência corresponder a algum credo, algum dogma, alguma denominação de igreja, mas corresponder à Palavra de Deus, Jesus Cristo. Correto. Quando vimos a Cristo, então Cristo nos reclama. Ele O rasgou pelo meio no Calvário. Parte disto Ele levantou, e para Se sentar à Sua destra, que foi o corpo. O Espírito, Ele veio, enviou de volta aqui para formar uma Noiva para Ele. E aquela mesma experiência que esteve em Cristo tem de estar em nós.
125 Ele foi – Ele foi absolutamente tão perfeito que agradou ao Escultor, e O inspirou tanto que Ele O feriu no Calvário. Oh, que coisa! Agora nós O vemos como a Escritura disse, a obra-prima de Deus. “Nós O vemos ferido, oprimido, e aflito de Deus.” Aí está a verdadeira obra-prima. Como Ângelo feriu a sua, foi isso que tornou…
126 Se Ele só tivesse vivido uma boa vida, tivesse sido como algumas pessoas que pregam o evangelho social hoje: “Ele foi profeta.” Ele foi profeta, mas foi mais do que profeta. Ele foi Deus. Foi Emanuel.
127 E agora o que O tornou exatamente, para mim, a – a Obra-prima para mim e para você, é porque Deus O feriu. Ele O feriu no Calvário. Se Ele não tivesse sido ferido…Não importa quantos mortos Ele tivesse ressuscitado, quão grandemente Ele tivesse pregado, o que Sua grande vida tivesse sido, quais tivessem sido Suas alegações, Ele foi provado ali. Ele ficou tão satisfeito, Deus ficou, de tal modo que Ele foi o único Homem que alguma vez Se pôs de fé na face da terra que Deus pôde ferir pelos demais. Aquele Perfeito foi ferido pelos imperfeitos. A criação inteira que havia caído por meio de Adão, foi redimida por meio de Jesus Cristo. A Obra-Prima de Deus que suportou o teste. Como Ele o fez? Pela Palavra. “Está escrito: ‘Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a Palavra que sai da boca de Deus.’”
128 Oh, amigo cristão, revista-se de toda a armadura de Deus. Não recue com alguma pequena idéia de algum credo, ou algo que esteja defendendo. Revista-se de toda a armadura de Deus quando for lutar contra o inimigo, como nosso Senhor fez. Ele mostrou como o cristão mais fraco pode derrotar Satanás só com a Palavra. Ele tinha poderes, Ele poderia ter ferido Satanás da maneira que quisesse, mas Ele não usou isso. Ele só tomou a Palavra e o derrotou com isso. “Está escrito. Está escrito.” Em todos os lugares: “Está escrito.” Assim Ele derrotou Satanás pela Palavra de Deus.
129 Agora, essa foi uma perfeita Obra-Prima, e Deus a feriu. Que exemplo Ela foi! Que coisa verdadeira! Diz que obra de – de escultura é a de Michelangelo ali, de Moisés sendo ferido na perna? A Bíblia disse: “Este Homem foi desfigurado acima de todo homem. Ele foi desfigurado de tal modo que nem mesmo parecia um filho de homem. Ele foi açoitado. Ele foi moído. Ele ficou ensangüentado. Ele foi chicoteado.” Ele… Tudo que podia ser feito. Ele parecia simplesmente um – simplesmente um montão de Sangue e ossos, caminhando juntos. Ele nem mesmo parecia um ser humano, enquanto carregava aquilo Calvário acima. Deus O feriu por nós. É isso que O torna a perfeita Obra-Prima.
130 Oh, como eu O amo, saber que Ele fez isso por mim, saber que Ele fez isso por você. Como podemos – como poderíamos corresponder a isto? Ninguém poderia corresponder a isto. Ninguém é digno de corresponder a isto. Nós estávamos aqui sem esperança. Nós sem Deus. Nós sem nenhuma maneira de redenção. Cada um de nós nascido sexualmente, e simplesmente tínhamos de pagar o preço. Mas Ele veio, o Perfeito, e foi tão perfeito e tão agradável que Deus O feriu por você e por mim.
131 Agora, por quase dois mil anos, Deus tem tentado talhar para Si uma Noiva obra-prima, chamada a Igreja. Isso mesmo. Como Deus faz isto? Ele faz isto por Seu método imutável, a Palavra. Deus nunca muda Seu método. Qualquer um, você pode. Você muda. Eu mudo. O tempo muda. O mundo muda. Mas Deus não muda, Ele é perfeito. Ele não muda. E a maneira que Ele faz qualquer coisa a primeira vez, Ele a faz toda vez da mesma maneira.
132 Ele salvou o homem certa vez porque ele se arrependeu. Essa é a maneira que ele salvará o homem novamente. Ele curou um homem porque ele teve fé. Ele curará o próximo sobre a mesma base. Ele nunca muda Sua maneira, porque, veja, Ele é soberano e é eterno. Ele é infinito, onipresente, onisciente. Ele é Deus. E, portanto Ele não tem de pedir sabedoria a ninguém. Ele não tem de esperar até aprender mais. Ele não precisa de uma nova graduação. Ele é perfeito. E seja qual for a graduação, e seja qual for a coisa que Ele faça primeiro. Sua primeira decisão permanece a mesma para sempre. Nunca pode ser mudada. Oh, quão contente estou!
