COMO A ÁGUIA AGITA SEU NINHO
22 de Janeiro de 1961
Beaumont – Texas – E.U.A.
Tradução – GO


1 Muito obrigado. O Senhor vos abençoe, irmãos e irmãs. Estou tão feliz por estar de volta ao Tabernáculo novamente nesta tarde, igreja. Vocês sabem…vocês dizem, “Bem, isso não é uma igreja. Este é um edifício da Legião.” É uma igreja enquanto a igreja estiver aqui. E Deus está em Sua igreja. Não é isso certo? Deus está no Seu povo. Então Seu povo é Sua igreja.
2 Então aqui estamos, todos assentados juntos em lugares celestiais em Cristo Jesus, regozijando por este bendito companheirismo enquanto o Sangue de Jesus Cristo, o Filho de Deus nos limpa de todas as impurezas. Não é isto maravilhoso? Simplesmente livres a qualquer hora que o Senhor desejar nos chamar, apenas faremos um pequeno vôo e entraremos diretamente no céu, só por dois segundos depois que partirmos. Não é isto maravilhoso? Que bendita segurança.
3 Eu estava falando há algum tempo atrás com os Homens de Negócios do Evangelho Completo, eu creio que foi em Tijuana. Não, me perdoem. Isto foi em — na Jamaica, Kingston, Jamaica. Eles tinham toda aquela celebridade e um monte de cubanos ali em cima. E naquela noite alguém me disse, depois que acabei de falar, disse… Nós… nós fizemos nossos cultos na pista de corrida, porém eu desci em um grande lugar com as celebridades, vocês sabem, para falar naquela noite. E ele disse: “Disse:” ele disse: “Você — você é aquele pregador ali de cima, não é mesmo?”
E eu disse: “Sim, senhor”.
Ele disse: “O que você está fazendo aqui embaixo com estes homens de negócios?”
Eu disse: “Eu sou um homem de negócios.”
“Oh”, disse: “Eu não sabia.”
Eu disse: “Sim, eu sou um homem de negócios.”
Disse: “Em que tipo de negócios você está?”
Eu disse: “Negócios de Seguros.”
Ele disse: “Que tipo de negócios de seguro?”
4 Eu disse: “Seguro da Vida Eterna.” [Espaço vazio na fita — Ed.] Eu ainda estou nos negócios. Agora, se alguém aqui está interessado em falar sobre apólice comigo, estarei contente em falar com vocês a qualquer hora: Seguro da Vida Eterna.
Eu fui para a escola com um garoto, Wilmer Snyder, um rapaz muito bom.
[Espaço vazio na fita -Ed.]
Livro de Deuteronômio 32:11…
Como a águia agita seu ninho, se move sobre os seus filhos…. estende as suas asas, toma-os, e os leva sobre as suas asas.
5 Agora, o assunto que escolhi para falar hoje foi: “A Águia Agitando Seu Ninho — Como a Águia Agita Seu Ninho.” E então eu não quero vos segurar por muito tempo agora, para que vocês tenham tempo de se preparar para irem a igreja. Vocês estão tendo um bom culto nesta manhã, todos? Oh…
[Espaço vazio na fita-Ed.] …comparando sua herança com uma águia. Você sabe, eu li sobre as águias certa vez, e descobri que existe cerca de quarenta espécies diferentes de águias; e cerca de oito tipos diferentes são mencionados na Bíblia.
6 Algumas delas… Eles alegam — que algumas delas eram abutres, porque elas comem carniça, mas isto está errado. Eu discordo com o homem que escreveu isto, porque eu conheço as águias. Águias somente comem carne viva. Os abutres comem — comem carniça. Mas uma verdadeira águia mata a sua própria carne. Ela tem que tê-la fresca, exatamente como o urso grizzly e o urso pardo. O urso pardo é carniceiro. Ele — ele come carniça. Mas — mas o urso grizzly, ele tem que matar coisas frescas toda noite ou quando ele vai comer, ele come.
Do mesmo modo é a águia. A águia come carne fresca. Ela não quer nada estragado, ou amanhecido ou sobras. Ela — ela obtem a sua própria carne.
7 Então estamos encarando um grande assunto e um grande pássaro. Eu sempre amei as águias, embora elas já tenham me causado bastante problemas. Elas comeram muitos cervos que matei, mas eu — eu continuo respeitando-as. Ela é um pássaro de rapina. E a própria palavra “águia” ela mesma significa “rasgador com o bico”. Ela rasga com seu bico e então alimenta.
8 E esta é uma forma de olhar para — um chamado de Deus, porque Deus alimenta com Sua boca, e Sua boca é Sua Palavra, de onde vem a Sua Palavra. E Ele é como Sua herança, nós, para Suas aguiazinhas. E Ele mesmo é o Jeová Águia. Você sabia disto? Que Deus alega ser Ele mesmo o Jeová Águia? Ele mesmo é uma Águia. Ele é o Papai Águia, e nós somos aguiazinhas, Seus filhos.
9 E eu aprendi muito sobre águias, enquanto as tenho estudado. E sou um grande amante da natureza. Foi na natureza onde eu primeiro encontrei Deus, para observá-Lo. Já observei as flores. Quando eu era apenas um garoto pecador, eu via as florzinhas; o frio as atingia, e elas inclinavam suas cabecinhas, e uma sementinha preta caía delas.
10 E você sabia que eles têm um cortejo fúnebre para as flores? Você sabia disto? Claro, Deus tem um cortejo fúnebre. Com certeza tem. A chuva do outono chega, e simplesmente faz chorar descendo grandes lágrimas, e enterram aquelas sementes das flores. Com certeza sim. Ele tem um cortejo fúnebre. E então elas jazem ali; durante o inverno, ora, o chão está congelado, e as pequenas hastes secam. O bulbo seca; e as pétalas se vão. A pequena semente se congela, estoura e se rompe. E toda polpa da semente sai para fora. Você pode apanhar mão cheia daquela terra, e levá-la para um laboratório, e testá-la e testá-la, e você nunca encontrará nada daquela semente restando ali. Mas simplesmente deixe o sol começar a brilhar. Existe um germe de vida em algum lugar que Deus escondeu naquela semente em alguma parte naquele chão. Daquela semente ela viverá novamente.
11 Eu pensei: “Se Deus abriu um caminho para uma semente viver novamente, quanto mais proveu Ele um caminho para eu e você vivermos novamente?
12 Eu estava tomando um sorvete certo dia, quando estava no Estado de caça de Indiana. Ali havia um velho pregador metodista chamado irmão Spurgeon, um velho homem muito bom: Henryville, Indiana. Estávamos assentados em um banquinho tomando um pouco de sorvete e tendo um pouco de companheirismo, e era a ‘Hora da Agricultura’ .
13 O pequeno Clube 4 H ali em Louisville tinha — tinha uma máquina ali que eles haviam aperfeiçoado, que podia fazer um grão de milho parecer exatamente como aquele do campo. E você enche um saco do que a máquina fez e enche um que cresceu no campo, coloque-os em suas mãos, misture-os, você nunca poderia diferenciar. Leve-os para o laboratório, corte-os. Cada um tem exatamente o mesmo tanto de cálcio, e o mesmo tanto de umidade, exatamente. E a única forma pela qual você os conhecerá novamente é enterrando-os. E ambos apodrecem. Porém aquele que o homem fez, aquele é o fim dele. Mas aquele que Deus fez, tem o germe da vida. Ele nasce novamente.
14 Podemos ser membros de igrejas, tentar vivermos uma boa vida, mas, irmão, o que conta é a vida de Deus. Dois homens que se parecem bastante. Vá … ambos vão à igreja, ambos são diáconos, ambos são pastores: um tem o germe da Vida, e o outro não tem o germe da Vida. Então a diferença é onde você encontra aquela natureza, novo nascimento; pois algo que está ali é que tira toda a — a dúvida disto, e lhe dá segurança aqui que você passou da morte para a Vida. Porque o seu espírito e o Espírito Dele são o mesmo; eles testificam um com o outro. Oh, quão maravilhoso é conhecer a graça e a glória de Deus que vem para nós e foi derramada envolvendo nossos corações através do Espírito Santo: não há nada como isto.
15 Estudando e observando estes companheiros, estas águias, observando sua natureza…certo ano, lá no Colorado… eu — eu gosto de caçar, e não gosto… eu não sou um assassino; um caçador. Eu simplesmente gosto de sair, subir numa montanha, me assentar e observar os animais, ver como eles se movem.
16 Nunca em minha vida, que recordo, ultrapassei um limite de qualquer coisa, porque… E vocês caçadores recordam disto. É pecado um Cristão quebrar a lei. Você não deveria fazer isto, e recordem…
17 E vocês garotinhos aqui ao redor, não atirem em meus ‘pintarroxos’. Hum-hum. Eles são meus. Vêem? Vocês já ouviram a lenda sobre os ‘pintarroxos’, vocês garotinhos? Agora, se vocês desejam atirar nos pardais ingleses, isto é com vocês, com o pai e mãe de vocês, e assim por diante. Vêem? Porém meus ‘pintarroxos’ e as pombas, não atirem neles. Mas recordem, aqueles — aqueles são meus pássaros. Vêem? Você sabe como ele conseguiu seu peitinho vermelho? Quantos sabem como ele conseguiu aquilo, na lenda?
18 Certo dia havia um Homem morrendo na cruz. Todos O haviam abandonado. Até o Próprio Deus O havia abandonado. Você sabe o que aconteceu? Um passarinho marrom olhou para Ele ali e se sentiu pesaroso por Ele. Ele olhou, Suas mãos estavam furadas com cravos, e seus pés estavam fincados numa cruz. Ele estava numa prisão.
19 Sabem vocês o que este passarinho marrom fez? Ele sentiu tanta pena Dele, ele simplesmente foi ali e tentou arrancar aqueles pregos. E ao fazê-lo, ele ficou com seu peitinho todo vermelho de sangue. Desde então ele ficou com o peito vermelho. Você não quer atirar nele, quer? Ele é um bom passarinho. (Vocês precisam ver aqueles olhinhos brilhantes olhando para mim.) Oh, natureza…
20 Recordo quando estava aprendendo sobre a águia. Certa vez eu estava assentado no Colorado, e eu estava observando… Foi no rodeio da Primavera, trazendo gado. E eu subi em uma colina, e estava observando uma águia, como ela estava carregando seus filhotes, e o que ela fez com eles. E eu pensei: “Que maravilhoso.” Peguei meus binóculos, para me aproximar exatamente de onde ela estava…
21 E um ano eu estava ali em cima caçando alce. E a neve faz com que os alces desçam. Se não descem, eles se enfurecem. Eles não descem para os vales, onde às vezes pescadores e coisas se aproximam dos riachos e …mas eles ficam bem no alto. E ali não havia nenhuma neve para fazê-los descer. Então o fazendeiro e eu havíamos — havíamos nos separado. Veríamos um ao outro nos próximos dois ou três dias, e nos encontraríamos onde estávamos caçando: ele de um lado da divisa e eu do outro.
22 E eu tinha uns dois cavalos carregadores e um cavalo de sela. Então eu subi lá em cima onde não levei o meu cavalo, bem cedo naquela manhã, e subi bem alto: apenas o amarrei para pastar um pouco. E subi para bem alto…
23 No outono daquele ano por volta de outubro por aí, chove um pouco e neva um pouco. Oh, você sabe como é, é quase como em março aqui embaixo. Então o sol chega e seca tudo aquilo. E uma tempestade se aproximava, uma daquelas rápidas do norte. E ali se aproximava um temporal. Eu estava quase na floresta. E simplesmente fiquei atrás de uma árvore, e fiquei ali de pé assim até a tempestade passar. E depois que a tempestade passou, eu fiquei ali. E o vento ficou bastante gelado na hora da tempestade. O vento soprando, e a chuva caindo (chuvas de outono), e as sempre-vivas estavam congelando.
24 Então lá atrás no oeste, o sol apareceu. E eu observei ele brilhando, e atingiu um lado da montanha, aquelas sempre-vivas congeladas. Aquilo formou um arco-íris através do canyon. Aquele grande e enorme olho ali no oeste olhando para este lado, eu pensei: “Aquilo é como os olhos de Deus correndo de um lado para o outro através de toda a terra.”
25 Você sabe, você simplesmente não pode ir a parte alguma sem que veja Deus, se você tão somente procurar por Ele. Ele — Ele está em todas as partes. Coloque-O aqui dentro primeiro, então ele usará seus olhos para olhar. Coloque-O aqui dentro, e Ele usará a sua língua para falar. Somente …Ele simplesmente usará todo o seu ser. O tanto que você se render a Ele, este é o tanto que Ele pode usar.
26 Deus teve um tempo terrível tentando fazer um sujeito se render a Ele. Como Sansão, Sansão era um tipo mulherengo. Ele rendeu sua força a Deus, mas não quis dar o seu coração para Deus. Ele o deu para Dalila. E tudo que Deus pôde usar foi a sua força. E o quanto você Lhe der, este é o quanto Ele pode te usar. Oh, vamos simplesmente dar tudo a Ele, diga, “Aqui estou, Senhor. Apenas me tome.”
27 Enquanto estávamos… Eu estava ali de pé. Eu olhei para aquilo. Vi aquele arco-íris, e eu disse: “Veja aqui. Deus veio imediatamente no topo desta montanha. Ali está Ele no arco-íris.” Você O vê em Apocalipse 1, ao olhar, você sabe: um arco-íris, andando no meio dos sete castiçais de ouro, olhar sobre o jaspe e — e a pedra de sardio; Benjamin e Rubén, primeiro, último. E eu olhei para aquilo e pensei: “Não é isto lindo.”
