AMOR
14 de março de 1958
Harrisonburg – Virginia – E.U.A.
Tradução – GO


1 Podeis assentar…?…É realmente um privilégio estar aqui nesta noite, um enorme privilégio estar aqui para servir ao Senhor Jesus. Sentimos muito por não termos espaço suficiente, sabendo que vocês têm que ficar de pé e isto te deixa cansado; e o corredor…e eu perguntei se havia algum lugar maior para conseguirmos, e eu não creio que haja no momento.
2 Mas tentaremos encurtar nossas mensagens o mais que pudermos, e você seja paciente e aguente conosco só um pouquinho. E agora, lembre do culto amanhã à noite, e então domingo à tarde, e também domingo à noite.
3 Agora, nesta noite, se for da vontade do Senhor, eu gostaria de ler uma porção da Escritura. E então vocês orem por mim enquanto eu falo nesta noite. Estou rouco desde que cheguei aqui em cima. Não um forte resfriado, mas apenas com a voz sobrecarregada. Deixe-me girar esta coisa um pouquinho…A troca dessa coisa. Está bem. Eu acho que assim ficará um pouquinho melhor.
4 Agora, na leitura nesta noite vamos voltar a uma Escritura bastante familiar que é conhecida por todos, encontrada na velha bendita Bíblia. E eu creio que cada Palavra que a Bíblia diz é a verdade. E eu sei que todos os cristãos fazem o mesmo. E esta é uma leitura bastante familiar: João 3:16.
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
5 Agora, vamos inclinar nossas cabeças só um momento para orar. Ó, bendito e eterno Deus, o Qual trouxe novamente o Senhor Jesus da morte, e Ele tem estado presente agora conosco depois de mil e novecentos anos, ainda vivo e simplesmente tão suficiente em Seu poder e em Sua Presença como Ele foi a mil e novecentos anos atrás quando Ele andou na Galiléia. E nós Te agradecemos, nosso Pai, porque Tu nos tens feito isto.
6 E neste escuro dia maligno em que estamos vivendo, quando existe tanta confusão dos dois lados do mundo, e nas nações, na política, e em cada passo da vida, até mesmo no circuito cristão…Mesmo ali há confusão.
7 Mas estamos muito felizes em saber que Jesus continua vivo e como as Escrituras têm dito Dele: “O mesmo ontem, hoje e para sempre.” E quando vemos o fim se aproximar rapidamente e os sinais da Sua breve vinda, nossos corações saltam de alegria quando descansamos na bendita promessa de que Ele é o mesmo, que Ele nos amou e Ele Se entregou por nós.
8 Nós Te pedimos nesta noite, Deus, que sejas misericordioso para conosco e perdoe-nos de nossos pecados e transgressões. Conceda-nos com extrema abundância nesta noite, para os corações exaustos e necessitados nestes dias. Abençoe a cada um na Presença divina. E cure cada pessoa enferma que veio nesta noite esperançosa, e sabemos que não despedirás nenhuma pessoa faminta, insatisfeita. Pois esta é a Tua natureza. Tu és Deus. Abençoe a Palavra enquanto a lemos, e dê-nos o contexto desta Palavra para a mensagem desta noite, pois pedimos isto no Nome do Todo suficiente, o Senhor Jesus. Amém.
9 Eu suponho que não existe uma só criança que tenha frequentado as escolas dominicais a qualquer tempo, que não possa citar esta pequena passagem da Escritura aqui: apenas uma pequena porção da Palavra do Deus eterno.
10 E não é muito, mas não é a leitura ou o quanto possamos ler; é o valor do que lemos. E não faz nenhuma diferença se é muito longa ou não. É o valor do que lemos. É aí onde podemos descansar a nossa fé, porque é a Palavra do Deus vivo.
11 E agora, há algum tempo, falando a respeito do valor das coisas, do outro lado do rio em Louisville, Kentucky, do outro lado de onde eu moro, ali havia um garotinho que estava lá em cima do sótão de sua casa. E ele estava procurando algumas velhas relíquias e coisas que pertenciam à família. E ele encontrou um velho baú. E ele mexeu naquele velho baú para — alegremente para ver o que ele poderia encontrar. E ele encontrou um pequeno selo postal que havia ficado amarelo. Ele era apenas cerca de meia polegada quadrada.
12 O pequeno companheiro olhou para aquilo, e ele disse: “Talvez isto possa valer uns cinco centavos, e com cinco centavos eu poderia tomar um cone de sorvete.” Então com o cone de sorvete em sua mente, ele desceu a rua correndo até um colecionador de selos. E o colecionador olhou para aquilo, e ali…Ele disse: “Quanto você me daria por este selo postal?” Não esperando receber mais do que cinco centavos.
13 E ele disse… Depois que o colecionador de selos olhou para aquilo, ele sabia que era um selo antigo, então ele disse: “Eu te dou um dólar por ele.” Ó, o pequeno companheiro ficou muito feliz. Aquilo significava muitos sorvetes. Então ele vendeu o selo por um dólar.
14 E cerca de seis semanas depois, o colecionador de selos o vendeu por cinqüenta dólares. Algum tempo depois ele foi vendido por quinhentos dólares. E agora, eles alegam que ele vale duzentos e cinqüenta mil dólares.
15 Agora, nós sabemos que um pequenino pedaço de papel com meia polegada quadrada não valeria nem mesmo ser apanhado na rua. Mas não era o valor do papel, era o valor que está aplicado no papel.
16 E é assim que é com a Palavra de Deus. Não é apenas o papel no qual está escrito, mas é o seu valor, é porque é a Palavra do Deus eterno. E Jesus disse: “Os céus e a terra passarão, mas a Minha palavra nunca falhará.”
17 Aquela palavra, João 3:16, nesta noite, embora seja pequena em sua porção, contém valor suficiente para salvar o mundo. Ela tem valor suficiente em si para curar cada pessoa enferma que está na terra hoje. É um perdão para cada pecador. É alegria para cada pessoa cansada. É a esperança para o desesperançado. É alimento para o santo. É cura para o enfermo. É perdão para aqueles que estão perturbados. É — todas estas coisas para você, se você assim as receber.
18 Há algum tempo houve um caso. Eu creio que foi nos dias de Abraão Lincoln, que um homem havia cometido um crime e ele foi encontrado culpado. E a sua punição era morrer pelo esquadrão da fuzilaria.
19 E um bom amigo saiu e foi até o presidente, e de joelhos implorou pelo perdão daquele homem. E o Sr. Lincoln, não estava em seu escritório, decidiu que ele perdoaria o homem. Então ele apenas escreveu naquele pequeno pedaço de papel: “Perdoo fulano de tal. Abraão Lincoln, presidente dos Estados Unidos.”
20 Ele se inclinou e agradeceu ao homem e então correu rapidamente até o homem na prisão. E ele disse: “Meu amigo, eu tenho o seu perdão.” Ele disse: “Deixe-me ver isto.” E ele mostrou aquele pequeno pedaço de papel.
21 E o criminoso disse: “Oh, não é o suficiente. Se isto fosse um perdão verdadeiro, ele teria sido escrito em um grande pedaço de papel. Ele relataria porque eu havia sido perdoado, então você está apenas brincando com isto.” E ele não pôde ser persuadido para receber o seu perdão. E na manhã seguinte o homem morreu pelo pelotão de fuzilamento.
22 E então observe, há um documento assinado pelo presidente dos Estados Unidos que diz: “Este homem está perdoado.” E ele foi escrito um dia antes da execução. Então ele foi examinado pelo Tribunal Federal. E aqui está a decisão do Tribunal Federal: Um perdão não é perdão a não ser que ele seja aceito como um perdão.
23 E é assim que é com a Palavra de Deus. É um perdão para aqueles que O receberem como um perdão. É cura para aqueles que O receberem como um perdão de cura. E cada promessa divina de Deus é verdadeira, se ela for recebida com a correta atitude em relação a Isto.
24 Eu digo isto nesta noite, como um ministro do Evangelho, e eu já vi isto ser provado. Eu já tive o privilégio de pregar ao redor do mundo e diante de dezenas de milhares de pessoas. E cada promessa divina na Bíblia é verdadeira. E se você tomar a atitude mental correta em relação a quaisquer promessas do Deus divino, fará com que isto aconteça, se você puder tomar a atitude mental correta.
25 E em nossa leitura escriturística nesta noite, ela diz: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira…” Se há qualquer coisa pela qual o mundo está morrendo hoje, é o amor. Em minhas viagens eu descobri que essa é a pedra rejeitada que não deixa o edifício se encaixar.
26 Onde os assembleianos e a igreja de Deus, e os batistas e os metodistas, todos estreitariam as mãos e seriam irmãos, se eles apenas tivessem amor um pelo outro.
27 Essa é a grande necessidade pela qual o mundo está morrendo, e Deus é amor. Agora, você encontra na igreja o que impede a igreja, tem sido a concepção errada de amor.
28 Agora, amor…Existe dois tipos diferentes de amor que é o amor verdadeiro. Um deles no grego é chamado de “Agape.” Este é o amor de Deus. E então o amor pervertido daquilo que é o amor, é “Phileo”, que significa “o amor humano.”
29 “Phileo” vem da palavra “companheirismo.” O amor phileo é aquele que você tem pela sua esposa. E se um homem flertasse com ela ou se a insultasse, você daria um tiro arrancando seus miolos. É isto que o amor Phileo fará. Ele é acompanhado pelo ciúme. E muitas outras coisas o acompanham.
