PROVANDO A SUA PALAVRA – 16/08/1964
16 de agosto de 1964
Jeffersonville – Indiana – E.U.A.
Tradução – EUA


1 Permaneçamos em pé e inclinemos a cabeça. Senhor Jesus, estamos gratos a Ti esta manhã pelo privilégio de entrar na Tua presença, em Tua casa, onde o Teu povo está reunido em Teu Nome. E tudo é Teu, Senhor. E nos entregamos a Ti agora para a expectativa que temos no coração de um – um culto para aqueles que estão sem Deus e sem Cristo, que eles sejam salvos, e os enfermos sejam curados, e os santos sejam abençoados. Concede, Senhor. E então, no final, nós inclinaremos a cabeça em humildade e Te daremos louvor por tudo o que Tu fizeres através de nós hoje. Pois é em Nome de Jesus que pedimos. Amém.
Podem sentar.
2 Fico verdadeiramente grato pelo privilégio de hoje estar aqui novamente, e por vocês que viajaram tão grande distância para virem para a Mensagem, para o culto esta manhã. Sei que vocês não vieram apenas me ver ou me ouvir, vocês vieram se encontrar com o Senhor Jesus. E por isso estou confiando que Ele lhes dará o desejo do seu coração.
3 Agora estou – estou de volta, voltei, levei a família à Tucson e retornei. Estou cansado e exausto. E tenho viajado o verão todo, desde janeiro passado, e agora vim para ir a Kentucky esta semana, para ir caçar com alguns amigos, para tentar descansar um pouco. Deixa-me tão nervoso, você sabe, por isso estou… tanto o Billy como eu estamos quase que esgotados, assim que nós – nós rogamos que Deus nos ajude esta semana a descansar.
4 Querendo o Senhor, quero estar de volta aqui novamente no domingo que vem, querendo o Senhor. E quero um culto especial no domingo que vem, querendo o Senhor. Quero fazer uma coisa um pouquinho diferente do que comumente faço. Agora, estou falando isto para que as pessoas que… talvez não estejam interessadas não tenham que vir, mas sempre oramos pelos enfermos, querendo o Senhor, quando as pessoas vêm. E no domingo que vem quero ficar sabendo o que está no coração de todos vocês. Eu – eu quero que escrevam, hoje, quando saírem, e deixem no púlpito, e o irmão Neville entregará ao Billy Paul, e ele a mim, o que está em seu coração. Apenas diga… se for uma pergunta sobre a Bíblia, normalmente é assim que faço. Vou abrir um pouco mais agora, talvez tenha algum problema em seu coração que – que você – você, de um modo ou de outro, não está conseguindo passar além dele, como você ter, oh, talvez, um problema doméstico. Você não tem que assinar o seu nome nisso, mas apenas: “Meu marido faz assim e tal, e me atrapalha.” “Minha esposa faz assim e tal.” “E – e há – há certa coisa que acontece na vida,” ou – ou algo, você sabe, apenas o que esteja em seu coração, algo que o esteja afligindo. Acho que isso seria bom. Você acha? Então apenas descobrir aí, e talvez você faça a pergunta e eu talvez responda para uma outra pessoa. Veja, talvez ela tenha o mesmo problema. E apenas o que está em seu coração, tornando-a o mais breve possível, como: “Tenho um filho que parece estar tomando o caminho errado, o que devo fazer?” “Tenho um – um marido que não quer vir à igreja comigo. Ele fica impertinente comigo, o que devo fazer?” ou uma esposa do mesmo jeito. Ou – ou, você sabe, “A Bíblia diz isto em um lugar e isto em outro lugar, não entendo. Estes, eu gostaria de saber o que Isso significa.” “E deveria eu, no caso de um cristão, quando trabalho no escritório e o patrão diz tais coisas, e pede para mim ir com ele a uma festa, e nesta festa bebem, o que eu deveria fazer?” Vejam, apenas, vocês sabem, coisas que estão na mente humana. Queremos que vocês perguntem.
5 E, portanto, então eu – eu tenho que voltar então, depois disso, para o Arizona. E achei que eu – teria uma chance de ajudá-los um pouco a entender, e da melhor forma que posso. Eu gostaria que colocassem tantas quanto for possível, no púlpito hoje, antes de saírem. Apenas escrevam e coloquem aqui, e – e o irmão Neville ou um deles as entregará a mim. E esta semana, lá na montanha, terei uma – uma chance de estudá-las e – e de orar a respeito, e de tomar a resposta de acordo com Escritura para vocês em tudo que eu puder, para ajudá-los. Pois é por isso que estamos reunidos aqui, é para ajudar um ao outro. Estão vendo? Vocês me ajudem orando por mim, e espero que eu possa ajudá-los. Agora, então, não se esqueçam, isso será domingo que vem de manhã.
6 E agora, hoje, estamos… visitantes estão conosco, como de costume. E quantos são provenientes de mais de cem milhas [160 km -Trad.] de distância, levantem a mão? É noventa e nove por cento da congregação. Há alguns domingos atrás eu disse: “Quantos são provenientes de tal distância,” ou algo assim, e não consegui nem uma mão de Jeffersonville. Hã! No dia seguinte, no entanto, consegui, disseram: “Irmão Branham, todos os visitantes vieram,” e disseram, “deixamos que tomassem o nosso lugar na igreja.” De modo que eles disseram que vieram, centenas vieram e não conseguiram entrar, disseram: “Porque vimos os visitantes, veja.” Agora, o povo da redondeza de Jeffersonville foi atencioso em fazer isso. Nós – nós ficamos – nós ficamos agradecidos por isso, Jeffersonville e New Albany, e o povo da redondeza. Ficamos agradecidos por isso. Quantos são provenientes de mil milhas [1600 km] de distância? Que coisa! Quantos são provenientes de mais de mil de distância, levantem a mão? Oh, Deus! Está bom. Isso…
7 Domingo passado, faz uma semana, falei sobre o assunto: “O Futuro Lar da Noiva e do Noivo,” e acho que éramos procedentes de mil e quinhentas milhas quadradas [2400 km2] em torno. E, coincidiu de ser que, essa era exatamente a medida da Cidade sobre a qual eu estava falando, mil e quinhentas milhas quadradas. Tenho banqueteado Nisso desde então, sabendo que quando esta vida terminar, vou para aquela Cidade. Estou caminhando para aquela Cidade, e mais nada importa. E se o sol não brilhar hoje, ou o amanhã nunca chegar, que diferença faz? Temos um Lar, um Lugar de descanso. Cansado ou não cansado, mesmo assim temos aquele Lugar de descanso. Você diz: “Isso é sonho de velho.” Não, não é. Não é. É a Verdade da Bíblia.
8 Uma noite depois de falar aqui, teve um homem que se apressou em volta da plataforma aqui atrás, enquanto eu saía pela porta, estavam tentando me levar para o carro. E este jovem disse: “Quero só dizer-lhe uma coisa.” Billy e alguns irmãos tentando me levar para o carro. Ele disse: “Posso apenas lhe dizer uma coisa?”
Eu disse: “Diga, meu senhor.”
9 E ele disse: “O senhor estava falando hoje à noite, sobre repreender aquelas mulheres, do jeito que se vestiam, usando aquela roupa.” Disse: “Um homem da sua idade pensaria isso, mas se fosse da minha idade o senhor pensaria diferente.”
Eu disse: “Quantos anos você tem?”
Ele disse: “Tenho vinte e sete.”
10 E eu disse: “Quando eu era dez, quinze anos mais jovem que você, eu estava pregando a mesma coisa. Está vendo?” Eu disse: “É o que está no coração, rapaz. Os olhos enxergam pelo coração.” E ele simplesmente abaixou a cabeça e se foi. Creio que não exista mais resposta para isso. Veja, depende do que esteja aqui dentro é o que vai sair por aqui e aqui. Veja, Jesus disse que: “Se você disser diferentemente do que esteja aqui dentro, então torna-se hipócrita.
11 É um prazer esta manhã, em algum lugar na congregação, ter um – um amigo meu muito precioso, o irmão, Reverendo Eddie Byskal e sua esposa e filhos. Suponho que chegaram à reunião esta manhã. Eddie, você está aqui? Eu – eu pensei que você…Bem, talvez ele não conseguiu vir. Irmão, oh, sim, bem… Agora, esse não é o canto do “amém”, Eddie. Tenha a liberdade de subir aqui na plataforma conosco, os ministros, se quiser vir. E então temos estado em…
12 O irmão Eddie estava junto quando o Senhor me deu a visão sobre o urso e o caribu. O… Quantos se lembram disso quando lhes contei? Muito bem, ele estava lá. Ele era o jovem que estava de camisa xadrez, irmão Eddie Byskal. E ele ficou lá onde.. e perguntei… Eu – eu lhes perguntei se tinham uma camisa xadrez, alguém entre eles. “Não,” ninguém tinha. Eu disse: “Bem, pode que… Tem que ter uma camisa xadrez. Vai ter um – um grande urso pardo-grisalho, e – e algum tipo de animal que tem quarenta e duas polegadas [1m e 7cm – Trad.] de lado a lado do chifre, assim, parecia um cervo.” E isso foi uns seis meses, eu disse aqui, vocês sabem, antes de acontecer; tempo, cerca desta época, oh, antes desta época do ano.
13 Então fui convidado para ir lá onde este homem se encontrava, para ir caçar. Nunca fui àquela região, lá longe onde fomos, e eu disse isso. Mas a pequena trilha, isso fica bem lá em cima na rodovia Alasca, onde não tem nada a não ser mata e montanhas e animais. E aquela noite no trailer quando eu estava contando para o irmão Byskal lá atrás e – e o irmão Southwick, ele disse: “Bem, eu – eu…Nós vamos na região de carneiro selvagem,” disse, “não será lá em cima.”
14 E eu disse: “Sim,” e eu disse: “foi um dos rapazinhos que estava comigo que estava de camisa xadrez.” Ninguém tinha uma camisa xadrez, o irmão Byskal não tinha uma, nenhum do resto de nós tinha uma.
15 Na segunda noite a seguir, tínhamos visto, encontrado um carneiro bem acima de onde as árvores crescem. Agora, isso fica bem alto onde árvores nem mesmo crescem, onde não tem nada a não ser caribu e carneiro selvagem, e encontramos alguns bem distantes. E descendo aquela tarde, o irmão Byskal tropeçou em água e se molhou.
16 Na manhã seguinte nos levantamos cedo e começamos a ir atrás dos carneiros que achamos que fôssemos matar. E em sua… Chegamos lá em cima e estávamos… tínhamos nos alimentado, e não conseguíamos encontrar os carneiros, e o irmão Byskal tinha acabado de matar um caribu. De sorte que eu, olhando por ali, e subimos, o irmão Southwick me disse, disse: “Creio que nós… se o senhor quiser andar um bocado, irmão Branham, iremos do outro lado desta montanha, desceremos naquela vertente, aqueles carneiros talvez tenham ido para lá,” o que é uma longa caminhada. Mas não escurece, talvez, até bem tarde, é talvez dez ou onze horas às vezes.
17 E é uma caminhada bem longa naquelas montanhas rochosas. Assim que, eu gosto de andar, e assim estávamos ali em pé, um com o braço em volta do outro, a nossa barba estava ficando branca, um com o braço em volta do outro, chorando e sabendo, eu disse: “Irmão Bud, espero algum dia, no Milênio, poder andar em todas aquelas montanhas lá.”
18 Ele disse: “Espero estar com o senhor, irmão Branham.” E estávamos em pé ali, só nos regozijando no Senhor. E eu gosto demais das montanhas!
19 E então descemos. Foi então que o irmão Byskal aí atirou no – no – no caribu. Que, ele é missionário aos índios, e ele queria dá-lo para alimentar os seus índios. Então descemos, nos alimentamos, e limpamos o caribu e voltamos.
20 Eu e o Bud estávamos subindo, atravessando a montanha, e aconteceu que quando olhamos, e à distância, com meu binóculo, encontrei este animal que eu tinha visto, bem no panorama, como lhes disse aqui. O irmão Byskal aí, em pé bem do nosso lado. E assim eu disse: “Lá está aquele animal.”
21 E ele levou o binóculo aos olhos, e disse: “É um caribu macho muito grande, enorme.”
22 E eu disse: “Nunca vi, pensei que tivessem chifre em formato de painel.” Mas este tinha pontas, ele era de aparência estranha, justamente como vi na visão. Nunca tinha atirado num caribu antes.
23 “Assim, bem,” ele disse, “se o Senhor o deu para o irmão,” ele disse, “lá só…”
24 Eu disse: “Sim, há de ser esse. A única coisa que estou querendo saber é sobre aquela camisa xadrez.” E olhei por ali, e o irmão Eddie, sua esposa deve tê-la colocado, ela estava lá com ele, ela deve tê-la colocado em sua mochila. Quando ele se molhou no dia anterior, ele tinha mudado de camisa, e lá estava a camisa xadrez. Eu disse: “É este.”
25 Quando fui para lá e matei o caribu, ele, Bud, me disse, disse: “Agora, irmão Branham, o senhor me disse que este chifre mede quarenta e duas polegadas?”
Eu disse: “Medirá esse tanto.”
Ele disse: “Para mim parecia ter noventa e duas.” [2m e 34cm – Trad.]
Eu disse: “Não. Ele tem quarenta e duas polegadas.”
26 Ele disse: “Agora, conforme o que me contou, antes de voltarmos até aquele rapaz lá embaixo de camisa xadrez, Eddie,” (onde iam se encontrar conosco abaixo da montanha, umas duas milhas [3,2km-Trad.], disse, “o senhor vai matar um urso pardo.”
Eu disse: “É ASSIM DIZ O SENHOR.”
27 Ele disse: “Irmão Branham, de onde ele vem? Posso enxergar cinqüenta milhas em volta de nós.”
28 Eu disse: “Ele ainda é Jeová-Jiré. O Senhor pode prover para Si mesmo, veja. Ele pode fazer esquilos existirem. Se Ele pode fazer um carneiro existir, se Ele falou a respeito de um urso, um urso pode existir.”
29 Estávamos tentando levar este caribu pesado para baixo, o troféu de caça, montanha abaixo, e eu levava o rifle parte do tempo, e então ele levava o rifle, e vice-versa. E quando quase chegamos a um grande acúmulo de gelo, ora, fomos ali embaixo. Estava meio quente, fomos no acúmulo de gelo, e sentamos aí um pouco para refrescar. Ele disse; “Sabe, irmão Branham, não estamos mais do que cerca de uma milha de onde Eddie e Blaine, os dois rapazes, se encontram. É melhor esse urso aparecer.”
Eu disse: “Bud, creio que você está duvidando.”
30 Ele disse: “Irmão Branham, o meu irmão teve ataque epilético por tantos anos. E o senhor me disse uma vez, a primeira vez que esteve aqui, quando fomos a um outro lugar, me contou qual era a aparência dele.” E Eddie estava andando bem do meu lado lá, à cavalo, quando o Senhor deu a visão. E eu lhes disse o que fazer com o rapaz, parou de dar ataque. E, agora, ele disse: “Não posso duvidar.”
31 Eu disse: “Bud, não sei de onde o urso vem.” Mas eu tinha uns cinqüenta, tenho cinqüenta e cinco agora, assim que isso faz três anos. Eu tinha cinqüenta e dois ou cinqüenta e três. Eu disse: “Nunca O vi falhar. Deus me dará aquele urso pardo antes de eu chegar até aqueles rapazes. E estávamos quase lá onde os pequenos abetos [Tipo de pinheiro – Trad.] e a mata começava.
32 Um pouco mais para baixo da colina, estávamos quase que na mata, ele sentou. Era ele quem estava carregando o troféu de caça, então, eu estava com o rifle. E ele disse: “É melhor esse urso aparecer, não é?”
Eu disse; ‘Ele estará lá. Não se preocupe.”
Ele disse: “Posso ver todo monte.”
33 Eu disse: “Eu… Mas vejo a promessa!” está vendo? Veja, Ele prometeu. Eu disse: “Seja o que Ele…” Eu disse: “Bud, o que é aquilo que se encontra bem ali?”
34 Ele olhou, disse: “É um grande urso pardo-grisalho.” Disse: “É ele.” Quando matamos o urso pardo e voltamos… Lembrei-me da visão que lhes contei, eu estava receoso por causa do rifle. Era um pequeno 270 [Rifle de calibre 270], balas pequenas, vejam vocês. Está na fita. E matei o urso, mais ou menos a quinhentas jardas [460m], como Ele disse. O Bud disse: “É melhor atirar naquele urso pelas costas.” Ele disse: “O senhor já atirou num urso pardo antes?”
Eu disse: “Não.”
35 Ele disse: “Oh, eles não sabem o que é morte!” Eu aprendi isso um pouco depois. Então ele disse: “Eles não caem com o impacto,” disse, “é melhor atirar nele.”
Eu disse: “De acordo com a visão, eu atirei no coração.”
36 Ele disse: “Bem, se essa visão disse que sim, vou ficar do seu lado.”
37 E eu disse: “Lá vai.” E chegamos um pouco mais perto, e quando levantei, o urso me viu. Era isso o que ele queria, aplicar uma investida. E eu – eu atirei no urso, nem pareceu que o machucou. Lá veio ele! E antes que eu pudesse pôr outra bala na espingarda, o urso morreu cerca de cinqüenta jardas[46m] dele.
38 Bud ficou branco, ele disse: “Irmão Branham, eu não queria ele no colo.”
Eu disse: “Eu também não.”
39 Disse: “Ainda bem que aquela visão disse que o senhor o matou” Ele disse; “Agora, se isso, se esse chifre tiver quarenta e duas polegadas, vou ter um…” Direi do jeito que ele falou, disse: “Vou ter um acesso de berro.”
40 Eu disse: “Bem, tenha agora mesmo, porque vai ser assim.”
41 Quando chegamos até o irmão Eddie, eu disse para o irmão Eddie… Amarramos os cavalos, eles têm medo de urso. E, oh, que coisa, eles tinham de sentir o cheiro dele. Não pudemos tirar a pele, estava tarde demais; tivemos que voltar no dia seguinte. E então rompemos a corda umas dez vezes, e cavalos correndo por todo lado. De sorte que quanto chegamos lá embaixo, ele disse… Foi e pegou a fita métrica da bolsa da sela, disse; “Blaine.”
42 Eu disse para o irmão Eddie, eu disse: “Observe aquela mão pequena agora, de acordo com..” Pensei que fosse Billy Paul, uma mão pequenina segurando a fita métrica em volta do chifre. Eu disse; “Observe aquela mão pequena,” dei um soco de leve no irmão Eddie. Demos um passo para trás. Ele a colocou assim, em cima da mosca, quarenta e duas polegadas. Veja, exatamente. Jesus nunca falha! Aquela Palavra nunca falhará contanto que venha de Deus.
43 Acabei de ver em nosso meio, o irmão e a irmã Jackson da África do Sul. Suponho que foram apresentados. E – e foram, irmão Jackson? Esta manhã, fiquem de pé, o senhor e a irmã Jackson. Só gostaria que eles vissem. O meu irmão, Eddie, aqui, é um antigo companheiro de caça da África do Sul também, a parte bem de baixo. O Senhor os abençoe, irmão Jackson e irmã Jackson, é um grande prazer tê-los aqui conosco. E todos os ministros neste edifício levantem a mão, todos que estão no ministério. Bem, está ótimo, bom. O Senhor os abençoe. É um prazer ter todos aqui. Vou estar com uma fila de oração daqui a pouco, por isso eu- eu não… Eu queria poder pedir a todos para se colocarem em pé e virem pregar para mim. É um grande prazer termos vocês, todos vocês.
44 Quando, penso na lealdade de vocês, e – e atravessando a nação, e assim por diante, para me ouvirem falar sobre aquele amável Senhor Jesus, a confiança que vocês têm que Ele ouve as minhas orações. Eu estava conversando faz alguns instantes em entrevista particular com certo membro desta igreja, não faz mais do que quarenta e cinco minutos, uma mãe de coração dilacerado. E bem quando eu comecei a dizer uma coisa para essa mulher, (não sei se ela iria querer que eu dissesse quem é, ou não), desceu aquela mesma Luz que se vê naquele quadro. Tudo terminou, ela se foi contente. Estamos tão alegres, hoje, nesta era mutável em que estamos vivendo, onde mal se pode pôr a confiança em qualquer coisa, por termos um Reino que não pode mudar, não pode se abalar. O Inabalável! Não a pedra de Gibraltar, mas nossa fé pode solenemente descansar sobre a Rocha Eterna, sobre Jesus Cristo, a inabalável Rocha da salvação.
45 Quero agradecer à irmã que trouxe a caixinha trina com uma Bíblia nela para a minha esposa que está aqui. Ela fez um pacto com o Senhor com respeito a esta caixinha. Ela a estimava. Ela tem umas… como fotos antigas nela. E ela pediu ao Senhor… Ela talvez estimasse a caixa um pouco fora da conta. Simplesmente uma caixinha comum na forma de pirâmide. E ela a trouxe com uma Bíblia para a minha esposa. Obrigado, irmã. Todos os seus presentinhos e coisas assim que dão ao Billy Paul e a esses outros, eles são entregues a mim. Fico grato por tudo. Deus esteja com vocês.