28 Por volta deste tempo, um velho lobo acinzentado uivou na colina, e o companheiro respondeu lá embaixo. Eu pensei: “Sim, há Deus nisto.”A tempestade havia separado o alce do rebanho. Havia cêrca de… eu contei mais ou menos uns oitenta alces naquele rebanho. E simplesmente tentando obter o maior macho, todos estão compreendendo. Eu gosto deles exatamente como você gosta do seu gado. Você não quer massacrá-los e — somente porque você pode atirar neles. Mas apenas tire os mais velhos, porque se você não o fizer, ora, ele fere o seu rebanho.
29 E eu ouvi um velho macho de um lado, berrando, porque ele havia se perdido do outro. Oh, que coisa. Falando de . . . Como Davi disse: “o abismo chamando abismo,” ali de pé, e ouvindo aquele lobo uivar; ouvindo aquele alce berrando ali. Algo bem lá dentro de mim começou a borbulhar. Eu pensei: “Oh Deus.” Eu pensei: “É bom estar aqui. Eu gostaria de construir três tabernáculos.” Eu fiquei tão alegre. Eu encostei o meu pequeno velho rifle ao lado de uma árvore, e comecei a andar ao redor, ao redor, ao redor daquela árvore, simplesmente gritando no mais alto de minha voz; pulando de um lado para o outro, e balançando meus braços para cima e para baixo. Eu dizia: “Aleluia, aleluia, aleluia,” ao redor da…
30 Ora, se houvesse alguém ali no mato acharia que tinha um maníaco ali. Ao redor e ao redor do mato fui eu, simplesmente o mais rápido que eu podia ir, e dizendo, “Louvado seja Deus, louvado seja Deus, aleluia,” simplesmente correndo o mais rápido que eu podia ir; porque eu estava me sentindo bem. Não me importava se alguém visse. Eu estava apenas… eu apenas estava soltando a pressão. Se eu não o fizesse, eu ia explodir. Então eu apenas tive que assobiar — assobiar um pouquinho.
31 Então eu simplesmente estava rodeando ali, ao redor e ao redor o mais rápido que eu podia ir. Depois de algum tempo eu parei e levantei minhas mãos. Eu pensei: “Lá está Ele, lá atrás do arco-íris. Aqui está Ele, aqui embaixo, uivando no lobo. Aqui está Ele, berrando no alce. Aqui está Ele, no meu coração. Oh, Tu estás simplesmente em todas as partes.” E ao redor ao redor ao redor daquela árvore fui eu novamente. Eu pensei: “Oh, é bom estar aqui. Gostaria de poder construir uma cabana e ficar aqui.” E então eu pensei: “Não. Como foi com Pedro, Tiago e João… Há uma criança enferma pouco abaixo daquela colina. Vê você? Tenho que descer.”
32 Então enquanto eu estava ali de pé, eu observei que havia deixado um pequenino velho esquilo dos pinheiros nervoso. Eu não sei se você Tex… Oh, claro. Se existe um lugar que tem é no Texas. Mas o pequeno esquilo de pinheiro pulou para cima de um toco ali onde estava aquela velha barulheira. E ele simplesmente começou a dizer todos os tipos de coisas para mim . Eu acho que eu quase matei o sujeitinho de medo. E eu estava correndo ao redor daquele jeito, eu olhei, e ele estava assentado ali balançando aquela pequena cauda, simplesmente, batendo os dentes, tagarelando, tagarelando, tagarelando, tagarelando, tagarelando, tagarelando, tagarelando, tagarelando.
33 Eu pensei: “O que há com você, sujeitinho? Estou louvando o próprio Deus que te criou. Você quer ver mais um pouco disto? Aqui vou eu.” Ao redor, e ao redor, e ao redor, e ao redor outra vez . Eu pensei: “O que você achou disto? Por que você não corre ao redor um pouquinho?” Mas a única coisa que ele pôde fazer foi tagarelar-tagarelar-tagarelar, tagarelar-tagarelar- tagarelar. Eu pensei: “Agora, Deus, por que Tu chamaste minha atenção para aquele sujeitinho, quando simplesmente estou tendo um bom momento e tanto aqui, Tu e eu?”
34 Eu olhei para ele e… Ele — ele tinha enormes, de qualquer forma , olhos de besouro, você sabe. Parecia que estavam saindo para fora de sua cara, especialmente quando ele fica todo agitado. E ele estava olhando para baixo, assim. Eu pensei: “Ele não está me observando.” Fui descobrir, os ventos que sopraram naquela tempestade havia forçado uma enorme velha águia descer para debaixo daquela coisa, debaixo daquele emaranhado. Esta enorme, velha águia marron estava se aproximando, saindo dali. Era por causa dela que o esquilinho estava assustado. Ele não estava me incomodando de modo algum; ele não estava incomodado comigo. Então ele estava observando aquela águia ali embaixo, porque aquela águia podia apanhá-lo muito facilmente, você sabe.
35 Então eu… Ela pulou ali, esta grande águia, e pensei: “Bem, agora o que fazer a respeito disto?” Eu vi aquela grande águia pular ali, e aqueles enormes, olhos aveludados olhando ao redor, você sabe. E pensei: “Não é ela uma coisa linda?” Aí de pé a uma distância de dez pés de mim…
36 E eu pensei: “Deus, por que Tu me chamaste a atenção agora para aquela águia, em vez de me permitir correr ao redor e ao redor desta árvore? Eu — eu não sei por que Tu me deixaste olhar para aquela companheira assim. Se eu acabar de matar um cervo, e não cobri-lo bem, ela o leva embora. Então por que eu tenho que olhar para aquela companheira assim? Estou olhando para Ti aqui no arco-íris, Te vendo aqui no – no — te ouvindo no lobo, e em todas estas coisas.” Eu disse: “Onde Tu estarias naquela águia? Embora, a Bíblia diz que Tu és o Jeová Águia, e somos aguiazinhas. Então agora, eu gostaria de saber onde Tu estarias naquela águia?” Eu pensei: “O que — o que eu poderia ver naquela companheira? Eu posso ver o — o — o alce; ele é um enorme monarca. Ele é o monarca das florestas. Eu posso ver o lobo com seu uivo solitário, e — e posso ver o arco-íris. Mas esta companheira? O que há de puro nela?”
37 Eu comecei a observar. Ela estava ali pousada, e eu disse: “Sabe de uma coisa?” Eu disse: “Velha companheira, eu poderia atirar em você se eu quisesse.” Eu disse: “Eu — eu poderia atirar em você. Você acredita nisto?” Ela nem mesmo prestou atenção em mim, ficou simplesmente assentada ali, e aquela enorme cabeça olhando para cima, você sabe, e aqueles olhos fitando os céus, então olhou de volta para mim. E eu continuei a observá-la olhando para aquele esquilo. Eu acho que ela estava de olho para pegar aquela tâmia, é o que eu acho, ou aquele esquilo terrestre, ou esquilo dos pinheiros. Em Indiana nós os chamamos de tâmias, mas eles são na verdade esquilos de pinheiros. Então eu a vi observando aquilo. Eu pensei: “Bem, e — e ele?” Eu disse: “Bem, tem uma coisa. Ela não está com medo.” E eu disse: “Vou ver se ela está com medo.” Eu disse: “Você sabe que eu poderia atirar em você?” Ela simplesmente olhou para mim. Eu comecei a levantar minhas mãos em direção ao meu rifle. Eu a vi movendo suas penas. Eu disse: “Já sei. Estou vendo o que é.” Vêem, ela sabia que ela poderia estar naquele galho antes mesmo de eu poder alguma vez colocar a mão naquele rifle. Isto é correto. Por que? Ela tinha duas asas. Deus lhe deu duas asas para escapar do perigo, e eu a observei examinando aquelas penas. Eu pensei: “Oh Deus, eu vejo onde Tu estás agora.”
38 Alguém me disse: “Você não tem medo de cometer algum erro às vezes, ali em cima?” Oh, não. Oh, não. Contanto que eu simplesmente possa sentir a Presença de Deus manifestada ali ao redor, deixe-os dizer qualquer coisa que desejarem falar. Isto não faz nenhuma diferença.
“Você não tem medo que alguém lhe dê um tiro certeiro?”
Não, não. Oh, oh. Eu não tenho medo contanto que eu sinta a Sua Presença, aquele poder dado por Deus (isto é tudo), apenas sentir a Sua Presença ao redor.
“Você não tem medo deles te chamarem de santo-rolador?”
Já foi dito. Não fará nenhum efeito. Eu vou seguir exatamente do mesmo modo em frente. Então isto não importa. Apenas sentindo a Sua Presença ao redor, você sabe, ver se cada pena está certinha… Oh, que coisa.
39 Temos que fazer um inventário de vez em quando, e apenas verificar como está tudo indo. Você não acha? Eu gosto disto. Apenas sentir aquele verdadeiro sentimento confortável, como eu sinto neste exato momento. Vêem? Ele está por aqui agora.
40 E eu pensei: “Bem, vou ver o que é isto. E outra coisa, ela não está com medo, porque ela sabe onde está pisando. Ela sabe exatamente o que pode fazer, e o que não pode. E ela confia no dom que Deus lhe deu para tirá-la do perigo. E se Deus pôde dar a uma águia tal confiança através do instinto, quanto mais confiança deveríamos nós ter (Amém), com o poder do Espírito Santo sobre nós, afastando-nos do perigo. Voando para longe. Claro. Livrando-nos imediatamente disto. Apenas levante e creia nisto.
41 Não temos necessidade de ser desta forma, enfermo, ou quebrado, e divididos em cento e — novecentas e sessenta e nove organizações diferentes e coisas. Vamos voar para longe disto. Amém. Saia do meio disto. Não somos ligados a nada. Não. Mas, voe imediatamente.
42 As pessoas dizem: “Oh, os dias dos milagres já passaram.” Não creia nisto. Apenas sinta aquele poder dado por Deus ao redor de você que te salvou e te encheu totalmente com o Espírito Santo. O que — o que é isto? Guarde seu — conserve a ternura do Espírito Santo ao seu redor. Examine tudo, se as engrenagens estão funcionando bem, lubrificadas com uma boa pomada para os olhos, você sabe, e tudo mais, para que você então possa realmente se mover quando a hora chegar.
43 Então eu a observei um pouquinho, e descobri que — que ela não estava com medo de mim. Mas ela — mas ela se cansou daquela pequena velha tâmia ali, daquele pequeno esquilo dos pinheiros ali assentado, só: “Chilreando- chilreando, chilreando, chilreando, chilreando, chilreando, chilreando, chilreando, chilreando.” Ela se encheu daquilo, e eu acho que talvez pelo instinto ela sabia de qualquer modo que eu não atiraria nela, porque eu a estava admirando pousada ali. Eu gosto de qualquer coisa que seja bravo. Eu odeio um covarde. Eu odeio um homem ou… para um… Ver um homem subir no púlpito e ter medo de pregar as suas convicções… Irmão, vou lhe dizer, eu diria isto se atirassem em mim, exatamente do mesmo modo. Eu — eu quero… E ir a um escritório, e alguém ser curado pelo poder de Deus, e ter medo de dizer alguma coisa sobre isto. Alguém diz que eles… “Sim, eu creio que o Senhor é um Curador,” e então ter medo de testificar isto. Oh, irmão. Com vergonha do Espírito Santo, Deus não pode te usar. Deus deseja homens de — com coragem. Amém. Somos parentes do Leão, o Leão da tribo de Judá. Isto é correto. Severidade, firmesa, bravura… Oh, como eu poderia falar sobre aquele Leão e deixar o meu tema aqui.
44 Mas sobre — sobre esta águia, eu a observei por alguns minutos, e depois de algum tempo ela se cansou de escutar ali aquela tagarelice, tagarelice. Então ela simplesmente deu um enorme pulo, e bateu as suas asas cerca de… Bateu as suas asas umas três vezes assim, e já estava bem longe daquelas árvores. Então eu pensei: “Oh, que poderosa…” O vento quase me jogou para trás quando ela levantou vôo ali, a força daquele vento se aproximando [O irmão Branham demonstra — Ed.] assim. Ela já estava lá naquelas árvores. Eu pensei: “Oh, ela poderia voar longas distâncias.”
45 Mas sabe de uma coisa? Ela não bateu mais as suas asas. Não. Ela simplesmente sabia como movimentá-las. E todas as vezes que o vento chegava ela subia um pouquinho. Ela as ajustava novamente. Quando os ventos subiam naquele canyon, ela subia um pouquinho, não — sem bater mais nenhuma vez. Ela simplesmente foi embora.
46 Eu fiquei parado ali. Eu comecei a chorar. Eu pensei: “Senhor, eu vou ficar fascinado novamente, tão certo como existe o mundo.” E eu olhei, e lá estava ela indo. E eu a observei até ela se tornar um pequenino pontinho preto, distante no ar. Eu pensei “É isto, Senhor. Não é se unir a isto, e se unir àquilo, e oscilando, batendo aqui, e batendo, oscilando ali de um lado para o outro. É saber como ajustar as suas asas no poder da fé e voar embora.”
47 Deixando aquela tâmia terrestre ali dizendo: “Tagarelando — tagarelando: os dias dos milagres já passaram. Tagarelando — tagarelando — tagarelando: não existe tal coisa como o Espírito Santo. Tagarelando — tagarelando- tagarelando: tudo isto é besteira. Isto é simplesmente fabricado. Aquilo — aquilo é entusiasmo. Não existe tal coisa.” Oh, que coisa.
