Cartas de Detentos #7


O malote postal das prisões está cheio de novo! Aqui estão alguns trechos dessas cartas de detentos.

Como podem ver, estou de volta ao sistema carcerário novamente, mas estou vivo. Provavelmente eu deveria ter morrido anos atrás, mas por alguma razão, estou aqui. Desta vez vou ter alguns anos para estudar as palavras do profeta de Deus, e realmente quero fazer um esforço desta feita. Quero romper a barreira que está me mantendo neste círculo. Vejam, eu fui batizado, confessei o Senhor diante dos homens. Já fui zombado e chamado de estúpido por confessar que confessei ser o profeta de Deus. Eu também sei agora que não é só isso, ou eu não estaria aqui. Eu conheço de cabeça, mas meu espírito ainda é o mesmo velho espírito. Então, por favor, enviem os livros novamente. Orem por mim para que Deus me aceite, e tire o meu espírito e me encha com o Seu Espírito.

Texas

Irmãos, obrigado pelos livros e a Bíblia que me enviaram; eu sei que foi de coração. Também quero lhes contar como o nome do irmão Branham é respeitado neste lugar, onde há pouco respeito por qualquer coisa. Creio que todos aqui sabem o seu nome, e pelo menos alguma coisa dos seus ensinamentos. Até mesmo os caras duros que zombam da Bíblia e riem de nós, têm respeito pelo nome Branham. O que vi foi uma briga começar, uma briga feia, quando derrubaram algumas mesas. Bem, em uma mesa um detento estava lendo o livro das Eras da Igreja, o qual caiu no chão. Alguém gritou, a briga parou, e eles pegaram o livro e o colocaram em outra mesa. Pensei que tinha acabado, mas para minha surpresa, começaram a brigar de novo, só pararam para pegar o livro do profeta!

Arizona

Só queria dizer que desde que comecei a ler os livros do irmão Branham, eu me sinto como um ser humano. Sempre vivi do jeito que vivia porque nunca conheci nada diferente, nunca soube que havia algo melhor. Desde que fui trazido a Jesus Cristo pelo irmão Branham, sinto-me todo limpo e estimulado. Nunca poderei lhes agradecer o bastante.

Nevada

Vi um livro na mesa da sala de estar. O título me chamou a atenção, Sete Selos. Sempre estudei profecias e revelações, e coloquei o livro no meu armário, enquanto terminava os outros que eu tinha. Bem, passou um ano, e comecei a ler esse livro. No começo fiquei com raiva de mim mesmo por esperar um ano para lê-lo, mas depois me ocorreu como eu dou mais valor ao assunto depois de ler os livros que li. Digo-lhes que não demorou muito para eu entender que há livros que têm alguns argumentos muito convincentes e então há este livro que é a Verdade absoluta! Irmãos, qualquer um que queira saber sobre revelação, este é o único livro que eles precisam ler. Parte disso realmente me tirou o fôlego, tão simples e tão verdadeiro. Ele trouxe toda a Bíblia para mim, entendi tantas coisas sobre as quais eu sempre refleti. Irmãos, meu coração agora deseja ardentemente mais alimento celestial, por favor, me digam que há mais.

Novo México

Estou aqui há muitos anos, e por muitos anos estudei paganismo. Certa noite recebi um espírito em mim e simplesmente joguei no chão tudo de que pude me apoderar. De manhã minha cela estava uma bagunça, todos os livros que eu tinha estavam rasgados, exceto a Bíblia. Esta Bíblia da qual eu havia rido; eu havia sublinhado muitas passagens das quais, sendo um pagão, eu havia zombado. Bem, isso me intrigou. Vejam também que nesta Bíblia eu tinha anotações de roubos que planejava realizar no futuro. Bem, eu limpei o local, e ao colocar a Bíblia na prateleira, pensei ter ouvido uma voz me dizendo para jogar fora as anotações. Eu ri, disse que estava louco e fui comer. Não consegui comer, aquela voz me incomodava. Bem, mais tarde naquela noite ela veio novamente, então eu disse: “Tudo bem, apenas me deixe em paz,” e joguei fora todas as anotações. Eu não conseguia dormir e parecia lutar a noite toda. Finalmente gritei: “Deus, se você é real, prove!” Adormeci, e num sonho eu tinha um livro que estava lendo, mas não sabia o que era. Indo para o café da manhã, estávamos andando pelo corredor e um grupo do outro lado passou marchando; tivemos de parar encostados na parede enquanto passavam. Quando certo sujeito passou, foi como se um vento tivesse soprado em mim. Ele olhou atrás para mim e acenou com a cabeça; pensei: “Que foi isso?” No pátio eu o vi e fui até ele e senti novamente. Eu disse: “Que foi isso?” Ele disse: “Tenho uma coisa para lhe dar,” e me deu um livro e se foi. Eu disse: “Quem é você?” Ele não respondeu. O livro era as Eras da Igreja, e nunca fui tão sacudido na vida. Comecei a ler e peguei minha Bíblia na prateleira, e o irmão Branham mencionou cada linha que eu tinha marcado como sendo uma falsidade e a explicou toda. Além da minha imaginação, Deus provou que é o Deus de todos os deuses, e creio que Ele nos enviou o Seu profeta. Por favor, enviem mais!

Arkansas

Digamos apenas que tenho mais de quarenta e cinco anos e passei anos aqui. Desde que tinha 16 anos, estive dentro e fora da prisão, fui criado na igreja e tive um amigo que tocava as fitas do irmão Branham. Estudei muito a Bíblia, e nos últimos anos realmente me aprofundei nela. Não tenho tempo para homens, principalmente pregadores, mas nunca consegui criticar o irmão Branham. Assim, ficava separado apenas lendo a Bíblia e orando; isso continuou por anos. Então alguém me deu um pequeno livreto “Quem Tem Ouvidos.” Como disse, eu ouvi o irmão Branham anteriormente na vida e nunca consegui encontrar falha nele, mas este livreto teve um profundo efeito sobre mim, mais do que qualquer das fitas que ouvi, talvez seja por causa dos anos que se passaram. O irmão Branham é verdadeiramente o profeta de Deus, e cada palavra é a verdade proveniente dos lábios de Deus. Por favor, enviem-me mais.

Arizona

Incrível, sempre quis saber mais sobre Deus, mas nunca consegui encontrar nada que realmente parecesse ser a verdade. Tive que vir para a cadeia para encontrar a verdade, e não há nenhuma dúvida em mim de que o irmão Branham me trouxe a verdadeira Revelação sobre meu Salvador, Jesus Cristo. Por favor, enviem-me mais.

Tennessee

Tenho alguns livros, e cada vez que os releio, mais e mais é revelado. Eu lhes agradeço por tudo que estão fazendo por nós, fornecendo-nos o Alimento Espiritual. Sei que minha vida é transformada com cada palavra que leio, eu realmente não sou a mesma pessoa de outrora. No ano que vem vou ser deportado de volta para a Guatemala. Assim que chegar lá, entrarei em contato com vocês para que possa receber essa Mensagem em casa.

Geórgia

Fonte: Voice of God Recordings

gravações a voz de Deus

Posted in Cartas de Detentos.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...