30 Mas o amor Ágape faria com que você orasse pela sua alma pecaminosa. Esta é a diferença entre os dois amores. O amor de Deus é o princípio do amor. É a fonte do amor. E isto está faltando na igreja hoje, aquele verdadeiro amor Ágape que faz com que você sinta amor pelo seu inimigo.
31 Oh, se tivéssemos aquele tipo de amor, haveria um reavivamento que varreria esta nação de costa a costa e de norte a sul. E a razão pela qual não temos aquele amor…Esta é a razão principal pela qual a igreja não está progredindo como ela deveria.
32 Nós não precisamos de teologia. Nós precisamos somente do amor verdadeiro para acompanhar a teologia que já conhecemos. Todos nós discutimos tanto se devemos batizar para trás, ou para frente, ou seja lá como for. Mas como você é batizado não faz nenhuma diferença, ou a qual igreja você pertença, ou que evidências você tem de que é um cristão, se você não tiver amor, você não tem Deus.
33 Nós precisamos de amor. “Deus amou o mundo de tal maneira, que Ele deu o Seu filho unigênito.” Agora, quando o amor é projetado, e ele chega a seu fim, a graça soberana produz o que o amor projetou. Quando Deus amou o mundo de tal maneira que o Seu amor estava no fim de seu seguimento e então aquele amor projetou a graça soberana que nos deu o Salvador.
34 Foi assim que recebemos Jesus. É porque Deus amou o mundo. Algo foi produzido por causa do Seu amor. E foi produzido Jesus, o Salvador. A grande velha história a qual esquecemos tão fácil…
35 Há muitos anos lá na Suíça, e alguns de vocês, homens e mulheres que têm mais ou menos a minha idade, podem se lembrar lendo isto em suas anotações. A Suíça era um pequeno grupo de pessoas que saiu lá das montanhas da Alemanha. E eles ajuntaram para si mesmos uma pequena economia. Eles não eram um povo guerreiro. Eles eram um povo pacífico.
36 E de repente, ali veio uma guerra contra eles. E os suíços apanharam todas as suas velhas foices afiadas, e paus, pedras, e o que eles puderam encontrar e desceram das montanhas para se encontrar com o inimigo na planície.
37 E ali estavam eles de pé, todos recuados, apenas um grupinho de pessoas, e um grande exército marchando, se aproximava como um muro de tijolos. Eles não tinham chance.
38 Mas ali havia um herói no meio deles chamado Arnold Von Winkelried. E ele beijou a sua esposa e suas crianças dando adeus, poucas horas antes de ir para a batalha. Ele amava o seu lar. Ele amava a sua nação; portanto, o seu amor o constrangeu a fazer algo em relação àquilo.
E ele disse: “Homens da Suíça, neste dia eu darei a minha vida pela Suíça.”
39 Eles disseram: “O que você fará, Arnold von Winkelried?”
40 Ele disse: “Apenas me sigam e lutem pelo que vocês possuem.” E ele levantou os seus braços para cima e olhou em direção às pontas das lanças enquanto seguiam marchando como um grande imenso muro. E ele encontrou a ponta das lanças. E ele gritou: “Abram caminho à liberdade.” E ele começou a correr com as suas mãos levantadas. E ele gritou novamente: “Abram caminho à liberdade.”
41 Antes de dar sua vida, ele disse: “Lá do outro lado da montanha, há uma pequena casa branca, e duas criancinhas e uma dócil esposa a quem eu nunca mais verei. Cuidem deles. Mas eu darei a minha vida para defendê-los.”
42 O amor faz você fazer coisas, e quando a igreja obtiver o verdadeiro amor de Deus em seu coração, ela fará coisas. Eles não se envergonharão. Oh, Cristo não quer que você seja…Não é tanto o fato de ser leal. Ele não quer ser o seu patrão; Ele quer o seu companheirismo. É isto que Deus quer, ter companheirismo com você.
43 E enquanto este Arnold Von Winkelried corria em direção às linhas, ele agarrou um punhado de lanças e as cravou em seu coração enquanto caía sobre elas e mergulhava para a morte. Foi um ato tão corajoso que aquilo derrotou o inimigo. E aqueles que o seguiram, gritando com as foices em suas mãos e pedras e rochas e paus, expulsaram o inimigo do país. E a Suíça nunca mais teve uma guerra desde aquele dia até este.
44 Aquele heroismo raramente comparado e nunca superado, mas oh, aquilo foi uma coisinha. Um dia quando a raça caída de Adão foi colocada em um canto, eles tinham…?…e leis. E eles os havia recusado, e o diabo, pecado e enfermidade, havia colocado a raça de Adão em um canto. E ali houve Um que saiu do céu, disse: “Eu irei até a terra, porque Deus amou o mundo de tal maneira que o Seu amor O constrangeu a fazer algo. Ele projetou um Salvador, o Qual veio à terra e encontrou as mais grossas lanças, que era a morte, e mergulhou naquilo.
45 E no dia em que Ele ascendeu ao alto e Ele enviou de volta o Espírito Santo, e disse para a Sua igreja: “Tome isto e lute da melhor maneira que você puder.”
46 Aí está onde a igreja perde isto hoje: O amor de Deus que não derrama sobre os corações um Espírito Santo, e os homens com medo de tomá-lo. Seria melhor você tomar alguma teologia feita pelo homem e tentar lutar. Você perderá. Tome o que o nosso Líder deu. O Senhor Deus te dará fortalecimento. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o Seu Filho unigênito.”
47 Oh, eu tenho observado isto…Muitos de vocês leram o livro daquela época lá em cima em Portland, Oregon, quando um maníaco correu até a plataforma. Contudo, isto termina em uma pequena linha individual.
48 O maníaco subiu até a plataforma naquela noite diante de seis mil e quinhentas pessoas e ele ia me matar. Um enorme gigante troncudo, pesando cerca de cento e quinze quilos ou talvez mais, ficou aproximadamente a uns dois metros, um maníaco que havia saído do sanatório mental. E eu estava falando sobre a fé. Eu pesava cerca de setenta e cinco quilos. E eu vi cerca de trezentos pregadores correrem da plataforma, porque eles o conheciam. Ele odiava pregadores. E ele estava sendo procurado pela lei.
49 E quando ele correu para a plataforma, eu não o conhecia. E ele deu um grito bem forte e cerrou os seus dentes, e os seus olhos voltados para trás. E ele começou a andar em minha direção. E ele disse: “Seu hipócrita. Sua serpente rastejante,” ele disse, “em cima desta plataforma, colocando a si mesmo como um servo de Deus. Você não passa de um hipócrita.”
50 Todo mundo ficou quieto. Naquele momento dois pequenos policiais que eu havia guiado a Cristo, correram lá do vestiário para agarrá-lo. E eu acenei para eles. Eu disse: “Este não é um assunto de carne e sangue.” Mas a coisa estranha foi que quando o homem subiu ali em cima, eu não fiquei com medo. Agora, o amor perfeito lança fora o medo e esta é a razão pela qual as pessoas não tomam Deus em Sua Palavra para a cura. Elas não O amam o suficiente, porque você tem medo Dele não cumprir com a Sua Palavra. Esta é a razão pela qual as pessoas temem que alguém diga algo contra elas se elas receberem o Espírito Santo. Elas têm medo que alguém ria e critique. Mas quando o amor chega…
51 O que fez Moisés sair do Egito? O trono estava aos seus pés, porém ele considerou a vergonha de Cristo maior riqueza do que todos os tesouros do Egito. Por que? Não disse: “Agora, eu não faço isso para levar vantagem com vocês,” mas para tomar o lugar com o seu povo. E é isto que o Espírito de Cristo faz, tomar o Seu lugar com as pessoas.
52 Foi isto que fez Cristo tomar o Seu lugar com o povo. É isto que faz um cristão hoje sair e tomar a sua posição com Cristo, viver ou morrer. O companheirismo, amem uns aos outros. E quando você ama a Deus, você não tem medo do que o mundo tenha para dizer ou fazer.
53 Quando este maníaco levou para trás o seu enorme braço, algo aconteceu. Oh, eu gostaria de poder viver daquele modo o tempo todo. E ele avançou em minha direção. E ele levou para trás seus grandes e fortes braços.
54 Agora, é melhor você não estar apenas brincando. É melhor você saber a respeito de que você está falando. E com os feiticeiros na África, os homens do ‘voodoo’ na Índia, eles te desafiarão. Mas se você realmente O ama, não fique com medo. Ele disse: “Eu estarei contigo.” Oh, eu nunca vi isto falhar e isto não falhará.
55 Então o — o homem chegou bem perto de mim, e o povo simplesmente se silenciou. E ele se retraiu, grosseiramente e cuspiu em toda a minha face. E ele disse: “Sua cobra rastejante. Eu vou mostrar quanto você é servo de Deus. Eu vou te jogar bem lá no meio daquele auditório.” Ele era bem capaz de cumprir com a sua ameaça. Mas ele não conhecia Deus. Aquela era a coisa principal. Eu continuei bem quieto, não disse nada. E meu coração estava partindo por ele. Agora, você simplesmente não pode imaginar o que é aquilo. Aquilo tem que ser real. As pessoas têm visto tanta simulação no amor, até ficarem enojadas e cansadas disto. Seja o que você for. Se você é um cristão, seja um. A graça de Deus te fará um.