48 Simplesmente ajuste as suas asas. Aleluia. Quando o Espírito Santo chegar como uma onda, apenas viaje nela, assim. Vá para bem longe disto, subindo, subindo,subindo, até que você nem mesmo ouça isto mais. Esta é a maneira. Suba tão alto na atmosfera da graça de Deus até que você não ouça mais aquela tagarelice — tagarelice aqui, que se torne morto para você. Você estará lá em cima nos céus.
49 Agora, a águia foi feita um pássaro celestial. Com certeza foi. E não existe nenhum outro pássaro que pode tocá-la. Não, senhor. Ela é o rei da família dos pássaros. Isto é verdade. Se um… Você fala… Você diz: “Um falcão tem olhos de falcão.” Vocês já ouviram isto. Ele é um amador. Ele não sabe a respeito de que ele está falando. Se aquele falcão alguma vez tentasse voar com aquela águia, ele se desintegraria no ar. A águia é um pássaro de estrutura especial. Ela tem que ser, porque ela pode voar mais alto do que qualquer outro pássaro. Bem, agora, se ela não tivesse um corpo de estrutura especial , quando ela subisse ali, ela se desintegraria também.
50 É assim que as pessoas tentam personificar, ser algo que elas não são. É isto que causa todos seus acidentes nas estradas, quero dizer, na estrada da vida; porque elas estão tentando personificar outra pessoa, e elas não foram formadas daquela maneira. Elas não foram feitas para aquilo. Eu não sei se aquilo infiltrou ou não, mas espero que sim. Mas de qualquer modo… Oh, sim. Amém. Nós descobrimos, vocês sabem, o — o Egípcio incircunciso tentando seguir os Israelitas circuncidados, eles se desintegraram tambem no fundo do mar. Eles não puderam atravessar. Suas rodas atolaram.
51 Agora, observamos, como a águia… E se ela… Que bem isto faria… Agora, esta é a razão pela qual Deus comparou Seus profetas com as águias, porque elas podem ir tão alto.
52 Agora, ela é um pássaro de estrutura especial. E oh, suas penas são tão firmes que dificilmente você consegue arrancá-las com um alicate. Elas são tão compactas, porque se não fossem, quando ela subisse ali no alto, lá em cima naquela esfera ali, ela — ela — elas sairiam dela. Ela cairia de volta na terra, e simplesmente — ela se desintegraria. E se um falcão tentasse segui-la, ou um corvo tentasse segui-la, ela apenas o deixaria para trás no pó. E aquela… Se ele subisse mais alto, ele vai até determinada altura, aquilo é o mais alto que ele pode ir, porque ele é um corvo, ou um falcão. Porém uma velha águia simplesmente continuaria subindo.
53 Agora, que bem lhe faria subir até ali, se ela não estivesse equipada com olhos que pudesse ver bem distante também? Isto é correto. Que bem lhe faria subir ao alto, a não ser que você vivesse no alto também? Viva onde você sobe. Se é da altura do seu pulo, viva naquela altura. Você compreende o que quero dizer. É isto que traz tanta reprovação na igreja, são pessoas pulando muito alto e vivendo bem baixo. Vêem? Esta é a coisa que devíamos fazer, sim: viver da altura que você pula. Vêem? Isto é certo.
54 Agora, se águia não tivesse alguma razão para estar ali em cima, ela nunca teria sido construída daquela forma. Então esta é a razão pela qual Deus a fez e a chamou de Seu profeta, porque o profeta sobe alto, como Isaías, e Jeremias, e outros. Eles foram bem no alto. Quanto mais alto você vai, mais distante você pode ver. Agora, certas pessoas simplesmente ficam no chão o tempo todo, então sua visão é só aqui. Mas quando você sobe, quanto mais você sobe, mais distante você pode enxergar. Oh, que coisa. Não é de se admirar que certas pessoas são tão míopes. Elas nem mesmo tiraram seus pés do chão ainda. Oh, quanto mais alto você vai…
55 E a águia é a que vai mais alto de todos. Ela pode ir mais alto do que qualquer outro pássaro. Nada pode segui-la. Ora, eu duvido se um avião pudesse chegar até ela, ou não… [Espaço vazio na fita–Ed.] ali fazendo isto, gerando o seu próprio ar.
56 Mas quando você sobe ali, este pássaro, o pássaro esperto ali em cima, ele olha ao redor; ele pode ver. Seus olhos estão tão distantes do falcão, ele pode subir até ali e ver coisas. Como se — se estivesse vindo uma tempestade, e você pudesse estar numa altura suficiente no ar, você poderia ver centenas e centenas de milhas distante. Se você estivesse numa altura suficiente, você poderia ver isto. Bem, Deus tomou Seus profetas e os levantou tão alto como Jeremias, e Isaías, João, e outros, que eles viram até mesmo o milênio (Amém.), bem distante.
57 Eu fui visitar um irmão em Phoenix há não muito tempo atrás, o irmão Outlaw. [Fora da Lei — N.T.] Ele disse… Este é um nome horrível para um irmão Cristão, mas ele é um bom homem, ele é um dos meus… Irmão Kidson, quando você e eu estávamos ali, nós fomos à sua igreja. E ele tinha um coral ali em cima. Elas eram pequenas mulheres de aparência pia, sem nenhuma manicure em suas faces, e de cabelos longos, e vestidas. Eu- — eu sempre… O que é aquilo? O que é aquilo, como chamam aquilo? Eu sempre faço… Máscara. Isto – isto — isto não está soando correto. Oh, de qualquer forma, é nos lábios, e na… Simplesmente tudo. Vêem? Então pintura é realmente o que é. Bem, eu acho também que é, seja o que for.
58 Bem, de qualquer modo, elas não estavam vestidas assim. E suas pequenas velhas faces, tão lustrosas como uma cebola descascada. E ali estávamos de pé, e eles — seu garotinho estava ali de pé cantando, “Subiremos, subiremos, subiremos.”
E ele dise: “O primeiro curso foi a justificação, o segundo curso, santificação. [Espaço.vazio.na.fita–Ed.] …glorificação. Então o Espírito Santo desceu.” Disse: “Eu comecei a subir-subir, subir – subir — subir, subir — subir, subir — subir — subir até eu atingir a Branca Via Láctea.”
Eu achei que havia partido então…?…apenas sentindo… Lá está aquela águia subindo, subindo bem alto ali até você poder ver a vinda do Senhor.
59 Oh, não é de se admirar, quando aquela mulherzinha viu Grant entrar em — em Richmond ali em cima, ela disse: “Meus olhos viram a glória da vinda do Senhor… pisando no lagar onde estão as uvas da ira.” Claro, captando a visão da vinda do Senhor, subindo…
60 Agora, ela é um pássaro de estrutura especial. Ela pode voar mais alto; e se ela chega ali em cima, ela pode ver bem distante. E Jeová, o Papai Águia, está assentado bem lá no alto nos céus. Oh. Quando Ele estava aqui na terra, Lhe foi dado o nome mais baixo que podia ser dado: Belzebu. Ele foi até a cidade mais baixa que existe no mundo: Jericó; e ficou tão baixo que Ele teve até que olhar para cima de uma árvore para ver o homem mais baixo da cidade. Isto é certo. Ele foi chamado de tudo na terra: nomes feios, e tudo mais.
61 Mas quando Ele foi exaltado, Lhe foi dado um Nome acima de todos os nomes que é chamado no céu e na terra; toda familia, ambos nos céus e na terra, são chamadas por Ele. Ele está exaltado tão alto, que Ele teve até mesmo que olhar para baixo para ver o céu. Agora, foi assim que Deus fez com Ele quando Ele chegou ali. Esta é a diferença.
62 Agora, você tem que começar a subir. Agora, somos tão baixos o quanto podemos ser quando somos pecadores. Vamos começar a subir, subindo para a Branca Via Láctea, simplesmente atingi-la e continuar em frente. Agora, descobrimos que… Subindo, subindo, subindo para o Reino de Deus…
63 Agora, estes profetas, quando eles chegam ali em cima, sobem tão alto onde outros pássaros de inteligência não poderiam ver, eles não sabiam… Em primeiro lugar eles não conseguiriam subir até ali, mas Deus disse que Seus profetas eram Suas águias. E agora, Deus nos disse: você sabe, na Biblia que Ele tirou Israel do Egito nas asas de uma águia. Aquelas eram Suas asas. Oh, aquela Coluna de Fogo por direção, Ele carregou Israel em Suas asas.
64 Oh, não faz muito tempo atrás aqui, quando eles estavam trazendo… Os Palestinos sendo empurrados novamente, vendo Lewi Pethrus enviar milhões de Novos Testamentos para aqueles Judeus vindo do Irã e outros lugares. E eles estavam lendo aquele Novo Testamento. E eles nunca haviam ouvido tal coisa como o Senhor Jesus estando na terra. Eles estiveram lá embaixo desde que os Romanos os havia mandado embora. E eles disseram: “Se este é o Messias, vamos vê-Lo realizar os sinais do profeta. Creremos nisto.”
65 Oh, que ligação para o ministério. Eu parti imediatamente. Quando eu cheguei em Cairo, Egito, eu tinha meu… Trinta minutos, eu estaria na Palestina. E algo me tocou, eu saí para trás de um hangar. Disse: “Ainda não é hora.” Eu voltei, e fui para a Grécia, então depois para a India. Ainda não era hora… Para chamar aqueles Judeus… Eles crêem nisto, irmão. Sim, senhor.
66 E eu pensei: “Que hora para tirar aqueles irmãos dali, e dizer: ‘É verdade que vocês disseram que se este Messias fosse o Filho de Deus, Ele era o Messias do qual foi falado, vocês queriam vê-Lo realizar sinais de profeta, e vocês creriam Nele.’ É isto correto?”
67 E eu diria: “Agora, escolha vocês alguns homens e subam até aqui. Nós descobriremos se Ele continua sendo profeta ou não, se é Ele. Bem neste mesmo terreno onde seus antepassados negaram o batismo do Espírito Santo, agora o recebam.” Oh, então — o Evangelho foi para os Judeus, e os dias dos Gentios estão terminados então. Só um pouquinho, a porta se abre… Vocês aguiazinhas, é melhor baterem asas e se prepararem para sair daqui, porque a porta de misericórdia será fechada num destes dias. Isto é verdade.
68 Oh, que grande coisa, como Deus… aqueles… Quando eles levaram os aviões para ali… Eu creio que vocês leram isto na — na “Reader’s Digest.” Não, vou lhes dizer, foi na revista “Look”. Eu tenho um filme intitulado “Três Minutos Para A Meia Noite,” “Três Minutos Para A Meia Noite” E é com a imagem do tamanho natural lá da Palestina, o irmão Arganbright, muitos dos amigos ali embaixo…
69 E este… Eles tinham estes, carregando estes Judeus, os idosos aleijados em suas costas. Então eles foram entrevistá-los. Eles disseram: “Estão vocês voltando para morrer em sua terra natal?”
Disseram: “Não. Estamos vindo para ver o Messias.”
70 “Quando a figueira lançar seus ramos…” Oh, irmão, Israel está se tornando uma nação novamente ali. A velha Estrela de Davi de seis pontas tremula, a bandeira mais antiga do mundo, da primeira vez ela tremulou por dois mil e quinhentos anos. Eles estão em sua própria terra agora. Este é o calendário de Deus. O Messias virá, simplesmente tão certo o quanto estão ali de pé esperando por Ele. Estamos no fim do tempo. Oh, aguiazinhas, corram para a porta da misericórdia e vão voando o mais rápido que vocês puderem.
71 Quando eles os trouxeram, aqueles aviões desceram para apanhar aqueles Judeus, eles continuavam arando com antigas ferramentas de madeira, como faziam centenas e milhares de anos atrás. (Eles ainda fazem isto na Africa do Sul.) Então quando… Nós descobrimos que eles estavam com medo daquele avião. Eles estavam apavorados por terem que entrar nele. Um velho rabino subiu ali e disse: “Não tenham medo.” Ele disse: “Nosso profeta nos prometeu que um dia iríamos para casa nas asas de uma águia.” Aquele imenso avião da TWA decolou com aqueles Judeus, foi aquilo que o profeta viu. Ele — ele não sabia o que era aquilo. Ele teria chamado de avião. Ele disse: “Eles voltarão nas asas de uma águia,” viu aquele velho avião decolar ali embaixo a dois mil e quinhentos anos atrás. Agora, está acontecendo neste instante, trazendo-os de volta nas asas de uma águia.
72 Aquela águia é um pássaro, um pássaro e tanto. Lá em cima no Zoológico de Cincinnati… Eu gosto de levar as crianças ali. Por um lado, eu odeio ver qualquer coisa confinada em jaulas. Eu fico tão sentido, pois eu amo a vida selvagem. Mas eu — eu não tenho nenhum, nem mesmo um cachorro em casa, porque eu teria que mantê-lo preso. Eu detesto ver qualquer coisa presa, qualquer coisa exceto a penitenciária. Colocar aqueles pobres animais ali para todos chegarem e ficarem encarando eles, olhando ao redor. Eu acho que é — é simplesmente patético. E então eu fico pensando se eu apenas tivesse dinheiro, eu compraria todos eles, os levaria de volta para sua terra natal, e os soltariam, e diria, “Vão em frente, agora corram o mais rápido que vocês puderem, Vão embora.” Eu não culpo…
73 Um bando de coisas pintadas ali de pé ao redor olhando para eles, soprando fumaça de cigarro em suas narinas, oh, que coisa, eu mesmo odeio estar ali de pé. Isto deveria — isto deveria ser simplesmente o contrário. O fumante de cigarros é que deveria estar ali. Ele seria mais do que uma coisa — algo para colocá-lo na jaula. Ele não sabe o suficiente para cuidar de si mesmo.