133 E quando Ele fez Sua primeira obra-prima, Ele a pôs detrás da Palavra. Quando Ele fez Sua Obra-Prima, Ele era a Palavra. Amém. Ele era a Palavra; não detrás da Palavra. Mas, Ele era a Palavra. Deus nunca muda Seu plano. Foi exatamente com isso que Ele começou a formar Sua primeira igreja, a Palavra.
134 Agora, Deus, a Palavra, no princípio Ele era independente de todos os outros, de tudo mais, de todas as outras pessoas. Agora, eu não quero dizer isto para ser diferente. Deus é segregacionista. Sabia disso? Fala-se de integração? Deus é segregacionista. Ele certamente é. Ele separa Seu povo do mundo. Ele separou Israel, Sua nação. Ele está tentando separar Sua igreja do mundo, mas a igreja quer continuar com o mundo. Mas Seu povo ainda é segregado, segregado para Ele. Quem é Ele? A Palavra.
135 Como pode um homem ter o batismo do Espírito Santo, e o Espírito Santo escreveu a Palavra, e um homem ter o batismo do Espírito Santo e negar a Palavra? Como pode o Espírito Santo em você negar Sua própria Palavra que foi apresentada a você? Eu não consigo entender isto. Tem de concordar com a Palavra. E se seu espírito em você não pontua cada uma das promessas de Deus com “amém,” há algo errado.
136 O irmão Fred Sothmann ou alguém aqui esta noite, citou: “Jesus Cristo o mesmo ontem, e hoje, e eternamente.” Ele é a Palavra. Isso, sem dúvida. Ele é sempre o mesmo, veja, e seu espírito tem de pontuar isso com “amém.”
137 “Oh, Ele, de certo modo Ele é.” De todos os modos, Ele é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente.
138 Agora nós notamos que Deus começa a fazer para Si uma – uma Noiva para Cristo. Assim… E a Noiva tem de estar identificada com Ele e Nele, porque é parte Dele. Agora, a Noiva é parte Dele. Ela é parte Dele. A Palavra para aquele dia, a Noiva Se torna parte daquela Palavra, porque é Cristo. Agora, vocês crêem nisso? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.] Nós temos de estar em Cristo. Em Cristo, nós temos de ser de Cristo, em Cristo, parte de Cristo.
139 O que é uma mulher, quando ela recebe um homem, ou um homem recebe uma mulher? Essa mulher tem de ser parte dele. Eles não são mais dois. São um.
140 E quando Deus e Cristo Se tornaram um, eles eram Um. Porque, Deus era a Palavra, e a Palavra Se fez carne. A carne e a Palavra Se tornaram Um. E quando a igreja se torna a Noiva de Cristo, Ela e os Evangelhos são a mesma coisa.
141 Como você pode dizer, então: “Os dias de milagres passaram”? Como pode dizer, então: “Ele não é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente”? Como pode dizer: “Essas coisas são para um apóstolo ou um discípulo, ou alguém em outro dia,” quando você é parte Dele?
142 Quando, Ele disse: “Os céus e a terra passarão, mas a Minha Palavra nunca falhará.” Que me diz de Apocalipse 22, quando Ele terminou de escrever o Livro? Ele disse: “Eu testifico que se alguém acrescentar uma palavra, ou tirar uma Palavra Disto, sua parte será tirada do Livro da Vida.”
143 Como iremos para o Céu, então, ao dizer: “Bem, eu creio nisto, mas não creio Naquilo”? Você tem de ser a Palavra completa, porque você é parte Dele. É assim que Deus está tentando fazer Sua Igreja hoje, não por um credo. E estão tentando nos forçar para dentro disso, pessoal. Pode-se ver isto se aproximando. A escritura está na parede. Não demorará muito até que sejamos uma Igreja mundial. E toda igreja terá de cair direto nisso, ou suportar as circunstâncias. Bem, você está pronto para suportar isso? É melhor você não fazer isto só porque acha que é a coisa certa.
144 É melhor ter Cristo em você, porque essa Palavra é eterna, e essa Palavra é o que irá ressuscitá-lo. Torne-se parte dessa Palavra. Você está identificado com a Palavra.
Hoje, você diz: “Eu sou cristão.”
145 “A que denominação você pertence?” Bem, isso não tem nada que ver com o cristianismo.
146 Está bem ter denominações. Eu não sou contra isso. Mas, veja, isso, isso é o que as pessoas são. Muitas pessoas dizem que eu despedaço as denominações, eu as ataco. Eu não faço isso. Não, senhor. As denominações, elas estão bem. É exatamente como acordos trabalhistas, ou algo assim. Porém quando você se apega, porque diz: “Eu sou cristão porque pertenço a certa igreja,” isso não significa nada. Você tem de ser de Cristo, e Cristo é a Palavra. E muitas vezes essas denominações estão tão distantes da Palavra quanto o Oriente está no Ocidente.
147 Você tem de permanecer com essa Palavra, para ser a Noiva. Se está na Noiva, você está na Palavra, e a Palavra está em você. E a Palavra que refletiu Deus através de Cristo, reflete o mesmo Deus através de você. Amém. Amém quer dizer “assim seja.” De modo que, assim seja. Eu creio que isto é a Verdade. Você tem de estar identificado com Ele.