56 E o homem chegou mais perto de mim, e eu senti amor por ele, porque eu sabia que ele não tinha intenção de fazer aquilo. Eu pensei: “É o diabo quem faz aquele homem dizer aquilo. Ele é um homem que amaria a sua família como eu amo a minha. Ele gostaria de comer, beber e ter companheirismo. Mas a coisa é, é porque o diabo se apossou dele. Ele é um ser humano do mesmo modo que eu sou,” estes tipos de pensamentos.
57 E você não pode fazer aquilo a não ser que Deus o faça por você. E quando ele se aproximou de mim, ele levantou para trás os seus braços, e ele disse: “Eu simplesmente vou te nocautear no meio desse auditório, e quebrar cada osso deste velho, pequeno e frágil corpo seu.” Eu não abri a minha boca e não disse uma palavra.
58 Mas então, de repente, algo começou a falar. E o Espírito Santo começou a falar, e disse: “Porque você desafiou o Espírito de Deus nesta noite, você se prostrará aos meus pés.” Ali estavam os dois, a ameaça e a profecia.
Ele disse: “Eu vou te nocautear no meio do auditório.”
O Espírito de Deus disse: “Você se prostrará aos meus pés.”
59 Ele disse: “Eu te mostrarei aos pés de quem eu vou cair.” E ele levou para trás o seu braço para me acertar e mesmo assim não havia nenhum medo.
60 Eu não estava ali porque eu queria ser visto; eu estava ali com uma condição de Deus para completar. E quando ele começou a atacar, algo apareceu. Ele disse: “Satanás, deixe o homem.” E quando isto foi dito, seus grandes olhos pareciam sair para fora, seus dentes totalmente cerrados, e ele se virou e caiu sobre os meus pés, até os policiais chegarem para tirá-lo, rolando dali.
O que foi aquilo? Amor. O amor conquistará o maior inimigo que exista na face da terra. É o amor. Apenas…?…agora de vida.
61 Aqui há algum tempo, eu estava no México no ano passado, aquele bebezinho, naquela manhã que eles trouxeram para a reunião…E ele havia morrido às nove horas daquela manhã.
62 Dezenas de milhares estavam ali em pé. Vinte mil vieram a Cristo naquela noite: Vinte mil. Eu disse: “Eu não quero católicos, ou evangélicos, eu quero pessoas que nunca, de modo algum, receberam a Cristo. E eles juntaram vinte mil.
63 Mas ali embaixo havia uma mulherzinha gritando com um cobertor. Billy estava com o homem que havia distribuído os cartões de oração e eles tinham mais ou menos duzentos ou trezentos assistentes. E aqueles trezentos assistentes não conseguiam manter aquela mulherzinha fora da fila.
64 Ela subia por cima de suas costas. Oh, qual era o problema? O seu bebê havia morrido às nove horas daquela manhã e eram, aproximadamente, quase dez horas daquela noite.
65 Após uma longa luta, a pequena senhora com não mais de vinte e cinco anos, uma pequena mulher de aparência bastante bonita, e ela continuava gritando, e os assistentes tentando empurrá-la para trás…Ela passava por baixo de suas pernas, por cima de seus ombros, ou qualquer coisa. O seu amor para com o seu bebê.
E eu podia ouvir aqueles gritos: “Padre.” “Padre” que significa “pai.” Ela era católica.
66 E enquanto ela gritava, Billy chegou para mim e disse: “Papai, você tem que fazer algo por aquela mulher.” Disse: “Ela não tem nenhum cartão de oração, e simplesmente não podemos deixá-la na fila sem um cartão de oração. Os outros estão aqui desde a madrugada desta manhã para conseguir um cartão de oração.”
67 E eu disse: “Bem, irmão Moore (O irmão Jack Moore, de Shreveport, Louisiana),” eu disse: “você desça e veja se pode orar por seu bebê ou seja lá o que estiver errado.” E ele começou a sair, e eu olhei para cima, aqui em minha frente, e vi através de uma visão, um bebezinho. Eu disse: “Só um momento, irmão Moore.”
68 Veja você, o amor soberano projeta a graça de Deus todas as vezes. Eu disse: “Talvez seja melhor eu ir até o bebê.” Eu disse: “Assistentes, eu sei que isto não é certo. De acordo com as nossas regras eles têm que ter um cartão de oração. Mas deixe a pequena senhora vir até aqui.”
69 E quando ela subiu, ela se prostrou. Eu disse: “Fique de pé.” Eu não conseguia fazer com que ela compreendesse. E eu coloquei a minha mão sobre aquele cobertor. Eu nem mesmo tinha visto o bebê. E eu disse: “Senhor Deus…” Ele estava simplesmente tão molhado o quanto poderia estar. Havia chovido o dia inteiro. Eles não tinham nenhum lugar onde se assentar; eles estavam de pé se apoiando uns nos outros. Simplesmente tão longe o quanto você podia ver naquela grande arena de touros.
70 E eu disse: “Senhor Deus, eu não sei o que é tudo isto, mas eu acabei de ver um pequeno bebê espanhol em uma visão agora mesmo.” E eu coloquei as mãos sobre aquele cobertor molhado. O Deus Jeová é o meu Juiz. Ele gritou e soltou um grande grito, e começou a chutar para tirar o cobertor de cima de si.
71 O que foi aquilo? Amor. De uma mãe para o seu bebê, não para ser visto, não um hipócrita, mas um verdadeiro amor genuíno para com seu bebê, projetou a graça soberana do Deus Todo Poderoso…?…para Jesus. Quão simples é crer nisto. Aqui, há não muito tempo. Você pode entrar em situações terríveis, como todos nós sabemos.
72 Eu estava assentado na varanda conversando com os meus associados aqui, irmão Goad e irmão Mercier. E estávamos falando sobre uma jovem moça de cor, a qual havia matado o seu bebê um dia antes. Ela era — teve um filho ilegítimo.
73 E a criança, ela a enrolou em um cobertor e a asfixiou, entrou em um táxi e foi até o rio e a jogou no rio. O motorista do táxi contou aquilo à guarda costeira. Eles passaram uma rede de arrasto às pressas e encontraram o bebezinho morto. Mas o bebê não havia afogado, ele havia sido morto por asfixia. E saiu a foto dela no jornal. E eu estava falando aos meus irmãos, assentados na varanda. Eu disse: “Sabem, aquela mulher não é nenhuma — nem mesmo deveria ser chamada de mulher.”’ Eu disse: “Uma cadela tem mais moral do que aquela mulher.”
74 E há pouco então, nós olhávamos enquanto descíamos a estrada, e a minha casa é a quarta vindo da rodovia, em cima, numa travessa, ou numa pequena avenida, como vocês devem chamar aqui. E é a única casa que tem uma cerca ao seu redor.
75 Bem, eu olhei subindo, e vindo pela entrada de carros, e ali vinha uma velha gambá. Agora, vocês da Virginia sabem como são os gambás. Eu fui guarda-florestal por muitos anos em Indiana, e eu estudei a vida selvagem; é um dos meus estudos.
76 E qualquer um sabe que os gambás não saem durante o dia. Os gambás saem à noite, e então ficam deitados e dormem durante o dia. E eu disse: “Veja, Leo, Gene. Ali vem uma gambá.” E quando ela chegou em frente ao meu portão, ela entrou.
77 E eu observei que ela estava pendendo para um lado assim, mancando de uma perna. E eu levantei e corri até ali e havia um ancinho ali no jardim. E eu peguei o ancinho e virei a gambá. Eu disse: “Talvez ela esteja com hidrofobia, porque o clima está quente agora.”’ Eu creio que foi em julho, junho ou julho. E eu disse: “Talvez ela esteja com raiva; e assim sendo, é melhor detê-la.”
78 E quando eu parei a gambá, aconteceu de eu olhar e a perna dela estava toda moída, onde um carro a havia atingido ou os cães haviam mascado. E ela estava inchada com o dobro de seu tamanho, e eu não quero ser — te deixar com nojo, mas as mosca a haviam atacado, e ali havia vermes e ataque de moscas em toda a perna.
79 E eu disse: “Oh, ela havia sido ferida há alguns dias antes.” E eu segurei o ancinho nela. Geralmente eles fazem o que você chama de brincar de gambá: se deitam. Mas ela não. Ela estava mordendo no ancinho.
80 E este animal é o segundo animal; o canguru e o gambá, são os únicos dois que possuem uma bolsa para carregar os filhotes ali dentro.
81 E eu observei, quando ela abaixou, a sua bolsa, que ali havia nove gambazinhos sem pelo, mais ou menos deste tamanho. E eles estavam tentando mamar nela. Eu disse: “Aqui está, rapazes. Ela é mamãe.” E eu disse: “Venha aqui, Gene.”
82 E por volta daquele momento a Sra. Wood que — e o Sr. Wood que eram antigos Testemunhas de Jeová e o garoto deles estava com as pernas paralizadas daqui para baixo, de tal modo que ele nem mesmo sabia qual perna estava sendo levantada agora. E eles haviam mudado para perto de mim, ela é uma veterinária.
E subiu até ali para olhar e ela disse: “Veja aquilo.”
83 Eu disse: “Rapazes, esta gambá é mais mãe do que aquela mulher ali que afogou o seu bebê.” Eu disse: “Ela provavelmente não tem mais que uma hora para viver, mas ela está desejando passar esta hora lutando pelos seus filhotes. Ela é uma mãe verdadeira.”
84 E então, quando eu levantei um pouquinho aquela perna, e eu…a Sra. Wood disse: “Irmão Branham, o que você vai fazer com ela?”
Eu disse: “Eu não sei.”