46 Vejam que não se esqueçam, domingo que vem, de manhã. Logo que o culto terminar hoje, escreva a sua pergunta. Se não puder, traga-a no domingo que vem, de manhã. Eu virei um pouco mais cedo, então, que tragam para o escritório, para que eu tenha tempo de dar a isso uma base conforme a Escritura. E responderemos as perguntas no domingo que vem de manhã, querendo o Senhor.
47 Agora, há muitos lenços que aqui se encontram. E eu os afasto só para pegar as minhas – as minhas notas aqui embaixo, e minha… também a minha Bíblia, por isso, ou a minha Bíblia e minhas anotações, melhor dizendo, para que eu possa ter um pouco de espaço. Mas estou… eu oro por cada um.
48 Eu escriturarei as minhas anotações, tenho pouco tempo. Não os segurarei como fiz a última vez que estive aqui, cerca de quatro horas. Fiz uma promessa para mim mesmo, que se eu gravasse mais assim, eu gravaria sozinho aqui, ou alguma coisa assim, para que eu não tenha de segurá-los por tanto tempo.
49 Dr. Lee Vayle está aqui esta manhã? Eu queria perguntar se o Dr. Vayle… O senhor está aqui, irmão Vayle? Levante a mão se estiver. Ele está na parte de trás? Está bem, obrigado, irmão Roy. E quero que não deixe de verificar aquelas notas, irmão Vayle. O senhor está em algum lugar, no meio do pessoal aí atrás que não consigo ver, ou no corredor. Temos que ter cuidado, não podemos deixar que muitos estejam de pé, o chefe dos bombeiros não nos deixa fazer isso, veja você, e assim estamos. Quero que verifique a minha revelação da Semente da Serpente, para ser colocada na primeira, Era da Igreja de Éfeso que ele está escrevendo, regramaticando para mim. Muito bem feito! E quero que você verifique isso e deixe alguém dizer alguma coisa contra a Semente da Serpente agora (se estava certo, ou não)! Assim que o Senhor acabou de me dar isso ontem, veja. Oh, está além! Como consigo uma mensagem: vou seguindo e Algo Se manifesta a mim. Então… E se eu sei que é Deus, eu tomo isso e encontro na Escritura. Então tenho… Nunca falhou, mas, de Gênesis a Apocalipse, acontece o esperado, não importa o que as pessoas acham Disso. E tem sido muito mais desde aqueles Sete Selos. Veja, aquilo intensificou a coisa aquela vez. Assim que, o Senhor os abençoe agora enquanto estudamos. Agora em respeito à Palavra…
50 E creio que alguém, o engenheiro, seja quem estiver controlando, está dando um pouco de eco aqui na acústica. Agora, dá para ouvirem na parte de trás, bem? Levantem a mão se der. Ótimo!
51 Agora abramos a Bíblia, em dois lugares na Escritura, e procurarei entregar a mensagem e sairmos no horário, querendo o Senhor. E agora abramos em Marcos, capítulo 5, e em I Reis, capítulo 10; Marcos, capítulo 5; I Reis, capítulo 10.
52 Agora, mas para os visitantes que estejam dentro de nossas portas, isto, nós colocamos a nossa escola dominical numa enorme classe. E tal é esta classe aqui, porque as salas estão todas cheias de gente e não dá para termos classes normais separadas, e estudamos um pouco sobre a Palavra, temos comunhão juntos. Nós não… Não somos nenhuma denominação. Não temos nenhuma denominação. Somos simplesmente livres no Senhor, e não temos a intenção de ter uma porção de fanatismo. Apenas ensinamos a Bíblia, e só Isso. E o Senhor é tão bom para nós, a ponto Dele apoiar isso e mostrar que isso é verdade. E Isso nos dá grande consolo.
53 E agora tenham a – tenham a liberdade de estar em nosso meio em qualquer ocasião. Agora, não estou aqui o tempo todo, mas temos uns pastores ótimos aqui; o irmão Neville, um dos nossos pastores; o irmão Capps, outro dos nossos pastores; e o irmão – e o irmão Collins, Wilbur Collins, outro, nossos pastores. E então temos vários de várias partes, as nossas igrejinhas adjuntas. Se você estiver em – em Texas, os irmãos Martin aqui, e o irmão… Qual é o irmão que vem com você aqui? Não consigo ver o irmão Blair esta manhã. Oh, irmão Blair, não vi o senhor, irmão Blair. O irmão Ruddle, bem aqui atrás, uma das igrejas na 62 [Rodovia 62 – Trad.], uma das igrejas irmãs aqui. O irmão Junior Jackson, sentado aqui mesmo perto do irmão Blair, eu o vejo agora, outra igreja irmã das nossas. E temos igrejas de um lado a outro do país de todo lugar.
54 irmão Jack Plamer, a caminho, acho que estavam correndo um pouco, com o carro novo do seu filho, um pouco, você sabe, passando um pouco da velocidade máxima, e teve um acidente. Ele machucou o queixo, e não pôde vir, ele voltou para casa. Assim que, ele está passando bem. E o irmão Bem, aqui, outro dos nossos irmãos em Kentucky aqui, ele telefonou para ele esta manhã para ver se necessitava de dinheiro ou qualquer coisa que a igreja pudesse ajudar com isso, ele disse que tudo estava bem. E ele estava fazendo uma curva com velocidade demais, e foi no pedregulho, e triturou seu queixo ou algo assim. E ligaram de lá, quando viraram o carro num poste ou algo assim, e – e telefonaram requisitando oração.
55 irmão Billy Collins também, sabemos, esmagou bem seu dedo, quebrou o seu osso, fiquei sabendo, e tiveram que enfaixá-lo. Assim que queremos lembrá-lo em oração.
56 E agora a razão de ficarmos em pé. Quando nos comprometemos a ser fiéis à nação, bandeiras passando em frente, ou qualquer coisa, sempre ficamos em posição de sentido, ou em continência, ou ficamos em pé, pelo menos, para mostrar respeito à nossa nação. E ao nosso Senhor então, quando estamos lendo a Sua Palavra? Fiquemos em pé agora enquanto lemos São Marcos 5, e começando com o versículo 21. Note bem agora enquanto lemos:
E, passando Jesus outra vez num barco para a outra banda, ajuntou-se a ele uma grande multidão; e ele estava junto… o mar
E eis que chegou um dos principais da sinagoga, por nome Jairo, e, vendo-o, prostrou-se aos seus pés,
E rogava-lhe muito, dizendo: Minha filha está moribunda; rogo-te que venhas e lhe impontas as mão – mãos, e que sare, e viva.
…foi com ele, e seguia-o uma grande multidão, que o apertava.
E certa mulher, que havia doze anos tinha um fluxo de sangue,
…que havia padecido muito com muitos médicos, e despendido tudo quanto tinha, nada lhe aproveitando isso, antes indo a pior;
Ouvindo falar de Jesus, veio por detrás, entre a multidão, e tocou no seu vestido.
Porque dizia: Se tão somente tocar nos seus vestidos, sararei.
E logo se lhe secou a fonte do seu sangue; e sentiu no seu corpo estar já curada do mal.
E logo Jesus, conhecendo que a virtude de si mesmo saíra, voltou-se a… para a multidão, e disse: Quem tocou nos meus vestidos?
E disseram-lhe os seus discípulos: Vês que a multidão te aperta, e dizes… Quem me tocou?
E ele olhava em redor, para ver a que isto fizera.
Então a mulher, que sabia o que lhe tinha acontecido, temendo e tremendo, aproximou-se, e prostrou-se diante dele, e disse-lhe toda a verdade.
E ele lhe disse: Filha, a tua fé te salvou; vai em paz, e sê curada deste teu mal.
E estando ele ainda falando, chegaram alguns do principal da sinagoga, a quem disseram: A tua filha está morta; para que enfadas mais o Mestre?
E Jesus, tendo ouvido estas palavras, disse ao principal da sinagoga: Não temas, crê somente.
E não permitiu que alguém o seguisse, a não ser Pedro,…Tiago,…João, irmão de Tiago.
E, chegou, tendo chegado à casa do principal da sinagoga, viu o alvoroço, e quando… que choravam muito e pranteavam.
E, entrando, disse-lhes: Por que vos alvoroçais e chorais? A menina não está morta, mas dorme.
E riam-se dele; porém ele, tendo-os feito sair, tomou consigo o pai e a mãe e a menina, da menina (melhor dizendo), e então os que com ele estavam, e entrou onde a menina estava deitada.
E Ele disse à menina, e Ele… (desculpem-me)… tomando a mão da menina, disse-lhe: Talita cumi – que, traduzido, é: Menina, a ti te digo, levanta-te.
E logo a menina se levantou, e andava, pois já… tinha doze anos; e assombraram-se com grande espanto.
E mandou-lhes dizendo que ninguém o soubesse; e Ele disse que lhe dessem de comer.
57 No Livro de I Reis, capítulo 10, lemos estes três versículos:
E ouvindo a rainha de Sabá a fama de Salomão, acerca do nome do Senhor, veio prová-lo por enigmas.
E veio à Jerusalém com um mui grande exército; com camelos carregados de especiarias,… muitíssimo ouro, e pedras preciosas. E veio a Salomão, e ele… disse-lhe tudo quanto tinha no seu coração.
E Salomão lhe – lhe declarou todas as suas palavras; nenhuma coisa se escondeu ao rei, que não lhe declarasse.
58 Oremos. Senhor Jesus, ao lermos estas histórias da Bíblia, os nossos corações saltam de alegria. Pois sabemos que Tu é Deus, e que Tu nunca mudas. Tu nunca mudas Teus métodos, Tu nunca mudas Teu modo de ser, Tu permaneces Deus para sempre. E rogamos, Deus, que Tu nos tragas a interpretação esta manhã, destas Escrituras que Tu gostarias que saibamos, que nossos corações sejam discernidos, o grande Espírito Santo venha entre nós hoje e discirna nossos pensamentos e nosso coração. E que não reste nada, que nosso coração não… seja tão pleno de gozo quando sairmos daqui de modo que digamos como aqueles que tinham vindo de Emaús aquela noite: “Porventura não ardia em nós o nosso coração quando, pelo caminho, conosco Ele falava? Tu permaneces sempre Deus, e somos Teus filhos famintos reunidos esta manhã. Pois, está escrito: “O homem viverá de toda a Palavra que sai da boca de Deus.” Abençoa-nos em nossa reunião e todas estas pessoas, Senhor, que atravessaram centenas e, sim, milhares de milhas. Rogamos que, ao irem para casa, o coração deles esteja satisfeito com as boas coisas da misericórdia e da graça de Deus. Pois pedimos em Nome de Jesus. Amém.
59 Um pequeno tema muito estranho, três palavras que quero falar de toda esta leitura. Você talvez diga; “Isso é uma coisa muito pequena, três palavras de tudo que o senhor leu, uma porção de dois capítulos da Bíblia.” Mas eu – eu fiz isso para base, para tomar estas três palavras: Provando a Sua Palavra.
60 Sabe, há uma Escritura na Bíblia, em I Tessalonicenses 5:21, onde está escrito: “Examinai tudo e retende o bem.” Quando qualquer coisa é examinada, isso será provado ser ou “correto” ou “errado.” E quando houver qualquer coisa em questão, isso deve ser examinado até se encontrar o que é correto. E então ao encontrar o que é correto, Ela disse: “Retende.” Em outras palavras: “Agarre, não solte. Retenha!” Em outras palavras: “Retenha firme, para que não escape.” Retende o bem, depois de ser provado esta “correto.” E qualquer coisa que for provada “não estar correta,” então solte isso o mais rápido que puder, afaste-se disso. Nunca retenha o que é errado.
61 Agora, é possível que cristãos firmes, pessoas boas, retenham, às vezes, retenham o que é errado, achando ser correto. Mas então estas coisas deveriam ser provadas se são “corretas” ou “erradas.” E é o dever de todos nós, pois que esperamos ir para o Céu quando Jesus vier. E é o dever do ministro, quando se traz qualquer pergunta, que ele resolva isso, e então prove diante do povo, para que entendam, porque ninguém quer ser encontrado “errado,” retendo o que é errado.
62 Assim que, temos uma Escritura (e Jesus disse; “toda Escritura deve se cumprir”) de que deveríamos examinar todas as coisas. E então, “reter,” ou “reter firme, agarrar até à morte. E não soltar, reter o bem.”
63 Lembro-me na escola, aprendi uma coisa, e muitos de vocês aprenderam a mesma lição. Quando se resolvia um problema, fazia a operação, podia-se tomar a resposta e prová-la pelo problema. Quantos já fizeram isso? Todos vocês, claro. Então – então não precisava se preocupar se sua resposta estava correta ou não, a solução do problema foi provada pelo problema. Portanto, você sabe que está com a solução correta. Se cada um dos seus no seu quadro ou na sua folha foi provado, o problema provado por… a resposta provada pelo problema, então você acertou. Ninguém pode dizer que está errado, você tem que tomar… E se você fizer a operação clara e corretamente, e da maneira que deveria ser feita, e a sua solução foi provada, você pode sentar e descansar com a segurança de que vai receber A nisso, nessa folha de papel que entregou, porque está provada, provada pelo problema.
64 Agora, também existe um antigo provérbio que diz: “Se provar, eu acredito.” Agora, tem um estado nosso, um dos nossos estados da nação, tem um slogan: “Sou de Missouri, mostre para mim.” Veja, em outras palavras: “Prove para mim, sou de Missouri.” Mas isto não funciona sempre, porque Deus tem, em toda era, cumprido e provado a obra que Ele determinou para aquela era, e falou dela em Sua Palavra. E toda vez que a Palavra de Deus foi provada na era, a maioria A rejeitava. Por isso: “Se provar, eu acredito,” não é assim. Você pode apenas ter fé à medida que Deus lhe dá fé. Fé é um Dom de Deus. Seja religioso o quanto for, no entanto deve tomar… você deve ter fé. E a sua fé pode apenas descansar, se você for cristão, sobre a Palavra provada de Deus.
65 Agora, lembre-se, Deus atribuiu a Sua Palavra para cada era, e predisse o que aconteceria nesta certa era da qual Ele estava falando. Agora, se Moisés tivesse vindo com a mensagem de Noé, não teria funcionado. Se Jesus tivesse vindo com a mensagem de Moisés, não teria funcionado. Ou um profeta tivesse vindo com a mensagem de outro profeta, não teria funcionado. Mas por meio dos Seus profetas, Ele revelou toda inteireza de Si próprio e de Seu plano. Portanto, a Bíblia, não pode uma palavra ser acrescentada a Ela ou uma Palavra tirada Dela.
66 Assim que, se você provar o seu problema pelo seu… sua solução pelo seu problema, então por que não provar a – a solução que agora estamos conseguindo pela Palavra desta era. Se a Bíblia fala que é para certa coisa acontecer nesta era, está na Bíblia e acontecerá. Então se a solução que você está procurando contar para as pessoas, se for provada pelo Livro, então é verdadeira, é verdadeira. Caso contrário, não é.
67 Agora vemos outro, então você, sem dúvida, já ouviu dizer: “Ver é crer.” Esse é outro antigo provérbio que temos aqui, mas isso também não funciona. Não funciona, porque o homem pode sentar e olhar direto para alguma coisa e não ver isso. A palavra “ver”, a palavra “see” em inglês tem tantos significados diferentes. Sea pode significar “um corpo de água.” E see pode significar “entender.” See pode significar “olhar para algo.” E, oh, tem todo tipo de palavra que se pode usar. Mas quando você diz “ver é crer,” você está enganado.
68 Quando você entende, você crer. Jesus disse: “Aquele que não nascer de novo, não pode ver o Reino,” em outras palavras, “entender o Reino,” porque o Reino é o Espírito Santo em você. Por isso você tem que entender o que é isso em você. E a única maneira de você entender é comparar o que isso faz você fazer com o que a Bíblia disse que isso faria você fazer. Então o seu problema está resolvido, veja. E, então, Ele é aquele Espírito Santo.
69 Então, ver não crer. Posso provar isso através dos sentidos do corpo, veja, que ver não crer. Não posso ver esta garrafa de azeite. Eu não poderia ver porque está atrás de mim, no entanto tenho um sentido de – de tato que me diz que estou com ela na mão. Está vendo? Agora, eu não poderia vê-la, é impossível. E agora não posso alcançá-la, é impossível, e no entanto creio. Este ver é crer; este tato é crer. Agora fecho os olhos, não consigo nem vê-la nem senti-la, mas se a trouxer perto e puder cheirá-la, ainda creio que ela está aí. Por isso, “A fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, a prova,” que não se vêem, sentem, cheiram ou ouvem. Você crê! E é necessário a fé ter um lugar de descanso. E qualquer coisa que é contrária à Palavra de Deus, fé em Deus não pode ter lugar de descanso a menos que seja uma promessa de Deus. E aí ela toma sua posição eternal.
70 Mas diante de todas esta in-… eras que duvidam e as coisas pelas quais passamos e em que vivemos hoje, a pior de todas, diante de toda esta dúvida, Deus continua provando que as Suas Palavra são certas, como Ele tem feito em toda era. Ele… Incredulidade não detém a Deus, não O impede. Não me importa quanto o mundo não creia, mesmo assim vai suceder. Incredulidade nada faz a não ser condenar o incrédulo. A incredulidade enviará o incrédulo para o Inferno. Ela roubará dele toda bênção que Deus lhe prometeu, mas ela não impede a Deus de seguir adiante com o crente. Veja, a incredulidade não detém a Deus, ela somente detém o incrédulo.
71 Você diz: “Eu… O sol não vai brilhar amanhã, vou pará-lo.” Tente. Está vendo? Muito bem, não se consegue fazer isso. Deus o colocou em ordem e disse que iria brilhar, é só isso, Ele disse que iria. Talvez haja umas nuvens debaixo dele, mas mesmo assim ele vai brilhar do mesmo modo. E você não pode deter a Deus com isso. Ele, o que…
72 Como Ele declara a Sua Palavra às pessoas? Primeiro, Deus conhecendo que haveria incrédulos… Agora observe a sabedoria de Deus; sabendo que haveria incrédulos, e que a maioria seria incrédulos. Ele, por presciência, predestinou uma semente para cada era, que creria Nela. Agora se você notar aí, pois, cada era segue adiante com a Sua Palavra, tudo bem na hora certa, nada impede a Deus. Ele segue adiante, e cada clique está se dando com exatidão. Achamos, às vezes, que não vai funcionar direito. Mas não se preocupe, o Seu relógio está precisamente exato, e tudo está funcionando com exatidão.
73 Quando olho em volta de mim, às vezes, e vejo estes rickies e estas rickettas que temos hoje, e nas ruas, e como que tudo anda acontecendo, eu penso: “Ó Deus!”
74 “Espere aí,” Ele diz, veja, “o Meu relógio está girando com exatidão. Tenho que colocá-lo na mesma base que coloquei o primeiro homem, naqueles dias. E o coloco na mesma base de Lutero, e na mesma base de Wesley.” E quando temos mais conhecimento agora do que então, e quando o inimigo vem como uma corrente de águas, o Espírito de Deus alvora contra ele Sua bandeira. Está vendo? E agora, hoje, temos mais conhecimento, mais entendimento; de modo que os rios da incredulidade estão fluindo fortemente, mas Deus levanta contra isso uma bandeira. Mas, lembre-se, Ele sempre… A razão Dele… Ele predestinou estas coisas para acontecerem. Ele as predisse, através de Seus profetas, que aconteceriam. E quando os justos vêem que estas coisas são confirmadas, então eles sabem que Isso está certo. Independente do que qualquer outra pessoa diga, eles sabem que Isso está certo.
75 Encontramos lá em – em – em, creio que é em I Tessalonicenses, que Ele disse: “Ele nos predestinou para filhos de adoção por Cristo Jesus.” Deus, não dizendo: “Eu te escolho, e não te escolho,” mas a Sua presciência sabia o que você faria. Por isso, por presciência Ele pode colocar em ordem e Ele fez tudo operar para o bem Dele, e para o seu bem.
76 Em Gênesis, Deus disse para Adão e Eva o que aconteceria quando eles descressem da Sua Palavra. Agora, Ele colocou o certo e o errado diante deles, e Ele disse: “No dia em que dela comeres, nesse dia morrerá.” E Deus quis dizer exatamente aquilo que Ele disse. Ele sempre faz isso, Ele leva à sério o que Ele diz.
77 Satanás a levou a descrer Dela, pois o próprio Satanás nunca creu Nela. Ele não crê Nela, por isso ele a levou a crer naquilo. E ele ainda faz a mesma coisa, e ensina a mesma coisa a outros, e eles descrêem Dela como ela fez. Deus fortificou o Seu povo atrás da Sua Palavra, que é a sua única defesa. Não a sua denominação, não o seu pai ou a sua mãe, isso está bem, mas atrás da Palavra de Deus. É nesse lugar que o crente está protegido, atrás da Palavra. Quando aquela pequena avenida foi violada lá, com um insignificante “queria saber se Ela está certa ou não? Não estaria,” arrazoamento entrou e tomou o lugar da fé, eles quebraram as barreiras. E Deus cumpriu a Sua Palavra, Ele A executou. Satanás tentou fazer que ele cresse… descresse Dela.
