O Monstro


Aquele grande monstro que se encontra lá em cima, que estremeceu lá no Alasca, faz alguns dias, ergueu a cauda novamente esta manhã, nas imediações de Washington. Ele poderia vir nesta direção, facilmente.

65-0429E – “Escolhendo Uma Noiva” 
Los Angeles, Califórnia

1964

O “grande monstro” ao qual o irmão Branham se referia na citação anterior produziu um dos terremotos mais poderosos já registrados. O tremor de 9,2 atingiu Anchorage no Alasca na sexta-feira, 27 de março de 1964. Pouco antes do terremoto, o irmão Branham estava em uma área remota perto do Klondyke, Arizona, quando um redemoinho desceu diante de vários caçadores em seu acampamento, decepando as copas das árvores e arrancando pedras do lado do desfiladeiro. Mais tarde o irmão Branham fez a declaração: “Julgamento está atingindo a Costa Oeste.” A profecia se cumpriu quando o terremoto atingiu o Alasca dois dias depois.

1965

Hotel Biltmore, Los Angeles

Em 29 de abril de 1965 o irmão Branham estava em Los Angeles pregando “Escolhendo uma Noiva” no Hotel Biltmore. No início do culto ele mencionou o monstro que causou o terremoto no Alasca: “Ergueu a cauda novamente esta manhã, nas imediações de Washington.” Ele estava se referindo ao terremoto de Puget Sound em 1965, perto de Seattle. A ciência avaliou sua magnitude em 6,7.

Então, mais tarde naquele sermão o irmão Branham fez esta famosa profecia:

Tu, cidade que afirma ser a cidade dos Anjos, que tens te exaltado até ao céu, e enviado todas as coisas sujas e imundas de modas e coisas tais, a ponto de até mesmo as nações estrangeiras virem aqui apanhar nossa imundície e divulgá-la, até nossas finas igrejas e torres, e assim por diante, a maneira que fazes. Lembra-te, um dia jazerás no fundo do mar, tua grande falha como favo de mel debaixo de ti agora mesmo A ira de Deus está arrotando bem debaixo de ti. Por quanto tempo mais Ele reterá este banco de areia pendendo sobre aquilo? Quando, esse oceano mais além, de uma milha de profundidade, deslizar ali, até chegar ao Mar Salton [Lago ao sudeste da Califórnia próximo à divisa com o estado do Arizona—Trad.]. Será pior do que o último dia de Pompeia. Arrependa-se, Los Angeles. 

A ira de Deus está arrotando bem debaixo de ti.

Quando descreveu “o monstro,” ele mencionou o Alasca, Washington e, naturalmente, Los Angeles. O que a ciência não sabia naquela época é que essas três regiões têm algumas semelhanças importantes.

As pessoas sabem dos perigos da falha de San Andreas há gerações. Em 1906 ela produziu um terremoto de magnitude 7,9 que destruiu a cidade de São Francisco (poucos dias após o início do reavivamento da rua Azusa), e os cientistas dizem que tem capacidade de produzir um terremoto muito maior do que aquele.

A falha de San Andreas começa na Baixa Califórnia, no oeste do México, atravessa toda a costa oeste da Califórnia e penetra no Oceano Pacífico no extremo norte da Califórnia. A falha de Cascadia está localizada ao largo da costa norte da Califórnia, seguindo para o norte ao longo da costa oeste, passando pela ilha de Vancouver na Colúmbia Britânica, Canadá. Esta é a falha que os geólogos dizem ter causado alguns dos maiores terremotos nos tempos pré-históricos na América do Norte. E também há a enorme falha Aleutiana ao largo da costa do Alasca que causou o terremoto de 1964 no Alasca.

Todas em si são muito perigosas, mas a ciência está agora começando a entender o que o profeta chamou de “grande monstro” já em 1965: estas falhas estão conectadas.

estas falhas estão conectadas

A revista Newsweek publicou um artigo em 19 de dezembro de 2019 que dizia o seguinte: (falando do sistema de falhas de Cascadia ao largo da costa de Washington)

De acordo com o governo canadense, houve 13 megaterremotos na zona de subducção nos últimos 6.000 anos. “Alguns tiveram uma proximidade de 200 anos entre si enquanto outros tiveram um afastamento de 800 anos entre si. O último foi há 300 anos.”… terremotos em Cascadia podem desencadear terremotos no extremo norte de San Andreas… isto aconteceu pelo menos oito vezes em um período de 2.800 anos… Esta evidência forçou-nos a concluir, como fizemos anteriormente, que estas duas grandes falhas estão interagindo, desencadeando reações uma na outra, em curtos espaços de tempo. A evidência aponta claramente para Cascadia primeiro, então, pouco tempo depois, a San Andreas entra em ação.

O artigo chega à seguinte conclusão.

Significa que o dano quase incalculável que ocorrerá devido ao próximo terremoto em uma das duas falhas poderia incluir ambas…

Lembre-se, o profeta nos disse enquanto falava em Los Angeles: “Aquele grande monstro que se encontra lá em cima, que estremeceu lá no Alasca, faz alguns dias, ergueu a cauda novamente esta manhã, nas imediações de Washington. Ele poderia vir nesta direção, facilmente.” 

Ainda mais ameaçador do que estas descobertas recentes é o que os geólogos estão dizendo agora sobre a frequência com que essas falhas têm uma grande ruptura. É quase um consenso que as falhas na costa oeste estão atrasadas para um grande terremoto, tanto ao longo de San Andreas quanto em Cascadia. Poderia ocorrer a qualquer dia.

Poderia ocorrer a qualquer dia

Frequentemente não enxergamos a magnitude das palavras dos profetas. O simples fato do irmão Branham incluir o Alasca, Washington e a Califórnia ao se referir ao “grande monstro” mostra que ele tinha uma revelação muito maior do que os cientistas mais respeitados da sua época. Cinquenta anos atrás eles teriam rido do que ele disse. Hoje estão descobrindo que é a verdade.

A ciência muda, mas a Palavra de Deus permanece a mesma. O irmão Branham disse: “Será pior do que o último dia de Pompeia. Arrependa-se, Los Angeles.” E essas palavras em breve se cumprirão.

Desde aquele terremoto há uma fenda de cinco a oito centímetros na superfície da terra, começando no Alasca, contornando as Ilhas Aleutas, continuando por cerca de duzentos e quarenta a trezentos e vinte quilômetros no fundo do mar, voltando a emergir em San Diego, passando sob a Califórnia, ou Los Angeles, e reaparecendo logo abaixo da parte norte da Califórnia, num pequeno lugar logo abaixo chamado San Jose.

E este cientista estava falando, estando numa entrevista. Estávamos assistindo na televisão. E ele disse: “Por baixo disso é apenas lava agitada.” E ele disse isso, disse: “Esse é um pedaço que se irá se desprender,” e disse: “e irá.” E o entre-…

O homem, o cientista entrevistando esse cientista-chefe, disse-lhe: “Bem, tudo isso poderia afundar?”

Ele disse: “Poderia? Tem que afundar!”

Disse: “Bem, claro, provavelmente ocorrerá daqui a muitos, muitos anos.”

Ele disse: “Pode ocorrer daqui a cinco minutos, ou daqui a cinco anos.” Ele só atribuiu cinco anos.

Mas, exatamente como eu seguramente me encontrava lá sob aquela Inspiração, executou julgamento na costa oeste, e então o fez seguir até aqui com o afundamento de Los Angeles, ela está acabada! Isso mesmo. Acontecerá. Quando? Não sei.

65-0711 – “Envergonhado”

gravações a voz de Deus

Posted in Estudos | Destaques.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...