85 Ela disse: “Bem, é melhor você matá-la, e simplesmente pegue os filhotinhos e os mate, porque eles têm a boca redonda, eles não podem se alimentar, e eles morrerão sem mamar nela.
86 E eu disse: “Eu simplesmente não posso fazer isto.”
87 E ela disse: “Eu pensei que você fosse um caçador.
Eu disse: “Eu sou um caçador, mas eu não sou um assassino.”
88 E ela disse: “Ora, você não quer dizer isto.” Ela pensou que ela estava certa. E humanamente ela estava. Ela disse: “Você vai deixá-los sofrer assim?”
89 Eu disse: “Eu não sei porquê, Sra.Wood, mas eu simplesmente não posso matá-la.”
90 Disse: “Deixe o meu marido, Banks, matá-la.”
91 Eu disse: “Não, eu não posso permitir que ele faça isto.”
92 Disse: “Então você vai deixá-la deitada ali e morrer daquele jeito?”
93 Eu disse: “Eu acho que é assim que será.”
94 Eu a levantei assim com o ancinho e aqueles pequenos gambazinhos, ela os protegeu imediatamente, e correu até em frente a minha porta e desmaiou e ficou.
Então enquanto ela estava desmaiada, nós a sacudimos para saber se ela estava morta ou não.
95 Ela disse: “E você vai deixar estes filhotinhos beber este leite velho dela e ter uma morte horrível?”
Eu disse: “Eu acho que vou.”
96 Então o dia inteiro as pessoas chegando e saindo; à noite chegou, ela ainda estava deitada ali. Bem, o Sr. Wood apareceu para me afastar do povo, me levou para dar uma voltinha. As visões te enfraquecem… E eu dirigi pelo campo um pouquinho, após algum tempo quando nós voltamos por volta das onze horas, lá estava a velha mãe gambá deitada ali. E ninguém sabia se ela iria alguma vez se mover, ela se moveria quando o sol se pusesse. Ela iria embora. Mas ali estava ela deitada. E a minha esposa disse: “Billy, você vai deixá-la morrer assim?”
97 Eu disse: “Eu acho que ela já está morta.” Eu disse: “Veja aqueles filhotinhos mamando.” Disse: “Eles estão morrendo de fome.” Disse: “Provavelmente eles não estão conseguindo nenhum leite, ela estando morta.”
98 Eu a cutuquei algumas vezes, e ao tocá-la com os pés, eu vi em sua face que arreganhava os dentes de dor, e eu disse: “Ela não está morta.” Nós fomos para dentro.
99 Billy, o meu rapaz, ele chegou por volta da meia-noite, estava pescando. E ele a viu deitada ali. A noite inteira eu não consegui tirá-la de minha mente. Na manhã seguinte eu saí bem cedo, e fui olhar, e ali estava minha velha gambá deitada, toda coberta de orvalho, aqueles pequeninos continuavam mamando. E aconteceu de eu olhar, de pé ao meu lado, estava a minha garotinha, Rebeca, uma criança muito espiritual, eu tinha a tinha visto nesta visão há pouco tempo.
100 E ela disse: “Papai, o que o senhor vai fazer com essa velha mãe gambá? Ela está morta? “ Eu disse: “Eu não sei, querida.” Eu disse: “Você não deveria estar aqui fora tão cedo. Vá para dentro.” Eu disse…?…apenas vestida com o seu velho pijamas. Eu disse: “Entre para dentro da casa e vá para a cama. O papai já está voltando.”
101 Eu entrei para o meu pequeno escritório. Me assentei, comecei a esfregar a minha testa assim, com minha cabeça baixa. Eu não sei o que pensar a respeito disto. Isto depende de você e Deus. Mas algo me disse: “O que você fará a respeito dela?”
102 Eu disse: “Eu não sei.” Eu não estava pensando. E eu disse: “Oh, eu não vou matá-la.”
“Ora,” Aquilo disse: “você pregou um sermão sobre ela ontem, de ser uma verdadeira mãe.”
Eu disse: “Sim, é isto mesmo.”
103 “Bem,” disse: “ela está deitada em sua porta por vinte e quatro horas esperando por sua vez para receber oração, e você nunca disse uma palavra a respeito disto.” Eu disse: “Bem, eu não sabia…” Eu disse: “De algum modo, mas com quem eu estou falando?” Eu balancei a minha cabeça e pensei: “Aquilo foi uma voz.” E pensei: “Oh, Deus, Tu guias a águia pelo caminho nos ares; um pardal não pode cair em uma rua sem que Tu saibas. Quer dizer que Tu guiaste aquela pobre gambá ignorante até este…?…aqui.” Eu disse: “Perdoe Teu estúpido servo.”
104 E eu fui ali fora, e a pequena Beck ainda continuava olhando por cima do corrimão. E eu fui até ali onde ela estava de pé, ou melhor, deitada ali; eu disse: “Senhor Deus, me perdoe, e se Tu querias que eu orasse por esta mãe gambá e Tu a guiaste pelo instinto. Ela não tem uma alma porque é um animal…”
Sabe de uma coisa? Aquela gambá sabe mais a respeito de Deus do que muitos pregadores sabem. E ela ali deitada. E eu disse: “Senhor Deus, me perdoe, e que ela possa ficar boa.”
105 A minha Bíblia está aberta aqui diante de mim. Talvez você tenha lido isto nos Homens Cristãos de Negócios. Isto saiu na imprensa nacional a Imprensa Associada. Aquela velha mãe gambá se levantou, ajuntou os seus nove filhotes, saiu andando pela estrada o mais feliz que ela podia estar, com aquela cauda virada dando adeus e olhando ao redor para o portão como se dissesse: “Obrigado, senhor.” E pelas árvores afora ela foi com os seus bebês.
106 Até onde eu sei, eles ainda estão na floresta juntos e felizes. Deus sabe que isto é a verdade. Oh, é o amor verdadeiro. “Deus amou o mundo de tal maneira…” O mundo deseja ver algo genuíno.
107 E vocês, pessoas, aqui nesta noite, Deus está…Ele depende de você para projetar o Seu amor ao pecador. Há algo a respeito de um homem ou de uma mulher, você é um mini-criador.
108 Você já viu pessoas que você simplesmente gosta de estar perto delas? É a atmosfera que elas criam ao seu redor. Existem outras boas pessoas que você simplesmente não suporta estar perto delas. Elas criam aquilo pela forma que vivem e pela maneira que pensam. É uma pequena atmosfera na qual você vive.
109 Antes de encerrar, eu gostaria de dizer isto: simplesmente uma velha história veio a minha mente. Como todos sabem, eu gosto de caçar. E eu costumava caçar lá em cima nas florestas do norte, lá em cima em New Hampshire.
110 Oh, eu simplesmente amava entrar nas florestas. Há algo em relação àquelas matas que é puro. Como pode um homem olhar para uma flor, ou uma árvore, ou um velho córrego fluindo e achar que não existe um Deus? Deus vive na natureza.
111 O que forma aquela árvore aqui em cima na Virgínia? Ter folhas bonitas no verão. E o que faz a seiva correr naquela árvore e correr para as raizes e se esconder no inverno? Coloque água em um graveto e veja se isto descerá daquela maneira? É Deus.
112 O que faz aquela florzinha que você plantou no último verão, que está morta, a geada vem e a mata, inclina a sua cabecinha e rende o seu espírito. Elas têm um cortejo funeral. Os chuvas de outubro choram e enterram a sementinha. Fica congelada. A semente explode se abrindo; a polpa sai para fora.
113 Agora, não há mais semente, polpa, nada. Mas em algum lugar, lá embaixo naquele chão, que a ciência não pode encontrar, há um germe de vida escondido e quando aquele sol nasce lá no oriente, vive novamente.
114 E se Deus amou de tal maneira a flor, provendo Ele uma maneira para que ela vivesse novamente, quanto mais tem Ele provido uma maneira para o homem que foi feito à Sua imagem, para viver novamente. Deus está na natureza. Ele está no amor.
115 Eu estava caçando nas florestas do norte ali com um amigo meu. Ele era bom caçador. Eu gostava de caçar com ele. E ele era um bom rastreador. Ele não se preocupava em se perder, e nós viajávamos pelas montanhas uma trinta de milhas por dia.
116 Lá em cima onde o vento sopra por todas as partes. Você não precisava de se preocupar com ele. Ele sempre foi um bom atirador e um bom rastreador. Eu podia caçar com ele, mas ele era o homem mais malvado que já conheci, possuía simplesmente um coração cruel. Ele atirava em pequenas corças e pequenos antílopes só para me fazer sentir mal. Você sabe como são os pecadores. O fazia simplesmente para aparecer. Isto era tudo. Eles fazem isto hoje.
117 As pessoas sabem como eu detesto ver uma mulher fumando cigarros, e o diabo manda aquelas fumantes de cigarros…?…ao meu redor, simplesmente para aparecerem. Se você não se exibe você mostra que o material com o qual você foi feito está gasto. Isto é tudo.
118 Agora. E este sujeito…Tudo bem atirar em uma corça, se a lei diz que você pode fazê-lo. Mas não atirar em um rebanho inteiro delas só por maldade. Tudo bem com as corças. Abraão matou um bezerro e Deus o comeu. Não há problema algum, mas ser mau com aquilo…
119 E ele gostava de fazer aquilo só para me fazer sentir mal. E um ano quando eu saí em uma manhã cheia de neblina, ele havia feito para si um pequeno apito. E ele podia imitar exatamente um filhotinho de corça chorando. E eu disse: “Burt, você não vai usar isto.”