148 Agora, se vou ser um verdadeiro e genuíno americano, se vou ser um verdadeiro cidadão desta nação, eu tenho de estar identificado com ela. Eu tenho de ser tudo que ela alguma vez foi, certo ou errado. Eu tenho de ser tudo que ela é, certo ou errado; tudo que ela algum dia será, certo ou errado. Eu tenho de estar identificado com esta nação, se vou ser americano. Está certo? Em sua glória ou em sua humilhação, liberdade ou fulgor, o que quer que ela seja, eu tenho de ser aquele que faz a sua imortalidade. Eu tenho de resistir como uma unidade. Tudo que ela é, eu sou. Tudo que ela alguma vez foi, eu sou. Tudo que ela algum dia será, eu tenho de ser participante dela. Isso mesmo.
149 Somente pense nisto por alguns minutos. Então, para ser isso, como americano. Eu trarei isto a você, de modo que você não deixe de ver isto, enquanto encerro.
150 Para ser americano, eu tenho de estar identificado com tudo que ela já fez. Então, eu desembarquei em Plymouth Rock, com os – com os colonizadores. Eu estive em Plymouth Rock com os Peregrinos. Eu estive ali com eles. Eu cavalguei com Paul Revere, certa noite, para advertir esta nação dos seus perigos. Eu tive de estar, se sou americano.
Você diz: “Oh, irmão Branham!”
151 Espere um minuto. A Bíblia disse, em Hebreus capítulo 7, que “Levi que recebia dízimos, pagou dízimos, porque estava nos lombos de Abraão quando ele encontrou Melquisedeque, seu tataravô, e isto lhe foi imputado. Quando seu tataraneto estava em seus lombos, quando Abraão pagou dízimos a Melquisedeque, Deus atribuiu isto. Ele fez isto? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.] Isso mesmo.
152 O que quer que esta nação seja, eu sou. Isso mesmo. Assim, eu desembarquei em Plymouth Rock. Eu cavalguei com Paul Revere.
153 Eu atravessei o Valley Forge, estive naquele rio gelado com George Washington. Eu fui um daqueles soldados americanos que não tinham sapato para marchar contra os britânicos. Eu fiquei com os pés frios aquela manhã, quando enrolei meus pés. Eu vi Washington sair do ermo, ensopado até a cintura, por orar a noite toda. Eu estive ali quando isto aconteceu.
154 Eu me encontrava com Stonewall Jackson [Stonewall significa “muralha” – Trad.], quando a oposição era tão grande. Quando os exércitos do norte enviaram um mensageiro ali, disseram: “Todos os exércitos bateram em retirada.”
Disse: “Onde está Jackson?”
155 Disse: “Ele está resistindo como uma muralha.” Eu permaneci com ele ali; indivíduo pequenino de olhos azuis.
156 Perguntaram-lhe certa vez: “Como o senhor pode resistir quando a oposição é tão grande?”
157 Um homem muito modesto, ele chutou sua bota, assim, disse: “Eu nunca levo um gole d’água à boca, sem que antes agradeça ao Deus Todo-Poderoso.” Eu permaneci com ele em suas convicções. Eu permaneci com Stonewall Jackson. Isso mesmo.
158 Eu estava na Festa do Chá em Boston. Eu ajudei a jogar parte daquele chá britânico no oceano. Eu tive de estar, para ser americano. Sim, senhor. Sim, senhor. Eu assinei a Declaração de Independência, com Thomas Jefferson. Eu repiquei o Sino da Liberdade, em 4 de julho de 1776.
159 Eu estou identificado em sua humilhação da revolucionária, quando irmão lutou contra irmão, e pai contra filho. Eu tenho de estar identificado em sua humilhação, do mesmo modo que estou identificado em sua glória. É exatamente isso.
160 Eu estive em Ilha Wake quando todos aqueles soldados perderam a vida. Eu os vi fazê-lo. Eu os vi quando tomaram a Ilha Wake. Eu ajudei a hastear a bandeira em Guam. Certamente.
161 Tudo que ela foi, e tudo que ela alguma vez fez, tudo que ela é agora, eu orgulhosamente digo que sou parte dela, porque estou contente em ser americano. Vocês não estão? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.]
162 Para ser cristão, eu tenho de ser a mesma coisa. Aleluia! Sim, senhor. Se sou cristão, então eu preguei o Evangelho e adverti dos juízos vindouros, com Noé. Sim, senhor. Eu fui parte disto lá atrás, lá. Eu fui parte da economia de Deus.
163 Eu estive com Moisés junto à sarça ardente. Eu fui expulso do Egito com Moisés. Eu empreendi a fuga para o deserto, e estive com ele junto à sarça ardente. Eu ouvi Sua voz. Eu vi Sua glória. Eu vi a Coluna de Fogo lá naquela sarça lá atrás, falando com Moisés.
164 Eu estive com ele junto ao Mar Vermelho quando se abriu. Eu vi a Coluna de Fogo assentar sobre o Monte Sinai. Eu comi maná no deserto e bebi da rocha ferida. Aleluia! (Eu não me sinto com cinqüenta e cinco neste momento.) Amém. Sim, senhor. Eu comi maná no deserto, com os filhos hebreus lá no deserto. E bebi daquela mesma rocha ferida.