74 Então a primeira coisa que sabemos… Eu desci até ali, levei minha garotinha, Sarah. Estávamos andando de mãos dadas. Fomos até os pássaros, e havia uma grande e imensa jaula ali. Eles deviam ter apanhado esta grande companheira — era uma grande e enorme águia. Eles a colocaram ali. Oh, ela era uma companheria gigantesca, seus imensos pés, parecia que podia apanhar um bezerro e voar com ele. Bem, eu — eu ouvi um batido de asas ali embaixo e vi penas voando. Eu pensei: “Qual o problema?” Então Sarah e eu fomos até ali. Ela era apenas uma criancinha.
75 E eu me divirto tanto com os meus filhos. Você não ama os seus filhos? Esta pequena Sarah… A poucos anos atrás eu estava em uma reunião, e cheguei em casa certa noite, e eles estavam acordados esperando o papai chegar. Ambas são as garotinhas do papai, vocês sabem. Então elas — elas estavam esperando e quando cheguei já era muito tarde. Então a mamãe já havia lhes colocado na cama. E eu cheguei por volta de duas ou três horas. E eu estava tão agitado com aquelas reuniões, aquelas visões e coisas me esforçaram de tal forma, que eu não conseguia nem mesmo dormir. Então eu levantei por volta das seis horas, fui para a sala de estar, e me assentei em uma — em uma cadeira. Eu estava simplesmente assentado ali, pensando sobre a reuião. De repente, eu ouvi no — muito barulho no quarto das meninas ali. E — e eu olhei e ali vinha a Becky, a minha mais velha. Ela é meio perna-longa, vocês sabem. E — e a Sarah é uma tampinha. E então, ali veio a Beck o mais rápido que ela pôde, simplesmente correndo. E ela pulou montando bem no meu colo assim, e lançou os dois braços ao meu redor, começou me abraçar, gritando, “Papai, papai, papai.”
76 E eu olhei para trás. Você sabe, isto simplesmente faz inchar o coração de um homem. E eu olhei, e ali vinha a sua irmãzinha, a Sarah com roupas-usadas. Você sabe como os segundos ficam com os pijamas que são um tanto maior assim, vocês sabem. Ela me fez lembrar da pequena igreja interdenominacional, e o — a outra perna longa esteve por aí por tanto tempo, você sabe, tão complacente por estar aqui por muito tempo, conhecedora de muitas coisas. Então ela jogou seus braços ao meu redor e desconsertou a Sarah ali. E ela disse: “Sarah, minha irmã…” A pequena Sarah parou. Disse: “Eu quero que você compreenda isto, minha irmã. Eu cheguei aqui primeiro, e eu fiquei com o papai inteiro, e não sobrou nada para você.”
77 Pobre… É mais ou menos assim que eles tentam nos dizer (Isto é certo), aquelas pernas mais compridas, isto foi há muito tempo lá atrás, vocês sabem. Então ela disse: “…tenho todo ele.” Então ela disse: “O papai é todo meu, e não sobrou nada para você.” (Pode até memos fechar as suas portas. Vêem?) A pequena Sarah ali de pé, ela fez uns beicinhos, seus pequenos olhos negros, pequenas lágrimas correram deles assim, eu olhei para ela, pisquei para ela, fiz sinal com o meu dedo, e estiquei a minha outra perna.
78 Ali veio ela, batendo os pés de todos os modos, você sabe, e pulou na minha perna. E ela era um tipo de… não podia… Ela — ela não foi o suficiente preparada, você sabe. Ela — ela — ela é meio atrapalhada. Então eu tive que abaixar e apanhá-la com os dois braços ou ela cairia. E levantei abraçando-a bem pertinho de mim. Ela me abraçou, e segurou firme por um momento. Ela virou, com aqueles grandes olhos, você sabe, e aquele sorriso em sua face.
79 Ela disse: “Minha irmã, Rebeca, eu quero te dizer uma coisa também.” Ela disse: “Pode ser que você chegou aqui primeiro e ficou com o papai inteiro. Mas eu quero que você fique sabendo que o papai ficou comigo inteirinha.” Então eu …?… Eu quero que Ele me tenha todo. Eu não sei…?… Eu não conheço todas as teologias, e as D-ologias, e os Ph.; H.H.D’s , e os Q.U.Ds. A única coisa que sei, é que Ele me tem todo, envolto aqui. É só com isto que me preocupo, contanto que eu saiba que o Seu Espírito tem me envolvido na Sua misericórdia e bondade. Não tento ter mérito em nada, não poderia ter mérito em nada, nada posso fazer: Nada trago eu meus braços, me agarro somente na cruz. “Senhor, tire tudo de mim.” Esta é a maneira.
80 A pequenina Sarah e eu estávamos indo, poucos dias depois daquilo, eu segurava sua mão, e nós descemos até a jaula desta águia. E eu vi uma das cenas mais patéticas que penso que já vi. Era uma enorme águia velha que havia acabado de ser capturada, e ela estava nesta jaula. Ela estava de costas quando eu subi, suas grandes e enormes asas bateram assim. Eu observei que ela estava sangrando em toda parte da frente de suas asas, e sua cabeça estava sangrando toda, e as penas haviam caído delas (na extremidade de suas asas). Eu pensei: “Qual será o problema com aquele pobre pássaro?”
81 E eu levantei a pequena Sarah e coloquei suas pernas ao redor do meu pescoço, para que então ela pudesse ver dentro da jaula. E ela disse: “Papai, ela está sangrando.”
Eu disse: “Sim, talvez… Não há nada ali para ela brigar. Eu não sei com o que ela brigou.”
82 Após algum tempo, ela levantou, sacudiu aquela cabeça exausta, e virou sua cabeça, e olhou assim. Você sabe, ela é um pássaro celestial. Ali estava ela naquela jaula daquele jeito. Ali veio ela o mais rápido que pôde, batendo aquelas grandes asas, e bateu sua cabeça bem naquela jaula novamente, arremessando-a para trás no chão, e o sangue escorrendo de suas asas onde ela tentava batê-las contra aquela jaula ali para sair. Daquela vez aquilo a atingiu com tanta força, que ela ficou deitada ali. E os seus olhos exaustos olhavam para os céus. Eu pensei: “Ó, Deus, não é isto lamentável .” Então algo atingiu o meu coração. Eu pensei: “Não, esta não é a coisa mais lamentável que já vi, um animal, em uma jaula. A coisa mais lamentável que já vi é um homem que nasceu para ser um filho de Deus (Aleluia.), preso por alguma organização, ou algum credo que lhes diz: “Os dias de milagres já passaram, e não existe tal coisa como o batismo com o Espírito Santo.” Quando ele descansa naqueles velhos credos denominacionais e olha ao redor assim…Ele nasceu para ser um filho de Deus. Os credos o colocaram numa jaula. Deus o deseja fora. Amém.
Oh, ele nasceu… Aquilo foi obra de um homem, colocar aquela águia ali. São as obras dos homens que te colocam em seus credos e denominações. Todas elas são do diabo. Sim, senhor. Credos do homem: “Os dias dos milagres já passaram; não existe tal coisa como a alegria do Espírito Santo; não há tal coisa como gritar; não existe tal coisa como falar em línguas; nem cura Divina.” Oh, que coisa. É lamentável: filhos de Deus, nasceram para ser livres, porém encarcerados.
83 Irmãos, não desprezem aqueles homens. Não desprezem… Aquele círculo que os mantêm unidos ali, este é o círculo que rompe para eles. Isto é correto. Não os despreze. Eles são… Eles nasceram para serem filhos de Deus. Eles nasceram para ser livres. Simplesmente não deixe ninguem te enjaular em alguma coisa assim. Esta é a coisa. Se afaste destas velhas jaulas. Isto é exatamente correto.
84 A velha águia, ela é um pássaro tão maravilhoso. Seus hábitos, eu gosto de observar seus hábitos, o que ela faz. Eu já as observei construir seus ninhos muitas vezes durante o recolhimento do gado, digo — pego meus binóculos, as observo.
85 Oh, eu, quando é bem cedinho de manhã, antes mesmo de chegar na estrada para os carros, eu levanto ali, e apanho os meus binóculos, para ver o que aquela velha águia estava fazendo por aquele ninho ainda. Ela sai, e você deveria vê-la. Ela jamais constrói o seu ninho no chão. Uma águia não constrói o seu ninho no chão. A águia constrói o seu ninho no pico mais alto que ela puder alcançar.
86 Esta é a razão pela qual Deus a comparou com a Sua igreja. Tu és uma vela colocada na colina. Isto é certo. Grandes ambições, grandes previsões, estamos esperando grandes coisas. Nós não… Dizemos: “Bem, eu sou pentecostal. E pronto.” Não para mim. Estou esperando coisas maiores.
“Sou Batista. Sou Metodista. Sou da Unicidade, Dualidade, Trindade,” ou seja o que for que você é . Aquilo não me satisfaz. Eu tenho a ambição de seguir em frente até encontra-Lo: subindo- subindo, subindo-subindo-subindo.
87 “Recebi o Espírito Santo. Isto conclui tudo.” Não comigo. Vou simplesmente continuar tomando isto, e movendo mais alto e mais alto (Isto é correto.), apenas movendo em frente para bem alto: altas ambições, altas expectativas, ambições. Não, “Bem, nós temos uma igrejinha bem bonitinha. Vamos apenas nos instalar. Eu e esta pequena multidão, não queremos ninguém do restante de vocês no nosso grupo.” Não eu. Eu quero estender uma mão para cada credo caído…?… ou melhor e trazendo-o para dentro. Ambições, fazer algo. Expectativa para um homem que sempre andou na verdade para ver a verdade… Você nunca o fará entrar ali afogando-o. Você tem que colocar o seu braço ao ser redor, e amá-lo, e deixá-lo saber que você é um irmão. Então algo acontecerá. Se você é um parente de Jeová você fará aquilo. Você tem o Seu Espírito. E Ele veio para aqueles que O odiaram, O desprezaram, e cuspiram na Sua face. Ele continuou orando para que eles fossem salvos. Com certeza. Este é o Espírito de Deus em um homem.
88 Agora, agora, quão diferente é aquela águia de uma galinha. Oh, ora, a galinha é um pássaro do mesmo modo que o é a águia. Você sabia disto? Ora, uma galinha é um pássaro tanto quanto o é uma águia, porém a galinha é a sua irmã denominacional, sabe. Elas estão sempre prontas para entrarem em algum credo, constroem o seu ninho em algum lugar lá fora no celeiro, onde qualquer rato pode entrar e destruí-lo, espalhando suas coisinhas: whiskey, fumando cigarro, mulheres usando shortes, cabelos cortados, oh, tudo simplesmente lhes corta em pedaços.
89 Mas uma verdadeira águia leva o seu ninho para o alto. Cada velha coisinha imunda do mundo pode rastejar para dentro dele, porém uma águia toma o seu ninho e coloca os seus pequeninos que vão nascer tão alto que nem mesmo um hálito asqueroso sopra sobre eles. Oh. Você sabe que eu sinto — eu me sinto bastante religioso neste momento. De algum modo ou outro, eu simplesmente me sinto bem. Sim, leva-o para bem alto…
90 Eu a observo, como ela faz aquele ninho. Primeiro ela pega enormes galhos, e os coloca bem lá nas fendas assim, o faz redondo para que nenhum vento possa desarranjá-lo. Então ela sai, e apanha arbustos espinhosos, e enrrola aquilo ao redor, ao redor,e ao redor, amarrando. Não existe um arquiteto no país que poderia construir um melhor. Isto é correto. Ela sabe como fazê-lo, bem lá em cima no pico. Nenhum animal ou ratos pode subir até ali, então os seus pequeninos estão seguros.
91 Há algum tempo atrás eu observei um evangelista dizendo: “Eu vou em uma cidade…” Bem, foi o nosso irmão Billy Graham, eu o acho um evangelista forte. Ele disse ali para Louisville ali, falando com o ministério no desejum daquela manhã…
92 Eu estava ali com Mordecai Hamm, o qual era um bom irmão meu, foi quem o guiou para o Senhor, levou Billy Graham para o Senhor. Mordecai e eu somos vizinhos ali, então somos bons amigos. E ele estava… Estávamos assentados à mesa juntos, e o velho Billy levantou, ele disse: “Esta Bíblia é o padrão.” Ele disse: “Quando Paulo ia numa cidade,” disse: “ele tinha um convertido. Ele voltava no ano seguinte e aquele convertido havia feito trinta.” Disse: “Eu vou numa cidade.” Disse: “Eu obtenho trinta mil convertidos. Quando eu volto no ano seguinte, ou dali a duas semanas, dificilmente um mês,” disse: “Não consigo encontrar nem trinta.” Disse: “Qual é o problema?”
93 Agora, aqui está o que ele disse. Ele disse: “São vocês, monte de pregadores preguiçosos. Ficam assentados aí atrás com seus pés em cima da escrivaninha e lhes mandam um cartão em vez de um contato pessoal com elas.” Eu admiro seu — eu admiro seu… mas não era isto. Eu pensei…
94 Eu quero lhe perguntar algo: “Quem era aquela pessoa que — aquilo…?” Paulo não voltou. Ele apenas deixou aquele convertido. Aquilo foi tudo. “A causa disto é, Billy, você não os está levando o suficiente para longe da visão de todas estas coisas.” É isto que é. Encha estes trinta mil com o batismo do Espírito Santo, então volte em trinta dias para ver. Sim, senhor. Apenas abane um pouquinho dos credos de cima deles. Eles os colocam para fora, e dizem… Mostra seu nome para eles. “Aqui, pegue a sua carta daqui e a leve para ali.” Não é isto.