120 Ele disse: “Oh, Billy, guarde isso para você. Vocês, pregadores, têm coração de galinha.”
121 Eu disse: “Não, não temos, mas nós simplesmente não temos essas maldades em nós.”
Ele disse: “Guarde isso para você.”
122 E naquele dia nós caçamos até por volta do meio dia com uma neve no chão mais ou menos como está agora. Nós não tínhamos nem mesmo visto uma trilha. Nós fomos almoçar por volta…Eu estava atrás. Havia uma pequena clareira. E ele se agachou. (Agora, vocês, sulinos, sabem o que é agachar-se.) E quando ele o fez, eu achei que ele ia pegar o seu lanche, mas o que ele tinha ali? Este pequeno apito. Eu pensei: “Ele não vai soprar aquilo.” E ele soprou. E para a minha surpresa, a menos de trinta jardas de distância, uma grande corça de levantou.
123 Agora, uma corça é uma mamãe cervo. Eu podia ver as grandes veias em sua face. Aqueles grandes olhos castanhos e grandes orelhas grossas. Ela se levantou. Ela olhou. Agora, aquilo não é comum para aquela hora do dia. Qualquer caçador sabe muito bem disto.
124 E ele soprou novamente. E ela saiu para o aberto. Isto é totalmente contrário à natureza do cervo, se mostrar no aberto daquela forma em uma estação de caça. E ela estava olhando. Qual era o problema? Ela era uma mãe. O seu bebê estava em problemas.
125 E Burt olhou para mim com um verdadeiro sorrizinho estúpido. Eu pensei: “Oh, certamente, Burt, você não vai fazer isso.” E eu o vi puxar o gatilho para trás, e colocar um cartucho naquela trinta e seis. E ele apontou a arma, e quando ele o fez, a corça viu o caçador. Ela hesitou. Ela olhou. Mas ela ficou quieta, parada, então.
126 Normalmente eles correm. Mas o que foi aquilo? Era o seu bebê com problemas. Ela não estava simulando aquilo. Era o verdadeiro e genuíno amor de mãe. E ela tinha visto o caçador.
127 E eu o vi mirando com aquele rifle. Seria um tiro certeiro. E eu pensei: “Burt, com certeza você não pode fazer isto.” Eu pensei: “Em um segundo ele explodirá o coração dela para o outro lado,” simplesmente estando tão perto. E ela o observava. Mesmo que a morte lhe encarasse, ela ainda era uma mãe. Ali havia um verdadeiro amor nela. O seu bebê estava em problemas, e mesmo que significasse a sua vida, ela continuava ali encarando o perigo. Ela estava procurando por aquele filhote.
128 Eu não pude assistir aquilo. Eu sabia que a qualquer momento ele a explodiria em pedaços. Eu virei a minha cabeça, e pensei: “Ó, Deus, como pode ele ser tão cruel?” E eu estava esperando ouvir a explosão da arma. Eu esperei e esperei. E não houve nenhum disparo.
129 Eu olhei ao redor, e o cano da arma estava fazendo assim. E ele virou e olhou para mim. E ele jogou a arma no chão, e ele me agarrou pela perna; ele disse: “Billy, eu já tive o suficiente disto. Guia-me para esse Jesus que você conhece.” Oh, bem ali naquele banco de neve. Eu guiei aquele homem de coração cruel a Cristo, o qual é um amável santo nesta noite. O que foi isto? Porque ele encontrou algo real, um verdadeiro amor que pôde ser mostrado frente a morte.
130 Meu amigo, é isto que Deus deseja nesta noite. Aquilo — é isto que os cristãos devem ser nesta noite, mostrar o amor de Jesus Cristo não importando quais sejam as circunstâncias. Pense nisto. Como um cristão você pode pertencer a melhor igreja que existe neste país, mas Deus já veio alguma vez em seu coração para te dar amor para se colocar diante das pessoas que te chamariam de santo-rolador? Você tomaria sua posição com a igreja do Deus vivo? Se eles dissessem que você perdeu a sua mente porque você O aceitou como o seu Curador, você ficaria quieto e daria louvores a Deus por aquele amor em você? Se não tem certeza, amigo e desviado, Deus está aqui para te dar isto. Pense nisto enquanto inclinamos as nossas cabeças.
131 Antes de orarmos, eu quero fazer uma pergunta. Eu quero que você pense sinceramente. “Oh,” você diz: “Irmão Branham, eu — eu — eu tenho sido um cristão por muito tempo.” Talvez você tenha se unido à igreja há muito tempo. Talvez você — você tenha dançado em Espírito há algum tempo. Talvez você tenha falado em línguas há algum tempo. Você pode ter sido batizado através de um determinado credo na igreja. Você pode ter queimado uma vela a cada noite e ter rezado o seu terço. Mas eu quero lhe perguntar uma coisa: Realmente, você O ama, de modo que você poderia dizer que o seu amor está entre a sua morte…?…
132 Eu quero todos que estão aqui que realmente conhecem…Seja sincero, porque você está na Presença de Deus. Todos que estão aqui que sabem que não têm o amor em seu coração, mas você deseja que Deus lhe dê isto, levantaria você simplesmente a sua mão para Ele? É isto mesmo. Deus te abençoe. Claro. Cento e cinqüenta, duzentos, eu acho, digamos que trezentas mãos se levantaram. “Deus, dê-me aquele amor. Me dê o amor de Cristo como tinha aquela mãe corça.” Era ela para com o bebê…Você diz: “Irmão Branham, não é o amor de Deus maior do que aquilo?” Muito maior.
133 “Uma mãe pode esquecer o seu bebê que mama, mas Eu nunca posso te esquecer. Os seus nomes estão gravados nas palmas de Minhas mãos.” Com certeza, através de um prego romano. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o Seu Filho.” Haveria alguém mais que se decidiu desde então? Deus te abençoe aqui, filhinho. Deus te abençoe, senhora. Deus te abençoe, senhor. Muito bem.
134 Alguém mais que não levantou as suas mãos: “Deus, tenha misericórdia de mim.” Diga: “Isto me fará algum bem se eu levantar a minha mão, irmão Branham?” Com certeza, se você deseja uma mudança da morte para a Vida. Deus te abençoe, senhor. Seja sincero agora. Deus te abençoe, garotinho.
135 Alguém mais na área da galeria. Deus esteja contigo. Deus dê…Deus te abençoe aí, irmão. “Dá-me o Teu Deus.” Oh, abençoe-nos. Eu sou um membro de igreja…Deus te abençoe, e você irmã, e a você irmã.
136 Eu sou um membro de igreja, irmão Branham (Deus te abençoe), mas eu ainda não recebi aquele amor. Não há nenhuma necessidade de eu estar pensando nisto, porque eu não o recebi, mas eu quero algo real. Deus te abençoe, irmão, aqui encostado na parede.
137 Ali fora no átrio. Levantaria você a sua mão em qualquer parte aí fora. Amigo pecador, ou desviado, ou apenas um indiferente e morno membro de igreja. Diga: “Tenha misericórdia.” Deus te abençoe, senhor. É necessário que seja um verdadeiro homem para fazer isto. Deus te abençoe por isto.
138 Você diz: “Deus está vendo?” Lógico, Ele te vê. Deus te abençoe, jovem. Quinze anos de idade. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que Ele deu o Seu Filho Unigênito, e nós hoje…” Deus te abençoe aqui, jovem.
139 Nós apenas tentamos nos unir a igreja, e talvez tenhamos gritado um pouquinho, ou dançado um pouquinho, ou falado em línguas. Tudo isto é bom. Eu não tenho nada contra isto. Mas, irmão, se você não possui o amor de Deus para acompanhar isto, nada disto adianta.
140 Paulo disse: “Onde há profecias, elas falharão; onde há línguas, elas cessarão; onde há conhecimento, ele desvanecerá. Mas quando vier o amor perfeito, quando ele vier, ele permanecerá para sempre.”
141 Homens tentando escrever hinos. Ele ficam dementes. Ninguém…Um escreveu certa vez: “Se enchêssemos o oceano de tinta, e os céus fossem feitos de pergaminho, e cada haste na terra fosse pena, e cada homem um escrivão profissional para descrever o amor de Deus, o oceano secaria, ou embora esticado de céu a céu o pergaminho não conteria tudo.”
142 Quando o — quando a terra estiver cambaleando com o poder atômico sacudindo-a, como um homem embriagado indo para casa, quando os oceanos de transformarem em desertos, e vendo que isto alcançou os ouvidos de Deus, e as estrelas se recusarem a brilhar, o amor de Deus continuará sendo o mesmo. Ele não pode falhar.
143 Deus te amou de tal maneira que Ele deu o Seu Filho, para que você pudesse ser salvo e se enchesse do Espírito, e tivesse o Seu amor projetado em seu coração através do Espírito Santo, fazendo você amar a todos. Esta é a razão pela qual os cristãos têm suas altas e baixas da maneira que eles têm. Porque você poderia ser o esteio da casa, não importando a condição que você esteja. Se você ama a Deus, você sabe onde você está se firmando. Há mais alguém antes de orarmos?
144 Deus te abençoe senhora, ali em cima na galeria. Deus te abençoe, senhor. Deus te abençoe, amigo. Isto é correto. Está bem. Com as nossas cabeças inclinadas. Deus te abençoe aqui embaixo, senhora. Eu apenas pensei: “Talvez um minuto a mais.” Você diz: “Irmão Branham, o que significa quando levantamos as mãos?” Significa isto: você desafia cada lei da ciência.