78 Ou, arrazoar, não arrazoe com Ela! Você – você diz: “Bem, creio…” Você não tem direito nenhum. Quando diz alguma coisa, justamente – justamente do modo que Ele disse, é dessa maneira que se faz. Você diz: “Bem, acho…” Mas você não tem que pensar. Deixe que a mente que estava em Cristo esteja em você. E Cristo é a Palavra! Deixe que a Palavra esteja em você. Todas outras palavras sejam erradas, as Palavras de Cristo são corretas! Outros crêem nele e em todas as suas razões, como ela creu, razão: “Ora, por que Deus faria isto? Agora, isto não é bom do mesmo jeito que Aquilo?” Se for contrário à Palavra, não é! Por isso, qualquer coisa, qualquer professor, qualquer expositor da Bíblia, qualquer outra coisa que lhe ensine ou tente fazer que você creia qualquer coisa, um pequeno jota diferente do que esta Bíblia diz, é um falso ensinamento. É Satanás, novamente, exatamente como foi com Eva. Deus segue em frente, não importa o que ele faça, o que Satanás faça, Deus segue adiante provando que Ela assim é.
79 Agora veja o que ele disse para Eva: “Certamente não morrerás. Serás sábia.” É isso o que o mundo está buscando hoje, prova científica, conhecimento de homem. E ele disse: “Certamente não morrerás.”
80 Mas Deus tinha dito; “morrerás,” e Deus provou que sim. E podemos ver isso, Ele estava falando sério. Vá até o cemitério aqui, você saberá se Ele estava falando sério ou não. “No dia em que dela comeres, nesse dia morrerás.” E quando você chega aqui e confere qualquer um que queira, de qualquer idade, nunca houve alguém que viveu mil anos. Deus assim provou a Sua Palavra, Ele provará todas as vezes.
81 Mas, lembre-se, Ele cumpre todas as Suas promessas de bênção o tanto quanto cumpre as Suas maldições. Porque eles comeram dela, naquele dia eles morreram; e Ele prova para você, que morrem naquele dia que dela comem. Ele também cumpre toda Palavra que Ele disse quanto a Suas bênçãos. Toda promessa, Deus cumpre! Oh, gosto demais disso. Você tem que escolher qual dos dois quer: as bênçãos Dele, crendo; ou as maldições Dele, pervertendo-A. Se você A perverter e crer no lado Dela da perversão, então você é amaldiçoado. Se você crer Nela justamente da maneira que Ele A escreveu, e apegar-se a Ela, então você é abençoado. E Ela sempre é contrária à ciência, sempre contrária à – à maneira científica de mostrar as coisas. Pois Ele cumpre cada Palavra, tanto das Suas bênçãos como das Suas maldições.
82 Quando homens e mulheres pecaram no mundo antediluviano, ele… contra a verdadeira Palavra Dele, Adão e Eva pecaram contra a verdadeira Palavra. Mas, e todas as gerações que os seguiram começaram a fazer a mesma coisa, Ele pronunciou morte contra eles, e finalmente chegou a uma aniquilação total, completa, de tudo na terra, foi coberto pela água, completamente lavado com água.
83 Agora, o mesmo Deus que trouxe aniquilação total a tudo sobre a terra, toda erva, toda criatura menos o que Ele reservou e levou acima da terra, tudo o que Ele prometeu que faria, isso Ele fez. E o mesmo Deus que prometeu a água, e cumpriu a Sua Palavra, o mesmo Deus promete o fogo, e Ele cumprirá a Sua Palavra. Ele cumprirá a Sua Palavra.
84 Agora, agora o que Ele fez? Como eles conheciam a Sua Palavra? Por causa de toda a Sua maneira de fazer, de provar a Si mesmo antes de causar qualquer prejuízo, ou fazer qualquer julgamento; Ele sempre envia a Palavra às pessoas, e sempre adverte as pessoas. Oh, gosto demais disso! Então podemos ver exatamente onde estamos.
85 Havia ministros e associações de todos os tipos no dia de Noé, pois Jesus disse: “Como foi nos dias de Noé, assim será na vinda do Filho do homem.” Porém, eis que apareceu em cena, um profeta, e ele começou a fazer uma coisa, começou a construir uma arca. E Deus enviou Seu profeta, Noé, para provar que Ele havia enviado a Sua Palavra, e para dizer-lhes que se aproximava uma destruição, que Ele não podia suportar a maneira que – que as pessoas estavam agindo, que Ele tinha de destruir o homem que Ele havia em tempos passados, criado.
86 Agora, a Palavra vinha ao profeta, sempre, Ele nunca muda. Malaquias 3, disse: “Sou Deus, e não mudo.”
87 Noé foi enviado a uma era científica, com uma Mensagem não científica. Noé foi enviado a uma era intelectual, com uma Mensagem não intelectual. Ele foi enviado a uma era de ciência, quando ele tinha uma Mensagem de fé e de promessa para uma era científica. De modo que, poderia você acreditar que uma era científica creria numa Mensagem não científica? Uma era de grande intelecto, e então acreditaria você que eles teriam fé em uma coisa que parecia absolutamente tola para a mente humana? Mas Deus sempre faz dessa maneira. Noé era um profeta confirmado do Senhor, e era a Mensagem de Deus da hora. Ele teve de crer que, o povo teve de crer na sua Mensagem depois dele ter sido confirmado pelo Senhor, de que era a Palavra de Deus, e Deus ia cumprir a Sua Palavra.
88 Agora é a mesma coisa hoje. Estamos no fim dos tempos. Agora, aquelas pessoas deveriam ter sabido, veja. Agora, você notou, Noé era um tipo dos judeus que passarão pela Tribulação. Enoque foi tipo da – da Mensagem legítima, de trasladação da Igreja, pois Enoque foi levado e então veio o dilúvio. E ambos… O primeiro profeta, Enoque, foi tirado do caminho para que Noé pudesse prosseguir com a sua – com a sua… Deus pudesse prosseguir com Noé. E agora a Igreja será levada para que Deus possa, novamente, tratar com os judeus, o remanescente dos judeus, os cento e quarenta e quatro mil, como estudamos nas Escrituras aqui.
89 Mas, diante de toda a era científica, incrédula, Deus provou a Sua Palavra de promessa verdadeira, enviando-lhes o dilúvio. Agora, lembre-se, nos dias de Noé, nunca havia chovido na terra. Deus fazia uma névoa subir da terra e para irrigar, mas nunca choveu. Mas Noé disse: “Vai chover.” Agora isso foi…
90 Eles podiam pegar um instrumento e lançá-lo nos céus, e dizer: “Não existe umidade lá em cima. Não existe chuva lá. Podemos provar que não existe chuva lá.”
91 Independente do que a ciência dizia, Deus disse que: “Ia chover,” de modo que isso dá conta do assunto. Agora, o que Deus fez? Na minha opinião, quando alguns deles balançaram o mundo, um pouco, e o tiraram do ângulo, então foi isso jogou a parte de trás deste jeito, o calor da terra no frio, somente trouxe a – a umidade. E o mundo estava coberto, primeiro, e as atmosferas lá em cima, a umidade do ar, justamente se juntaram em forma de nuvem e deixaram cair, foi só isso.
92 Agora sabemos hoje que existe fogo lá em cima, porque os gases estão na terra. E a Bíblia disse: “Os céus e a terra passarão com grande estrondo, e a terra ardendo se desfará.” Por isso sabemos que está lá em cima, por isso é justamente do mesmo modo como foi nos dias de Noé.
93 E agora lembre-se, a Mensagem do tempo de Noé era apenas pela fé, e não provada cientificamente. Mas, hoje, a Mensagem é de acordo com a Palavra de Deus, e provada cientificamente. Elias veio primeiro, fazendo milagres, não fazendo pregação; apenas indo de lugar em lugar, fazendo milagres. Na vez seguinte, ele veio na forma de João Batista, ele não veio fazendo milagres, apenas pregando. E da terceira vez que ele vem, tem tanto milagres como pregação. Está vendo? Está vendo como é? Observe como que as Escrituras seguem em continuidade. Poderíamos passar bastante tempo nisso, mas não passaremos, omitiremos isso, porque creio que dá para vocês entenderem.
94 Ele fez naquela era justamente como Ele fez em todas as eras, e como Ele fará, justamente como Ele prometeu fazer. Deus promete alguma coisa, então Ele vem e prova que a Sua Palavra é correta. Todos que creram, todos que creram na Mensagem daquela era, aceitaram e foram salvos. Assim será em qualquer era. Todos que não criam na Mensagem e no mensageiro, pereciam.
95 E todos que verdadeiramente crêem na Palavra de Deus hoje, serão tirados. Todos que não crêem na Palavra de Deus, perecerão com o mundo, porque são do mundo, e tudo que está no mundo deve perecer com o mundo. E tudo que está salvo em Deus, deve estar em Deus, e não pode perecer. “Dar-lhes-ei Vida Eterna, e os ressuscitarei no último dia.” Agora, que consolo é a cada crente saber, quando a pessoa está em Cristo, que tão certo quanto Deus cumpre a Sua Palavra e faz o mundo perecer, Ele cumpre a Sua Palavra e ressuscita o Seu povo e o salva. Ele prova isso.
96 Ele prova a Sua Palavra de promessa fiel a Abraão em sua era. Note, não era científico, na era de Abraão, um homem de cem anos, e uma mulher de noventa, terem um bebê, bem passados da idade. Mas Abraão não podia explicar. Ele ia ao médico, e dizia: “Doutor, é possível?”
97 “É impossível!” Ir até o hospital para a mãe ter o bebê, ou o que quer que seja se você quiser comparar aquilo com esta era, eles o chamariam de louco: “Ele está louco.”
98 Mas Deus disse! E ele… A Bíblia disse em Romanos, capítulo 4, que “Abraão não duvidou da promessa de Deus, por incredulidade, mas foi fortificado, dando louvor a Deus. Porque permaneceu firme como quem vê Aquele o Qual é invisível, e ficou satisfeito, ficou firme.” Retendo firme, pois estava certíssimo de que o que Deus prometeu, Deus era poderoso para o fazer! E somos considerados ser filhos dele. Amém. Agora sinto-me religioso, incentivado, apenas pense nisso! Oh, Ele provou, depois de todos estes anos, Ele transformou Abraão, e Sara em uma mulher jovem, e teve o bebê. E Abraão e Sara viveram… Quarenta e cinco anos mais tarde, Sara faleceu, e Abraão casou novamente depois de ter cento e quarenta e cinco anos, e teve vários filhos além de suas filhas. Quando, ele havia passado da época da produção, ele havia passado da época de gerar, ele – ele não tinha semente, sem vida que restasse nele, quase que mais cem anos antes disso. Amém! Por quê? Ele não considerou seu próprio corpo, ele considerou o que Deus disse, e sabia que Deus provaria o que Ele disse. Amém! Deus prova o que diz que fará. Em meio a coisas não científicas e científicas, e – e entre qualquer coisa, seja o que for, Deus prova que Ele está certo, sempre prova a Sua Palavra. Ele é certo, tudo mais é errado.
99 Ele também A provou para Ló, quando Ele disse: “Se não saíres desta cidade, vou queimá-la,” E Ele disse a Abraão que se Ele pudesse “encontrar dez homens,” Ele pouparia a cidade. E Ele não pôde encontrar os dez homens, de modo que Ele provou que a Sua Palavra estava certa.
100 “De onde vem o fogo? Não há fogo aqui nestas planícies, aqui nestes poços de betume.” Mas Deus disse que sim, e Abraão sabia que ia acontecer. Ló sabia que Ela assim era, e ele escapou para a montanha.
101 Ele prometeu que a semente dele seria estrangeira em terra estranha, e que o povo faria falso juízo dela, e que peregrinariam, a semente de Abraão, por quatrocentos anos entre estrangeiros, gente estranha. E Ele cumpriu a Sua Palavra exatamente como disse que faria. A semente de Abraão de fato peregrinou no Egito por quatrocentos anos. Ele prometeu, também, libertá-los com mão poderosa. Mão forte, Ele libertaria o povo da escravidão. E Ele cumpriu a Sua Palavra. Veja o que Ele teve de fazer para fazer aqueles filhos irem ao Egito. Parecia que desastre tinha acontecido, estava acontecendo, e tudo mais.
102 Parecia que… foi horrível a José ser considerado como morto, e coitado do Isaque… ou Jacó, o seu pai. Ou Isaque, o seu pai, melhor dizendo, a Jacó, foi isso, Isaque foi seu avô. Jacó, o seu pai, acreditar que o seu próprio filho tinha sido morto por animais. Como foi difícil ao pequeno José saber que o coitadinho, distante do seu povo, traído por seus irmãos, lançado num buraco, supostamente era para estar morto, sangue de ovelha foi colocado em seu casaco, onde, tinham matado um cordeiro para comer, colocaram o sangue nele e o levaram para o seu pai, e sabendo de tudo isto. Mas José podia lembrar-se de uma coisa, de que a mão do Senhor estava sobre ele. Ele sabia que era um crente. Não importa quanto os seus irmãos o rejeitassem, quanto não houvesse cooperação ou nada mais, José sabia que Deus cumpriria a Sua Palavra. Quando ele teve aquela visão de todos eles se inclinando diante dele, ele sabia que isso tinha que acontecer porque era ASSIM DIZ O SENHOR. Amém. Não importa quanto isso parecesse não ter lógica, José sabia que era a verdade. Não importa quão difícil fosse a tarefa, e pelo que ele tivesse de passar, ele sabia que um dia cada um deles se inclinaria diante de seus pés. Como ia fazer isso quando eles o detestavam? Mas ele sabia que Deus assim provaria a Sua Palavra, toda vez.
103 Assim Ele fará hoje! Deus assim provará a Sua Palavra, não importa o que a ciência diz: “não se pode fazer isso.” Quão instruídos, intelectuais nos tornemos, quanto as igrejas tenham se desviado para um – um monte de formalidade e assim por diante, Deus ainda assim provará a Sua Palavra ser “certa”. Descanse bem nessa Palavra.
104 Sim, José teve muito pelo que passar, mas, para ir ao Egito, mas Deus o fez suceder justamente da maneira que Ele disse; um tipo muito belo de hoje, se tivéssemos tempo de entrar nisso. Creio que entramos, antes, aqui no tabernáculo, estudamos isso. Mas Deus cumpriu a Sua Palavra, porque, eles tiveram que ficar lá. Foi difícil para aqueles filhos hebreus lá em escravidão egípcia, que tinham sido abençoados e recebido o fruto da terra, o melhor lugar, Gósen, descobrirem que tinham de se tornar escravos; e aquelas mães terem que entregar nas mãos de soldado egípcio o fruto do ventre delas, o filhinho querido delas, e o verem em pé alí, pegar uma grande faca e simplesmente abri-lo cortando-o e lançá-lo no chão, dá-lo para os jacarés comerem. Agora, foi coisa difícil para eles, terem que passar por isso.
105 Mas um dia a semente predestinada nasceu, um filho que foi o filho próprio. Ele tinha alguma coisa que parecia estranha. No deserto adentro, um dia, o Espírito Santo desceu na forma de um Coluna de Fogo e se pôs numa sarça, e disse: “Tenho ouvido os gemidos do Meu povo, e lembro-Me da Minha promessa. E o tempo de libertação está próximo, e envio-te lá para fazer isso.” Com uma vara na mão, sua mulher numa mula, um bebê no colo dela, ele fez isso pelo poder do Deus Todo-Poderoso. A coisa mais ridícula, o que – o que uma vara torta seria para dez mil lanças? Mas, veja você, Deus está nisso. Depende de onde está a Palavra Dele. Moisés tinha a Palavra Dele, Faraó tinha lanças. Moisés tinha a Palavra.
106 Era só disso que ele precisava, era da Palavra. É só disso o que você precisa hoje. Não é uma credencial de certa igreja. Você não precisa de uma igreja para apoiá-lo. Você precisa da Palavra, para tomar o Arrebatamento com Ela. Você não precisa de certa credencial. Você não precisa de certa história extensa de certa escola, para ser curado esta manhã. Você precisa aceitar a Palavra, isso dá conta do assunto!
107 Você não precisa da palavra do médico. Se o médico diz que fez tudo o que pôde, é só isso que ele pode fazer. Se ele diz que você está com câncer, com tumor, que você está ficando cego, que você está ficando surdo, mudo, seja o que for, isso não importa. Se você puder levar aquela Palavra para aquela ardente promessa a sarça além, amém, alguma coisa vai acontecer! Deus provará que a Sua Palavra é assim toda vez que Isso for recebido no tipo certo de solo. É disso que você está precisando, da Palavra Dele. Ele A prova, Ele A cumpre. Você pode ficar descansado que Ela está certa.
108 Ele prova a Sua Palavra em toda era, do modo mais incomum, mas Ele sempre prova do mesmo modo. Está vendo? O que Ele fez nos dias de Noé, quando Ele estava para libertar o remanescente? Ele lhes enviou Noé, o profeta. Ele enviou Noé, um sinal.
109 E agora note, quando Ele vem libertar os filhos de Israel, o que Ele faz? Seu mesmo modo, Ele envia Seu profeta. O Seu profeta tem a Palavra. Os sinais e maravilhas da Palavra prometida apoiam isso, de que é exatamente a Verdade. Israel marchou para a terra prometida, porque eles creram.
110 E na jornada no deserto, aconteceu que eles descreram deste profeta, depois de verem a Palavra ser assim confirmada, a Noiva saiu fora da cadência (você sabe do que estou falando, na visão, veja, “saiu fora da cadência). Havia um em pé, chamado Josué, e Calebe, e creram que a Palavra da promessa era verdade, independente de quais fossem as circunstâncias.
111 Observe quando chegaram a Cades-Barnéia. Em Cades-Barnéia, Moisés enviou um de cada tribo, para espiarem a terra, para verem de que modo era, para entrarem. E ele enviou um seu general, Josué, que era profeta, assim que enviou um profeta menor abaixo de Moisés. E Josué dava ouvidos a Moisés. E o enviaram, assim ele disse: “Vá espiar aquela terra.”
112 E o general foi e escolheu para sim um homem de cada tribo, e se foram. Ele levou a Calebe, companheiro que ficava ao seu lado, porque ele sabia que Calebe cria. Entraram na terra prometida, e voltaram com um cacho de uvas que precisou de dois homens para carregá-lo. Dizer, ele disse, agora: “Para que Israel tenha a evidência antes mesmo de entrar na promessa. Vejam, terão a evidência de que Deus disse que é uma boa terra, e é cheia de leite e mel. É terra excelente. É terra boa. Agora seu… oh, este alho todo, alho-poró, e seja o que for que tenham aqui no Egito. Agora vamos levá-los a uma terra com leite e mel. Vocês provavelmente nunca sentiram o sabor nem de um nem de outro, leite ou mel, lá no Egito todos estes anos. Eles somente lhes deram o racionamento de escravos. Mas agora irão a esta terra.” Então, bem na hora que entraram, equivalente mais ou menos à jornada de um dia, onde Cades-Barnéia, o grande tribunal do mundo estava, eles pararam debaixo destas – destas grandes palmeiras lá, as nascentes, e acamparam. Ele disse: “Agora, para que o povo saiba…” Observe que perfeita, que evidência realmente perfeita é essa, como Deus faz isso justamente como Ele faz hoje. Ele disse: “Agora, Deus disse: ‘A terra é ótima.’ Agora, antes de irem para lá, quero que vejam que a terra é ótima. Por isso, vão e me tragam alguma evidência da terra e mostrem isso para o povo.”
113 Então foram para lá. E, agora, sempre quando se vai trazer uma evidência, eis que no caminho se encontra o inimigo. Quando alguns desses rapazes olharam e vira aqueles grandes gigantes de Canaã, oh, que coisa, disseram: “Não conseguiremos.” Mas trouxeram a evidência de que a terra estava lá. Não tinham sido dirigidos falsamente. Deus estava provando a Sua Palavra para eles, mesmo antes de entrarem na terra.
114 Não pode você ver hoje, que se você dirigir mil milhas [1600 km – Trad.] para ouvir a Palavra, e observá-La ser provada e confirmada, é a evidência de que é uma Terra ótima? Pode-se ver a sombra de um homem jazendo, moribundo com câncer: “Fique são”. E vemos as Palavras de Deus que Ele falou que aconteceriam no dia, sendo confirmadas, essa é a evidência de que Ele cumpre a Sua Palavra. Há uma Terra ótima. Se minha vida estiver quase que acabada, e Deus descer e a poupar novamente, isso mostra que há uma evidência de uma Vida Eterna. Quando você não teria nem uma vez posto o pé dentro da porta dessa igreja, agora você fica na fila para entrar nela. É uma evidência. Deus cumpre a Sua Palavra e A prova a você, que Ela é verdadeira.
115 Dirigem milhares de milhas; vim aqui de manhã e olhei ali e vi aquelas pessoas dando mamadeira para seus bebês numa garrafa de coca-cola, um pouco de cereal, mais ou menos às cinco horas da manhã, sentados nesse lote. Pensei: “Deus, eu seria o hipócrita mais baixo do mundo deixar estas pessoas virem essa distância toda e dizer-lhes uma coisa que fosse errada. Pois tenho pena delas, sinto compaixão delas. Elas estão com fome e com sede de Deus. Ajuda-me, Senhor, contar-lhes a Verdade, ou tira-me deste mundo. Deixa-me contar a Verdade para essas pessoas, assim ajuda-me Deus.” Eu disse: “Segura a minha mão, e faze-me saber qual é a Verdade. Não deixa que essas pobres pessoas sejam enganadas. Não.” Como sinto compaixão de uma coisa como essa, ver pessoas fiéis!