165 Eu permaneci com Josué aquela manhã quando ele estava examinado os muros de Jericó, e viu um Homem de pé. Ele puxou sua espada e correu ao Seu encontro. Disse: “És Tu dos nossos. És Tu do nosso inimigo?”
166 Ele disse: “Eu sou o Príncipe do exército do Senhor.” Eu vi Josué lançar sua espada em terra. Eu me ajoelhei com Josué quando me inclinei perante Ele, o Príncipe do Senhor do Seu exército. Eu vi os muros de Jericó caírem, ao soar da trombeta.
167 Eu vi Josué, ele disse: “Sol, detém-te. E, lua, permanece sobre Aijalom. Não te movas.” Eu vi o sol deter-se, e a lua não deixar de dar a sua luz. Eu vi tudo isso acontecendo.
168 Eu estive com Daniel na cova dos leões; com os filhos hebreus no forno ardente.
169 Eu estive com Elias, ali quando o mundo todo o desprezou, e Acabe e todas as suas Jezabéis com todos os seus cabelos curtos e coisas daquele dia, suas pinturas e pós, tudo que apanhou a igreja. Eu permaneci com Elias, reivindiquei a mensagem pura e limpa, na Palavra de Deus. Aleluia! Eu permaneci com ele no Monte Carmelo quando ele ficou sozinho ali. Eu o vi orar fazendo o fogo descer do céu.
Eu estive com Davi quando ele matou Golias. Glória a Deus!
170 Bem, se sou cristão, eu estou identificado em tudo isso. Eu tenho de ser parte disto. Sim, senhor.
Eu profetizei com Isaías em seu dia.
171 Eu estive com João no Jordão quando ele viu a pomba descendo sobre Ele. Eu permaneci com João junto ao Jordão.
172 Eu O vi curar os enfermos; ressuscitar Lázaro; trazer a filha de Jairo de volta à vida, depois que ela estava morta. Eu vi isso.
173 Eu estou identificado com Ele em Sua morte. Eu morri com Ele quando Ele morreu no Calvário, e ressuscitei na manhã da Páscoa com Ele, no poder de Sua ressurreição. Eu sou testemunha disto esta noite. Eu morri com Ele no Calvário, ressuscitei com Ele na Páscoa. Aleluia! Para ser parte Dele, eu tenho de estar identificado com Ele. Eu me identifiquei com Ele em Sua morte. Eu me identifiquei com Ele em Seu sofrimento. Eu me identifiquei com Ele quando as denominações O desprezaram. Eu me identifiquei com Ele quando O puseram a correr do templo, quando tentaram lançar, se livrar Dele. Eu estive com Ele ali. Eu estive com Ele em Sua morte, levantei-me com Ele na ressurreição.
174 E eu estive com os cento e vinte quando subiram ao cenáculo. Sim, senhor. Eu testemunhei aquele vento impetuoso e veemente vindo do Céu. Eu falei em línguas com os ungidos no Dia de Pentecostes. Aleluia! Eu estive ali porque estou identificado com Ele. Glória a Deus! Isso mesmo. Eu preguei com Pedro, em Atos 2. Oh, eu preguei com ele ali.
175 Eu preguei com Paulo no Areópago, perante os críticos. Sim, senhor. Eu tive de estar.
176 Eu estive com João na Ilha de Patmos. Eu vi a visão da Sua Vinda. Eu estou. Eu – eu vi Lutero. Estive com ele quando esteve na reforma.
Eu estive com Wesley.
177 E agora estou aqui em Yuma, Arizona. Aleluia! Estou identificado esta noite, aqui neste Hotel Stardust, com um grupo de pessoas que crêem na mesma coisa. “E agora nós estamos assentados juntamente em lugares celestiais em Cristo Jesus.” Aleluia! Estou esperando por Sua vinda em glória, um dia destes. Identificado com Ele!
Vivendo, Ele me amou; morrendo, Ele me Salvou;
Sepultado, Ele levou meus pecados para Longe;
Ressuscitando, Ele justificou de graça para Sempre;
Algum dia Ele voltará, ó que dia glorioso!
178 Eu estou agora identificado no batismo do Espírito Santo; não algo aqui na rua, algo quarenta anos atrás. Eu tenho isto agora mesmo, a glória e poder de Deus, de perdão de pecados. Eu O vejo curar os enfermos, abrir os olhos cegos, vejo-O predizer coisas, ler o coração das pessoas. Estou identificado com Ele em Seu ministério neste dia. Glória a Deus! Estou identificado com Ele, para libertação nestes últimos dias. Confio ser parte desta grande Noiva que virá um dia destes.
179 Não importa o que o mundo diga, eles podem nos chamar de “loucos, histéricos, ou Belzebus, ou hereges,” o que quer que queiram ser. Eu ainda quero estar identificado com esse grupo. Eu ainda estou ali. Eu permaneço ali. Eu nasci ali. Eu quero ficar ali. Eu sempre estarei ali, porque Deus me colocou ali. Eu estou. Eu deixei a minha igreja, para vir me identificar com um bando de santos roladores. Eu sou um deles. Estou identificado com eles.
Dizem: “Billy, você perdeu a mente.”