145 A ciência diz que as suas mãos têm que ficar para baixo. A gravidade segura a sua mão para baixo. Mas você levantou a sua mão. Como você fez isto? Você rompeu a regra científica, porque há um espírito em você. Há um espírito em você, e este espírito fez uma decisão que você estava errado, e você levantou a sua mão para o seu Criador. Não vá você pensar que Ele não sabe disto.
146 “Ninguém pode vir a Mim a não ser que o Pai o traga, e todos que vierem, Eu lhes darei Vida Eterna e os ressuscitarei no último dia.” É morte e vida quando você levanta a sua mão para Ele. Se você realmente tem a intenção disso.
147 “Aquele que ouve a Minha Palavra e crê Naquele que Me enviou, tem Vida Eterna e não passará pelo julgamento, mas tem passado da morte à Vida.”
148 Levante a sua mão e diga: “Senhor, eu agora creio que Jesus Cristo, o Filho de Deus, vai me dar aquele tipo de amor, o amor Agape, que eu realmente necessito; e eu aceito isto no Nome de Cristo.”
149 Pai Celestial, Tu realmente viste o grande exército de mãos que se levantaram em direção aos céus. E tenho certeza que os Anjos, que são testemunhas, estão aqui perto, de pé. Pois eu sei que Tu estás próximo. E Tu disseste: “Os Anjos do Senhor acampam ao redor daqueles (Eles não vão embora; eles apenas ficam ali. Eles se acampam ali) daqueles que O temem e O amam.”
E agora, Senhor, eu oro para que Tu recebas a cada um deles, como os frutos da mensagem desta noite, e que eles possam ser pacíficos e cheios de fé para tomarem isto — a Tua Vida.
150 E naquele dia, quando a morte chegar; seja quando for, que os Anjos de Deus possam levar as suas almas para o outro lado do Jordão, para o seio de Deus, onde elas serão guardadas para sempre. Conceda-o, Senhor.
151 Cuide deles. Eles são Teus. Eles são os frutos da mensagem e Tu os entregaste a Teu Filho, o Senhor Jesus, como dádivas de amor. O teu amor foi enviado à reunião nesta noite. Isto fez com que pecadores fracos, desviados, levantassem as suas mãos.
152 Agora, apresente-os a Cristo, pois eles são dádivas de amor, e Ele prometeu que Ele lhes daria Vida Eterna e os ressuscitaria no último dia.
153 Que desta noite em diante eles possam ter o amor de Teu Espírito, o verdadeiro amor de Deus, como a velha mãe corça tinha, a respeito da qual acabamos de falar. Conceda-o, Senhor. Pois eu os entrego a Ti no Nome de Jesus, o Teu Filho. Amém.
154 [Espaço vazio na fita — Ed.]…Não diz a Bíblia que Ele é agora, neste momento, o Sumo Sacerdote que pode ser tocado através do sentido de nossas enfermidades? Não disse Ele : “Um pouco mais e o mundo não Me verá mais, mas vós Me vereis.”? Quem são ‘vós’? O mundo é o incrédulo. Quem são “vós”? A Sua Igreja. “Vós Me vereis, pois Eu (pronome pessoal) estarei convosco, até mesmo em vós, até o fim do mundo.”
Quantos sabem disto?
155 “As coisas que faço, vós também as fareis.” Todos vocês crêem nisto? Correto. Então quando o…Ele nunca havia feito aquele sinal diante de um gentio, apenas judeu e samaritano. Por que? Este é exatamente o fim da era judaica. Este é o fim da era gentílica. Aquele foi o Seu sinal como Messias.
156 Se Ele ressuscitou dos mortos, Ele está obrigado a fazer a mesma coisa agora, que Ele fez então, ou Ele errou quando Ele o fez no passado. Quando as circunstâncias aparecem…Ouçam atentamente. Quando as circunstâncias aparecem, e da forma que Deus agiu da primeira vez, Ele tem que agir do mesmo modo todas as vezes, ou Ele agiu errado quando o fez pela primeira vez. Correto.
157 Então se esta é a maneira que Ele Se fez conhecido então, prometeu que Ele o faria para com os gentios…Veja através da história; isto nunca aconteceu até agora. Gentios, vocês estão tendo o seu último chamado. Vamos orar.
158 Agora, Senhor, o restante é Contigo. Eu apenas posso proferir a Tua Palavra, e eu oro para que Tu Te manifestes nesta noite como o Filho de Deus ressurreto, o mesmo ontem, hoje e eternamente. Conceda-o, Senhor.
159 E então, no fim do tempo, nós oramos para que cada alma que esteja aqui nesta noite, seja cuidadosamente guardada, sendo levada para o rio da morte, possa ressuscitar nos últimos dias com o nosso Senhor, com o Qual nos assentaremos e viveremos com Ele e estaremos com Ele para sempre.
160 E agora, sabemos que Tu estás aqui. Tu disseste: “Onde estiverem dois ou três reunidos em meu Nome, Eu estarei no meio deles.” Agora, Senhor, nós oramos para que Tu manifestes o Teu Ser aqui nesta noite. Pois pedimos isto no Nome de Jesus. Amém.
161 De onde estávamos chamando? O que…Y. Está bem, cartão de oração Y. Nós estávamos chamando, eu creio na primeira noite 25, então até o 50, e então 30 ou algo. Vamos…Y. Cartão de oração Y. É um cartãozinho. Tem um ‘Y’ nele. Agora, se você não for chamado, segure o seu cartão. Nós chegaremos nele.
162 Vamos começar do…Vamos apenas saltar, tem um punhado deles, misture-os todos nesta noite. Apenas pegue alguns de um lugar e outros de outro. Quantos você distribuiu? Cem. Está bem.
163 Correto. Vamos começar com o número ‘Y-1’. Quem tem o número 1? Alguém tem o cartão de oração ‘Y-número-1’, levante a sua mão. Onde está ele? Você poderia vir até aqui, senhora, até onde estou? ‘Y-número-2. Poderia você levantar a sua mão? ‘Y-número-2’. A senhora aqui atrás.
164 Agora, os rapazes os tragam até aqui e misturem todos eles. Distribua-os para o auditório. Os veteranos, os que já estiveram aqui antes, sabem como fazemos isto. Nós descemos aqui e misturamos todos os cartões. Os distribuímos a qualquer um que os desejam. Ninguém sabe onde a fila de oração vai começar, até chegarmos bem no…?…nesta noite. Então às vezes começamos em um lugar ou em outro e os misturamos, e tudo mais.
165 Está bem. Y-número-2, número-3? Y-número-3, você levantaria a sua mão? Número-3, o homem. Número-4, pode você levantar a sua mão? Y-número-4? O cavalheiro bem lá atrás. Poderia você vir aqui, senhor. Está bem. Veja, eles estão por todo o edifício.
166 ‘Y-número-5’, poderia levantar a sua mão? ‘Y-número-5. Bem ali no final. Venha aqui, senhor. Eu gostaria de parar agora. Vamos para outro lugar.
167 Vamos para o ‘Y-50’. Quem tem o ‘Y-50’? Pode levantar a sua mão? ‘Y-50.’ Em alguma parte do edifício? Lá atrás? Alguém diz que é lá atrás. Levante…Oh, aqui está você. Está bem, senhor, venha aqui. ‘Y-50,’ ‘Y-51?’
168 Está certo. ‘Y-51,’ ‘Y-52,’ Você poderia levantar a sua mão? 52, 53, 53? Está bem. Venha bem aqui. 54? Y-54, 55? ‘Y-55’, levante a sua mão. Eu não o vejo. Está bem, vamos deixar os cinquenta então.
169 Vamos para o — vamos para o ‘Y-95.’ Quem tem o ‘Y-95?’ Levante a sua mão. ‘Y-95.’ Aqui. Está bem. Seja onde estiver, venha. 96? 96? Está certo. 97? 97 por favor. 98? 99? 100?
170 Isto simplesmente os deixa todos misturados, tudo através do…Não importa quem se levanta; a idéia é trazer alguém aqui na plataforma.
171 Agora, eu vou lhe perguntar algo. Agora, você tem uma idéia da posição que estou. Eu preguei um sermão do Evangelho. Nem tanto sobre a cura divina, porque a coisa principal é uma alma diante de Deus. É para isto que estamos aqui, é para salvar as pessoas, para que elas se acertem com Deus.
172 A cura divina é apenas um benefício que acompanha a sua apólice de seguro de vida. Ela é apenas um benefício. Davi disse: “Bendize ao Senhor, ó minha alma, e não te esqueças de todos os Seus benefícios.” Quantos sabem disto? Quais? “Perdoa todas as tuas iniqüidades, Quem cura todas as tuas enfermidades.” Ele disse isto? Este é o benefício que acompanha isto.
173 Agora, Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Eu quero saber quantos de vocês crêem nisto. A maneira que Ele era ontem, princípio, poder, ação, palavras, tudo. Ele tem que ser o mesmo hoje, se Ele é o mesmo. Quantos sabem disto? Está bem. Ele é o mesmo, ontem, hoje e eternamente.
174 Agora, se vocês ficarem bem reverentes só um pouquinho; não se movam por aí agora, apenas fiquem assentados, bem quietos. Quantos aqui não possuem um cartão de oração, querem que Deus lhes cure, levantem a suas mãos — que não possuem um cartão de oração?