95 Tire o pecado da sua vida e deixe que o seu nome seja escrito no Livro da Vida do Cordeiro lá em cima na Glória, e o batismo com o Espírto Santo desça ali, e você voará como uma águia. Isto é correto. Você sairá do meio de todo velho mau cheiro de comportamentos duvidosos que temos aqui na terra. Isto é realmente a verdade.
96 Há algum tempo atrás um velho rancheiro e eu estávamos juntos. Havíamos sido parceiros por muito tempo. Eu simplesmente nunca consegui guiá-lo para Cristo. Estávamos bem alto nas montanhas. E ele ficou com uma espécie de um pequeno calombo em suas costas, e ele estava carregando uma grande velha e enorme espingarda para matar touros nas suas costas, andando por ali. A — a luz brilhava através daquelas árvores onde dificilmente um homem poderia andar. De repente ele parou, e ele olhou ao redor. Ele disse: “Isto parece uma catedral.”
Eu disse: “Jeff, eu O senti aqui desde que atravessei a colina.”
97 Ele colocou seus braços ao meu redor, disse: “Billy, eu desejo encontrá-Lo bem aqui na Sua catedral.” É isto. Ele voltou… Ele nunca tinha fumado ou algo assim. E ele odiava os automóveis porque ele era um rancheiro. Ele disse: “Você não sente cheiro de gasolina, nem mesmo de cigarros aqui em cima, você sente, Billy?”
Eu disse: “Não, é aqui que Ele mora, Jeff. É por isto que eu venho até aqui.”
98 Suba alto. É isto que você tem que fazer na atmosfera espiritual. Não fique aí embaixo como um frango. Voe para longe disto. Se afaste. Galinhas, cada rato velho que sair do celeiro vai apanhá-las. Sim, senhor. Se você não os levar mais longe do que apenas: “Se unir a igreja, e frequentá-la todo domingo, jogarmos um pouquinho de jogo de azar , e jogarmos um pouquinho no terreno dos fundos.” Não é assim, irmão. “Fazer um jantar de sopa para pagar o nosso pastor,” e todas estas… “Coloquem os seus trajes de banho, e vão nadar, peguem um bronzeado.” Você precisa bronzear.
99 Eu tenho duas garotas. Talvez elas tentem isto em um destes dias, e elas vão apanhar o bronzeado de um filho, mas não do s-o-l (s-u-n); o f-i-l-h-o s-o-n ) do Sr.Branham, batendo um tambor atrás delas, o mais alto que eles puderem…?… É disto que elas precisam, é deste tipo de bronzeado. Sim, senhor. Oh, que coisa.
100 O que precisamos hoje é de um bom, velho reavivamento de São Paulo, e do Espírito Santo da Bíblia de volta na igreja outra vez. Correto. Suas ambições são altas. As galinhas ficam embaixo no chão, constroem seus ninhos e todo rato, cobra, e todo carniceiro entra ali, come seus ovos antes mesmo deles nascerem, até mesmo chocarem. Isto é certo.
101 Esta é a razão porque Billy está perdendo todos os seus convertidos.Isto é exatamente correto. Cada rato no país, cada velho fumante de cigarros, dançarina, tudo mais que aparece, coloque-os para fora. Deixe-o construir aquele ninho um pouquinho mais alto e longe, levante-os um pouquinho mais alto. Saia do alcance deles. Jesus disse: “Se você ama o mundo, as coisas do mundo, o amor de Deus não está nem mesmo em você.” João disse isto. Tire-os das coisas do mundo. Tire-os do alcance disto. E um homem que já provou Jesus Cristo, o mundo está morto para ele.
102 Eu tenho uma pequena Bíblia em casa (uma das minhas primeiras), e eu a apanhei outro dia e dei uma olhada nela. Eu tinha atrás… as pessoas sempre me fazem perguntas. Dizia: “É errado fumar?” (Isto foi quando eu estava na igreja Batista.) Dizia: “É errado fumar, é errado beber?”
Eu escrevi um pequeno poema ali, e eu disse…
Não me faça perguntas bobas.
Apenas coloque isto em sua mente.
Se você ama o Senhor com todo o seu coração,
Você não fuma, nem masca , ou não engole nenhuma pilhéria.
103 Então eu acho que aquilo ainda continua bom. Isto é certo. Como poderia você alguma vez comer da lata de lixo depois de uma vez ter comido da mesa de Deus? Não existe tal coisa. Então você não pode fazer isto. Com certeza.
104 Agora, a outra coisa que ele comparou a águia…Oh, eu tenho tantas coisas, mas não tenho tempo para entrar em todas elas. Mas a coisa seguinte é: a águia restaura a sua juventude. Você sabe que em Salmos diz isto. Provérbios diz isto. “Como a águia restaura sua juventude…” renova sua juventude. Ela renova sua juventude. Uma velha águia, de vez em quando, todas aquelas penas caem, e ela renova a sua juventude novamente. Bem, isto é parecido com a Sua igreja.
105 Eu recordo da primeira vez que vi um povo Pentecostal. Foi lá em cima no tabernáculo, o irmão Ryle, aqui em cima em Indiana. Eu… Michigan, foi onde… Dowagiac, perto de Dowagiac. Oh, eu esqueci o nome do local agora.Oh, que coisa. Foi lá em cima em Indiana, bem ali na divisa com Michigan, e… Mishawaka, Indiana. Está certo, Mishawaka.
106 E eu fui ali. E eles tinham cerca de sessenta pregadores na plataforma naquela noite. Ele disse: “Todos pregadores subam aqui.” Então eu subi ali . Eu era um Batista. E então, eu me assentei. E então, eles ouviram alguns daqueles pregadores, aqueles jovens naquele dia, todos pregando como Jesus era, e quão maravilhoso Salvador Ele era, e assim por diante.
107 E naquela noite para a mensagem principal, eles trouxeram um velho homem de cor ali, e o pobre velho companheiro, quase tiveram que guiá-lo. Ele usava um enorme fraque antigo, meio azul, casaco do Príncipe Albert, com um destes colarinhos, um velho casaco de pregador, você sabe. Ele saiu ali, apenas com uma pequena borda de cabelos brancos. Ali veio ele no púlpito assim. E eu pensei: “Bem, por que eles não colocam um destes jovens teólogos ali em cima, para trazer a mensagem?”
108 O velho companheiro saiu ali, você sabe, e deu uma volta no púlpito, desse jeito, e ele disse: “Eu quero tirar meu texto dessa noite,” disse: “lá de Jó.” Eu creio que é 7, 7:37, ou alguma coisa assim. Disse: “Onde vocês estavam quando fiz a fundação do mundo (onde eles estavam firmados), quando as estrelas da manhã cantaram juntas e os filhos de Deus gritavam de alegria?”
109 Eu pensei: “Por que eles colocaram aquele velho ali para pregar?” E todos aqueles sujeitos estavam pregando sobre o que Jesus havia feito aqui embaixo. Ele começou lá atrás antes da eternidade existir; O trouxe através de todo os céus, e O fez trazer o arco-íris horizontal na segunda vinda. Por volta desta hora o Espírito Santo o atingiu. Ele gritava “Oba”, pulava, e saía dançando ao redor assim (ali havia duas vezes mais espaço do que há aqui), desceu da plataforma, disse: “Não há espaço suficiente aqui em cima para eu pregar.” E saiu da plataforma…
Eu disse: “Rapaz, é isto o que eu quero. Se isto faz um velhinho agir assim, o que isto fará com um jovem…?…” Isto é certo.
110 “Como a águia renova sua juventude.” Sim, senhor. O reavivamento tira e te livra de toda velha sensação estranha levando-a para longe de você, fazendo voar para uma atmosfera mais distante. Comparou Sua herança com uma águia, porque a águia renova a sua juventude.
111 Agora, o faz gritar. Observe você a igreja. Ela está assentada, toda seca. A primeira coisa que você sabe, o Espírito Santo os atinge, seus jovens… Ora, os idosos ficam logo de pé, pulando e gritando e louvando a Deus, renova a juventude deles novamente. Isto é certo. Fazem qualquer coisa que um jovem pode fazer, simplesmente pulam, e gritam, e falam alto, e gritam. Ele renova a sua juventude. Isto é correto. Eu creio nisto, você não crê?
112 Havia um fazendeiro ali em cima em Indiana. Um deles era um… Ele era um bom fazendeiro. Seus celeiros não eram muito bons: Oh, rachaduras nos celeiros, e tudo mais. E havia outro fazendeiro ali embaixo, porém ele tinha bastante dinheiro, então ele construiu o melhor celeiro que você jamais poderia ver. (Isto é bom para os pregadores.) Como eu dizia, ele construiu o melhor celeiro que você jamais poderia ver. Ele tinha tratores e tudo mais. Mas aquele sujeito era muito preguiçoso para ser fazendeiro.
113 Então cada um deles… E o outro fazendeiro, o fazendeiro que tinha o celeiro ruim (uma missãozinha em algum lugar), ele tinha — ele era um verdadeiro fazendeiro, em atividade naquilo. Então ele cultivava bastante boa alfafa e feno, e tudo naquele ano, e estocava.
114 E no seguinte… No celeiro naquele ano (nos dois celeiros) nasceu um bezerro. E na primavera seguinte os ventos quentes começaram a soprar. Eles deixaram… O — o — o fazendeiro rico ali embaixo deixou o seu bezerro sair, o pobrezinho — tão magro, ele chegou cambaleando, os ventos quase que o sopravam para os lados, quase que não conseguia ir sozinho. Ele ficou sem nada para comer: apenas umas velhas ervas daninhas ali, você sabe, velhas ervas daninhas denominacionais. “Somos fulano de Tal. Somos os figurões.” Aquilo nunca engordou uma alma, não, não.
115 Mas este outro bezerrinho, ele não tinha um celeiro e tanto, para viver. Mas, irmão, quando eles o deixaram sair, ele estava todo cheio de vitaminas e gordo, que coisa, apenas redondo e gordo o quanto ele podia estar. Rapaz, ele simplesmente chutou suas patas traseiras, e começou a chocar-se com aquele vento, você sabe, e ele batia nele. E ele estava apenas — ele estava somente tendo… Quando aquele vento forte o atingiu, ele simplesmente estava se divertindo bastante, apenas correndo ao redor, escoiceando suas patas traseiras.
116 Sabe o que o pobre bezerrinho fez? Prendeu sua pobre cabecinha na rachadura de uma cerca, e dizia, “Tsk, tsk, tsk, tsk, Que fanatismo.”
117 Qual o problema? Ele estava morrendo de fome por causa das ervas daninhas denominacionais. O que precisamos é de algumas vitaminas do Espírito Santo na igreja. Elas vão renovar a sua juventude. Elas vão renovar a juventude da igreja, levar de volta ao Pentecoste outra vez, trazendo você de volta com uma experiência (Amém.) engordando-o.
118 Estamos colocando muito… E este é o problema conosco Pentecostais. Estamos investindo muito em nossos edifícios hoje e alegando que Jesus está vindo. Sim, senhor. O que devemos fazer é estar no trabalho, ganhando pessoas ali, salvando almas, alimentando-as com aquelas vitaminas de Deus através do poder de Deus. Isto é exatamente correto.
119 Agora, finalmente a velha águia toma o lugar para… Eu… Várias coisas sobre ela, mas eu simplesmente tenho que atingir o ponto de relevo agora. Meu tempo está acabando. Então nós… Vamos vê-la construir o seu ninho. Ela vai ter — eles vão ter um ninho cheio de pequeninos. Ele está construindo sua igreja, você sabe, bem lá no alto no topo da colina, e a proteje muito bem.
120 Agora, aquele ninho está cheio de galhos. Bem, ela não quer aquela coisa… Você não quer que seus novos convertidos conheçam todos os galhos da coisa, sabe, como você teve que batalhar para chegar ali. Mas você sabe o que a águia faz? Ela sai e acolchoa aquele ninho. Você deveria vê-la. Aquela velha mãe águia sai e apanha pele de coelho, come o coelho, então tira a pele, e a enfia em cada pequena fenda assim, apenas para deixar o lugarzinho mais macio, Oh, o mais bonito e confortável ninhozinho para os pequeninos nascerem.
121 Esta é a maneira que Deus faz, você sabe. Oh, que coisa. Quando — quando você é salvo primeiro, você não se sente bem, andando naquelas pequenas penugens finas, você sabe? Oh, que coisa, aqueles pequenos pés delicados, você sabe, tão bom… Oh, isto é muito bom.
122 Oh, como o papai anda de um lado para o outro no ninho quando aqueles pequeninos nascem, olhando para eles. Que coisa. Oh, se você já os viu andar de modo pomposo, com os ombros para trás e com aquele andar pomposo, olhando para os pequeninos. “Todos se parecem exatamente comigo.” Correto. “Aquele que crê em Mim as obras que Eu faço também as fará. Pode você beber do cálice da perseguição, sendo criticado, e sendo chamado de belzebu como Eu?”
“Sim.”
“Pode você ser batizado com o Espírito com o qual Sou batizado?”
“Sim.”
“Se parecem comigo.” (Olhando para os pequeninos. Vê você? Oh, como ele anda pomposo.)
123 Agora, o que seria se de repente um daqueles pequeninos fosse um corvo, e voasse sobre o ninho e gritasse, “Cau, cau, cau, cau?” Ele seria híbrido. Este que é o problema hoje. Nós temos muitos falcões e corvos híbridos no ninho, e não águias verdadeiras que crêem: muita religião híbrida, tentando misturar água e óleo. Eles não se misturam.