180 Talvez eu tenha perdido, mas encontrei a mente de Cristo. Encontrei a Sua Palavra, encontrei a Sua Presença, encontrei que Ele é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente!…importa o que alguém pense a respeito disto. Sou eu. Sou eu que tenho de fazer minha identificação. Estou identificado com Ele, pela Palavra de Deus. Ele disse: “Estes sinais seguirão aos que crerem.” Estou contente em estar identificado nisso. Sim, senhor.
181 Vocês sabem, o velho perito violinista, certa vez. Vocês já ouviram essa história. Tinham um velho violino e o ofereceram em leilão. Queriam vendê-lo, e ninguém o comprava. Disseram: “Quem dará um dólar? Quem dará um dólar e meio?” Finalmente: “Dou-lhe uma, dou-lhe duas, um dólar e meio.”
182 Finalmente um velho de cabelos grisalhos saiu da audiência. Vocês conhecem a história. Apanhou-o, disse: “Deixe-me tocá-lo.” Pôs um pouco de resina no seu arco, e tocou algumas notas. As pessoas começaram a chorar. As lágrimas começaram a escorrer do rosto delas, dessa maneira.
183 E quando o fizeram, o leiloeiro o apanhou novamente, disse: “Quem fará uma proposta,” disse: “Mil dólares, dois mil, cinco mil?”
184 Qual foi a diferença? O perito, aquele que o conhecia, aquele que o construiu, ele sabia como extrair dele o que estava nele.
185 E enquanto tentarmos tirar nossas igrejas dos credos e denominações, nós nunca o faremos. Deixe que o Perito Construtor da raça humana, o Qual fez o homem à Sua própria imagem, o Qual está edificando para Si uma Noiva para a mesma coisa, deixe que o Seu movimento de arco do Espírito Santo mova esta Palavra no seu coração uma vez, e isto será nosso melhor exemplo. Não importa a quantas grandes igrejas você vá, e quantos nomes no livro, isto fará mais por Jesus Cristo do que todas as igrejas, e denominações, e credos, e igrejas mundiais, e organizações, em todo o mundo.
186 Ele está construindo uma Noiva. Sim, senhor. Ele está tirando lascas agora, removendo o mundo. Oh, unir-se à igreja, e credos, e denominações, e dogmas, tudo tem de ser decepado da Igreja; suas idéias formais, sua indiferença, suas doutrinas e coisas tais. Volte e deixe o Perito apanhar o arco. Deixe o Perito apanhá-lo em Suas mãos, tocar a Palavra, dizer: “Jesus Cristo é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente.”
187 Diga: “Amém, Senhor. Faz-me, molda-me, faz-me, Senhor, o que eu deveria ser.” Então haverá uma coisa diferente.
188 Então: “Quando for levantado da terra, todos atrairei a Mim.” Sim, senhor.
189 Ele está talhando você agora, desbastando você conforme Sua Palavra somente, cortando todos os credos e dogmas e tudo mais, para fora de você, tentando chegar de volta a uma Noiva para o Filho, outra obra-prima, parte da Palavra. A Palavra!
190 Jesus não poderia tomar o lugar. Você se lembra de quando leram, aquele dia, no livro? Ele leu só parte da profecia, deixou o resto dela para o último dia. Somos nós que devemos tomar essa parte.
191 Assim, veja, Ele tem talhado, quer talhar a Igreja, exatamente como fez com o Filho, como fez com a Noiva e o Noivo. Para ser Sua Noiva, você tem de ser parte Dele. Não parte do credo, não parte da igreja, não parte da denominação, mas a parte Dele. Ser lavrado de qualquer outro tipo de forma não funciona. Você tem de ser lavrado da Palavra. O mundo cortado de você, e apenas deixar só a Palavra viver em você.
192 O grande Escultor está contando que você esteja disposto a permanecer e ter a si próprio moldado à semelhança do Seu requisito, que Sua Palavra requer. “Nos últimos dias derramarei do Meu Espírito sobre toda a carne. Vossos filhos e filhas profetizarão.” Cristo é a Obra-Prima identificada da Palavra feita carne. Requer-se que você se identifique Nele, pela mesma Palavra, para ser a obra-prima para a Noiva.
193 Agora, irmãos, Deus tem uma obra-prima então, para apresentar ao mundo, agora Ele quer uma obra-prima hoje. Você está disposto? Você está pronto, meu amigo cristão? Você está realmente seguro de que sua vida está de tal modo refletindo, pro Cristo, não importa o que o mundo diga. Eles dizem: “Você perdeu o juízo. Você ficou louco. Você foi e se uniu àquele bando de santos roladores.” Não preste atenção alguma a isso.
194 Se você realmente não está verdadeiramente salvo, e nesse Sangue, e a Palavra de Deus em você e refletindo a si mesma, e a Vida de Cristo refletindo-Se a partir de você; irmão, irmã, não se arrisque. Não me importa o que você seja, que tipo de experiência tenha, deixe essa Palavra refletir-Se através de você a cada dia, porque Deus, nestes últimos dias, está tomando uma Noiva para Seu Filho, Jesus Cristo.
Inclinemos a cabeça.
195 Querido Pai celestial, uma maneira tão grosseira diante de um grupo inteligente de pessoas. Minha instrução é sufi-…insuficiente, Senhor. Eu rogo que o grande Espírito Santo faça penetrar estas palavras no coração das pessoas, de modo que elas vejam o que eu quero dizer, se não puderam entender em minha maneira de entrecortar as coisas, Senhor. Mas, no meu coração, eu – eu vejo o que Tu estás – o que Tu estás tentando fazer.