116 Imagino que Josué pensou a mesma coisa, aquele dia, quando ele os reuniu em volta dele, os viu lavarem a roupa e se prepararem contra o terceiro dia. Sim, Ele provou. Agora Josué disse o quê? Quando disseram: “Oh, não conseguiremos. Vocês simplesmente não conseguirão. Teremos que sair da nossa organização. Estamos – estamos – estamos arrasados. Vejam, não conseguiríamos agora. Simplesmente não conseguiremos fazer isto, porque não tem lógica.” E quando Josué os dirigiu para lá, foi no mês de abril, quando as águas estavam altas, e o Jordão estava quase da mesma largura que o rio Ohio. Parecia que Deus havia cometido um engano terrível.
117 Você sabe, às vezes você fica doente, e diz: “Bem, sou cristão. Deus, Ele – Ele cometeu um engano, Ele me deixou ficar doente, e sou cristão.” Você não entende que a Bíblia disse que tudo operaria juntamente para o bem daqueles que amam a Deus?
118 Onde Josué os dirigiu para lá, agora, o Jordão fica bem baixo. Pode-se atravessar andando quase que em qualquer lugar por ali, a mesmo que se depare com uma depressão na água onde seja bem fundo; pode-se, e com todos os trechos rasos e coisas assim ali mesmo no – no barranco onde Jericó se encontrava. Ora, é, pode-se atravessar andando, não passa muito mais do que da altura do calcanhar, é só atravessar dirigindo um jipe, dirigir, atravessar cavalgando, atravessar andando, ou qualquer coisa. Mas ele os dirigiu para lá na época de abril, quando o campo que ficava inundado estava inundado ali quase que uma milha. A água estava provavelmente a trinta ou quarenta pés [9 ou 12 metros] de profundidade ali. E ele disse: “No terceiro dia, vamos para o outro lado. Deus disse que sim! Ajuntem o povo e santifiquem a eles, pois, no terceiro dia, vocês passarão para o outro lado do Jordão.” Está vendo como que Deus deixa isso acontecer? Só para fazer isso, fazer as pessoas… só para tirar a Sua multidão. O que fizeram? Santificaram-se e aprontaram-se, independente de quão profunda estivesse a água, e quão lamacenta estivesse, e quão forte estivesse a correnteza. Veja, eles sabiam que Deus provaria a Sua Palavra.
119 Não importa o que seja, quão próximo você esteja do Jordão, não importa quais sejam suas circunstâncias, se você ao menos puder cumprir aquela promessa de Deus no coração, Deus provará que Ela é assim. Em meio a toda incredulidade, Ele ainda provará que Ela é assim. Sim, Ele prova. E circunstâncias não O detêm, mesmo assim Ele fará a mesma coisa que Ele fazia naquele tempo.
120 Note, é através de Seus crente que Ele prova a Sua Palavra. Ele pode somente provar a Sua Palavra… não através de incrédulos, é apenas através de crentes que Ele pode provar a Sua Palavra. Não importa quanto o resto deles clamassem ser: “Oh, eu creio, irmão!” Veja, se você crê, Deus provará ser assim, porque olhamos e vemos os outros. Como podemos dizer, então? Veja, é através de verdadeiros crentes que Ele prova a Sua Palavra; não através daqueles que dizem crer, mas aqueles que realmente crêem. É através de Seus filhos que crêem que Ele prova a Sua Palavra.
121 Agora, ele tinha os crentes. A antiga geração havia morrido, os incrédulos que disseram: “Não conseguiríamos tomá-la,” Ele deixou que cada um deles perecesse (por quê?), cada um deles, a não ser os crentes. Quem sobrou? Moisés havia sido levado para a Glória. E os incrédulos havia perecido no deserto, e estes eram os filhos deles. Houve apenas dois que atravessaram, e esses foram os crentes, Josué e Calebe. Eles foram os crentes, foram eles que atravessaram. É a única maneira que Deus pode fazer isso, é através de Seus filhos que crêem. Você crê nisso? Muito bem. Os crentes Dele foram os que fizeram isso. Ele os usou para com eles atravessar. Está vendo?
122 Agora quero que você note: Ele faz desse modo em toda era. Ele faz isso toda vez pelo mesmo método, Ele tem que tomar crentes. E então, a fim de fazer que crentes cumpram essa Palavra, Ele tem que predestinar isso para essa era. Você está vendo? Ele tem que predestinar essa coisa para esta aí para enfrentar o desafio da era. Isso pegou você? Você sentiu isso? Você viu isso? Você entende isso? É isso o que está acontecendo hoje, Ele predestinou tal para isto, por Sua presciência . Quando Ele predestinou, em Malaquias 4, tem que acontecer. Quando Ele vem predestina qualquer coisa para acontecer em Sua Palavra, Ele tem que provar que a Palavra Dele é assim. Quando Ele predestina qualquer coisa para acontecer e diz que vai acontecer, Ele sabe que aquela semente ali estará bem naquela hora. Ele predestinou uma Noiva, Ela estará aí! Vai haver um Arrebatamento. Ela estará aí! Ele predestina por Sua presciência. Veja, não tem nada que vai deter isso.
123 Quando Deus lhes disse: “Agora, dou-lhes uma promessa de uma terra prometida. Eu disse ao pai de vocês, Abraão, que os filhos dele peregrinariam aqui durante quatrocentos anos.”
124 Agora, Moisés disse: “Sou o profeta do Senhor. Agora observem e vejam aquilo que profetizo. Se acontecer, então saberão que sou enviado do Senhor, pois vocês sabem que Deus já lhes disse isso. Agora, agora se eu profetizo isto e acontece, e aquilo e acontece, e isto e acontece, toda vez bem do mesmo jeito, agora vocês sabem que sou enviado do Senhor para dizer-lhes. Agora, existe uma terra prometida, que Deus prometeu. Está vendo? E Deus prometeu esta terra. Agora, é uma terra boa, que mana leite e mel. Sigam-me.”
125 E ao saírem para o deserto onde era para ele viajar, para levá-los no deserto, onde, Deus lhe disse para trazê-los de volta ao Monte Sinai, então Deus desceu diante de todo o Israel, com uma Coluna de Fogo, e confirmou que o que Moisés tinha dito, estava ali, provando que estava certo, confirmando Moisés ali: “Moisés disse que Eu estava nesta montanha, Eu lhe apareci na forma de uma sarça ardente. E agora estou com a montanha inteira ardendo.”
126 Eles disseram: “Isso! Que não fale Deus. Que fale Moisés. Pereceremos.”
127 Ele disse: “Eu – Eu – Eu não mais farei isto. Levantarei um profeta para eles, ele – ele lhes falará em Meu Nome.” Então é isso o que Ele faz, exatamente da maneira que Ele opera a Sua Palavra.
128 Note, então, aqueles que descreram, depois de terem chegado tão perto da terra que descreram. Agora vocês que estão tomando nota, anotem Hebreus 6, aqui mesmo onde disse: “Os que já uma vez foram iluminados, fizeram-se participantes do Espírito Santo; pois assim, recaíram, serem outra vez renovados para arrependimento; pois assim, quanto a eles, de novo crucificaram o Filho de Deus, e O expõem ao vitupério; é impossível que esses sejam salvos.” Veja, impossível do mesmo modo para que atravessem naquela terra prometida.
129 As pessoas chegam direto até o Batismo do Espírito Santo, chegam direto até á Palavra, surgem através de todas as denominações, e todas as igrejas, e todos os catecismos, e tudo mais, mas quando se trata daquela Palavra, de cruzar aquela linha, elas dizem: “Oh, não sei não quanto a Isso, a minha igreja não A ensina desse jeito.” Não me interessa o que a sua igreja ensina, a Bíblia diz que Ela é desse jeito. Então você diz: “Como sei que Ela está certa?” Ele confirma, e prova!
130 Agora, a Bíblia aquele dia, disse: “Há uma boa terra lá. E está cheia de leite e mel, e uva boa e romã, e, oh, é um belo lugar.”
131 Ora, disseram: “Agora, alguns de vocês dêem uma chegada lá e dêem uma olhada nela, e voltem, para assim podermos consolar estas pessoas. Agora vamos atravessar logo em seguida, se todos vocês crerem.” Bem, lá se foram.
132 E eis que voltaram, oh, dois deles simplesmente exclamando: “Bem, louvado seja Deus! Nós a vimos! Nós a vimos! Oh, é uma maravilha, não há nada como ela!” O resto dos dez em pé por ali, dizendo: “Oh, não, não, não, não, nós não conseguiremos fazer isso.” Quantos atravessaram? Aqueles dois! Isso mesmo. Aqueles dois, porque sabiam que Deus provaria que a Sua Palavra é certa. Note, nenhum Jordão que se expandia, não senhor, nenhum barranco inundado do Jordão, ou nenhum gigante de Canaã poderia detê-los. Deus provou que a Sua Palavra era assim, Ele os levou direto para a terra.
133 Ele fará a mesma coisa outra vez sim, senhor, nas promessas de hoje. Ele prova a Sua Palavra. Independente do que aconteça, Ele prova a Sua Palavra.
134 Um dia Ele deteve a boca de leões famintos que comiam humanos, para provar que a Sua Palavra era verdadeira, que Ele podia libertar, a Daniel, o profeta. E alimentavam esses leões com carne humana. E deixavam esses leões com fome, para que quando alguém caísse ali dentro, ou uma criança, qualquer um que jogassem ali dentro, era pena de morte, esse leão o despedaçaria, este bando de leões famintos. E pegaram este profeta, com a Palavra do Senhor para os filhos de Israel, que tinha profetizado que tomariam aquele lugar. E ali estava ele com eles. Mas Deus não tinha terminado, Ele queria provar a Sua Palavra, que Ele podia libertar. E fizeram aqueles leões passar fome, e lançaram aquele profeta ali dentro, e correram em direção a ele na mesma hora. Aquela Coluna de Fogo parada ali, (e qualquer animal tem medo de fogo), aquela Coluna de Fogo parada ali, os leões deitaram. Ele cumpriu a Sua Palavra. Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente. Deus cumpre a Sua Palavra, Ele prova, Ele prova que Ela é assim.
135 Agora, Ele tirou o calor da chama da fornalha ardente, para provar que a Sua Palavra era assim, que Ele podia libertar do fogo. Bem no meio daquelas chamas, ali dentro bastante tempo, quando até mesmo o homem que lhes lançou dentro, o calor intenso da – da fornalha matou os grandes soldados que para ali os levavam. E Deus deixou que o fogo continuasse a queimar, mas Ele tirou o calor dele. Ele prova! Se você ficar do lado Dele, Ele ficará do seu lado. Ficar do seu lado? Bem, certamente! Uma hora mais tarde, abriram a porta, e disseram: “Ora, de qualquer modo, quantos vocês puseram ali dentro?” Disseram: “Vemos três que pusemos ali dentro.” Ele disse: “Tem quatro ali dentro, e um deles parece o Filho de Deus.” Veja, Ele mostra! Por causa do quê? Ele é a Palavra.
136 E disseram: “Deus é capaz de nos libertar daquela fornalha ardente, mas, mesmo assim, não vamos nos inclinar a qualquer imagem, porque nossa posição é do lado da Palavra.” Qualquer imagem, forma de religião, afaste-se disso. Deus ficará do seu lado. Ele tirará o calor da perseguição. Ele tirará a – a vida do câncer. Ele tirará o… Ele fará qualquer coisa, Ele é Deus! Você fique do lado Dele, Ele ficará do seu lado. Ele prova que a Sua Palavra é verdadeira, toda vez. Tirou o calor da chama, deteve a boca dos leões, e assim por diante.
137 Aqui está outra coisa que Deus fez, para mostrar que Ele era Deus. Os homens ficaram assim, depois do deserto lá, que estavam dando a si mesmos títulos escolares, tornando-se grandes homens. Tinha umas organizações chamadas fariseus, suduceus, herodianos, e qualquer mais que fosse. E eram grandes homens. Um tornava o outro sacerdote. E faziam grandes coisas assim, faziam sumos sacerdotes e grandes homens, e dignitários e assim por diante.
138 Mas Deus, no meio de tudo isso, Ele levantou um profeta, um filho de um sacerdote. Nunca… foi para o deserto com nove anos de idade. Não conseguia ler o seu nome, mesmo que fosse em letra do tamanho de um vagão de carga. Por quê, por que ele fez isso? Ele era profeta. Se ele tivesse sido treinado na instrução de seu pai, ele provavelmente tivesse sido fariseu ou saduceu, ou um dos grupos deles. Mas ele tinha um trabalho importante, que era anunciar o Messias. Por causa do quê? Deus cumpriu a Sua Palavra, e provou. “Voz daquele que clama do seminário: ‘Eis que tenho meu diploma de doutor’”? Isso – isso talvez esteja no Almanaque de Aniversário das Senhoras Idosas, mas não na Palavra de Deus. Ele disse: “Voz do que clama no deserto: ‘Preparai o caminha do Senhor, e endireitai as Sua veredas! Estava Ele preparando o caminho da Palavra então, para que a Palavra pudesse se manifestar? Aleluia!
139 Você não vê, em sombras? Pare aqui um minuto. Nos últimos dias, tem que haver um lugar preparado para a Palavra se manifestar, e estamos agora vivendo pela evidência da nova Terra, amém, o Filho do homem.
140 A comissão de João, sem instrução, sem nada, ficou no deserto. Seus sermões foram em tipos. “Está posto o machado à raiz da árvore,” era isso o que ele via. Cortar com o machado, fazer sua choupana, fazer fogo para queimar sua lenha. “Oh, geração de cobras,” era isso o que ele via. A coisa mais detestável da selva, para ele, do mato, era a cobra. Disse: “Geração de cobras, quem vos ensinou a fugir da ira vindoura? Não começai a dizer: “Temos isto, e pertencemos a isto, e pertencemos àquilo, destas pedras Deus pode suscitar Filhos a Abraão. Está posto o machado à raiz da árvore, e toda a árvore que não produz bom fruto… O que ele faz no deserto quando ela não… produz gafanhotos e coisas assim para ele, ele a corta e a queima. Está vendo? “Ele ajuntará o trigo no celeiro, mas queimará a palha com fogo que nunca se apaga.” Um homem assim, nem mesmo usando sua capa de clérigo, nem mesmo com seu boné de sacerdote. Está vendo? Ele veio com um pedaço de ovelha envolvida nele, com um pedaço de couro de pele de ovelha envolvida nele, com um pedaço de couro tirado do dorso de um camelo, enrolado nele, e apareceu lá com a barba e o cabelo cerrado assim, disse: “Está posto o machado à raiz da árvore.” Amém. Ele veio, ousando. Por quê? Era a Palavra de Deus sendo provada; “Destas pedras Deus pode!” Deus prometeu; “Eis que envio o Meu mensageiro diante da Minha face.” Não uma prova muito religiosa, não científica ou religiosa, mas a prova da Palavra de Deus. Deus estava cumprindo a Sua Palavra, veja. De modo nenhum um erudito, mas um profeta, enviado no Nome do Senhor. Ele fez isso, por quê? Para confirmar a Sua Palavra.
141 Agora, aqueles sacerdotes disseram: “Agora, sabemos que tem um que virá nos últimos dias, por isso instruiremos todo rapaz que temos, e nos aprontaremos para isso. Cada um de vocês, rapazes, tem que ter instrução universitária. Vocês têm que vir aqui. Não há dúvida que estará na linhagem, ele virá do modo dos levitas, porque é daí que vem o sacerdócio.” Mas ele não era sacerdote, ele era profeta! E isso foi da escolha de Deus. Ele não tem que vir de certa denominação ou certa linhagem. É da escolha de Deus, por predestinação, presciência. Ele vem através da maneira de Deus escolher. Assim que não acreditavam nele, porque ele não veio da maneira que haviam preparado, achado que viria. Isso poderia se repetir, você sabe, normalmente se repete. Mas vemos que ele veio da maneira que Deus preparou, para provar a Sua Palavra.
142 Note, Ele fez que a virgem concebesse, para provar a Sua Palavra. Isaías 9:6, e vemos que: “Um filho nos nasceu, um menino se nos deu.” Agora, vemos que Ele havia dito que uma virgem conceberia. E Deus fez uma virgem conceber. O quê? Para provar a Sua Palavra. Agora ouça só alguns minutos, estaremos encerrando. Ele fez que uma virgem concebesse, para provar a Sua Palavra. Isso foi absolutamente… Isso deixou todos os cientistas perplexos. [Espaço em branco na fita – Ed.]… para ir.
143 Você entendeu isso, entendeu? Veja, a terra está amaldiçoada. A terra inteira está amaldiçoada, por causa do pecado de Adão. Mas quando esta pequena semente… Agora, a mulher não tem semente. Ela tem um campo que a semente se situa, não uma semente, porque não tem germe, germe tem que… uma semente tem que ter vida nela. Se não tiver, ela é apenas um material, a vida não está aí. De modo que a semente está no homem. É por essa razão que a semente da serpente tinha que estar na mulher, veja, porque não era a semente de Deus. Sabemos disso. Vá, espere até receber este livro e leia-o, e então você – você verá, ou apenas para mostrar-lhe pela maneira Escritura, apenas para abrir a coisa toda justamente da mesma maneira do batismo em água no Nome Dele, para ver como é. Deus nunca está errado, Ele sempre está certo. Embora você não consiga entendê-La, creia Nela mesmo assim. É exatamente a Verdade.
144 E agora vemos que Ele – Ele disse isto, Ele fez isto acontecer. Agora, quando esta pequena semente, sem um homem, entrou num pequeno óvulo no campo que Ele havia criado, então aquela pequena semente, o pequeno germe entra no óvulo, e a pequena cauda desgarra-se aqui e começa a desenvolver célula após célula, vivendo da vida da mãe, do corpo dela; e ela alimenta isso aí através da sua corrente sangüínea. E vemos, agora, que ela alimenta isso; não o sangue disso; é o sangue dela. Não, não tem nem um pouquinho do sangue da mãe. Mas alimenta-se da coisa que tem vitamina, da mãe, mas não do sangue dela. Está todo envolto na porção do sangue dela, para não deixá-lo entrar em choque e coisas assim, e a água, mas não é nem um pouquinho o sangue da mãe. A mãe pode estar morrendo com tuberculose, e nascido do bebê; ele não pode herdar isso, porque tuberculose é um germe, circula pela corrente sangüínea. Mas ela pode… ele pode… Tuberculose não se herda; debilidades se herda, mas tuberculose não, porque ele tem que respirar o ar expelido pela mãe, e contrair o germe, veja você, antes de poder. O bebê é perfeitamente livre quando nasce, porque não tem nada do sangue da mãe.
145 Agora, vemos que Deus entrou nesta pequena célula, veja, e Ele começou a desenvolver células, absorveu as vitaminas da Sua mãe e coisas assim, como ela. Então quando Ele chegou na idade suficiente para Ele mesmo comer, Ele começou a comer. E o que é isso? É o – é o pó da terra, de onde uma pessoa vem e vida vegetal e vida animal e assim por diante, e Ele, ao começar a comer peixe e pão e assim por diante, começou a desenvolver células. E então quando estava completamente amadurecido aos trinta anos de idade, Ele foi batizado em obediência a João aqui embaixo, ou a Deus, na água, e se foi. E o que aconteceu? A Pomba, que era Deus, descendo do Céu, com uma voz dizendo: “Este é o Meu Filho amado em Quem Me comprazo habitar.” O que Ele veio fazer? Redimir essa parte da terra. Ele era o princípio da criação de Deus. Porque, Deus não é criação, somente em Cristo Ele é criação, porque Deus é eterno e um Espírito, e não se cria um Espírito. Ele era o princípio da criação de Deus, e Deus redimiu esse corpo. Veja, quando Ele desceu: “Este é o Meu Filho amado, Nele Me comprazo.”
146 Então Ele, Deus, desceu depois de passar por isto, e agora todo filho, que se alimenta e nasce de nascimento sexual natural, da maneira que se vem; então quando chega ao ponto que se passa pelo batismo em água, então batismo do Espírito Santo, então o Espírito Santo desce no batismo de Fogo e declara esta criação como sua, da mesma maneira que fez com Ele. O Espírito Santo e Deus são o mesmo Espírito. Está vendo? Desce e declara este corpo como seu para a ressurreição. E Ele ressuscitou para a nossa justificação; “Todo aquele que o Pai Me deu virá, nem um se perderá. Eu o ressuscitarei no último dia. Nem um fio de cabelo perecerá.” Esse foi o princípio da criação de Deus. Esta é a continuação da criação de Deus. Então a terra inteira tem que ter um batismo. E então o Espírito Santo desce numa cidade para habitar na terra, e o tabernáculo de Deus está com os homens, e habita com eles, Deus tem Se abrigado aqui na terra. Este plano todo de redenção: justificação, santificação, batismo do Espírito Santo, da mesma forma que foi antes.
147 Agora note, Ele fez que esta virgem concebesse, e foi nisto que ela deu à luz um Filho sem conhecer homem. Isto tem deixado a ciência perplexa no decorrer das eras. Ainda deixa. Talvez tenham rido de Isaías quando ele falou e disse que esta virgem conceberia: “Agora, como pode ser isso?”