124 Você sabe o que aconteceria? Se aquele corvinho pulasse ali e gritasse: “Cau, cau, cau, os dias dos milagres já passaram; não existe tal coisa como o batismo com o Espírito Santo; tudo isto é fanatismo,” ela o chutaria dali.
125 O que aconteceria com ele lá em cima naquele ninho então? Ele se desintegraria, pois ele preferiria estar no meio das galinhas. Claro que ele preferiria. Sim, senhor.
126 Não, senhor. O Papai Águia, eles se parecem exatamente como Ele, eles crêem na mesma coisa que Ele crê. Eles se parecem com Ele. Sim, senhor. Eles são feitos como Ele. Eles são constituídos como Ele, e Ele sabe que são águias genuínas. Oh, que coisa. É isto que Deus deseja, um genuíno “Messianista.” Sim.
127 Ele é o Messias. “Messias” significa “O Ungido.” E nós somos Seus filhos, sendo que temos menor unção. Então somos… Como o Jeová Águia é, a grande Águia, e nós somos as aguiazinhas; Ele é o Messias, e nós com a mesma unção somos os “Messianistas.” Amém. Ungidos, “Messias” significa “O Ungido.” Você é ungido? Amém. Com o que? Com o mesmo Espírito que Ele foi ungido. Nós o temos em medida; Ele O tem sem medida. Ele era Deus manifestado em carne, e nós somos filhos de Deus, partes Dele, vamos. Sim, senhor. “As próprias obras que faço também as farão.”
128 Eu poderia tirar uma colher cheia d’água deste oceano aqui, e você nunca iria sentir falta dela no oceano. Esta é a forma que nossa falta seria sentida se acontecesse de cairmos. Mas recordem, as mesmas químicas que estão dentro de todo oceano está naquela colher, a mesma água. Ali fora é mais ou menos assim. Então é assim que é. Você diz: “O que é aquilo ali fora?”
“Água do oceano.”
“O que é isto aqui?”
“Água do oceano.” É exatamente isto.
129 E esta é a maneira que o Papai Águia pensa sobre os Seus pequeninos, como Ele anda pomposamente por aí. Ele gritará com eles; eles gritarão de volta. Ele diz: “É isto. Eu sou Aquele que era.”
“Amém, Papai.”
“Eu Sou Aquele que é.”
“Amém, Papai.”
“Eu sou Aquele que há de vir.”
“Amém, Papai.”
“Eu Sou o mesmo, ontem , hoje e eternamente.”
“Amém, Papai.”
“Eu continuo sendo o Curador.”
“Amém, Papai.”
“Eu continuo concedendo o Espírito Santo.”
“Amém, Papai.”
“Eu Sou o mesmo, ontem , hoje e eternamente.”
“Amém, Papai.”
“Amém.”
O pequeno velho corvo diz: “Cau, cau, cau.”
“Seu gaviãozinho, por que você está gritando? Saia do ninho. Pequeno abutre, de qualquer maneira você não poderia comer comida de águia.” Isto é certo. Oh, que coisa.
130 Então logo você fica sabendo, ele descobre que eles — eles são ótimas aguiazinhas, ele anda por ali. E a primeira coisa, você sabe, a mamãe está decidida que seu — que suas águiazinhas não serão como as galinhas destinadas à terra. Eles não vão andar naquilo o tempo todo: vai lhes dar algumas provas para ver como eles se saem.
131 Cada filho que vem para Deus deve ser punido, provado. E quando eles retrocedem, diz: “Não, eu devia…” Oh, ora, para começar você não era filho. Se você não pode suportar correção, então a Biblia diz que você se torna um filho bastardo e não um filho de Deus. Então esta é a maneira que você os tira para fora.
132 Como um homem que saiu… Ele disse: “O Reino de Deus… lançou a rede no mar. E quando ele a puxou de volta, ele tinha pego tartarugas, camarão-de-água-doce, lagartos e tudo mais.” Os colocou para fora na margem. Este é o trabalho do pregador. Nós não sabemos quem é quem. Alguns são peixes; outros lagartixas; outros são cobras; outros camarões. Observe o velho camarão quando ele está ali. Alguem diz: “Glória, aleluia. Louvado seja o Senhor.” Diz : “Hump, hump, hump, hump, hump, hump. Eu não posso crer nisto,” diretamente de volta para água ele vai.
133 A velha cobra simplesmente levanta a sua cabeça, diz: “Eu pensei que eu estava na igreja, mas são apenas santos roladores.” E aqui vai ela. O que era ela? Uma cobra, para começar, um camarão para começar. Uma velha senhora aranha, salta subtamente, bem direto para o buraco enlameado novamente, vestida de shortes, com seu cabelo cortado. Sim, mas… “Como um porco volta para sua lama, e um cão para o seu vômito,” aí está você. Não fique com raiva; apenas fique quieto.
134 Quando eu era um garotinho, nós vivíamos em Kentucky, e vivíamos em uma época difícil. Mamãe costumava fazer umas velhas broas de milho (eu não sei se você sabe o que é isto, ou não), ervilhas pretas e nabos verdes. E quando ela pegava aquela broa velha… Não tínhamos nenhum toucinho. Ela tirava as peles da carne. E então ela tirava aquela (gordura) a manteiga para fazer aquela broa de milho, da pele das carnes.
135 E você sabe, vivíamos muito mal. Então todo sábado à noite todos nós costumávamos tomar um grande banho, e nós tínhamos uma enorme velha tina de cedro. E então eles derramavam água ali e esquentava. Nós éramos uns nove, e então todos nós tomávamos banho. Eles nunca mudavam a água, apenas acrescentava mais água quente. Eu era o último e tinha que tomar banho sozinho. Rapaz, como eu tomava um bom banho. Mas… E então, a coisa era depois daquilo, se aprontar para a escola Dominical. Agora, isto era no Sábado à noite. E no Domingo todos nós tomávamos uma boa rodada de óleo de rícino considerando aquilo que comeríamos. Eu ficava tão enjoado daquilo. Eu tapava o meu nariz e apenas abria a boca. Eu dizia: “Mamãe, eu não consigo nem mesmo suportar esta coisa.” Até hoje não consigo.
136 Ela dizia: “Querido, se isto não te deixar enjoado, isto não te fará nenhum bem.”
137 Esta é a maneira que é este Evangelho. Se isto não deixar sua gastronomia espiritual toda agitada, te deixando bem mal, você não vai cavar para descobrir se isto é certo ou não. Isto é correto. Sim. Oh, sim. Isto — isto é bom para você. Isto te agitará todo, te deixará pronto, preparado para o — para o rapto quando ele chegar. Isto é certo. Sim.
138 Então esta mãe decidiu que ela não quer que suas aguiazinhas simplesmente sejam galinhas denominacionais. Que coisa, não. Ela decidiu aquilo. Então ela tem que tirá-las daquele ninho. Quando tudo está dando certo, ela tem que lhes dar uma prova. Então você sabe o que ela faz? Ela chega bem ali, e pega o seu enorme bico (o dela e o do papai), e joga fora cada pedacinho daquele — daqueles materiais ali. Então ele fica áspero (Oh,que coisa.), como foi depois do Pentecoste. Vieram as perseguições e tudo mais, você sabe. Todas as vezes que a aguiazinha começava a se acomodar, ela pulava. Era um espinho. Você já teve esta experiência? Seja onde for que você for, tem espinhos.
139 Eu não quero me ajustar com o mundo. Você não quer se ajustar (não, não), e andando em coisas macias. Oh, que coisa. Vamos seguir em frente com os poucos desprezados do Senhor. Isto é certo.
140 A aguiazinha ficou como… Ela — ela fez aquilo propositalmente, para que então ela não ficasse tão acomodada naquele ninho. Ela é uma águia; ela não é uma galinha. Ela queria tirá-lo dali para que então ele tivesse confiança em si próprio. Então após algum tempo, ele apenas não conseguiu se acomodar. Ele simplesmente estava tendo um período horrível. E a mamãe decidiu então que gostaria de fazer dele uma… sabe, que ele é uma águia. Ela olha para ele, e ela descobre, “Sim, ele é uma águia.” Então ele está pronto para deixar o ninho agora. Ele está insastifeito com estas velhas coisas do mundo.
141 Então a primeira coisa que você sabe, ela diz: “Agora, se ele é uma águia, se ele permanecer assim o tempo todo, ele vai virar um frango. Então eu tenho que tirá-lo daqui, e dar-lhe algumas experiências. Então ela desce sobre o ninho. Ela estende suas grandes e enormes asas.
142 Oh, você deveria vê-la. Que coisa. Algumas daquelas águias tem uma envergadura de quatorze pés de uma extremidade na outra. Ela estende aquelas enormes asas assim e grita, “Cau, cau,” que grito alto, assim. Ela abana aquelas imensas asas. Aquelas aguiazinhas ficam ali atrás assim, aquele vento batendo assim. Que coisa, quando ela escovou aquelas enormes asas assim… Agora, ela tinha que tirar deles todas aquelas penas soltas, porque se não o fizesse, eles morreriam quando subissem ali em cima. Elas — elas… Aquelas penas se soltariam ali em cima, bem então, estão em péssima forma.
143 E este é o problema com a igreja hoje. Ela precisa de uma boa mexida no ninho para tirar algumas destas penas soltas dali, das suas asas. Ficando amuado, com rancor , e coisas assim, você morrerá no vôo.
144 Como pode Deus alguma vez ter uma igreja com sinais, e maravilhas, e milagres, quando você está importunando o outro, “Eu sou isto, eu sou aquilo,” e ódio, rancor, e tudo mais. Abane até… O Espírito Santo desce como um vento impetuoso, abana todas as diferenças e denominacionalismo, todas aquelas velhas peninhas soltas, “Eu sou isto, eu sou aquilo.” Você não é nada que deveria ser, o que a Escritura diz.
145 Abane para fora todas aquelas penas soltas (Oh, que coisa.), deixe-as todas ajustadas, porque ela vai levá-los para uma viagem real muito em breve, um solo. Oh, que coisa. Aquele vôo solitário, o primeiro… Então ela — ela abana todas as penas para fora, e o ninho simplesmente se agita assim. Aquelas penas soltas voam para todas as partes. Tira para fora todas as penas que estão voando, para que então eles possam ter umas bem firmes ali. E ela os examinam de novo e olha para ver se estão prontos. É isto que Deus está tentando fazer na Sua igreja agora. Simplesmente não consegue aprontá-la, aquelas penas simplesmente continuam caindo. Você precisa de mais vitaminas espírituais para se ajustar, algumas vitaminas de águia. Esta é a Palavra. Apertando aquelas penas.
146 Então a primeira coisa quando ela tira tudo aquilo, então ela tem que fazer com que eles acreditem nela. Então ela estende suas grandes e enormes asas e grita o mais alto de sua voz. Ela os abana assim, aquele vento impetuoso e forte, você sabe, que desce. Oh, que coisa.
147 E as aguiazinhas simplesmente caem para trás. Elas não olham e dizem: “Vamos ver o que o Dr. Jones diz sobre isto.”Não, não. Eles olham para cima. Oh, e eles vêem aquelas enormes asas. Vêem o que ela está tentando fazer? Ela está tentando fazer com que aquelas aguiazinhas reconheçam o quão grande elas são, o poder. Eles têm que confiar naquelas enormes asas. Esta é a maneira que Deus faz. Ele abana todas as penas de você. Então Ele tem duas asas, Deus tem; você sabe, aquele Jeová Águia — estas são o Novo e Velho Testamento. Ele os abana diante de você. Oh, que coisa. “Eu sou o Deus de Moisés. Eu sou o Deus de Abraão. Eu sou o Deus que ressuscitou Lázaro da sepultura. Eu Sou Aquele que estava morto e vivo novamente, vivo para sempre.”
148 O Novo e Velho Testamento, abanando de um lado para o outro, as águiazinhas deitam ali atrás, e dizem: “Quão grande és Tu, quão grande és Tu.”
“Confie em mim.”
149 Que vantagem tem em dar para um pássaro canarinho vitaminas para as suas asas, deixando-o com seus ossos bons e as asas, e então mantê-lo na gaiola? Que vantagem isto tem ao educar pregadores em teológia, em história, e tudo mais, e então lhes dizer que os dias dos milagres já passaram, e trancafiá-los em alguma denominação? Contrasenso. Solte-o, e deixe-o voar. Ele é uma águia. Amém. Dizer-lhe que os dias dos milagres já passaram, isto não é uma águia; é um abutre (sim,senhor), comendo coisas mortas.
150 Agora, observe o que aconteceu. Então quando a mãe os leva para ver aquelas aguiazinhas ali, e diz: “Quão grande és Tu, quão grande…”
151 Você já saiu a meia noite e olhou? Eu estava ali no Monte Palomar, eu acho que foi. [Espaço.vazio.na.fita–Ed.]… isto vem desde lá de Beaumont. Ainda não havia quebrado no meu… e além daquilo. E o que ele fez? [O irmão Branham faz som de sopro — Ed.] Apenas os soprou de suas mãos. Quão grande és Tu, quão grande és Tu.