196 Eu creio, Pai, que a Noiva tem de ser parte do Noivo. Ela tem de ser assim como é o Noivo, porque é parte Dele. Ela não pode nunca, nunca ser Sua Noiva até que se torne parte Dele. E essa é uma parte da Palavra, hoje, que diz que Ele é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente.
197 O grão de milho que viveu outrora na terra, e caiu na terra, levantou-se à semelhança do grão que caiu na terra. E, Senhor, no Dia de Pentecostes saiu uma grande Igreja. Veio outro grão de trigo, para ser feito um Noivo e uma Noiva para o último dia.
198 Nós verificamos que caiu, por Ele, por mil anos. Desde o Concílio de Nicéia, ficou apodrecendo na terra.
199 Os críticos escreveram o livro O Deus Silencioso, “que deixava criancinhas serem mortas, e mortas por leões, e queimadas. E os gladiadores martirizarem os cristãos, e os queimarem em estacas.” Se aquele homem somente tivesse tido o entendimento espiritual!
200 Aquele trigo tem de apodrecer na terra, mas ele brotou novamente, não à semelhança em que desceu. Ele desceu à semelhança de um grão de trigo, mas, quando saiu, tinha algumas folhas, como o trigo jovem que brota.
201 Finalmente ele cresceu de Lutero a Zwinglio, e assim sucessivamente, e finalmente veio a uma borla. Ele se transformou nos dias de Wesley. Parecia um pouquinho mais com o trigo, e mais com ele do que as folhas pareciam. Estava voltando a si novamente.
202 Então nós verificamos, ele brotou, um grão, parecia quase igual ao verdadeiro. E se você somente se abaixasse e puxasse a casca para trás, você descobriria. O primeiro grão de trigo não tem grão nele, de modo algum. É uma casca, uma folha. Senhor, o grande reavivamento pentecostal que saiu, teve de ser daquela maneira, Senhor, para proteger o Trigo quando de fato vier. Não teria havido lugar algum a que Ele ir.
203 Agora, Pai, nós sabemos que tomamos todas as coisas pela natureza, porque Tu formaste a natureza. Tu redimiste a terra, da maneira que Tu a batizaste, nos dias de Noé, após sua pregação; Tu derramaste o Sangue do Filho sobre a Terra, para santificá-la para Ti Mesmo; e na grande era por vir, na renovação, Tu irás queimá-la com o fogo, para remover pelo fogo todas as coisas mundanas. Como Tu fazes ao cristão, Tu o salvas: o batizas; o santificas; então renovas o mundo para fora dele, e o reclamas então como Teu, ao colocar o Espírito Santo nele.
204 Nós sabemos que este trigo passou pelo mesmo processo. Toda a natureza opera de modo idêntico. Agora, Senhor, quando vemos a casca agora se afastando do Grão, tornando-se mundana, ó Deus, concede que esses grãos vão…A – a casca tem de se afastar, de modo que o grão possa se pôr na Presença do Filho. Eu ouço a vinda da combinada [Máquina combinada de ceifar e debulhar – Trad.], Senhor. Não demorará muito. E então o grande elevador elevará a Tua Noiva à glória na Presença de Deus.
205 Eu rogo, Pai, que Tu abençoes a cada um de nós. Permite-nos recordar, Senhor, que esta é a nossa oportunidade. Pode ser que não tenhamos um amanhã. Hoje é nossa oportunidade. “Hoje, muito tempo depois, quando ouvirdes a Sua Voz, não endureçais o vosso coração.” Senhor Deus, eu não conheço estas pessoas. Se há alguma aqui, com falta disto, concede esta noite que elas recebam a plenitude de Deus, e sejam cheias do Espírito Santo. Concede isto, Pai.
206 Agora com a cabeça inclinada, nosso coração inclinado também. Amigos, perdoem-me pela maneira que retalho a minha mensagem. Eu – eu rogo que Deus simplesmente lhes mostre o que quero dizer. Agora, se…Eu não quero ninguém olhando. Somente mantenha a cabeça inclinada. Eu não. Onde quer que você esteja, se não tem certeza de que sua vida…
207 Agora, veja, cada um daqueles processos, o que eles fizeram? Entraram numa organização. O que Isto fez? O Espírito partiu, para outro. Tão logo Lutero se organizou; Ele entrou direto em Wesley. Wesley se organizou; Ele entrou direto em Pentecostes. Pentecostes se organizou; para onde Ele está indo? Do mesmo modo que a Coluna de Fogo, mantém-Se movendo.
208 E algumas pessoas diriam: “Eu sou pentecostal.” Isso é ótimo. “Eu sou luterano.” Isso está bem. Não há nada contra isso.
209 Mas amigo, amigo, o Trigo ainda está Se movendo adiante. Nós tivemos um dos maiores reavivamentos. Ele tem – ele tem durado por mais tempo. A história mostra que um reavivamento só dura cerca de três anos. Este tem estado por quinze anos, ou mais, grandes campanhas de cura, mas esfriou agora. Veja! Todo reavivamento sempre produz uma organização depois disso. Por que não este? Houve um pequeno grupo de irmãos que começou, aqui em algum lugar, chamado Chuva serôdia, eles não chegaram a parte alguma; se desfizeram. Por quê? É a era do Trigo, amigo. É o Trigo. Há um ministério na terra que é exatamente igual ao que começou na terra lá no princípio, uma verdadeira experiência pentecostal.