148 Imagino, Isaías, a vergonha, quando ele ouviu Deus dizer: “Eu lhes darei um super sinal, Eu lhes darei um sinal eterno, uma virgem conceberá.” Agora, ele, conhecido entre o povo, o seu povo, um profeta, vindicado por Deus. Agora quando ele apareceu diante dos doutores e assim por diante, com esta afirmação: “Uma virgem conceberá.” Veja, nunca tinha sido assim, desde o princípio do tempo, isso está ligado lá com o passado quando Deus criou o Seu primeiro homem. Mas aqui, agora, que, uma mulher que está aqui na terra vai conceber. Pense nisso numa esfera lógica, e se aquele profeta tivesse ficado envergonhado? Mas ele sabia que Deus cumpriria a Sua Palavra, que Ele provaria. Imagino que toda família hebraica aprontou sua filha para ter este bebê, veja, comprou sapato e bota para ele, ou seja o que usem, e o tecido para fralda, e aprontaram-se para – para o bebê chegar. Gerações passaram, mas Deus provou a Sua Palavra! Uma virgem de fato concebeu, e ela deu à luz o bebê, provou que a Palavra do Seu profeta era a Verdade. Ele sempre é leal com eles.
149 Este Filho da virgem era a Palavra manifestada. Agora São João 1, se quiser ler isso. São João 1, este profeta, este profeta também. Mas este Filho da virgem era a Palavra manifestada, o princípio da criação de Deus. Agora, a terra inteira é criação de Deus, mas está perdida. Está vendo? Então Ele redime esta terra. E você é parte da terra, e Ele redime você do mesmo modo que Ele redime a terra inteira. Está vendo? Agora, este Filho da virgem era a Palavra manifestada: “No princípio era o Verbo, o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós.”
150 Satanás tentou aplicar toda trapaça para fazer a Ele desonrar isto. Satanás tentou tudo o que podia para – para fazer a Ele desonrar isto, tentou fazer a Ele tomar o reino sem sofrimento, tentou fazer a Ele tomá-lo sem redenção (quando era o plano de Deus no jardim do Éden, quando Ele matou o cordeiro, que apenas através de sangue Ele o aceitaria), até mesmo Lhe prometeu todos os reinos do mundo se Ele aceitasse. Imagine só que promessa!
151 Vocês não se dão conta, meus estimados e preciosos amigos, neste instante, que Satanás faz promessa para você de… ele fará de você um dos melhores ministros deles na associação. Ele lhe dará o assento da frente em toda igreja, e fará de você diácono. Ele fará qualquer coisa, se você apenas se afastar desta Palavra.
152 Agora note, fazer todo… dar-Lhe o mundo e todos os reinos, Ele podia aceitá-los. Ele estava tentando fazer com que Ele desobedecesse aquela Palavra, porque ele sabia que O teria vencido ali mesmo se conseguisse. Ele fez com que Moisés A desobedecesse, ele fez que Eva A desobedecesse, mas ele pegou o homem errado desta vez. Por quê? Ele era a Palavra, e ele não sabia disso. Ele era aquela Palavra, Ele mesmo.
153 Posso vê-lo. Queremos ilustrá-lo numa ilustração mais ou menos de criança. Posso ver aquelas grandes asas negras abanarem contra Eva, e dizer: “Agora, vou lhe dizer uma coisa, é agradável. Você deveria provar isto.”
“Mas Deus disse que se provássemos nós morreríamos.”
154 “Oh, ora, certamente que não morrerão. Está vendo? Oh, isso é bobagem. Isso é idéia atrasada. Não acredite nisso.” Mas Deus tinha dito que sim! Deus provou que está certo. E Ele está provando agora mesmo, pessoas estão morrendo neste minuto. Ele ainda prova que está certo.
155 Note, e quando ele chegou até Moisés, ele disse: “Moisés, você sabe que é de cabeça quente, você é genioso. Veja o que aquele bando de renegados fez, veja. Por que você não vai lá e diz para eles a respeito disso?” E ele foi.
156 Mas quando ele foi contra esta linha de dez mil volts, ele levou a pior quando foi contra Ele. Ele disse; “Oh, ouça,” disse, “eu Te darei todos os reinos.”
“Está escrito!” Está vendo? “Está escrito!”
157 Ele disse agora: “Se Tu fores o Filho de Deus.” Veja, ele sempre duvidou Dela. Ele ainda ensina outros a duvidar Dela. Ele ensinou Eva a duvidar Dela, ensinou Moisés, ensinou todos eles a procurarem duvidar Dela.
158 Ele está ensinando você tentar duvidar Dela. E vocês que estão sentados aqui mesmo agora, se quiserem que cite seus nomes, tem sido, Satanás tem procurado faz tempo conseguir que duvidem de mim. Não faça isso. Irmã, se fizer isso, bem, você… ou, não eu, mas só duvidar. Somente creia nesta Palavra. Você não tem que acreditar em mim, mas acredite Nisto. Está vendo? Se eu falar esta Palavra, não é minha, é Dele. A minha é diferente, mas Esta é a Dele. Está vendo? Note agora, note. Não quero entrar nisso agora.
159 Note, promessa, todas as Palavras Dele, são absolutamente verdade. Ele As provou. Ele provou, porque Ele provou que Ele era a Palavra verdadeira. “Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a Palavra que sai da boca de Deus.”
160 O que, como ele vive? Por: “Bem, se tomar um pouco da Palavra de Deus, ele viverá”? Agora, não foi isso o que Ele disse. Você notou t-o-d-… “toda Palavra”? Como ele vive? “Oh, ele come aí”? Não, ele está morrendo rápido. Isso é carne. “Bem, ele, oh, ele pertence à igreja. Ele crê em tudo, menos Nisso”? Ele ainda está morto. Você entende?
“Ele somente pode viver de toda Palavra que procede da boca de…” Do sacerdote, do bispo, do cardinal, do pastor? “Deus! Toda Palavra que procede da boca de Deus.” Como sabemos que é a Palavra de Deus? Ele diz que é, então A prova. Ele prova a Sua Palavra. Note então, se for assim, a sua confissão não fará você viver.
Note, da Palavra Dele somente, não apenas uma Palavra mal empregada. Ninguém… Uma palavra matou a raça humana. Na Bíblia, em Apocalipse 22, uma palavra ainda matará o negócio todo, o nome desse será tirado do Livro da Vida. “Todo aquele que acrescentar uma palavra, ou tirar uma Palavra.” Nem uma palavra! Não…Não, quero dizer, não – não duas palavras, apenas uma palavra! Não uma sentença; uma palavra! Uma palavra! Oh, pessoal, vocês entendem?
161 Agora, não estou exatamente falando apenas com esta audiência. Isto é gravado, veja você, e vai em torno do mundo todo. Vocês entendem, povos do mundo, que uma Palavra, uma Palavra, não uma sentença, não um parágrafo, uma Palavra, só isso que Eva descreu. Trouxe… Deus provou. “Mas então se cumprirdes todo Palavra, vivereis.” Duvidaram de uma Palavra, trouxe morte à raça humana. Mas nem só de pão viverá o homem, para sua força física, mas de toda Palavra, toda Palavra justamente da maneira que está escrita. A Bíblia diz: “Não é de interpretação particular.” Não pertence a ninguém, de modo algum, tentar qualquer coisa para interpretar a Palavra de Deus. Deus é o Seu Próprio intérprete.
162 Quando Ele prometeu, Ele disse: “Haja luz, “e houve luz. Ele disse: “Uma virgem conceberá,” e ela concebeu. Veja, qualquer coisa que Deus diz, Deus prova.
163 Não importa o quanto você pense que a ressurreição física não pôde ser, e aquelas pessoas lá no passado, e apenas pó da terra, e além do pó agora, estão apenas nos ácidos e gazes de que seus corpos foram formados. A alma deles ainda vive. Deus disse: “Eu a ressuscitarei.” Jó disse: “Depois dos vermes da minha pele me consumirem, ainda em minha carne verei a Deus.” Veja, não importa, toda Palavra tem que ser guardada, e o homem viverá dessa Palavra. Ele ressuscitou um homem dentre os mortos, depois de estar morto quatro dias, para provar que Ele era a ressurreição e a Vida. Quando um homem tinha morrido fazia quatro dias e estar cheirando mal, o seu nariz já tinha afundado em quatro dias. É isso mesmo. A primeira coisa que afunda é o nariz, no ser humano, é o nariz, afunda-se no cadáver, desliza e afunda-se. Então a pele, os bichos, você…Colocam você num caixão selado, seja o que for, no entanto os vermes da pele não têm que vir do chão, eles estão em você. Você notou que Jó disse: “Depois dos vermes da minha – minha pele me consumirem.” Não os vermes da terra, não haveria nenhum. Os vermes estão em você, prontos para consumi-lo, a morte trabalhando em seu corpo mortal. Mas quando você tem Cristo, então a Vida está trabalhando em seu corpo mortal, para ressuscitá-lo. Está vendo? Ele ressuscitou um homem dentre os mortos, depois de estar morto durante quatro dias, “ele cheira mal,” para provar o que Ele disse; “Eu sou a ressurreição e a Vida.” Agora, quem poderia dizer isso a não ser Deus, veja: “Eu sou a ressurreição e a Vida. Quem crê em Mim, ainda que esteja morto, viverá.” Você crê nisso? E Ele ressuscitou aquele homem, para provar que a Sua Palavra estava certa. Isso mesmo!
164 Note, Ele era a Palavra. Hebreus 4:12, se quiser anotar. Hebreus 4:12, disse: “A Palavra de Deus é mais afiada do que espada de dois gumes, apta para discernir os pensamentos e as intenções do coração.” Está certo? “Apta para discernir.” Para provar que Ele era a Palavra, o que Ele fez? Pedro chegou a Ele, o nome dele era Simão. E ele chegou a Jesus, e Ele disse… sentou-se lá, e Jesus, logo que chegou, Ele disse: “O teu nome é Simão, e és o filho de Jonas.” Sem instrução, sem diploma para apoiá-lo, ele não era nada mais que um pescador comum, sem estudo, a Bíblia disse que era “ignorante e sem instrução,” mas ele se tornou o bispo da igreja de – de Jerusalém. Por quê? Por quê? Jesus lhe disse quem ele era, qual o seu nome, e qual era o nome de seu pai. E ele sabia que essa era a Palavra, porque a Bíblia disse: “O Senhor teu Deus levantará um profeta semelhante a Mim,” e esse tinha de ser o profeta, e não havia profeta prometido depois de Malaquias até o Messias, quatrocentos anos sem profeta. E eis um Homem que se encontrava ali, confirmando, ou provando a Sua Palavra, para este homem que estava predestinado à Vida, disse: “O teu nome é Simão, de agora… Tu és o filho de Jonas, de agora em diante serás chamado ‘Pedro.’” Pense nisso! A quem Ele provou? Por que Ele não provou aquela Palavra para… Por que Ele não provou aquela Palavra para Caifás? Ele era Deus, Ele sabia que Caifás nunca creria. Mas este homem foi ordenado à Vida, ele A conheceu naquele mesmo instante.
165 Uma vez em pé no meio, onde outro homem alguns dias depois foi pegar um amigo do outro lado da montanha, cerca de quinze milhas de onde estavam pregando, trouxe-o no dia seguinte. Ele estava lá em pé no meio, e chegou até onde Jesus estava. Jesus deu uma olhada por ali, Ele era Deus, veja, Ele tinha discernimento. Aquilo mostrou isso, veja, tornando a Palavra certa, Ele provou a Palavra.
Agora, alguns diziam: “Sabe, esse homem é a Palavra.”
166 “Bobagem,” aqueles sacerdotes diziam, “esse rapaz não é. Não. Esse não é a Palavra.”
167 Diziam: “Vocês sabem o que a Escritura diz: ‘O Senhor nosso Deus levantará um profeta semelhante a Moisés.’ E Ele é esse. Ouçam a Ele.”
168 Bem, Ele disse: “Eis que tu és um israelita, em quem não há dolo.”
Este rapaz disse: “Rabi, quando me conheceste Tu?”
169 Ele disse: “Antes que Filipe te chamasse, quando estavas debaixo da árvore, te vi Eu.” Ele sabia quem creria Nisso.
170 Ele disse: “Rabi, Tu és o Filho de Deus. Tu és a Palavra.” Jesus provou que Ele era a Palavra, pela Palavra.
171 Note a pequena mulher junto ao poço. Ela estava esperando um Messias. Ela não tinha nada a ver com o grande número de gente e denominações deles, e assim por diante, que tinham naqueles dias. Ela estava esperando a Palavra. Assim que um Homem, uma vez, sentado ali, um Homem comum, sentado no caminho, disse – disse: “Mulher, dá-Me de beber.”
172 Ela disse: “Agora, espere aí, Ele provavelmente está tentando tomar liberdade comigo,” talvez tenha pensado em seu coração, porque ela estava marcada como mulher de má fama. Disse: “Por que, Tu tens… por que me fazes Tu uma pergunta assim? Temos segregação aqui. Tu és – Tu és – Tu és apenas um… Tu és judeu, nós somos samaritanos, não… não é de costume, não está certo Tu me perguntares assim.” Está vendo?
173 Ele disse: “Mulher, se soubesses com quem falas, tu Me pedirias de beber.”
174 Ela disse; “Tu, de beber? Não vejo nem um balde ou corda. Como que chegarias Tu a dar-me água deste poço?”
Ele disse: “Não é desse poço que estou falando.” Está vendo?
175 Depois de um tempo, ela disse: “Este indivíduo é estranho.” Então ela começou a erguer o cântaro de água, puxando.
176 Disse: “Bem, a água que dou seria fontes de água, gêiseres, saltando para a Vida Eterna, e em tua alma.”
177 “Bem,” ela disse, “agora, espere aí, eu – eu entendo que Tu és judeu.” Disse: “Agora, vocês, judeus,” disse, “Tu estás tentando me dizer que Tu és maior que nosso pai, Jacó, o qual abriu este poço?” Ele era o Deus de Jacó. Está vendo? Disse: “Tu queres dizer que Tu és maior que – que Jacó, o qual abriu este poço?” Um Homem comum, veja, parecia. Era tudo o que se via, um homem comum. Disse: “Tu dizes ser maior do que nosso pai, Jacó, o qual abriu o poço, e ele mesmo bebeu dele, e seu gado? Bem, nós somos bem-aventurados por bebermos deste poço que aquele profeta abriu.”
Ele disse; “Hã-hã,” Ele disse.
“E adoramos nesta montanha. Tu dizes ‘em Jerusalém.’”
178 Ele disse: “Salvação é do judeu, mulher, sabemos do que estamos falando.” “Vós adorais não sabeis o quê.” Um judeu é para saber a Palavra, veja, como que Ele deveria ser. Mas, veja, Ele estava observando agora. Por quê? Ele vai… O que Ele vai fazer? Provar a Sua Palavra. Está vendo? Ora, ela disse… Ele disse: “Por sinal, vai buscar o teu marido e vem cá.”
E ela disse: “Não tenho marido.”
179 “Ora,” Ele disse, “disseste a verdade, veja, porque tiveste cinco, e o que agora tens não é teu marido.” Está vendo? Observe! Algo aconteceu, veja, algo tomou Vida. Agora, se para começar isso não tivesse estado ali, se ela não tivesses tido representação da predestinação, isso nunca teria criado raízes.
180 Ali se encontravam os sacerdotes ali, diziam: “Este homem é Belzebu.” Veja, sem representação.
181 Vida Eterna, “você sempre foi.” Veja, você tem Vida Eterna, há somente uma forma dela, que é Deus. Você era atributo Dele, Ele pensou em você e o conhecia antes da fundação do mundo, na mente Dele. Está vendo?
182 Ela deu uma olhada por ali. Veja em que – que condição pecaminosa ela estava. Mas, veja, Ele não podia – Ele não podia ter conseguido aquele sacerdote, porque o sacerdote era um erudito instruído, um teólogo na Palavra, mas sem representação no Céu, veja, de jeito nenhum estava no pensamento de Deus. Mas esta mulher estava. Ela disse: “Senhor, percebo que Tu és profeta.” Era só isso que Ele queria que ela visse. Está vendo? Disse; “Cremos que Tu és, eu creio que Tu és profeta. Agora, sabemos. Não entendemos a respeito dos profetas agora, porque se faz bem tarde, sabemos que um Messias virá. E quando esse Messias vier, Ele será a Palavra. Veja, Ele vai conhecer os segredos do coração, Ele vai fazer as mesmas coisas que – que Tu fizeste aí.” Disse: “Tu deves ser um dos profetas Dele, para precedê-Lo ou algo assim.”
Ele disse; “Eu O sou.”
183 que Ele faria? Ele estava provando a Sua Palavra, provando a Sua posição, provando o que Ele era. Deus estava em Cristo, reconciliando Consigo o mundo. E Deus é a Palavra. Muito bem. Ele acalmou o vento e as ondas, para provar a profecia de Isaías: “Ele se chamará ‘Deus Forte, o Pai da eternidade.’” Está vendo? Ele também multiplicou pão e peixe, este Filho nascido de virgem. O que foi isso? Para provar a Palavra. A Escritura toda tem que ser cumprida. Ele provou a Palavra, dizendo que Ele era Jeová manifestado. Ele era o princípio da criação de Deus. Deus em criação, Deus com uma pequena parte da criação aqui que Deus estava vivendo em Si mesmo, Ele foi o princípio da criação de Deus: “Dele foram gerados muitos filhos.” Note, Ele também multiplicou os peixes. Ele é a Palavra e a prova da Palavra
184 Agora ouça bem, ao nos aproximarmos do fim. Esse dia, sobre o qual eu li faz alguns minutos, agora, quando Ele veio até à casa de Jairo. Ele entrou, quando chegou ali. Agora, lembre-se, Jairo era um – um sacerdote, um crente de fronteira. Ele queria crer em Jesus, mas não gostava da idéia de largar sua igreja, porque tinham dito: “Qualquer um que crer Nele será expulso da igreja.” Agora, ouça bem agora, encerrando, preste muita atenção no que vou dizer. Observe isto. Acredito que Jesus sabia disso quando Ele atravessou o mar, porque Ele conhecia todas as coisas. E quando Ele atravessou o mar, parou lá, e eis que veio este sacerdote. A sua filha ficou muito doente, os médicos a tinham desenganado, disse: ‘Ela está à beira da morte.” Agora, chegou a hora de ação.
185 Talvez isso seja para você esta manhã, chegou a hora de você agir. Está vendo? Talvez esteja muito doente. Talvez esteja convencido que você está errado. Pode que sim. Deus força o assunto, chega a hora de ação.
186 Agora atentamente. E ele veio, não lhe importava o que o resto dizia, bem publicamente, e veio e caiu aos pés de Jesus. Que passo para – para um erudito instruído, chegar a Um que nem temos registro de ter estudado. Como um homem veio, era para ser em toda a teologia, veio a um Homem que supunha-se ser “um réprobo, desvairado, louco, fora do juízo, que nem estava com o juízo perfeito.” Perdoem a expressão, mas “ Ele era apenas um desconjuntado comum daquele dia,” todo mundo pensava isso Dele. Como diríamos hoje, em expressão de rua: “Doido!” Como preguei o outro dia sobre a porca e o parafuso, você sabe. Veja, é isso o que Ele era para o público, apenas comum de cada dia… Diziam: “Ora, Tu estás fora do juízo perfeito! Estás louco! És um demente!” Agora, aqui estava um homem que tinha todos os títulos escolares, procurando Aquele que supunha-se estar fora do juízo perfeito. Ele foi forçado a isso.
187 Observe-a agora. Vai picar um pouquinho, mas será bom para você. Veja, às vezes um choque acorda a pessoa.
188 Note, Ele entrou e foi do lado desta menininha morta, que provavelmente morreu horas antes, e a tinham deitado, e colocado o fluído de embalsamar nela, e colocado em volta do sofá. Era assim que faziam naqueles dias, simplesmente levavam e colocavam num buraco, sobre uma tábua. Ela jazia no sofá, as flores em volta dela.
189 E, oh, aquele bom pastorzinho, Jairo, imagino que fosse um bom pastorzinho, todos o queriam bem. Porque, veja você, posso provar isso, porque ele de fato, em seu coração, cria em Jesus. Mas simplesmente quase não conseguia tomar a decisão, porque ele não receberia um cheque todo sábado ou toda segunda-feira de manhã. Está vendo? Ele simplesmente quase não conseguia tomar a decisão. E outra coisa, o povo, o ótimo prestígio que tinha entre as pessoas, diziam: “Sabe de uma coisa, Jairo ficou fanático. Veja, Ele foi lá ter com aquele profeta falso. É exatamente isso o que fez, onde estão todos aqueles supostos sinais, e coisas assim, aquele Profeta da Galiléia, vocês sabem, Jesus de Nazaré.”
190 Nós não acreditamos nisso agora, parece sacrílego, mas foi desse jeito naquele tempo. Está vendo? “E, algum dia, como é agora, vai ser então.” Veja, a mesma coisa!
191 Agora note, ele foi lá. E quase não conseguiu fazer isso, mas a hora chegou quando foi forçado a fazer. Ele teve que fazer. E eis que foi e buscou Jesus, bem diante de todos eles, e prostrou-se aos pés Dele, e disse: “Mestre! “Mestre!” Você sabe o que é isso? Governo, posse. É isso mesmo.