152 Veja o Deus de Moisés, o Qual abriu o Mar Vermelho, tirou os filhos hebreus da fornalha ardente, Daniel para fora da cova dos leões, Lázaro para fora da sepultura. “Eu tenho poder…” Deus O levantou; isto é verdade. Mas Ele disse: “Eu tenho poder para tirar Minha vida. Eu tenho poder para reavê-la.” Amém. Quão grande és Tu. “Confie em Mim; Eu Sou o mesmo ontem, hoje e eternamente.” Aquelas grandes asas… Descobriu que Jesus do Novo Testamento é o Jeová do Velho. Aquelas grandes asas, abanando de um lado para o outro aquele vento impetuoso e forte, alimentando naquilo, Oh, como eu gosto de deitar naquelas brisas. Quão grande és Tu, quão grande és Tu. Agitando o ninho (sim, senhor), preparando-o…
153 Então um dia ela decide… É um lindo dia azul. Então ela decide levar as suas pequenas aguiazinhas para seu primeiro vôo. Elas realmente leram toda sua Biblia e viram quão grande elas são. Ela é exatamente a mesma como ela sempre foi, suas grande asas, suas grandes penas. Ela está equipada para cuidar dos pequeninos. Então ela estendeu as suas asas, se inclinou para trás assim, disse: “Pulem aqui, crianças.”
154 Oh, estou tão feliz por você não ter que pular em um credo. Pule na cruz. Amém. Quando eu O vi estendendo… Nada em meus braços trago, confio em Ti, Senhor. Eu não sei como vou fazê-lo. Quando eles me tiraram para fora da igreja Batista: “Eu não sei o que eu vou fazer. Eu não sei, Senhor, mas eu vou segurar na imutável mão de Deus. Eu não sei como isto será feito. Deus, Tu me ordenaste, me disseste para ir orar pelo enfêrmo. Eles me disseram que me levariam para um instituto de doente mental numas poucas semanas, mas quão grande és Tu. Quão grande és Tu.”
“Para onde você está indo?”
“Eu não sei. Simplesmente para onde Ele me guiar.”
Um irmão que me ordenou na igreja , disse: “Você sabe qual será o seu fim?”
Eu disse: “Algum dia na glória. Mas estou segurando na cruz, segurando em Deus.”
155 A mamãe águia diz, “Pule agora.” E você deveria ver aqueles sujeitinhos, como eles seguraram. Eles pegam suas pequenas garras, e acham um bom punhado de penas assim. Eles agarram e com seus biquinhos, agarram e seguram em outra pena.” Tudo bem, mamãe. Estou pronto.”
156 Ela sai daquele ninho. Ela está bem lá no alto de qualquer forma. Vêem? Porque eles não são abutres agora; eles são águias. Eles nasceram lá em cima.
157 Não nasça aqui embaixo. Nasça lá em cima. Se você nasce aqui embaixo, você é um irmão denominacional. Isto é correto. Você é um pássaro também. Mas se você nasce aqui em cima, irmão, você é nascido do Espírito de Deus (Aleluia.), não nascido em algum credo. Você está lá em cima no ar.
158 A velha mãe dá um pequeno salto assim, e ela ajusta aquelas enormes asas. Quando o vento está na posição exata, ela se move para cima, sempre subindo. Aguiazinha, posso ouvi-la olhar e dizer: “Irmão Jones, o que você pensa sobre isto? Oh, não é isto maravilhoso?”
“Hum. Encaixa certinho em mim. Não encaixa em você?”
“Sim, senhor.”
159 Segurando bem firme, oh, que coisa, firme, firme, firme, firme, firme, até ela sumir de vista com aqueles sujeitinhos. Bem, se eles fossem abutres, eles teriam caído há muito tempo atrás. Se eles fossem corvos, ou até mesmo falcões… Eles têm que ser águias, ou eles não poderiam suportar aquilo. Eles são testados antes de serem levados no vôo. Esta é a razão que não temos tantos vôos. Talvez eu não deveria dizer isto. Mas já foi dito, então…
160 De qualquer forma… Oh, quando ela está bem distante lá em cima, você sabe o que ela faz quando ela chega lá em cima? Ela olha e diz: “Vocês se comportaram bem , crianças? Eu lhes levarei diretamente de volta para o seu ninho outra vez.”
161 Não, senhor. Ela os descarrega, cada um, para fora. As águias. Elas podem voar. Se são águias, elas podem voar. Amém. Elas são águias. Elas podem voar se são águias. Ela os despeja, e voa para longe delas, simplesmente os deixa sozinhos. Lá estão eles, lá em cima no ar, irmão, apenas subindo,descendo, subindo, descendo, subindo,descendo, batendo as asas irregularmente. “Voe mais alto, crianças. Apenas continue batendo suas asinhas. Vocês são águias.”
162 Eles estão tendo uma reunião Pentecostal, apenas virando e virando, simplesmente tendo um bom tempo naquele azul (Amém.), bem distante daquelas galinhas denominacionais, bem lá em cima no céu (Aleluia.), bem lá no azul, simplesmente batendo asas por ali e se divertindo bastante.
163 Agora, você sabe porque eles estão se divertindo assim? Eles não estão olhando para baixo em direção a terra. Rapaz, isto faz sentir bem. Rapaz, elas estão ali em cima onde lhes pertence. Qualquer Cristão nascido de novo gosta de entrar naquelas esferas ali. Você sabe por que? A mãe, ela se afasta para um lado. Ela firma aquelas grandes asas e as observa.
164 Oh, elas têm — elas têm perfeita confiança em sua mãe. Eu também tenho. Oh, Aquele que me trouxe até aqui em cima, Ele cuidadrá de mim. Aquele que fez a promessa, Ele é capaz de cuidar da Sua promessa. E a mãe — sua habilidade de apanhá-los novamente.
165 Se acontecer de um sair do regulamento, você sabe, eles dizem: “Isto é muito inflamável.” Eu preferiria ficar um pouquinho inflamável do que não ficar nada. Pelo menos você tem espaço suficiente para bater as suas asas. Então se um deles ficar de pernas para o ar, eles não se importam com aquilo. A mamãe o está vigiando. Ela está vendo que ela não está conseguindo. Ela simplesmente desce rapidamente, a apanha em sua asa, e a levanta até a graça novamente.
166 Esta é uma boa doutrina Calvinista, mas, irmão, isto é bom. Isto é correto. Isto lhes traz para aquela graça novamente, sustentando-o. A coloca nas suas asas da Palavra e diz: “Aqui, querida, você está fora da Palavra agora. Você está saindo pelo lado errado. Volte para cima e tente novamente.” Tome a Palavra de Deus e traga-a diretamente de volta para cima para graça novamente… Amém. Oh, eles têm confiança. Eles crêem. Irmão, eles estão se divertindo bastante, simplesmente batendo asas, e gritando, e falando alto e se comportando de modo estranho, tendo sua reunião Pentecostal normal.
167 Agora, aquelas galinhas ali embaixo não sabem nada sobre aquilo. Olham para cima e dizem: “O que significa aquilo? Eu nunca ouvi tal coisa.” Vá em frente. Fique no chão se você quiser. Sim.
168 Você sabe, dizem que certa vez um fazendeiro ia colocar uma galinha para chocar. Vejamos, qual é a quantidade de ovos para chocar? Quinze? Eu acho. Quinze é o que a galinha choca. Eu ouvi uma velha boa mãe ali fora dizer: “Sim.” Eu recordo que a mamãe costumava marcá-los todos com um lápis, então ela podia dizer se havia ovos frescos ali ou não, você sabe. Nós tínhamos que observar aquilo. Vêem? Ovos frescos significavam bastante. Então ela colocava a galinha para chocar com quinze. E o fazendeiro tinha apenas quatorze ovos. Então ele subiu em um penhasco e apanhou um ovo de águia, o trouxe para baixo, e o colocou debaixo da galinha. Quando eles chocaram, ali havia quatorze frangos e uma águia. Esta é mais ou menos a média: um de uma ninhada. Isto é certo. É mais ou menos assim que ocorre, claro, cerca de um por ninhada.
169 Então quando esta aguiazinha nasceu, você pode imaginar que pato estranho era ele naquela denominação ali embaixo. Ora, ele não compreendia o que a velha galinha dizia andando ali ao redor, “Cocorocó, cocorocó, cocorocó, cocorocó, cocorocó. Agora, vê você que os dias dos milagres já passaram. Cocorocó, cocorocó, cocorocó, cocorocó.”
Ele disse: “Qual é o problema?”
170 Ela saiu dali e ciscou ao redor, você sabe, naquele celeiro. “Eu vou fazer ‘jantar de sopa’ nesta noite. Que todos venham,” você sabe, tudo isto assim. Ora, ele não sabia. Ele não gostava daquele tipo de alimento. Aquilo lhe dava náuseas. Todos eles o criticavam. Oh, todos nós tivemos aquela experiência, não tivemos? Criticavam de nós. Eu imagino as pequeninas águias fêmeas, havia algo diferente com ela. Ela não tinha nem mesmo asas curtas e cortadas, ela tinha longas asas, porque ela era…?… Eu não quero te ferir. Eu te amo muito. Mas, irmão, as vezes quando você deixa a pele um pouquinho áspera, isto te ajuda.
171 Então ele andava por ali, você sabe, com suas asinhas. Dizia, “Bem, ora — por que eu não pareço com o restante deles? Por que será que não consigo tolerar tal coisa como aquela? O que é isto?”
172 Bem, você é simplesmente um criatura diferente. Isto é tudo. Vêem? Você — você… Fomos destinados antes da fundação do mundo a sermos águias, não abutres ou galinhas, andando por ali, você sabe.
173 A velha galinha encontra… Ali fora em cima de um monte de esterco, ela fica ciscando as velhas coisas mortas do mundo, dizendo: “Agora, nós vamos ter uma corrida de barril na praia, onde todos vão nadar.”
“Oh, que coisa.” Ele não podia suportar aquilo.
174 “Nós vamos ter um jogo de azar no porão.” Aquele pequeno… Bingo, é isto que é, bingo. Eu apenas… eu não conheço estes tipos de nomes. Correto. O que é jogo de azar? É? Talvez eu esteja errado. Bingo (Vêem?) seja o que for. De qualquer maneira, “Nós teremos isto.”
175 Aquela aguiazinha não podia compreender aquillo. Aquela não era a coisa que ela comia. Isto não lhe encaixava muito bem. Você não se sentia deste modo quando você estava ali fora? Rapaz, eu me sentia. Que coisa. Para mim aquela coisa fedia. Chamando a si mesmos de Cristãos?
176 O pastor tem que despedir a igreja quinze minutos mais cedo para fumar antes que ele possa voltar para o púlpito. Isto não soava correto para mim. Todos os diáconos saiam por ali, e — e eu sei que eles saíam com mulheres na igreja, e coisas assim. Aquilo não soava como Cristãos para mim. Vêem? Isto simplesmente não encaixa corretamente.
177 Então ele andava por ali. Ele tinha que ficar lá atrás o tempo todo. Eles nunca te colocaram em nada. Não se preocupe com isto. Então nunca… Eles têm que sair dali onde eles se parecem com galinhas, você sabe. Então a primeira coisa que você sabe, andando ao redor do quintal. Ele — ele realmente era um — ele era um — ele era um número ímpar; e qualquer Cristão nascido de novo em uma bagunça como aquela… Qualquer águia em um lugar como aquele é um número ímpar. Isto é correto. Então ele não sabia o que fazer. O pequeno companheiro não sabia melhor. Talvez nós não sabíamos. Não sabíamos melhor.
178 E certo dia sabe de uma coisa? A mamãe sabia que ela havia botado dois ovos, chuva temporã e chuva tardia. O que aconteceu com um deles? Então ela começou a procurá-lo. Aqui vem ela, batendo estas asas. Ela estava olhando ao redor com seus grandes, olhos penetrantes. Eles podiam enxergar em todas as partes. Ela vôou sobre o celeiro. Quando o fez, ela disse: “Filhinho.” Aquilo não soou como, “Cocorocó, cocorocó, cocorocó.” Não, não. Ele virou a sua cabecinha, e olhou para cima, e disse: “Isto soa verdadeiro. De onde veio isto?” Oh, que coisa.
179 Você recorda a primeira vez que Deus falou com você? Oh, glória. Vão me chamar de santo rolador de qualquer forma, então é melhor você simplesmente começar agora. Oh, que coisa. Quando ouvi Sua voz pela primeira vez, ela falou como muitas águas. Oh, que coisa. Através das correntes do riacho, onde as águas se agitam, então ele pode deitar, banhar-se, olhar para cima. Que coisa.
Ele olhou para cima, e disse: “O que foi aquilo?”
180 Ela voltou novamente. Ela disse: “Querido, você é meu. De qualquer forma você não pertence a este lugar.”
“Saia do meio deles. Se separe,” diz o Senhor. “Não toqueis em suas coisas imundas, e Eu serei o vosso Deus. Eu serei o vosso Deus. Vocês serão filhos e filhas para Mim.” Vêem?
“Você não pertence a ela, aquela velha organização diz que os dias dos milagres já passaram. Você é meu. Você é uma águia.” Vêem?
“Oh, aquilo soa bem,” ele disse. “Eu compeendo este tipo de conversa.”
Sim, senhor. Ora, para começar ele era uma águia. Ele era realmente uma águia, apenas entrou no ninho errado, aquilo foi tudo.
181 Eu espero não estar vos ferindo irmãos, mas eu — eu estou apenas lhe dizendo a verdade. Isto é correto. Muitos deles hoje estão no ninho errado.
182 “Oh,” disse: “no ninho errado, oh, mamãe? É isto que aconteceu?”
“Sim.”
“Você é a minha mamãe?”
“Sim, eu sou ambos papai e mamãe, irmã, irmão. Eu sou tudo para você.”
“Isto soa bem, mamãe. Agora, mamãe, o que devo fazer?”
183 Disse: “Vou lhe dizer, querido. O que você tem que fazer, você tem que pular. Você tem que pular e tirar os seus pés do chão. E então apenas começar bater as suas asinhas. Simplesmente batê-las o mais forte que você puder. Você pode subir, porque você é uma águia. Vêem, você possui penas longas. Voe. Apenas pule para sair do chão, e comece a bater as suas asas com força. Eu te apanho.”