175 Não há maneira de dizer onde seja, e quem é quem. Tudo bem. Se você olhar para este lado, se a unção do Anjo do Senhor vier — Cristo…Quantos já viram a foto Disto agora? Tenho a fotografia aqui. Está bem.
176 Está aqui em Washington, D.C. A única…?… de Fogo, Ela é o único Ser sobrenatural que já foi provado pelo FBI, ou qualquer coisa que foi cientificamente provada que foi tirada uma foto Deste Ser sobrenatural.
177 A Coluna de Fogo que guiou os filhos de Israel…Quantos sabem que aquela Coluna de Fogo era Cristo? Vocês, leitores da Bíblia. Quantos sabem que quando Ele estava aqui na terra Ele disse: “Eu vim de Deus e volto para Deus.” Quantos sabem disto? E quando Ele voltou para Deus, Paulo O encontrou depois de Sua ressurreição no caminho para Damasco. O que era Ele? Uma Coluna de Fogo novamente, uma Luz que O cegou. Não é isto correto?
178 Pedro, quando ele estava orando. Ele veio como uma Luz através da — da prisão, entrou e o libertou, abriu os portões em sua frente e o levou para fora. Não é isto correto? Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente.
179 O que isto fará? Qualquer espírito, qualquer coisa, qualquer vida testemunhará de si mesmo. Agora, se aquele Anjo de Deus, Cuja fotografia você vê aqui, se aquele Anjo de Deus é o Cristo, isto levará as obras de Cristo. Quantos sabem disto? Testemunhará das obras de Cristo. Se isto não levar as obras de Cristo, então não é Cristo.
180 Se eu tivesse o espírito de John Dillinger, eu usaria revólveres; eu seria um …?…caráter. Seja qual for o espírito que você tenha, é isto que leva o seu testemunho.
181 Agora, se eu dissesse que eu poderia te curar, eu estaria lhe dizendo algo errado. Eu não posso te curar. O que é isto? É um dom que tenho, que Deus me deu, não porque alguém colocou as mãos sobre mim. Isto não funciona. Dons e chamadas são sem arrependimento. Você nasce com eles por toda a sua vida. Assim diz a Bíblia. Vêem?
182 Moisés nasceu um — um profeta. João Batista, setecentos e doze anos antes que ele nascesse, ele era a voz daquele que clama no deserto. Deus disse a Jeremias: “Antes mesmo de você ser concebido no ventre de sua mãe, eu te conheci, te santifiquei, e te ordenei um profeta às nações.” Vêem?
183 É a eleição de Deus, chamando, não que você seja um pouco melhor do que os outros; somos todos os mesmos. Somos apenas filhos, mas Deus escolheu uns para serem uma coisa e outros para serem outra. E se você toma aquilo que Deus escolheu para você, então você pode se entregar, se aquele espírito operar através de você.
184 Exatamente como estes ministros aqui. Bem, eles são chamados de pregadores. Eles não subiram aqui…O pregador, eu não sou um pregador. Eu não diria que sou um pregador, porque eu não tenho nenhuma cultura. Mas algum homem aí poderia subir aqui e pregar isto até… Quando estão pregando inspirados. Eles se rendem ao Espírito de Deus. Eles têm uma forma de fazer isto.
185 Primeiro é o que? Apóstolos, então profetas, depois ensinadores, então evangelistas, então pastores. Todos sabem disto. Estes são os ofícios da igreja. Deus os estabeleceu. Agora, se o nosso argumento está correto, e Jesus Cristo ressuscitou dos mortos, e este é um dom concedido, então Ele vai operar; Ele dará o seu testemunho.
186 Aqui em pé está uma mulher. Eu nunca a vi em minha vida. Quantos aqui são totalmente estranhos para mim, levantem a mão, totalmente desconhecidos, que eu não conheço? Aí na fila de oração, que eu não conheço, levante a sua mão? Está bem. Aí estamos. Completamente estranhos. Não conheço ninguém.
187 A senhora levantou a sua mão; eu levantei a minha mão. Nós nunca nos encontramos. Agora, venha até aqui só por um momento. Eu quero que a audiência veja. Agora, isto não é em um quarto escuro, como o diabo faria. Isto é bem aqui diante de todos vocês. Deus é um Deus de luz. Ele vive na Luz. Ele é um Fogo consumidor.
188 Agora, a senhora, e nós nunca nos vimos. Eu não a conheço; ela não me conhece. Você diz: “Irmão Branham, o que o senhor está esperando?” Por aquele Anjo do Senhor. Se Ele não ungir, então eu nada posso fazer. É Ele. Se eu me entrego — falando sobre a Palavra, rendendo ao Espírito, então isto funciona.
189 Agora, se eu dissesse à mulher…Ela pode ser uma infiel; ela pode ser uma hipócrita; ela pode ser uma prostituta; ela pode ser uma santa; ela pode estar doente; eu nada sei a seu respeito. Eu nunca a vi, mas Deus realmente a conhece.
190 Agora, seja lá o que ela for, se eu chegasse até ela e dissesse: “Senhora, você está doente. Sim, louvado seja o Senhor, você vai ser curada.” Ela simplesmente tem a minha palavra para aquilo. Ela diz: “Ele pode ter adivinhado aquilo.” Mas se o Espírito Santo regressar lá em sua vida e lhe disser algo, onde ela sabe…Ela saberá se isto é certo ou não. Então aquilo tem que ser Deus. Diz: “Tem de ser.” Jesus disse: “Aquele que…” Ele fez aquilo. Cada um dos verdadeiros adoradores creu que Ele era o Filho de Deus, porque Ele fez aquilo.
191 Os apóstolos finalmente disseram isto: “Nós cremos agora que Tu és o Filho de Deus. Tu não tens nenhum — Tu conheces todas as coisas, não há nenhuma necessidade que ninguém Te ensine, e através disto, percebendo os seus pensamentos e conhecendo estas coisas, sabemos que Tu foste enviado por Deus.” Jesus disse: “Crê você agora?” Depois de todas estas coisas que Ele fez.
192 Agora, se a senhora, sabendo isto agora, se o Senhor Jesus realizar a mesma coisa aqui que Ele fez no poço de Samaria, quantos de vocês crerão de todo o seu coração? Correto.
193 Agora, bem ali de pé…?…Porque eu não sei a altura que está a minha voz. Agora, cada um que está operando aquilo ali, observe, porque quando a unção do Espírito Santo chega, eu não sei a altura…É em outro mundo e quando você está falando e você — você não sabe dizer.
194 Fiquem bem reverentes. Deixe que a senhora julgue. Se qualquer um…Alguém aqui conhece esta mulher? Há alguém no edifício? Sim, tem pessoas bem lá atrás que a conhecem. Está bem. Pessoas que a conhecem. Correto, vocês saberão se isto é verdade ou não.
195 Vamos orar agora. Fiquem bem reverentes. Você tem uma idéia onde estou pisando. Estou tentando representar o Deus que te ama, tentando trazer coragem a você, para amá-Lo, e ficar com Ele, e crer Nele, e confiar Nele. É por isto que Ele faz isto. Ele não precisa de fazer isto, mas Ele o faz, para que a Sua Palavra seja cumprida. Ele não curou lá atrás porque Ele tinha que fazê-lo, mas para que isto pudesse ser cumprido. Esta é a mesma coisa.
196 É claro que estou te vendo com uma Bíblia em sua mão, naturalmente você estaria simplesmente passando o tempo com aquilo, mas você não está. Você é uma cristã. Você é uma crente. Agora, eu — eu não te conheço; mas agora, exatamente como Jesus falou no poço, no poço, ou melhor, para a mulher no poço, então você está ciente de que algo aconteceu imediatamente, veja. Isto é correto.
197 Aquilo…Você viu aquela fotografia, senhora. É simplesmente aquilo que está fazendo você sentir assim. Se o auditório pudesse apenas ver, há uma luz pairando entre mim e a senhora.
198 Agora, parece que ela está se afastando de mim, vagarosamente. Ela está sofrendo com um grande problema de nervos e deseja que eu ore por ela. Isto é verdade. Agora, eu creio que a mulher estava tremendo. Eu a vi. Ela sempre faz isto. Ela é desta maneira…Ela tem estado desta maneira por algum tempo. Isto começou na menopausa porque ela tinha uma aparência jovem quando isto começou. Vêem?
199 Agora, só um momento, vamos conversar com ela um pouquinho mais e ver se há mais coisas. Vêem? Sim, além disto, há um problema que te faz doer o seu lado e você tem um problema interno. E este problema interno é um problema intestinal, e você foi operada por causa disto e é isto que te causa dor.
200 Você não é desta cidade. Você veio de outra cidade. Que é Richmond. Vá para casa. Jesus Cristo te curou. Se Ele sabia o que era, com certeza Ele saberá o que será.
201 Como vai você? Todos reverentes agora, bem reverentes também. Apenas fiquem em seus lugares agora, fiquem somente em oração. Somos estranhos um para o outro, senhora? Somos? Esta é a primeira vez que nos encontramos. Deus conhece a nós dois.
202 Se Ele me revelar como Ele fez na Bíblia através de Seu Filho Jesus e agora o Seu Filho estava — morreu para que o Espírito pudesse voltar em pecadores como eu e você, para fazer a obra de Deus, para continuar a obra. Você crê nisto?
203 Ele disse: “Eu Sou a Videira; vós sois os galhos.” Agora, a vide que não produzir fruto; o galho produz frutos; e o galho produzirá o mesmo tipo de vida que está na vide. Isto é verdade, não é? Agora, se Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente, Ele revelará isto.