192 Veja, uma porção de gente quer que Jesus seja Salvador deles, mas não Senhor deles. Veja, Senhor é “pessoa que governa.” Sim. Você diz; “Jesus, salva-me Tu e deixa-me ficar aqui mesmo, e isso está bem, e eu cuidarei do que é da minha conta. Agora, não Te metas no que é da minha conta. Mas Tu podes ser meu Salvador, mas não meu Senhor.” Ele quer ser Senhor, veja você, então Ele é seu Salvador.
193 Mas agora, ele disse: “Mestre, Salvador!” Está vendo? “Eu… a minha menininha, minha filha única, ela tem doze anos, os médicos a desenganaram.” Sem dúvida que o sacerdote disse isto: “Sabe, todos têm falado de Tu seres um fanático, mas, sabe, Mestre, eu – eu – eu creio em Ti. Eu creio. Sei que Tu tens discernimento. E a única coisa que eu quero que Tu digas, é, vem somente pôr Tuas mãos nela. E então me dize o que fazer, eu farei.” Oh, agora vai se conseguir alguma coisa!
Disse: “Eu irei. Eu irei.” E Ele saiu.
194 Depois dele não ter estado em casa várias horas, eis que veio um homem correndo, como era de costume então, cinza em cima da cabeça, disse; “Não importunes o Homem, a tua filha morreu. Já está morta, já a arrumaram e a deitaram.”
195 Oh, doeu-lhe o coração! Jesus virou e olhou par ele, ele disse; “Oh! Oh! Oh!”
196 Ele disse; “Eu não te disse?” Agora, o que Ele fez ali, Ele tinha prometido a Jairo. Agora Ele tem que provar isso. Amém. “Eu te disse. Somente crê e verás a glória de Deus.” Agora, Ele sabia o que estava fazendo. Ele disse que nada fazia até que o Pai Lhe mostrasse primeiro. São João – São João 5:19: “Faço somente o que o Pai Me mostra,” assim que Ele mostrou-Lhe o que ia acontecer.
197 Então quando Ele entrou na casa, e ficou ali do lado daquela pequena forma fria e rígida jazendo ali, esteve doente fazia semanas. E seu corpo pálido, nenhum alimento tinha entrado no seu corpo, e febres e coisas assim, e ela tinha – tinha morrido. Tinham pulverizado-a com esta especiaria de embalsamar e coisas tais. E jazendo ali, você sabe, no sofá e coisas assim, estavam para envolvê-la e colocá-la no túmulo, e puseram… tiveram a pequena cerimônia deles de colocar flores em volta dela. Jesus veio. E todos: “Oh, Jairo a sua filhinha morreu! Oh, pai Jairo, oh! Sentimos muito, e tudo mais.
198 Ele disse: “Oh, aquietem-se, vocês fazem barulho demais.” Ele disse: “Por que este tumulto todo que estão fazendo por aqui?” Está vendo? “Este tumulto, vocês só… vocês estão – vocês estão berrando e gritando. A menina não está morta. Ela dorme. Shhh.”
199 Então o que fizeram eles? Quando ouviram Ele dizer que ela não estava morta, eles… Disse: “Escarneceram Dele.” Em outras palavras, vaiaram-No. “Uuuh! Ora, Você! Ora, Seu falso profeta! Ora, Seu enganador de homem! A menina está morta. O médico disse que está. Nós a embalsamamos, nós a deitamos. Ali se encontra ela, ela está morta.” Disseram; “Ah, ah, ah! Agora, Jairo, você tem falado Dele, e agora?”
200 Sabe o que Ele fez? Ele disse: “Todos vocês saiam daqui.” Perto de incredulidade tal como essa, não pode funcionar. Agora, por que Ele disse isso? Ele disse: “Jairo, se somente crer, você verá a glória de Deus.” Agora, essa é a Palavra Dele. Ele tem que provar isso. Muito bem.
201 Então quando Ele entrou na casa onde todos estavam chorando, Ele disse; “Ela dorme.” Isso era contrário ao bom senso. Ela estava morta, embalsamada.
202 Logo que morriam, eles os embalsamavam naquela mesma hora, logo que a vida saía deles, derramavam aquelas especiarias e coisas assim neles e os envolviam e os aprontavam para serem levados. Veja, enterrá-los, simplesmente os enterravam, bem, às vezes nem avisavam as pessoas. Você sabe, Ananias e Safira; haviam enterrado Ananias, quando Safira… Ananias, quando Safira chegou, veja você; já o tinham levado e enterrado, veja você. Eles só, logo que morriam, despejavam aquele negócio neles e os tiravam e enterravam. Está vendo?
203 Então, ela já tinha sido aprontada para ser levada ao túmulo, mas queriam esperar o papai vê-la antes de enterrá-la. E quando Ele chegou, e ela naquela condição, e Ele disse; “Ela só está tirando um sono ligeiro.”
Bem, disseram: “Agora, se esse Sujeito não está verdadeiramente louco!”
204 Então agora o que Ele fez? Ele já havia dito que ela dormia, Ele tinha que provar a Sua Palavra. Ele não podia fazê-lo diante daquele bando, por isso Ele disse: “Coloquem todos para fora.” E posso vê-Lo olhar para Jairo e dizer; “Você ainda crê?”
“Sim, Senhor.”
205 “Você e a esposa venham aqui. Pedro, Tiago e João, venham Comigo.” Foram ali, e disse esta palavra: talita cumi, que quer dizer: “Menininha, levanta-te.” E Ele provou a Sua Palavra, ela apenas dormia. Está certo? Ele provou aqui que, a Sua Palavra, ela apenas dormia. Está certo? Ele provou aqui que, a Sua Palavra estava certa. Independente da incredulidade deles, mesmo assim Ele provou que a Sua Palavra estava certa, ao acordá-la, porque Ele disse que ela dormia. Ela dormia.
206 Ele fará a mesma coisa algum dia, a cada verdadeiro crente, pois a Sua Palavra prometeu. “Os que estão em Cristo, Deus os trará com Ele.” Veja: “Os que estão em Cristo.”
207 que esta menininha judaica fez? Comecei a me desviar desta Escritura aqui, mas eu – eu vou – vou continuar. Sei que talvez seja um pouquinho tarde, e chegaremos à fila de oração dentro de alguns minutos. Não verei vocês, talvez por mais de uma semana, mas vamos esperar um minuto. “Nem só de pão viverá o homem.” Está vendo? Note, deixe eu colocar isto agora, para mostrar-lhes. Por que Jesus acordou esta pequena donzela hebraica? Porque Ele sabia que não estava morta? Predestinação. Justamente do mesmo modo que Ele fez com Lázaro. Está vendo? Talvez tivesse havido muitas pequenas donzelas que morreram naquele mesmo dia., Ele nem disse uma palavra a elas. Ele sabia que esta tinha Vida Eterna. Veja, ele não acordou o resto.
208 Veja, quando Ele saiu de Jericó, disseram: “Aqui, este rapaz aqui!” Sem dúvida disseram: “Você acorda os mortos? Você me diz que pode ressuscitar os mortos, temos um cemitério cheio deles aqui, venha, acorde estes.” Veja, Ele não deu nem um pouquinho de atenção a eles. Veja, nem deu atenção, porque Ele sabia que Ele era a Palavra.
209 Note, ela apenas dormia. Ele sabia que o pai viria. Agora, esta menininha, veja, Ele sabia que aquela pequena donzela judaica apenas dormia. Veja, o – o justo não morre. Jesus veio redimir o justo. E, redimir, significa “ser trazido de onde uma vez estava.” Está vendo? Ele não podia redimir os incrédulos, não importa quão estudados e quantos diplomas de doutor tinham. Ele não podia redimi-los, porque não eram redimíveis, tinham que seguir para o seu destino. Mas, em Sua presciência, sabia que Lázaro ia sair do túmulo. Ele também sabia que esta menininha tinha Vida Eterna. Por isso ela não estava morta, ela apenas dormia. E quando a nossa obra terminar na terra, se não vivermos até a Vinda Dele, não podemos morrer, somente dormimos. Ele provou aqui. Ele provará de novo. “Embora os vermes da pele destruam este corpo, acordarei em Sua semelhança.”
210 Ele prova todas as Suas Palavras, todas as Suas Palavras. Apenas pense nisso, todas as Suas Palavras! E você era a Palavra Dele. Ele era a Palavra, e você era parte da Palavra Dele. E é isso que você foi enviado aqui, para confirmar o seu lugar na vida. Eu – eu – eu acho que vocês entenderam isso. Vejam, Ele é a Palavra. Agora entendem?
211 Ele estava nos pés, em Lutero; nas coxas, em Wesley; nos ombros, em Pentecostes. Está vendo o que quero dizer? Ele é a Cabeça. Você tem uma parte que une isso, esta hora que estamos vivendo agora; não a parte dos pés, não a parte da coxa, não a parte do ombro, mas a parte do pescoço. Está certo? Isso une à cabeça. É a parte do corpo. Os que dormem em Jesus, Deus os trará com Ele. A trombeta de Deus soará, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Está certo? Veja, você torna-se parte daquela Palavra, você torna-se parte Dele. E você toma o Nome Dele, no Corpo Dele: “Todos nós somos batizados por um Espírito formando um Corpo,” aqui, exatamente como a mesma posição. Ele nunca modifica a Sua maneira. Se… Quantos crêem que a igreja primitiva está Nele? Vejamos, quantos crêem nisso? Como eles foram batizados? Muito bem. Veja, Ele é Deus imutável. Nós provamos isso. Poderíamos ficar aqui até a meia-noite esta noite, provando isso, e ainda continuar sem parar. Veja, imutável! Está vendo? Você está Nele e é parte Dele, porque você era parte do pensamento Dele. Antes da fundação do mundo, Ele o chamou!
212 A Bíblia disse que a besta sobre a terra… Isso é o anticristo denominacional que vem sobre a terra, formando a besta em Roma, que foi a primeira denominação. E este Concílio Mundial de Igrejas forma uma imagem da besta, exatamente o que há pouco colocamos ali no livro outro dia. Note, forma isso, veja, o anticristo. E a Bíblia disse: “Todos cujos nomes não estavam escritos no Livro da Vida do Cordeiro,” (quando, no reavivamento?) “morto antes da fundação do mundo” (o seu nome foi colocado aí), este anticristo enganará você.” Mateus 24:24 diz que – que “O anticristo seria tão parecido com o real nos últimos dias que enganaria o próprio eleito, ou predestinado…” É a mesma coisa, eleição e predestinação é a mesma coisa, Deus elegeu você e o predestinou antes da fundação do mundo. “Enganará a todos cujos nomes não estavam predestinados no Livro da Vida.”
213 Daniel falou disso, como que o sábio será naquele dia, e como o insensato será, e assim por diante. Muito bem, tanto, mas eu continuo a me afastar demais – demais, o relógio está se movimentando rápido demais para mim. Note, agora observe, Ele notou depois… Agora observe o que aconteceu aqui. “Todos que dantes conhecia, chamou. Todos que chamou, justificou. Todos que justificou, glorificou.” A sua jornada terminou, você está vivendo a sua parte. Graça é o que Deus fez por você. Obras é o que você faz em reconhecimento.
214 Provado pela mesma coisa Dele, de que Ele conhecia todas as coisas, este Filho nascido de virgem. Ele conhecia onde havia peixe na água, que Pedro e os outros tinham passado a rede e nada pegaram. Isso provou a Sua Palavra. Está certo? Ele conhecia todas as coisas.
215 E quando Ele estava para pagar Seus impostos, Ele mostrou que Ele possuía todas as coisas. Ele sabia onde se encontrava um peixe que tinha moeda na boca suficiente para pagar os… Alguém a tinha derrubado ali, e aquele peixe a tinha apanhado. E Ele disse: “Pedro, vá e lance a linha, veja, e apanhe esse peixe e tire essa moeda da sua boca. E vá satisfazê-los, pague os impostos.” Oh, sim!
216 As raposas têm covis e os pássaros do céu têm ninhos, mas Ele tinha a Palavra, Ele era a Palavra, e provou que era assim. Ele sempre prova a Sua Palavra. A mesma coisa Ele fará agora, em cada geração Ele prova a mesma coisa.
217 Depois do terceiro dia, depois da Sua morte, do enterro, no terceiro dia, Ele ressuscitou, para provar a Sua Palavra, porque o profeta disse: “Não permitirei que o Meu Santo veja corrupção, nem deixarei a Sua alma no inferno,” o terceiro dia, antes da corrupção poder ter início em setenta e duas horas. Veja, não foram três dias completos, porque corrupção tem início em setenta e duas horas. Veja, por isso Ele não ficou o tempo completo, porque o profeta disse, veja, o profeta disse: “Não permitirei que o Meu Santo veja corrupção.” Ele provou a Sua Palavra.
218 Ele curou os doentes, os coxos, para provar a Sua Palavra que Isaías e o resto dos profetas disseram.
219 Ele enviou o Espírito Santo no Dia de Pentecostes, para provar a Sua Palavra. Você quer tomar algumas destas Escrituras agora, Joel 2:28, Ele disse: “Há de ser que nos últimos dias, diz Deus, Eu derramarei do Meu Espírito sobre toda a carne, e sobre Meus servos e servas derramarei o Meu Espírito. Os vossos jovens terão visões, os vossos velhos terão sonhos, e assim por diante.” Ele provou isso ao derramar! Também, Ele havia dito antes deste tempo, em Lucas 24:49, se quiser marcar, Ele disse: “Eis que envio a promessa de Meu Pai sobre vós. Mas ficai na cidade de Jerusalém até que do Alto sejais revestidos de poder.” Aí está, Ele fez isso, Ele enviou o Espírito para continuar a provar a Sua Palavra. Mas observe o que Ele disse. Ele fez isso? Muito bem.
220 Marcos 16, Ele disse: “Ide por todo mundo, pregai o Evangelho a toda criatura.” Até onde? Todo mundo. A quem? Toda criatura. “Quem crer e for batizado será salvo. Quem não crer será condenado, e estes sinais seguirão aos que crerem.” Ele disse em Marcos 4, Ele disse em João 14:12, também Ele disse: “Quem crer em Mim,” não manufaturar, mas, “Quem crer em Mim, também fará as obras que Eu faço.” Foi necessário o mesmo Espírito que estava Nele para fazer essa mesma obra. Por causa do quê? O Espírito vinha manifestar a Palavra prometida no futuro. Veja, Ele fez uma provisão, pois Ele sabia que estas coisas aconteceriam.
221 Agora, depois de mil e novecentos anos, com as eras da igreja passadas, e todas as coisas que Ele profetizou de Lutero, Wesley, acabamos de estudar e vimos isso desenhado, e a lua desceu e isso foi desenhado, e o Senhor desenhou isso no quadro aqui para nós, e mostrou, e Ele próprio desceu e confirmou isso como sendo correto. Depois de mil e novecentos anos, e estamos no fim da era de Laodicéia, Ele prometeu, em Lucas 17:30, que este mesmo Filho do homem (ele prometeu isso) seria revelado nos dias como foi em Sodoma, sobre a terra. Ele fez isso? Isso tem que ocorrer? É impossível… Agora, lembre-se, Ele veio em três nomes: o Filho do homem, um profeta; o Filho de Deus, o Espírito Santo; o Filho de Davi, para o Milênio. Mas no entremeio, esta conjunção, agora de acordo com Suas próprias Palavras, no dia quando o Filho do homem será revelado, revelar-Se como (o quê? não Filho de Deus) Filho do homem. Revelar-Se-á de modo diferente. Agora, o que faz isso? Malaquias 4, exatamente certo. Veja, o Filho do homem Se revelará, não em enormes denominações e coisas assim, como temos tido no decorrer das eras, mas Ele Se manifestaria Filho do homem novamente, para manifestas Malaquias 4. “E nesse dia vos enviarei o profeta Elias, e ele converterá o coração dos filhos à Fé dos pais apostólicos, distante de todo este denominacionalismo, e voltarão à Palavra original,” para juntar aquela Árvore -Noiva dos últimos dias que Ele prometeu “No entardecer haverá Luz,” não no decorrer do dia obscuro, haverá luz; será um dia que não se pode chamar dia ou noite. Veja, está formando o Corpo. Mas a mesma Cabeça que estava aqui no Oriente, está aqui no Ocidente novamente: “Haverá Luz no entardecer.” Oh, que coisa, tenho vontade de cantar um cântico!
Haverá Luz no entardecer,
caminho à glória certamente se encontrará;
No caminho da água, está a Luz hoje,
Sepultado no Seu precioso Nome.
Jovens e velhos, arrependam-se de todos os seus pecados,
Então o Espírito Santo certamente entrará;
As Luzes do entardecer chegaram,
Tem se conhecido e tornado fato que Deus e Cristo são um.
222 E o Filho do homem está Se revelando no mesmo poder que Ele era, (não através da era da igreja, através de justificação, santificação, todas estas coisas aqui) mas, o Filho do homem. Quem é o Filho do homem? A Palavra! E a Palavra é mais viva do que, poderosa do que espada de dois gumes, e discerne os pensamentos que estão no coração. O que Ele teve de fazer? Ele tem de provar essa Palavra. O que Ele fará? Note isso quando vemos acontecer, veja Isso da mesma forma quando Ele esteve aqui no princípio, a Coluna de Fogo. Que coisa! Provando que Ele é Hebreus 13:8. Disse: “Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje, e eternamente.” O que foi isso? Jesus Cristo, o mesmo ontem, que era Cristo que estava no deserto com Moisés. Quantos sabem que a Bíblia disse isso? Ontem! Foi Cristo quando Paulo estava falando aqui hoje (você crê nisso?) no Novo Testamento. Então o Filho do homem, o mesmo Cristo, no último dia. Está vendo? Muito bem.
223 Note também João 14:12, Ele disse: “Fareis as obras que Eu faço.” Todas estas outras Escrituras, o que Ele faz? Ele está aqui agora provando (não a era de Lutero, não a era de Wesley, não a era pentecostal, não era batista, não era presbiteriana, temos estudado isso mesmo e provamos pela história na Bíblia; mas qual?) a era do Filho do homem sendo revelado, para trazer estas coisas para cumprir a Palavra quando tudo deve se cumprir. Está vendo? Vemos isso, e é verdade!
224 E, pense, pelos mesmos métodos que Ele realizou a princípio, não somente é confirmado entre nós, mas é confirmado pela ciência. Eles têm que admitir que Isso é certo. George J. Lacy, ochefe do FBI, de documentos com impressões digitais, disse: “A Luz atingiu a lente. Eu mesmo chamei isso de psicologia, mas,” disse, “Sr. Branham, esta câmara não fotografa psicologia. Está aí.”
225 que é isso? Um testemunho, que muitíssimos anos atrás quando aquela Coluna de Fogo se encontrava ali naquela moita como um remoinho, falando, Ele disse; “Nunca fume ou beba, há uma obra para você fazer quando tiver mais idade.”
226 As pessoas diziam: “Esse menino não está no juízo certo.” Mamãe queria chamar um médico, eu estava nervoso.
227 Mas o que era isso? Ele desceu aqui mesmo na parte de baixo daquele rio lá, no rio Ohio, e disse: “Como João Batista foi enviado para preparar um povo para Palavra se manifestar, assim será a sua Mensagem.”
228 Como o Doutor Davis e os outros me chamaram de “fora” de “mim,” queriam me expulsar da igreja, porque eu havia discordado com ele sobre pregadoras e todas aquelas coisas que não sã bíblicas. Ele disse: “E você diz que vai pregar e fazer um reavivamento surgir no mundo?”
Eu disse: “Não eu, mas Ele disse que sim.”
Ele disse: “Billy, você teve um pesadelo.”
Eu disse: “Entrego meu cartão agora mesmo, não sou mais de vocês.”
229 Ele A disse, eu creio Nela, e Ele A provou. Essa é a boa parte, Ele A provou, provou a Sua Palavra pela Palavra, pois Ele é a Palavra. Está vendo? E a Palavra faz o quê? Conhece o segredo do coração. Está certo? Muito bem, prova em Hebreus 13:8.
230 E Ele terá uma Igreja-Noiva pronta nos últimos dias. “Como Ele vai fazê-Lo, irmão Branham?” Não sei. Mas Ele disse que iria fazer. Ele provará. Uma que foi chamada para sair de todas as outras, isso mesmo, a ave manchada que foi manchada pelo Sangue Dele. Está vendo? Chamada para fora, o resto todo do bando está contra Ela. Ela é desprezada e rejeitada.
231 Mas, a ave manchada, agora, não me importa quanto o autor queira discordar Disso, ele está errado. Lembre-se, o que faziam com a ave, que era a ave manchada? Pegavam duas, matavam uma, a companheira; era derramado sobre a outra ave, e era para a limpeza de lepra, e as manchas de sangue, e clamavam: “Santo, santo, santo, ao Senhor.” E isso foi o nosso Companheiro, Jesus Cristo, que foi morto, e o Seu Sangue está sobre nós, clamando: “Santo, santo, santo, ao Senhor.” O resto todo das aves… Que bom que meu nome está no seu Livro; não aqui na terra, mas lá em cima; não na pele de bode, mas na pele do Cordeiro. Isso mesmo.