210 As igrejas estão ficando organizadas. E uma está tentando edificar maior que a outra, e obter mais membros e coisas tais, as organizações, gradualmente. Nós vemos isto. Eu sou pentecostal. Nós a vemos se retirando. Mas o quê? Ela tem de fazer isso, de modo que o – o Filho possa chegar ao Grão. Se ela não tivesse estado ali, primeiro, se não tivesse havido casca ao redor dele, ele não teria lugar a que ir. Deus fez uma casca para ele, veja, como o milho, como o trigo, como qualquer outra coisa que vem da moagem. Agora, veja, não houve nenhuma organização que teve início depois disto. Por quê? Não há mais tempo para uma. Nós estamos no fim.
211 E se você não está exatamente onde devia estar, e você dissesse: “Irmão Branham, se Deus ouve sua oração pelos enfermos, e eu tenho ouvido o que o Senhor tem feito em resposta à oração.” E você tem ouvido de outras pessoas no mundo hoje, que estão orando. Você diz: “Eu…O irmão orará por mim, para que eu receba essa experiência, irmão Branham? Pode ser que eu nunca o veja novamente.” Pode ser que eu nunca o veja. “Mas ore para que eu esteja ali. Eu não sinto exatamente que estaria ali agora. Mas gostaria que o irmão orasse por mim, para que eu esteja.”
212 Agora, toda cabeça inclinada. Erga a mão, você o fará? O Senhor o abençoe, abençoe você, você. Deus o abençoe. Neste grupo de pessoas, eu suponho, cinqüenta, talvez, ou setenta e cinco mãos estavam erguidas.
213 Agora, querido Jesus, Tu és o juiz. Nós somos só os ministros. Eu rogo, querido Deus. E – e se encontrei graça em Tua vista, responde a minha oração. Tu viste toda mão que se ergueu. Tu sabes o que estava no coração deles. Nós cremos que eles são ordenados à Vida. E Satanás, do mesmo modo que nos dias de Adão, ele está tentando impedir que essa obra-prima venha. Que isto seja detido esta noite. Que o Sangue de Jesus Cristo bloqueie isto, e que eles saiam como uma obra-prima para Deus. Concede isto, Pai.
214 Que eles estejam identificados na Palavra de Cristo. Ele disse: “Aquele que não nascer de novo…” Que eles recebam essa experiência de nascer de novo. Que recebam o batismo do Espírito Santo, a renovação de todas as coisas do mundo. Eles não querem isto mais, Senhor. Limpa esse mundo deles, e põe-nos fora como uma obra-prima perante o povo. Concede isto, Senhor, para que Tu possas estar contente nesta era do tempo do jardim nos últimos dias aqui, para apresentar Tua obra-prima destes homens e mulheres, moços e moças, que ergueram a mão. Concede isto, Senhor.
215 Abençoa este reavivamento que está acontecendo na cidade. Ó Deus, eu rogo que todo homem e mulher, que esteja nas imediações, visite esse reavivamento. E que cada um deles seja cheio do Espírito Santo, e que haja um reavivamento à moda antiga que se estenda através desta pequena cidade aqui, de tal modo que pessoas de todas as partes venha. Concede isto, Senhor. Dá-nos estas coisas, Pai, porque as pedimos em Nome de Jesus. Amém.
216 Eu O amo. Eu O amo. Vocês O amam? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.] Vocês sabem, Paulo disse: “Se canto, canto no Espírito.” Gostaria de saber. Estou muito longe de ser um cantor. Mas só me pergunto, esta noite, se não poderíamos dar início àquele cântico: Eu O Amo. A irmã nos dá o acorde? “Porque Ele primeiro me amou.” Vocês já o ouviram? Quantos o conhecem? Vejamos suas…É um dos meus antigos cânticos. Eu amo cantá-lo. Muito bem.
217 Agora somente inclinemos a cabeça e fechemos os olhos, e cantemos agora, Eu O Amo.
Eu O amo, Eu O amo
Porque Ele primeiro me amou
E comprou-me a salvação
No madeiro do Calvário.
218 Vamos sussurrá-lo. [O irmão Branham começa a sussurrar Eu O Amo – Ed.] Algum dia arcos-íris se estenderão pelo céu. Haverá um toque de trombeta. Os mortos em Cristo estarão subindo. Oh, como nós vamos querer Isto então!
E comprou-me a salvação
No calvário.
219 Aí e onde Ele Se tornou a Obra-Prima para nós. [O irmão Branham começa a sussurrar Eu O Amo – Ed.]
220 Somente recorde, todas as obras-primas, antes que possam ser postas no salão da fama, têm de passar por seus salões de críticos, primeiro. Os críticos têm de ver se podem criticar isso. Mas quando ela é aprovada pelos críticos, então é levada ao salão da fama. O Filho de Deus passou pelos críticos de toda organização, denominação, até mesmo Pilatos disse: “Não acho Nele crime algum.” Judas disse: “Traí Sangue inocente.”