204 Você está sofrendo com algo que te faz sentir dor na parte da frente aqui, no peito. É sob o seu lado direito. É um problema de vesícula biliar. Não somente isto, mas você tem um problema no estômago. Isto é por causa de uma excessiva secreção do abscesso.
205 E você não é desta cidade. Você não é deste estado. Um lugar…Maryland. Você é — o seu nome é Sra. Bessie Wilmington. É isto. Obrigado. Agora, siga seu caminho para casa regozijando. Você não tem…?…Você crê? Apenas tenha fé em Deus. Fique bem reverente. E então somente creia, Deus te concederá isto, mãe.
206 Agora, você aí no auditório é exatamente o mesmo. Você começa a olhar para este lado. Não duvide. Afaste as superstições agora, e diga: “Senhor Deus, aquele pregador simplesmente me falou de acordo com a Tua Palavra, que Tu és o mesmo ontem, hoje e eternamente. Eu não estou ali em cima; eu não tenho um cartão de oração; eu não tenho nenhum cartão de oração, mas ele disse que Tu és o Sumo Sacerdote, o mesmo ontem, hoje e eternamente, e que eu poderia Te tocar através do sentido de minhas enfermidades. Então, Senhor Jesus, eu creio que o que o homem disse é a verdade, e estou indo em direção a Ti agora, e Tu me provaste isto, que Tu és o mesmo. E eu vou Te pedir para falar — para dizer ao irmão Branham, para se virar e me dizer alguma coisa a respeito de mim, assentado bem aqui no auditório, em qualquer parte do edifício.” Seja sincero agora. Veja se Ele fará isto. Apenas seja sincero. Não duvide.
207 Como vai, senhor? O Senhor Jesus Cristo nos conhece. Para mim você é um estranho. Até onde eu sei, eu nunca te vi em minha vida. Mas Deus conhece nós dois, mas se o Senhor Deus me revelar qual é o seu problema, você aceitará isto, senhor?
208 Alguém O tocou. Há um espírito que está neste homem, que está em alguém mais aqui. É uma criança, um garotinho. Ele continua aparecendo aqui; é uma dupla hérnia. A criança que está assentada bem ali.
209 Você também tem uma hérnia. Isto é exatamente correto. Veja, aquele espírito, ele achou que poderia passar com aquilo. Veja como aqueles demônios tentam puxar um ao outro, como eles gritarão por ajuda? Eu segui aquela faixa negra e te vi…
210 Agora, a sua fé…?…Não era você, senhor. Você disse que se Deus fez o que eu lhe disse…É isto. Agora, não duvide; creia. Sim, senhor. Você tem uma hérnia. E eu vi em algum lugar…Parece que você passou por uma cirurgia ou algo. É um problema de próstata. Você fez uma operação por causa disto — um problema de próstata.
211 Você também não é deste estado. Para mim parece ser Maryland. Eu vejo um homem ao seu lado que está orando por você. Ele é um sujeito alto, de ombros inclinados, usando óculos. Você é um ministro, e é um irmão que está orando por você, é um ministro. E você é o Reverendo D.T. Park. Isto é correto. Vá, senhor, e que Deus esteja contigo.
212 Tenha fé em Deus. Você, senhora, que acabou de sentir o Espírito de Deus em você. Aquela pressão alta pela qual você está orando. Creia imediatamente nessa unção, que isto vai te deixar.
213 Em que ela tocou? Em Quem ela tocou? No Sumo Sacerdote, não em mim, ela está bem distante de mim. Vocês crêem, cada um de vocês? Ela tocou o Sumo Sacerdote que podia ser tocado com o sentido de nossas enfermidades. “Se tu podes crer, todas as coisas são possíveis.”
214 Como vai, senhor? Eu disse…Oh, somos estranhos um para o outro. Esta é a primeira vez que nos encontramos, não é? Correto.
215 O que você acha, senhora? Você acha que esta é a verdade? Sim? Você acha que Deus vai te curar dessa diabetes? Dessa condição paralisada? Fique de pé e seja curada agora. Você crê? Tudo é… Apenas creia.
216 Senhor, se Jesus Cristo ressuscitou dos mortos, e é o mesmo ontem, hoje e eternamente, eu não poderia te curar. Para te ajudar e se eu pudesse, e não o fizesse, eu seria uma pessoa horrível. Eu não teria o amor a respeito do qual tenho pregado nesta noite. Não, seria melhor eu ir e obtê-lo para mim mesmo, antes de eu falar aos outros.
217 Mas Ele tem apresentado a Si Mesmo para a Sua Igreja. Não importa o tanto que Ele tenha me ungido, se você não cresse nisto, isto nunca funcionaria. Não sou eu quem faço isto; é a sua própria fé fazendo isto. É a sua fé crendo em Deus. O diabo tenta a…?…No Filho de Deus, porque Ele tinha o Espírito sem medida; eu simplesmente tenho uma pequena colherzinha disto.
218 Como uma colher de água tirada do oceano, mas a mesma coisa que está na colher está em todo o oceano, é do mesmo tipo. Mas Ele era o Filho de Deus. Eu sou um pecador salvo pela graça. Mas Ele prometeu que Ele faria isto, e Ele guarda a Sua Palavra.
219 Você está desejando que eu ore por um problema em seu — que está incomodando os seus olhos. É um problema na pele que surgiu em você, e está indo para os seus olhos, está incomodando os seus olhos. Isto é verdade. Você também não é deste estado. Você é de um lugar…É da Carolina do Norte, e o seu nome é irmã C. E. Campbell. Agora, volte para casa e fique boa. “Se puderes crer, tudo é possível.”
220 Como vai você, senhor? Esta é a primeira vez que nos encontramos, eu suponho. Eu nunca te vi antes, mas Deus te conhece, Ele não conhece? Você crê que sou Seu servo? Sim, senhor, o que você está fazendo aqui. Deus te abençoe.
221 Você foi coberto pela morte, porque você está bem fraco agora, e você teve uma operação simplesmente há uma ou duas semanas, e aquilo era um câncer, e aquele câncer estava no cérebro. Você crê?
222 Não somente aquilo, mas uma mulher aparece ao seu lado. Ela está aqui nesta noite. Eu sinto que ela está pedindo agora. Esta é a sua esposa, e ela está toda inchada, e ela também teme o câncer. Vá, coloque a sua mão sobre ela, e vocês dois serão curados no Nome do Senhor Jesus. “Se puderes crer, tudo é possível.”
223 Você está crendo? Como vai? Oh, você é um irmão menonita com o seu casaco. Eu aprecio a sua posição por Cristo. Eu tenho centenas de amigos menonitas. Você conhece Carl Boyd? Você não conhece. Ele é um bom amigo meu, muitos outros irmãos que são menonitas.
224 Eu nunca esquecerei, em Ft. Wayne certa noite eu estava tendo um culto. Uma moça menonita estava tocando o piano, e …?… o seu garotinho estava…?…O Espírito Santo estava me falando sobre a condição que causou aquilo.
225 E quando Ele declarou que ele estava curado, a moça menonita estava tocando, “O Grande Curador Está Perto Agora,” o garotinho pulou de meus braços e correu pela plataforma; a mãe desmaiou, a moça deu um pulo e aquelas teclas de marfim continuaram tocando “O Grande Curador Está Perto Agora, o simpatizante Jesus.” Centenas de…?…Assentados no auditório. Cristo continua vivo.
226 Nós somos estranhos um para o outro. Deus conhece nós dois. Se o Senhor Deus me revelar o que você está querendo Dele, você crê que Ele te daria isto? Obrigado, senhor. Então eu oro para que você receba o que está pedindo.
227 Você não está aqui por você mesmo; você está aqui por alguém que não está aqui. É uma mulher, e ela está morrendo com câncer. Este é o Assim Diz o Senhor . Você crê agora? Você pode ter o que você pediu. Você crê de todo o seu coração?
228 Só um momento…?…Algo aconteceu no auditório. Parece que há um…?…Sim é isto: Esta mulher assentada bem aqui, com a face corada; ela está orando. Ela tem problema de sinusite, e ela deseja que o Senhor a cure. Você O aceita como o seu Curador, irmã? Você aceita? Se você aceita, você pode ter o que você pediu a Ele, se puderes crer.
229 Deus te abençoe. Aqui. Eu creio que a mulher perdeu isto, porque o anjo a deixou imediatamente. Ele foi para outra assentada ali que está com colite. Você crê que Deus vai te curar dessa colite? Está bem, você tem a sua cura.
230 Agora, isto saiu e foi para…?…outra. Você pode…?…Tenha fé em Deus. Não duvide. Cada um de vocês pode ser curado. Vocês crêem nisto?
231 Bem atrás da mulher, a terceira pessoa assentada aqui na fila de trás, você está orando. Você tem algo errado com o seu pescoço e crê você que Deus vai te curar? Fique de pé então. Você tem a sua cura. Deus te abençoe.
232 Eu te desafio no Nome de Cristo a crer Nisto. Você crê Nisto? Agora, faça isto então. Coloque as suas mãos uns sobre os outros. Vamos…?…Vamos todos apenas orar aqui. Cada um pode ter a sua cura. Coloque as suas mãos neste momento. Isto mesmo. Vamos entrar no espírito de adoração agora…?…
Senhor Deus, no Nome de Jesus Cristo eu condeno o Diabo…?…Saia daqui, Satanás…?…Deixe as pessoas do auditório…?…

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...