232 Haverá uma ressurreição dos mortos. Ele confirmará. Isso mesmo. Ele provará. Haverá um Arrebatamento da Igreja. “Como será?” Não sei, mas Ele provará. A Sua Palavra é verdade. Haverá um Milênio. Ele provará, Essa é a Sua Palavra. Haverá novos céus e nova terra. Ele provará, porque a Sua Palavra disse que sim. E somente os justos estarão aí. Ele também provará. Isso mesmo. Somente os que foram feitos parte desta Palavra (veja, será a parte deles e a posição deles nesta Palavra para a era deles) serão os únicos que estarão lá. Porque, é exatamente isso, Ele é a Palavra. E o que é uma mulher? A imagem de um homem. E o que é – o que é a Igreja? A imagem da Palavra. Veja, exatamente isso. Está vendo? De modo que estará lá, exatamente. Somente os crentes verdadeiros na Palavra Dele conhecem Isto e podem crer Nela. E Deus os auxilia a provar, isso mesmo, que é verdade.
233 Você agora crê Nela? Você crê Nela? Se crê, estenda a mão pela fé e toque na vestimenta Dele, porque Ele está passando por aqui. Ele provará que é o mesmo ontem, hoje, e eternamente, Hebreus 13:8. “Eis que estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos,” Mateus. E Ele é um Sumo Sacerdote, conforme Hebreus, o Livro de Hebreus, capítulo 4 e versículo 15: “Ele é o Sumo Sacerdote que pode compadecer-se das nossas enfermidades.” Você crê nisso? Estenda a mão e toque o Senhor. Ele está sempre presente: “Eis que estou convosco todos os dias.” Veja o decorrer das eras. “Examinai tudo, retende o bem.”
234 Agora, se você pertencer a uma igreja que não crê que Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente, o mesmo de todos os modos, afaste-se dela. Examine!
235 Agora, dizemos que Ele ressuscitou dos mortos. Eu não disse isso, a Palavra aqui disse. Eles disseram: “Ele ressuscitou dos mortos.” Ele diz que Ele é o mesmo ontem, e eternamente. Você crê nisso? Ele prometeu que estas coisas aconteceriam no último dia, que o mesmo Filho do homem se manifestaria.
236 Agora, lembre-se, não era Jesus aquele que conversava com Abraão lá, que podia discernir os pensamentos na mente de Sara atrás dele. Esse não era Jesus, Ele ainda não tinha nascido. Mas era um homem em carne humana, que Abraão chamou de “Eloim, o grande Todo-Poderoso.” Mostrando… E Jesus disse: “Como foi nos dias de Sodoma,” agora observe bem, quando o Filho do homem se revelar.” Não mais como uma igreja, veja, não mais; a Noiva é chamada, veja. “Naquele dia o Filho do homem se revelará.” Para quê? Para ligar a Igreja à Cabeça, unir o casamento da Noiva. O chamado do Noivo virá diretamente através disto, quando o Filho do homem descer e vier em carne humana para unir os dois. A Igreja tem que ser a Palavra, Ele é a Palavra, e os dois se unem, para isso ser feito, será necessário a manifestação da revelação do Filho do homem. Não um clérigo. Eu – eu não se, eu.. Você está vendo o que quero dizer? Veja, é o Filho do homem, Jesus Cristo, que descerá em carne humana entre nós, e tornará a Sua Palavra tão real que unirá a Igreja e Ele como sendo um, a Noiva, e então ela irá para o Lar para a Ceia das Bodas. Amém. Ela já está unida, veja, vamos para a Ceia das Bodas, não para as bodas. “… encher a carne… si, de toda carne de poderosos, porque as bodas do Cordeiro chegaram.” Mas, o arrebatamento, é ir para a Ceia das Bodas. Quando, a Palavra aqui se une com a pessoas, e os dois se tornam um. E então o que faz isso então? Manifesta o Filho do homem novamente, não os teólogos da igreja. O Filho do homem! A Palavra e a Igreja se tornam um. Seja o que for que o Filho do homem tenha feito, Ele era a Palavra, a Igreja faz a mesma coisa.
237 Como Ele provou a Si mesmo no decorrer das eras? Através de profetas, que podiam falar a Palavra, conhecer os pensamentos. É assim que Ele era conhecido, isso. Prometido na era da igreja, viria com “nem mesmo noite nem dia,” Ma no entardecer quando o Filho do homem seria revelado. Isso viria novamente. “Haverá Luz no entardecer.” Está vendo? O que Ele faz? Prova a Sua Palavra.
238 Agora, olhe para o passado, Ele veio como virgem, Ele veio como disseram, através da virgem, melhor dizendo? Ele veio exatamente da maneira que Ele disse? Observe hoje, Ele provou a Sua Palavra independente de quantos ateus, infiéis, indiferença, mesmo assim Ele veio direto, provou a Sua Palavra. Aqui estamos nós, passamos por esta era de todas as igrejas e coisas assim, nos desviamos como fizeram desde Malaquias até a vinda de Cristo. Todos os profetas e coisas assim tinham cessado, e começaram com dignatários e assim por diante, mas, exatamente, veja que tipo de caráter Ele enviou. Exatamente o Elias, um que detestava mulheres imorais, e que punham muita pintura, pós e maquiagens e todo aquele negócio lá. E clérigos, ele os cortou para lá e para cá. Voltando do deserto, não usou de rodeios com nenhum deles, e disse: “O Messias está a caminho. Eu O conhecerei quando vier, eu O apresentarei. Amém. Não comecem a pensar que pertencem a isto ou aquilo.” Justamente do mesmo modo que Elias fez!
239 “E nos últimos dias, há de ser que antes do grande e terrível dia do Senhor vir, que Eu vos enviarei, antes do grande e terrível dia do Senhor vir, Eu vos enviarei Elias, o profeta, e ele restaurará a Fé dos filhos aos pais.” E observe, a Fé dos pais aos filhos, os judeus. Está vendo? A promessa deles da Escritura, os gentios e de onde eles caíram. Veja esses dois tão perfeitamente, exatamente. E aqui vemos isso, Deus provando a Sua Palavra.
240 Inclinemos a cabeça um momento., Amado Deus, Aquele que ressuscitou o nosso Senhor Jesus dentre os mortos, para provar a Tua Palavra, e Ele está vivo hoje, prova a Tua Palavra. “Eis que estou convosco todos os dias, até a consumação,” prova a Sua Palavra. “Jesus Cristo, o mesmo ontem, hoje, e para sempre.” (Se não fosse “para sempre,” talvez tropeçaria – tropeçaria alguns deles.) Não pausei para explicar, Senhor. Mas, para sempre, eles sabem que é apenas “um – um espaço de tempo.” E agora depois desta era, não mais haverá para sempre, será Eternidade. Assim que Ele era o mesmo Deus que estava em Moisés e nos profetas. Então Ele veio depois de um espaço de tempo, e tornou-Se homem, manifestou-Se como o Deus-profeta. E então tivemos um espaço de tempo, e Ele vem novamente. “O mesmo ontem, hoje, e para sempre.”
241 Pensamos nisto, Salomão, naquele grande milênio dos judeus, quando nenhuma nação se atrevia tocar neles, e aquele grande dom de Deus estava no profeta que fez a rainha conhecer todos os seus segredos do coração, nada se escondeu. A grande era, mostrando e tipificando que havia uma grande Era que viria.
242 E agora, Pai, esse eras Tu, não Salomão. Esse eras Tu em Jesus, pois Ele disse: “Deus estava em Cristo, reconciliando Consigo o mundo. Ele foi o princípio da criação.” O Seu corpo foi a criação redimida. E agora, no decorrer das eras a igreja, perdeu o seu primeiro amor, e agora nos últimos dias Tu prometeste chamar uma pequena minoria, o pequeno Rebanho, nos últimos dias.
243 Pai, o nosso coração salta, e o meu coração bate, quando penso nisso e sei que Tuas Palavras são verdade, nenhuma Delas pode falhar. Deixa que estas pessoas hoje entendam isso, e deixa que o pecador Te busque nesta hora, antes dos portões fecharem e não mais haver tempo. Deixa que a Noiva, ao começar a sair da cadência disto e daquilo, que ela possa voltar a entrar na cadência como a visão mostrou faz algumas semanas atrás.
244 Rogo-Te, Pai, para abençoar agora, e curar os enfermos. Aqui estão panos que se encontram aqui, lenços de… vieram de várias partes. E agora, na Escritura, Ela disse: ‘Panos e aventais, lenços, foram tirados do corpo de Paulo, e foram levados aos doentes, e Deus os curou.” Agora, sabemos que não somos São Paulo, mas sabemos que não foi São Paulo, foi a fé das pessoas nele sendo servo Teu. Senhor, estas pessoas não dirigiriam estas centenas de milhas se não cressem. Recompensa a fé delas, Senhor, pois que eu… não ungir o lenço (Paulo não os ungia, tirava de seu corpo), (porque não é de proveito), mas é Tua propriedade redimida, por isso rogo, Deus, que Tu honres a fé delas. Que cada uma delas seja curada, a bem do Reino de Deus. Agora, Senhor, uma Mensagem longa, sem a intenção de ser de mais de alguns minutos, mas passou a ser de duas horas ou mais. Agora deixa as pessoas serem curadas, Senhor, deixa as pessoas verem que Tu estás aqui, que não tenho dito isto em mim mesmo. É Tu, Senhor. E rogo em Nome de Jesus. Amém.
245 Agora, só uns dez minutos. Não sei… (Você – você entregou algum aqui, qual foi? Billy disse que entregou alguns. Pedi que entregasse hoje de manhã. E cheguei fazia alguns minutos ali atrás, e não tive a chance de perguntar-lhe, porque eu estava conversando com o irmão Ben e os outros por ali. Não tive chance de dizer-lhe. Ele acabou de me dizer que entregou cartões de oração. Cartão de oração B, cem…(Um a cem?) B. Bem , vamos, creio, cartão de oração número um, B. Quem está com B? Você pode…Se puder levantar, levante a mão, se puder andar. Certa mulher na parte de trás. Muito bem, B, número um, número dois, três, quatro, cinco, venham nesta direção. E vou pedir a estas criancinhas para darem a volta por trás da plataforma e sentarem aqui. Agora, muito bem. Agora, agora lhes digo, mande-os, vocês passem por essa passagem aí, vocês, pessoas de um a cinco, passem bem por aí e desçam. Que os que estão na passagem aí, se puderem, dêem a volta aqui em direção aos lugares. Agora, as criancinhas que se encontram aqui, dêem a volta por trás da plataforma aqui. E quero que passem bem por aqui, as pessoas, para que eu possa orar por elas.
246 Agora, vamos ver agora. Vejo. O que chamei, de um a cinco, não foi? Um, dois, três, quatro, cinco. Um… Todos que estão com cartão de oração aí, de um a cinco, levantem a mão, para ver se estão todos de pés. Lá estão um, dois, três, quatro. Falta-me um. Um, dois, três, quatro, cinco, em B. Todo são um, dois, três, quatro? Um, dois, três, quatro? Onde está cinco, B? Cinco, volte por lá, senhora. Muito bem, senhor, dê a volta por lá. Desse jeito. Dê a volta e volte, cinco. Seis, sete, oito, nove, dez. Muito bem, B, cartão de oração seis, sete, oito, nove dez. Veja, fazemos isto, então não se tem distúrbio então. Seis, sete, oito, nove, dez. Agora tenho… Acho. Está com um cartão, senhor, de pé aqui? Sete? Muito bem, vá lá, vá com eles. Só estou com dois, acho, lá. Muito bem, seis, sete, oito, nove, dez, cartão de oração seis, sete, oito, nove, dez. Só estou com dois, aqui está… O senhor tem um? Aí está. Aí estão. Dez, onze, doze, treze, catorze, quinze. Agora seria um, dois, três, quatro, cinco. Muito bem, dezesseis, dezessete, dezoito, dezenove, vinte. Um, dois, três, quatro, isso. Muito bem, vinte, vinte e um, vinte e dois, vinte e três, vinte e quatro, vinte e cinco. Um, dois, três, dê a volta por lá, senhor, dê a volta, entre na fila, vinte e cinco, vinte e cinco. Ajudem-lhe aí, deixem que ele saia por qualquer lado que queira. Aqui está, irmão, bem aqui, abriram caminho aqui para o senhor. As pessoas abriram caminho aqui. Alguém o ajude por aí, se puder. Deixem que ele dê a volta e entre lá na fila. Digo uma coisa, coloquem-no sentado aí mesmo, e quando seu número for chamado, coloquem-no na em cima. Está vendo? Quando for o número dele, coloquem-no na fila. Muito bem, acho que são só esses que poderiam – poderiam ir agora.
247 Agora, quantos aqui não têm um cartão de oração, e estão confiantes, vocês estão – vocês estão absolutamente certos que Deus pode curar os enfermos? Levantem a mão. Vocês crêem? Quantos aqui são de…. que sabem que não sei nada a respeito de vocês, que não sei de nenhuma das suas doenças? Tem – tem gente aqui agora, meu tabernáculo, a um de vocês, desconhecidos, quase não há ninguém que eu consiga ver, menos estes ministros. Logo aí embaixo vejo uma pessoa que reconheço. Não fico aqui o suficiente, veja, e são pessoas que vêm de todos os lados. Quantos aqui… Deixe eu provar para você. Quantos aqui sabem que não sei nada a seu respeito? Levantem a mão aqui. Veja, é a sua mão diante de Deus, veja você. Não sei nada a respeito delas. Agora, não sei se me vier alguém que foi chamado na fila de oração assim, que eu conheça, mas eu não saberia para que estaria aqui. Veja, eu não saberia para que está aqui.
248 Agora, o que estou tentando fazer é fazer que vejam isto, agora observem: “Também, fareis as obras que Eu faço.” Vocês crêem nisso? Crêem que Ele provará essa Palavra? Muito bem. Ele disse que Se revelaria como Filho do homem no fim da era da igreja? Quantos? E o mundo pareceria, estaria na forma de Sodoma e Gomorra? Vocês crêem nisso?
249 Agora, Billy, por que você não deixa que passem bem por aqui? Sim, muito bem. Bem, está bem, muito bem.
250 No – no fim da era, Ele revelaria a Si mesmo. Agora, veja, você compreende que, então, aqui está uma impossibilidade total? Agora, aqui tem gente de pé nesta fila, que nunca vi na vida. Tem gente sentada aí, que nunca vi. Mas, lembre-se, Hebreus 4:15, creio que é, que disse que “Ele é o Sumo Sacerdote agora que pode se compadecer das nossas enfermidades.” É verdade? Agora, se Ele é o Sumo Sacerdote, então Ele é Hebreus 13:8. Então: “O mesmo ontem, hoje, e eternamente.” Está certo? Agora, como Ele Se revelaria? Como lhes disse, Ele sempre fala através de Seus profetas. Ele sempre envia uma – uma – uma – uma mensagem antes do julgamento. Todas as coisas, Ele nunca muda o Seu modo.
251 Ele decidiu no jardim do Éden, como Ele salvaria o homem, através do sangue derramado por um inocente. Ele nunca mudou isso. Nós procuramos mudar isso, através de instrução, através de torres de Babel, através de grandes cidades, e tudo assim. Tentamos mudar, mas não funciona. Tentamos mudar, ao instruir o mundo para Ele. Tentamos mudar, por denominação de pessoas. Nunca funcionou. Apenas em um lugar o homem pode se encontrar para adorar: debaixo do Sangue. As denominações de vocês os dividirá, mas debaixo do Sangue vocês são os mesmos. Ele nunca muda.
252 Agora, se Ele é o Sumo Sacerdote imutável, e o mesmo ontem, hoje, e eternamente, então Ele tem que cumprir essa Palavra. Não porque nós dissemos que Ele cumpriu, porque Ele disse que cumpriria. Está vendo? Agora, agora, se Ele fizer isso… Agora, apenas pare um minuto, pense. Agora, quantos de vocês na fila de oração sabem que eu não sei nada a seu respeito, da sua doença? Então levante a mão, vocês sabem o que eu… Quantos nessas fila de oração sabem que nem mesmo o conheço? Levante a mão.
253 Olhe para a audiência, veja. Agora, vocês aí, vocês não têm que estar aqui, apenas toquem na vestimenta Dele. Você fale, diga: “Senhor Jesus, creio em Ti.” Agora você diz: “Creio Nisso. E eu – eu creio que – que Tu podes revelar para o irmão Branham, porque…”
254 Agora, não porque é o irmão Branham, ele é apenas um homem comum. E provavelmente se o Arrebatamento vier esta manhã… Você pensa no Arrebatamento? Se o Arrebatamento vier esta manhã, eu digo isto em humildade, não tem dúvida que metade desta congregação, se fôssemos de acordo com – com diplomas, de acordo com o lugar onde deveríamos estar, a metade de vocês iria antes de mim. Isso mesmo. Não sou… Veja a responsabilidade que tenho, e como – como levo isso frouxamente. Sou um servo inútil para Cristo, saber o que sei a respeito Dele e então viver do modo que vivo; não imoral, não impuro, nada assim, Deus sabe que é verdade. Está vendo? Procuro viver direito, mas eu – eu – eu, parece que simplesmente não consigo fazer que a coisa seja transmitida. Fosse outra pessoa, talvez altamente instruída ou algo assim, poderia ter transmitido para as pessoas. Mas por outro lado alguns pensam, não são todas as pessoas que vão entender, de qualquer maneira. Está vendo? Está vendo? Veja, Ele sabe o que vai fazer. Por isso simplesmente me entrego a Ele e digo: “Senhor, estou em Tuas mãos, fazes comigo como achares adequado.” Agora, se Jesus Cristo é o mesmo ontem e eternamente…
255 Agora, creio que conheço esta mulher. Não consigo lembrar quem é, mas a conheço. De algum modo eu a conheço. Mas já vi seu rosto, mas eu – eu não sei quem é no momento. Mas eu – eu – eu a conheço, de algum modo. A senhora não me conhece? Hã-hã. Eu – eu achei, olhando para o seu rosto, achei que eu a conhecia, mas não consigo dizer quem é. Mas creio que ela… O seu marido não… A senhora não é a mulher que trabalha na… O seu marido trabalha naquele Seven – Seven – Seven, ou Seven-Eleven, ou algo assim, lá em New Albany. Sra. Agan, isso mesmo. Agora, a senhora tem estado aqui e vem à igreja. Roy, é esse a quem fomos um dia em.. É esse – é esse que está na montanha? O que disse? Sua irmã. Foi isso, é assim, veja. Lembro-me que Roy e eu estávamos indo de carro, e ele mencionou aquele nome, e o Senhor me mandou para lá e curou aquela mulher instantaneamente. Sim, senhor, e acabei de me lembrar.
256 Agora, mas saber o que há de errado com a senhora, não faço idéia. A senhora sabe disso. Mas se o Senhor Jesus puder contar-lhe alguma coisa que tenha feito. Ou se talvez ela – ela estiver com problema financeiro. Talvez ela e o marido dela estejam com problema, talvez ela e os filhos dela, talvez um dos seus filhos, se tiver filhos, não sei. Mas se tiver, talvez alguns filhos dela estejam – estejam andando fora. Talvez ela se encontre aqui para saber alguma coisa a esse respeito. Eu não sei. Não tenho como saber. Eu – eu – eu não posso dizer-lhes. Mas Ele sabe. Está vendo? Assim que, veja você. Você vê?
257 Ouça, agora entenda bem isto. Eu nunca disse isto numa audiência antes, mas sinto a direção de dizer agora. O que é uma Palavra? É um pensamento expressado. Agora, como posso expressar o pensamento dela, ou como posso expressar a ela qual é o seu pensamento? Teria que ser pensamento que ela apresentasse, e ela não pode fazê-lo. Por isso tenho que expressar o pensamento Dele, e se for certo… Se for pensamento de Deus será certo; se não for pensamento de Deus, então não será certo; ela saberá, você saberá, todos saberão. Veja, simplesmente não tem como escapar. Ou tem que ser Deus ou não ser Deus. A Sua graça é suficiente. Agora você creia, agora, todo mundo.
258 E quantos vão crer? Bem, talvez você nunca viu uma das reuniões antes, mas você vai crer se Deus fizer isso? E então vocês aí agora, vocês que não estarão na fila de oração, vocês – vocês também orem, vejam. Ou mesmo se vier na oração, não me importa quem seja, você ore.
259 Senhor Jesus, agora demorei bastante tempo, mas é Teu culto, Senhor. E fiz tudo o que humanamente posso fazer. Mas Tu és Deus, agora o resto está nas Tuas mãos, Pai. Que se manifeste que Tu és Deus, e que a Tua Palavra é verdade. Prova a Tua Palavra, Senhor, deste último dia quando o Filho do homem será revelado. Como Ele Se deu a conhecer? Ele era a Palavra. O que é a Palavra? Apta para discernir os pensamentos e intenções do coração. Ele percebeu seus pensamentos, contou a Pedro, Filipe, Natanael, a mulher junto ao poço, o resto todo lá, que quando viessem, sabia que a menininha dormia, não estava morta. Rogo, Deus, que Tu uses os nossos humildes tabernáculos hoje, desta habitação terrena, para que Tu Te manifestes. Através do Nome de Jesus Cristo. Amém.