221 Então Deus O ressuscitou, e Ele está pendurado no grande salão de fama hoje, à destra de Deus, fazendo intercessão. Você não quer se unir a Ele ali? Não quer ser parte disso? Você pode ser. Você é convidado a ser. Enquanto estamos cantando este cântico, por que simplesmente não conversa sobre o assunto com Ele agora.
…primeiro me amou
E comprou-me a salvação
No madeiro do Calvário.
222 Enquanto o cantamos novamente, eu quero que você aperte as mãos de alguém do outro lado da mesa à frente agora? Diga: “Deus o abençoe, amigo cristão. Deus o abençoe. Ore por mim.” Cada um de vocês faça isso agora, enquanto o cantamos novamente.
Eu amo…
Ore por mim. Ore por mim.
…O amo
Porque Ele…
223 Isso mesmo, apertem as mãos, digam: “Ore por mim.” Todos vocês orem por mim. Eu quero tanto estar ali.
E comprou-me a salvação
No madeiro do Calvário.
224 Agora vamos inclinar a cabeça e fechar os olhos, e erguer as mãos e cantar isto para Ele agora.
Eu… Ó Deus, Eu O amo
Porque Ele primeiro me amou
E comprou-me a salvação
No Calvário.
Olhe para sua Obra-Prima pendurada ali.
225 Grande Escultor, grande Deus o Qual fez o homem, e o moldou e o formou à Tua própria imagem, eu rogo a Ti, Senhor, que Tu nos tomes esta noite. Que esta seja uma noite memorial, realmente memorável para nós, que, esta noite, Senhor, esta noite, bem aqui neste Hotel Stardust, que Tu moldes homens à imagem dos filhos de Deus. Concede isto, Senhor. Grande Escultor, Tu és o Único que podes fazê-lo. Toma a tua Palavra, Senhor, molda-A diretamente no coração de todos nós, de modo que sejamos Tuas obras-primas nos últimos dias, e sejamos chamados a Noiva de Cristo. Outros homens possam ver que há uma tão grande realidade e tão grande alegria em viver para Ti.
226 Senhor, este dia, em que até mesmo nossas igrejas, elas estão perdendo sua sinceridade. Elas não…Parece ser que tudo se tornou Hollywood. Senhor, o que aconteceu? Elas se foram atrás de um – um reflexo ao invés de uma incandescência. Sabemos que o mundo está cheio de mundanismo em seu reflexo. Mas o Evangelho incandesce com amor e com Cristo. Concede, Senhor, que escapemos do reflexo do mundo, e entremos na incandescência de Cristo.
227 Eles são Teus, Senhor. Tu os compraste. Tu! Eles ergueram a mão, esta noite, eles queriam ser. Agora, Pai, eu…Se pudesse, eu os tornaria isso, mas não posso. Mas estou confiando em Ti. Tu disseste: “O que vem a Mim de maneira nenhuma o lançarei fora. Quem ouve a Minha Palavra e crê Naquele que Me enviou tem a Vida Eterna e não entrará em juízo,” não fingir que crê agora, Senhor, mas crer, “ele passou da morte para a Vida.” Concede isto, Pai. Eles são Teus, através do Nome de Jesus Cristo. Amém.
228 Vocês O amam? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.] Ele não é maravilhoso? [“Amém.”]
229 Dê-nos o pequeno tom, ou acorde aí, irmã: Maravilhoso, Maravilhoso.
Vocês gostam de cantar? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.]
Estou demorando muito? [Os líderes dos homens de negócios dizem: “Não.” – Ed.]
230 Eu gosto de adorar. Vocês não? [A congregação diz: “Amém.” – Ed.] Uma Mensagem pequena e cortante assim, eu não…Você sabe, eu detesto cortar. Mas, você, você tem de curvar a ponta do prego, e fazê-lo segurar. Você sabe o que quero dizer? Sim. Você tem de cravá-lo, ora. E, está vendo?
231 Vocês amam esse cântico? “Maravilhoso, maravilhoso, Jesus é para mim.” Vocês conhecem esse?
Maravilhoso, maravilhoso, Jesus é para mim,
O Conselheiro, Príncipe da Paz, Deus Forte Ele é;
Salvando-me, guardando-me de todo pecado e vergonha,
Maravilhoso é meu Redentor, louvado seja o Seu Nome!
Outrora estava perdido, agora fui encontrado, livre de condenação,
Jesus dá liberdade e plena salvação;
Salvando-me, guardando-me de todo pecado e vergonha,
Maravilhoso é meu Redentor, louvado seja o Seu Nome!
Todos!
Maravilhoso, maravilhoso, Jesus é para mim,
O Conselheiro, Príncipe da Paz, Deus Forte Ele é;
Salvando-me, guardando-me de todo pecado e vergonha,
Maravilhoso é meu Redentor, louvado seja o Seu Nome!
232 Agora digamos: “Louvado seja o Senhor!” [A congregação diz: “Louvado seja o Senhor!” – Ed.] Louvado seja o Senhor! Vocês não se sentem purificados? [“Amém.”] Sentem-se bem? Adorem ao Senhor. Ele é maravilhoso.
233 Deus os abençoe até que nos encontremos novamente. Eu passarei o culto agora ao irmão, presidente.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...