184 E ele pulou para cima, esta aguiazinha saindo daquelas denominações, e bateu suas asas quatro ou cinco vezes, e foi facilmente até o poste do celeiro, bem no meio da denominação Pentecostal. Você não pode organizar o Pentecoste. Você não pode denominar. Pentecoste é uma experiência, não uma organização. Isto é para vocês Metodistas, vocês Batistas, vocês Presbiterianos. Eles tentam colocar cercas ao redor disto, mas isto não é assim. As águias voarão bem sobre isto. Claro que voarão. Não prestem nenhuma atenção nisto.
185 Mamãe, venha aqui, ele disse. “Mamãe, não estou eu comportando bem? Veja onde estou agora, mamãe.”
Ela disse: “Filhinho, você terá que pular mais alto do que isto, ou nem eu mesmo posso te pegar.”
186 Ali desceu ela novamente. Ele jogou seus pezinhos para cima no ar e começou a bater as suas asas o mais forte que ele podia. E a primeira coisa que você sabe, ele sentiu que começou a subir, subir, subir, até que atingiu a Branca Via Lactéa. Amém. Então ele podia voar sozinho. Depois que ele estava bem alto, ele conseguiu voar sozinho.
187 Irmão, este é o problema com a igreja hoje. Ela nunca foi a uma altura suficiente apenas para sair de uma organização ou algo outro, para descobrir se ela podia voar ou não. Como você sabe que pode voar? Use as suas asas. Aleluia. Pule para isto. Bata as suas asas e descubra. Jeová te apanhará. “Eu o carregarei nas asas de uma águia.” Amém. Oh. Huh. Que coisa.
Eu encontro muitas pessoas que não podem compreender
Por que somos tão felizes e livres;
Fui cheio com o Espírito, não há duvida alguma
E é isto que está acontecendo comigo.
Sim, senhor. Oh, que coisa. Atravessei o Jordão para a justa terra de Canãa, isto é como o céu para mim. Está isto correto, irmão, irmã?
188 Não está você contente por ser uma águia hoje? O Jeová Águia conosco… Deus, Jeová Águia, Ele está conosco. Eu O amo, você não O ama? Vamos inclinar nossas cabeças. (Ele acabou de me dizer algo agora.) Quantos aqui gostariam de voar para longe do velho puleiro de abutre, para entrar em Cristo e viver livre no Espírito? Levantem suas mãos, e digam: “Ore por mim, irmão Branham.” Oh, vejam estas mãos. “Bem aventurados são aqueles que têm fome e sede.” Esta pode ter sido uma horrível e rude mensagem, igreja. É rude porque eu não tenho cultura. Eu não sou um — um teólogo. É apenas a forma rude de como tenho observado a natureza, e saber que Deus colocou a natureza em ordem. Então Ele — Ele é Deus. Ele — Ele — Ele continua aqui, Ele — Ele conhece todas as coisas. Apenas fiquem em silêncio por um momento…?… Eu — Eu quero ver o que Ele deseja que eu faça. Apenas permaneça em oração, “Senhor, tenha misericordia de mim. Eu levanto minha mão. Tome minha mão e me levante acima das sombras neste momento.” Quão grande és Tu. Quão grande és Tu. Não é Ele maravilhoso? Apenas um banho agora. A mensagem é cortante e fere. Apenas um banho na Sua doçura.
O nome mais dócil na língua mortal,
O cântico mais dócil até então cantado,
Oh, Jesus, bendito Jesus…?…
189 Apenas orem agora, silenciosamente em seu coração. Deixe o Espírito Santo absorver bem dentro da sua alma. Diga, “Senhor, toma-me como sou.” Veja, não há nada que posso fazer agora. Ele tem que fazer o restante disto. Simplesmente ore. Diga, “Pai,” apenas ore silenciosamente em seu coração, do modo que você deseja orar. Você que levantou a sua mão, diga: “Receba-me agora, Senhor Jesus. Eu quero ser uma águia. Eu quero voar para a glória de Deus, estar no Seu poder.”
Sim, há uma fonte que sai das veias de Emanuel,
onde os pecadores imergiram nas correntes,
perdendo todas as manchas de culpa.
Apenas ore agora.
Quão glorioso. Não gosta você de sentir este banho? É a respeito disto que estou falando. Estou apenas aqui de pé, meus dedos dos pés estão encolhidos, e minhas mãos contraídas, e o Espírito de Deus se movendo no edifício. Que isto possa penetrar até lá embaixo, para que então as pessoas possam ver …?
190 Pense nestas idéias: “Quem eu sou? Será que sei que viverei através deste dia? Para onde irei se Deus levar a minha vida? Eu sei o que é verdade agora.” Somente pense, o mais dócil…?… Mantenha seus olhos fechados. Estou apenas observando algo no edifício. Vêem esta santidade, Deus fazendo o Seu ninho agora, bem dentro do seu coração, trazendo para a Palavra agora, dizendo “Tu és Jesus Cristo, o mesmo ontem, hoje e eternamente,” aninhando isto no seu coração. “Eu sou o que era, o que é, e o que há de vir,” aninhando isto em seu coração. Ele. Quão doce és Tu. Você O ama?
Então em um nobre e dócil cântico,
Eu cantarei o Teu poder para salvar,
Quando esta pobre língua trêmula e balbuciante
Estiver silenciosa na sepultura.
191 Agora, você que O sente, e sente que Ele está aninhado, e colocou algumas palavras, e algo no seu coração que você sabe que você pode sair daqui uma pessoa melhor, sente que você possui vitaminas de águia no seu coração agora que farão de você uma águia, levante quietamente sua mão para Ele agora. Isto é certo. “Eu creio, Senhor, Tu farás de mim uma águia através da Tua graça. Eu não sou dígno, mas sou a Sua águia de agora em diante.” Deus te abençoe. “Eu posso voar. Não me importa o que… Contanto que eu olhe para a Tua grande Palavra aqui e veja que Tu és o mesmo, eu creio que Tu és o mesmo. Eu creio em Ti de todo o meu coração, és Tu, Senhor. Aquele sentimento dócil…
192 Eu acabei de observar, vindo diretamente em minha direção, aquele Anjo do Senhor se aproximando, aquela Luz. Eu sei que Ela estava aqui em algum lugar. Está perto da plataforma agora. Eu tomo cada alma aqui sob meus cuidados no Nome de Jesus Cristo, para a glória de Deus. Eu quero agora que você tenha fé para crer. Não duvide; tenha fé. Agora, levante a sua cabeça bem devagar.
193 Agora, olhem para este lado. O Jeová Águia, Seu grande poder… Uma aguiazinha é Seu rebento. É isto correto? E as coisas que um papai águia faz, do mesmo modo o faz seu filhote aguiazinha. É isto certo? Se Jeová Águia, então seu pequeno filho águia… vêem o que quero dizer? Sua filha águia, são todos os mesmos. Não é isto correto?
194 Eu creio que houve pelo menos quarenta ou cincoenta mãos ou mais que levantaram apenas alguns minutos atrás para a salvação. Antes de perdir-lhes para ficarem de pé, o Espírito do Senhor entrou no edifício agora. Eu O estava observando bem ali atrás em algum lugar daquele lado ali. Ele estava movendo, continuou movendo para aquele lado, e então se moveu através da plataforma, desceu e foi para aquele lado. E eu O vi desaparecer ali atrás, e então voltou por este lado novamente, e deu uma volta ao redor do edifício.
195 Agora, não me diga que eu não sei a respeito de que estou falando. Eu sei. Eu sei do que estou falando. Está aqui. Eu creio naquilo que Ele quis dizer através daquilo, pois Ele estava circulando toda a audiência. Isto é correto. Ele — Ele te ama. Ele — Ele te quer. Ele quer que você O sirva. Ele — Ele… Você é Dele; Ele é seu. Ele é o seu Senhor, o seu Salvador.
196 Agora, há somente uma coisa que você pode fazer, e esta é crer. Isto é tudo. Esta é a única coisa que você pode fazer. Você crê, e então Deus confirma a sua fé lhe dando o Espírito Santo.
197 Abraão creu em Deus, e isto lhe foi imputado por justiça. Porém Deus lhe deu o selo da circuncisão para confirmar a sua fé. Se você não tem o Espírito Santo, você pode ter fé, isto é correto, mas Deus ainda não confirmou isto. E quando você é selado, você é selado até o dia da sua redenção. Efesios 4:30: “Não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção.” Não é isto maravilhoso? Sim. Agora, Ele não apenas salva, Ele não apenas cura, mas Ele salva.
198 Eu observo aquele Espírito enquanto Ele move. Agora, você tem que estar em uma determinada condição, com certeza. Todos nós não fomos feitos desta forma. Isto é exatamente certo. Na Biblia foi daquela maneira. Claro que foi. Sempre. Mas eu O estava observando. Agora, Ele voltou novamente. Estou olhando diretamente Nele agora. Aí está Ele de novo.
199 Apenas… Você diga a palavra certa. Apenas diga a coisa certa. É o que você diz. Quantos leram o livro, eu acho, que está na fita, onde este novo ministério… Apenas, a mulher que apenas disse a coisa correta? Eu disse: “Peça qualquer coisa que desejares agora, e veja se Deus fará. Ele lhe dará isto neste momento. Não me importa…”
Disse: “O que devo pedir, irmão Branham?”
Eu disse: “Qualquer coisa que você quiser.” Eu disse: “Aqui está assentada sua irmã aleijada. Seu pai e sua mãe são pobres; você não tem nenhum dinheiro; você é viúva. O que você deseja?”
Ela disse: “Qualquer coisa?”
200 Eu disse: “Descubra se isto é certo ou não.” Este é o novo ministério simplesmente se movendo. Estou aqui de pé por quinze, vinte minutos esperando por Isto. Vêem? Apenas diga o que você deseja. Ele tem que me dizer primeiro.
Eu disse: “Irmã Hattie, apenas diga o que quiseres.”
Ela disse: “O maior desejo do meu coração é que meus dois garotos adolescentes ali, que eles possam ser salvos.” Eu disse: “Eu os dou a você no Nome de Jesus Cristo.” Eles cairam sobre o seu colo, bem ali. Oh, tais coisas acontecem.
201 Se tu podes crer. Esta dama assentada bem aqui, bem aqui, orando, ela teve um colapso nervoso. Não existe nenhuma esperança para ela, eles não acham. Ela é do Mississippi. Correto. Para que você possa saber, o seu pai está doente tambem, não está? Ele é um pregador, não é? Se isto é correto, levante a sua mão. Eu te liberto no Nome de Jesus Cristo daquele colapso. Vá, você está curada, Srta. Hansen. Eu nunca a vi em minha vida. Pergunte a ela se estas coisas não são a verdade. São verdadeiras, moça? Acene sua mão, se isto é certo. Não somos estranhos? Balance sua mão. Em que ela tocou? O que é isto? Oh, que coisa. O mesmo ontem, hoje e eternamente. “As coisas que Faço, também as farão.” Vocês são crentes?
202 Você não consegue dormir quando chega em casa depois da igreja a noite, consegue, senhora? Eu a vejo deitada ali, agintando-se por ali, se movendo. Ontem a noite você teve uma noite horrível, não teve? Certo. Você crê que sou um profeta de Deus, ou servo? Você crê? Crê você de todo o seu coração? Correto. Se você crê assim, o que posso fazer para te ajudar? Se eu lhe disser — se eu lhe disser que você está libertada, você crerá nisto? Onde estava escuro ao seu redor, ficou claro. O seu nome é Srta. Hooser. Correto, você pode voltar para casa e ser curada. Jesus Cristo…?…
203 Senhora, você que está assentada próximo a ela. Você foi bastante generosa cutucando-a para faze-la saber que era ela. Você não estava cutucando aquela senhora, lhe dizendo…? Eu pensei que você estava lhe dizendo sobre… Bem, você tem algo em sua mente, então se você… Isto é certo. Crê você que Deus fará o milagre? Correto. Aquele alcoolismo será solucionado, se você crer com todo o seu coração. Você tem orado pelo seu irmão por muito tempo. Crê você de todo o seu coração?
204 Agora, pessoal, esta não é uma igreja de brinquedo. Este é o poder do Senhor Deus. Aqui. Aqui está assentada uma senhora anciã, olhando para lá. Ela não pode compreender exatamente o que está acontecendo, esta senhora assentada bem aqui atrás. Ali está pairando aquela… Não pode… eu — eu sei, não há necessidade de lhe perguntar isto. Estou olhando para a Luz, pairando exatamente sobre ela.
205 Ela está aflita. Ela está doente. Ela tem problema renal, problema cardíaco. Ela está perdendo o …Sra. Weir, você crê de todo o seu coração. Deus te abençoe. Fique de pé e seja curada. Agora, se eu não te conheço, e você não me conhece, acene sua mão de um lado para o outro, para que então as pessoas saibam. Tudo que Ele lhe disse é a verdade ? Se isto é correto, acene… Fique de pé para que as pessoas saibam que isso é verdade. Se tudo que lhe foi dito é a verdade, e você e eu somos estranhos.
206 Aleluia. Suba até o céu e bata as suas asas. Amém. Aleluia. E então? É uma águia? Você está pronto para fazer o seu vôo? Se você está pronto para fazer o seu vôo, fique de pé, e reivindique a sua cura, e a sua salvação, e tudo que você tem necessidade. Não me importa o que há de errado. Vamos, aguiazinhas, levante e voe daqui…?…Presença de Deus…?… Mande o Teu Espírito e poder para…?…
Não temais, sou eu.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...