260 Agora, curar, não posso, você sabe disso. “O que é um dom, irmão Branham, uma coisa que se leva?” Não. É uma coisa que você sabe como remover-se do caminho. Está vendo? Enquanto você estiver aí, nunca funcionará. William Branham é o maior inimigo que tenho. Está vendo? Mas quando eu o removo do caminho, veja, então Jesus Cristo pode usar o corpo. Está vendo? Veja, agora, eu chego até essa mulher. E agora? Agora digamos que – que ela – que ela esteja doente.
261 Eis aqui uma senhora que está com um membro colocado numa – numa cadeira. Agora, se eu… se Jesus estivesse aqui, e descesse e pusesse as mãos Dele sobre essa mulher, esse membro sararia. Não tem dúvida quanto a isso. Mas, veja você, somos seres humanos com mãos sujas. As mãos Dele são santas, Deus O vindicou. Ele era a Palavra. Você crê nisso? Certamente, Ele não tinha dúvida. Ele poria Suas mãos sobre ela, diria: “Filha, sare,” e ela sararia. Mas então Ele nos deu a comissão de fazer a mesma coisa. Acho que Ele claramente identificou isso.
262 Agora, e se Ele me desse uma visão, e dissesse a esta mulher para fazer alguma coisa? Isso, bem, creio então que se eu colocasse minhas mãos sobre ela, ela sararia. Você crê nisso? Mas, e se Ele não desse a visão? O que a visão faria? Apenas me daria fé. Transmitindo a minha fé, o poder invisível de Deus. Esta vendo? Agora, se vocês, cada um de vocês morressem neste mesmo instante, você não chegaria a ver o seu você deixar o seu corpo. Todas as suas faculdades mentais, tudo o que você é iria embora, mas você não veria isso ir partir. Está vendo? Seria um in-… A força que me faz mexer as mãos, isso é uma força, não é? A força que me poderia fazer pensar, a força que me faz pregar, a força que me faz viver, agir, essa mesma força que pode motivar este corpo iria embora e não se veria a força ir embora. É uma força invisível. Assim é a fé! Não falhe em entender isto. Fé! E Jesus disse: “Porão as mãos sobre os enfermos.” Agora, veja, se eu fosse e tivesse uma visão e colocasse as mãos nela, eu creria que ela sararia, porque eu tive a visão, a minha confiança está na visão. Mas e a Palavra? Colocaria as mãos nela com a mesma fé. A visão é apenas dada para motivar a minha fé e a sua fé. Com a mesma fé sem a visão, funciona exatamente do mesmo jeito. Algumas pessoas recebem grande fé. Algumas não têm esse tipo de fé, recebem visões para dar-lhes essa fé. Está vendo? Agora, veja, ainda seriam a mesmas mãos sujas, seria a mesma pessoa, mas só colocando as mãos sobre ela.
263 Agora, que o Espírito Santo confirme a Presença Dele, confirme a Palavra Dele que Ele prometeu. Agora, esqueci qual é seu nome. Qual é seu nome, agora? Agan. Bem, Ele poderia ter – me dito isso se Ele quisesse, veja, mas eu dizia que eu – eu sei que a conheço. Agora, venha aqui só um instante, um pouco mais perto, tem pessoas orando aí, veja. Isso é… Agora, Sra. Agan, se eu – se eu for o servo de Cristo, e eu preguei a Palavra que eu creio ser a Verdade, a senhora crê nisso? [A Sra. Agan diz: “Sim.” – Ed.] A senhora crê. Agora, se a senhora tiver necessidade de alguma coisa, eu não poderia dar-lhe isso, porque não tenho para dar; a menos que seja talvez um pouquinho de dinheiro ou alguma coisa assim ou eu poderia ir conversar com seu marido ou filhos ou entes queridos ou alguma coisa assim, eu poderia. Mas se precisar de cura, eu não poderia dar-lhe tal, isso já foi comprado. Mas através de dom, eu poderia fazer que reconheça, se tiver fé, que isso já foi comprado, porque Aquele o Qual comprou, o Único em quem a senhora poderia ter fé, é o Filho de Deus. Aquele que comprou encontra-Se aqui. Está vendo? Está certo? Aquele que comprou está aqui.
264 Agora, a senhora me conhece como irmão, ministro, e eu a conheço como irmã. Nós O conhecemos como Deus. Agora, se essa Pessoa invisível, pelo dom que tenho de fazer me retirar do caminho, pode me dizer, dizer à senhora através de mim, meus lábios, veja. Agora, quando oro, Deus não me vê, Ele apenas ouve a minha voz através do Sangue de Jesus. Veja, Ele não me vê, Ele ouve a minha voz. E aquele Sangue ali é para representar o que eu peço. Está vendo? Então Ele ouve minha voz, mas Ele vê somente o Sangue. Veja, Ele não me vê, por isso não posso estar sujo quando estou debaixo do Sangue. O Sangue limpa. Veja, Ele é o pára-choque entre eu e Deus, e prometeu: “Pedi ao Pai qualquer coisa, Eu o farei.” Você crê que isso é verdade?
265 Agora, se todos… parece… Você consegue ver isso que está acontecendo? Olhe, vindo aqui, veja, é uma Luz, âmbar, movendo-se bem por aqui.
266 Agora ela não poderia esconder mesmo que tivesse de fazê-lo. Não, não. A senhora está aqui como resultado de algo que lhe aconteceu. A senhora teve pneumonia, e esteve no hospital. Esteve no balão de oxigênio. E está sofrendo do resultado disso. A senhora ficará boa. Jesus Cristo a deixará boa, veja, e ficará boa. Siga em frente, crendo, irmã Agan. Vou pôr as mãos sobre a senhora, em Nome de Jesus. Deus abençoe a irmã. Vá, fique alegre agora, não duvide do que Ele disse.
267 Como está, irmã? Eu – eu creio que não a conheço. Não nos conhecemos. Agora, aqui está a mulher que não conheço. Não a conheço. Não tenho como conhecê-la. Mas a senhora crê que Deus poderia me revelar, pela Sua Palavra, veja, porque Ele prometeu? Crê que Ele poderia me dizer alguma coisa a seu respeito? E isso faria que a senhora aceitasse, está certo, sabendo que não seria eu, o seu irmão, seria Ele, o seu Salvador. Crê nisso? A senhora está com uma operação pendente. Foi-lhe dito que tem de ser operada. Crê que Ele pode me dizer para que é essa operação? É no estômago, e no intestino. Exatamente isso mesmo. A senhora quer escapar dela. A senhora crê agora, com este Espírito aqui, o Espírito de Cristo completamente em torno de nós e encontra-se sobre mim. A senhora sabe que alguma coisa teve que lhe contar, porque eu não a conheço. Crê, ao impor as mãos, que isso transmitiria a fé em que creio, com a senhora com sua fé, e diante de Deus, nosso Pai, que será curada? Então, Senhor Jesus, obedeço os Teus mandamentos, quando Tu disseste: “Estes sinais seguirão os que crerem. Se puserem as mãos sobre os enfermos, serão curados,” deixa que a nossa irmã fique sã para a glória de Deus; em Nome de Jesus, amém. Vá para casa, simplesmente esqueça isso, veja, siga em frente crendo de todo o coração.
268 Como vai? Digo isso só para fazer contato com o seu espírito, senhora. Justamente como Jesus fez junto ao poço, disse: “Traga-Me de beber.” Agora, creio… Eu creio que nunca a vi, creio que me é desconhecida. Está certo? Se estiver certo, levante a mão para que a audiência possa ver. Não conheço esta senhora.
269 Isto é cura genuína, é fé genuína, Escritura genuína, a Palavra de Deus inadulterada que se manifestou e provou que Ele não está morto. Ele está vivo para todo o sempre. “E quem crê em Mim, também fará as obras que Eu faço, e este crente porá as mãos sobre os doentes e eles serão curados.” Oh, como se pode duvidar disso? Está vendo? Agora, Ele sabia quem duvidaria e quem não, eu não sei. Isso está com Ele.
270 Mas agora se esta senhora for desconhecida… não a conheço, nunca a vi na vida. Ela é jovem, muito mais jovem do que – do que eu. Mas eu – eu nunca a vi. E ela está aqui com algum propósito. Crê que estas coisas que tenho ensinado na Bíblia, senhora, são a Verdade? Crê que são a Verdade? E a senhora A aceita, não porque eu A disse, porque Deus A disse?
271 A senhora crê que que estamos vivendo nos últimos dias quando o Filho do homem é para ser manifestado? Isso seria toda a Palavra que foi juntada através de Lutero, Wesley, batista, e tudo isso, e pentecostal, tudo juntado até à revelação do que foi tudo isso. Era para o sétimo anjo abrir o mistério dos seis selos. É para tudo ser juntado no Filho do homem, a plenitude do tempo Dele chegou à plenitude da Palavra Dele, para manifestar a plenitude do Corpo Dele. Isso é a Palavra, então, que é a Palavra falada manifestada pela Palavra, revela a Palavra.
272 Agora, se Deus puder me dizer qual seu problema são, é, melhor dizendo…Ele a criou, Ele conhece tudo a seu respeito. E se Ele pode revelar… A senhora parece ser uma pessoa saudável. Mas Ele pode me revelar, a senhora saberá se é a verdade ou não. A senhora aceitará? Agora olhe direto para mim. Claro, está usando óculos, a senhora tem – tem que usar. Não é bem para isso que a senhora está aqui. Posso ver que Isso se afastou, veja. Agora, a senhora está aqui por causa de um coágulo de sangue. Está vendo? Está vendo? Suas pernas. Crê que é Deus fazendo isso? Crê que Deus pode me dizer mais coisas a seu respeito? Hã? Não tem problema que a senhora seja desconhecida, e eu só… falar-lhe um instante. Crê que Ele pode me dizer de onde a senhora é? É de Gary, Indiana. Crê que Ele pode me dizer quem é? Sra. Ogden. É verdade. Agora volte para casa e fique curada, no Nome de Jesus Cristo.
273 Como está?Também não nos conhecemos. Eu não a conheço, veja. Mas a senhora crê que o Senhor Jesus pode me revelar o seu problema? [A irmã diz: “Eu sei. – Ed.]A senhora sabe. Obrigado, irmã. Isso é muito bom. Muito bem, sendo que sabe disso, então, essa hérnia ficará boa. E a senhora tem – e a senhora tem um – tumor no seu lado. Isso mesmo, não é? Quer que lhe diga em que lado está? Está no seu lado direito. Exatamente isso mesmo. Agora siga o seu caminho e creia, e ficará boa.
274 Você crê? Absolutamente, é a Verdade. Você crê que o Filho de Deus, Filho do homem, desceu no decorrer das eras como Ele prometeu? Mas, só, você crê que o mundo está na condição de Sodoma, pronto para ser destuído pelo fogo, como Sodoma foi? Os sodomitas eram gentios, lembre-se. Mas lá, em Sodoma, havia algumas pessoas justas, Deus enviou um mensageiro a fim de chamá-las para sair; algumas delas saíram, algumas não, a maioria ficou. Mas havia um grupo sentado na montanha, Abraão, e houve um Mensageiro que veio a ele para mostra-lhe o que ia acontecer. Ele não ia estar nisso, de qualquer jeito. Mas então o mundo está nessa mesma condição hoje, e Jesus Cristo é o Filho de Deus, Filho do homem, Filho de Davi, e Ele veio Se manifestar.
275 Acabei de notar algo que está acontecendo à mulher. Ela está aqui por uma grande causa. Ela não está aqui por enfermidade. Sabe o que ela quer me pedir? “Pôr as mãos sobre” ela, ela “receberá o batismo do Espírito Santo.” Está vendo? Está vendo? Não está certo? Levante a mão se estiver certo. Está vendo? Não está certo? Levante a mão se estiver certo. Está vendo? Veja, ela tem uma grande coisa. Amado Pai Celestial, dá a esta filha Tua o desejo do coração dela, que ela receba o batismo do Espírito Santo. Assim ela O receberá. Amém. A senhora O receberá. Deus a abençoe.
276 Você crê? E você aí, você também crê? Se puderes crer, tudo é possível. Com aparência de muito sincera quanto a isso, crê que esse coágulo de sangue também sairá? Sentado bem aí de camisa que parece verde. Levante a mão se crer que sairá, sairá. Nunca vi esse homem na vida, totalmente, absolutamente desconhecido para mim. Nunca o vi.
277 Vocês crêem, o resto de vocês, audiência? Agora, não vêem que tem de ser Ele?
278 Câncer não é coisa má para Deus curar. Ele pode tornar isso são, não pode? Você crê que Ele tornará? Muito bem, então vá receber, no Nome de Jesus Cristo. Apenas creia de todo o coração.
279 Oi, filha. Sabe, Jesus derramou o Sangue Dele para que – para que o seu sangue pudesse ficar bom. Você crê nisso? Amado Deus, abençôo esta criança, e que ela tenha a transfusão de sangue do Calvário. Tira todo o açúcar, Senhor, e deixa que ela fique boa, em Nome de Jesus. Deus a abençoe.
280 Como está? O senhor crê que Ele pode curar essas costas e deixá-las boas [O irmão diz: “Sei que Ele pode.” – Ed.] Muito bem, vá, creia, tenha fé. Vamos pôr as mãos no senhor pois pediu isso. Deus o abençoe, irmão.
281 Você crê? Ele fez o alimento para se comer, Ele fez o estômago para digeri-lo. E quando alguma coisa se torna errada com esse estômago, Ele é o Curador disso. Você crê nisso? Muito bem, é só isso que você tem de saber, creia de todo o coração.
282 Sendo que você tinha a mesma coisa, siga em frente e também creia de todo o coração.
283 Não tem problema, traga essa senhora. Como está? Menininha bonita, ela é muito pequena para ter problema feminino. Você crê que Jesus a curará disso? Amado Deus, esta menininha, eu amaldiçôo este inimigo enquanto estou na Presença de Jesus Cristo, que saia dela, que ela fique boa. Em Nome de Jesus. Amém. Deus abençoe.
284 Você crê? Agora uma sombra escura se levanta, morte. Câncer não é… Deus pode curar câncer e torná-la boa. Você crê nisso de todo o coração? Você crê que Ele a deixará boa disso? Em Nome de Jesus Cristo, eu amaldiçôo esta coisa amaldiçoada sob esses peixes cruzados, que a Cruz de Cristo tire isso. Faze ir embora, em Nome de Jesus. Não duvide, vá, creia de todo o coração. Amém. Se pode crer, tudo é possível.
285 Como vai? Claro que a sua artrite irá embora, e você ficará boa se crer. Você vai… Você crê que será de modo que poderá andar novamente e ficar boa? O Senhor abençoe esta prezada irmã, e torne-a sã, em Nome de Jesus Cristo. Vá, crendo de todo o coração.
286 Você crê que a mesma coisa pode acontecer a você? Creio que aconteceu. Você vai… Se você crê que está curado agora mesmo. Creio que se foi de você, eu próprio. Em Nome de Jesus Cristo, que nosso irmão vá e fique normal e bom, para glória de Deus. Amém.
287 Finalmente aconteceu. Você sentado aí, chorando, crê que as hemorróidas vão deixá-lo? Ele ficou aqui mesmo até a última meia hora, parece, bem em frente de mim, Ele está bem ao lado deste homem. Você tem crido, não tem? Creia de todo o coração, e pode voltar para o Texas e ficar bom. Nunca vi esse homem na vida.
288 Você crê que essas pequenas costas vão ficar boas e que você estará pronta para ser curada? Senhor Jesus, toca a pequenina e cura, em Nome de Jesus Cristo. Amém. Creia de todo o coração.
289 Agora esse Espírito se aproxima, Ele está por todo o recinto. Difícil é dizer de onde isso pode ter vindo, nervosa. Deixe-me mostrar-lhe uma coisa. Quantos são nervosos, aí, levantem a mão. Veja, é difícil dizer qual é qual. Mas Deus conhece a respeito disso tudo, todos o seus desejos. Você tem tentado tudo, difícil, de vencê-los. Muitas coisas na vida você tem tentado deixar, e quer servir a Deus com tudo que está em você. Parece que sempre tem alguma coisa que a detém. Você crê que vai acontecer agora mesmo, esta manhã, que você vai ser libertada destas coisas? Você crê?
290 Nosso Pai Celestial, para que estes outros possam ver que Tu és o Cristo, o Filho de Deus, cura esta estimada mulher em pé aqui, Pai, acalma-a. Todos nós sabemos o que ela sofre, Senhor, e rogamos que Tu a deixes boa. Ao pôr as mãos nela com toda a fé, eu também estou com um ataque agora mesmo, cansado, Satanás, sobrecarregado, ficando ruim dos nervos. Deixe-a, Satanás. Ponho as mãos sobre ela com toda a fé que tenho, deixe-a, em Nome de Jesus. Vá crendo Nele. É isso o que você queria que eu fizesse.
291 Não o conheço, você é desconhecido para mim. Essa hérnia, se crer ela ficará boa. E outra coisa, você tem artrite. Se crer você ficará bom. Seu problema das costas o deixou. Vá, crendo.
292 Você crê de todo o coração? Aqui, isso… quantos… São só esses na fila? Tem mais no resto da fila? Todos passem por aqui para que eu possa pôr as mãos sobre os enfermos. Inclinemos a cabeça só um instante, já passa de uma hora. Amado Deus, ponho as mãos sobre minha irmã, enquanto a unção do Espírito Santo está aqui. Faz que ela fique boa, em Nome de Jesus. Amado Pai Celestial, ponho as mãos sobre meu irmão… [Espaço em branco na fita, o irmão Branham continua orando pelos enfermos – Ed.] …creia.
293 Oh, o irmão não recebeu oração? [Espaço em branco na fita – Ed.]… irmão, sabe o que ele fez? Ele é um antigo caçador de cervo. Ele disse que tinha um rifle com o qual sempre caçava cervo, disse que estava velho demais agora para ir caçar. Ele queria trazer o rifle e dá-lo a mim. Amém. Digamos: “Louvai ao Senhor.” [A congregação diz: “Louvai ao Senhor.”- Ed. ]
Eu O amo, (Não se esqueçam da sua perguntinha, coloquem no lugar. Se não conseguirem hoje, tragam na Quarta-feira ou no domingo.)
Porque Ele primeiro me amou
E comprou… (Estavam todos na fila de oração, fila de oração,?)… salvação
No madeiro do Calvário.
294 Pense quão afável Ele é conosco, agora, Pense só, Ele prova a Sua Palavra! Está vendo? Agora veja, se eu pudesse curar, seria diferente, veja, mas é Ele Quem já fez isso. Está vendo? De modo que Ele prova a Sua Presença aqui: “Sou Eu que estive morto, e vivo para todo o sempre.” Nunca houve um homem como Ele. Ele era um Homem totalmente à parte. Ele era Deus. Está vendo? Nunca houve um homem que viveu como Ele. Nunca houve um homem que nasceu como Ele. Nunca houve um homem que pôde fazer o que… como Ele fez. Nunca houve um homem que morreu como Ele. “Oh,” você diz, “espere aí, irmão Branham, outros ressuscitaram dos mortos.” Sim, mas morreram novamente. Mas Ele está vivo para todo o sempre. Está vendo? Nunca um homem ressuscitou como Ele. Ele ressuscitou dos mortos, para todo o sempre.
295 [O irmão Branham sussurra “Eu O Amo – Ed.] Cantemos esse para Ele agora.
Oh, eu O amo, eu O amo
Porque Ele primeiro me amou
E comprou minha salvação
No Calvário.
296 Inclinemos a cabeça. Senhor Jesus, eu amo este povo. E eu os seguro, Senhor, não foi minha intenção fazer isto. Mas aqui, muitos com criancinhas esperando, estão com fome, não entendem. Mas ficam sentados aqui mesmo, porque sabem que o homem não pode viver, senão pela Palavra de Deus. E então quando a Palavra está sendo falada, e então é declarada, manifestada, provada, então eles sabem que somente pode ser Tu. Oro por cada um. Abençoa-os, Pai. Que sejam saudáveis e fortes para a jornada que se encontra diante de nós. Abençoa-os no decorrer da semana. E se for a Tua vontade, Senhor, que nos encontremos aqui novamente domingo que vem, o sábado que vem, para virmos aqui e adorarmos, eu rogo, Deus, que Tu os fortaleça. Alguns talvez não venham, alguns terão que ir para casa em várias partes do país, talvez atravessar o mar, ou fora dos Estados Unidos. Rogamos que estejas com eles e os ajude. Que nos encontremos ao pé de Jesus, algum dia. Concede, Pai. Ajuda-nos agora, pois que amamos uns aos outros, e cremos em Ti, e esperamos que algum dia o laço que une os nossos corações agora seja o eterno acorde, deixa-nos viver naquela Cidade que é quadrangular, por toda a Eternidade. Em Nome de Jesus. Amém. Muito bem.
Leva Tu contigo o Nome,
De Jesus… (Agora apertem a mão um do outro)… Salvador; diga: “Fico contente por estar aqui com você, esta manhã.”)
Seja no lugar que for.
Nome bom, doce à fé, (Deus o abençoe)
A esperança do Porvir;
Nome bom, doce à fé,
A esperança do Porvir.
Agora, ouça isto agora, agora cante deste jeito:
Este Nome leva sempre
Para bem te defender.
(Agora ouça bem) Ele é arma ao teu alcance,
(Fazer o quê?) Respira esse santo Nome em oração.
Nome bom (Nome bom), doce à fé,
A esperança do Porvir;
Nome bom, doce à fé!

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...