As Pequenas Coisas #4


Recebemos o seguinte testemunho de uma família que gostaria de compartilhar como nosso bondoso Senhor Jesus cuida de cada pequena coisa.

Saudações a meus irmãos e irmãs no amável Nome de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo! Gostaria de compartilhar um testemunho do que o Senhor tão bondosamente fez pelo meu marido e por mim.

Temos acompanhado semanalmente os cultos de fita em nossa casa, juntamente com o Tabernáculo Branham. Ficamos tão animados quando ouvimos falar que o irmão José tinha anunciado que o Tabernáculo Branham teria culto de Comunhão juntamente com a última fita do Jubileu intitulada “Comunhão.”

Fizemos nossos planos e rapidamente estávamos a caminho de Jeffersonville. Enquanto estávamos no culto aquela noite, meu marido me cutucou e me mostrou seu dedo anelar, e notei que sua aliança tinha desaparecido; meu coração ficou apertado. Viajamos do Texas para Jeffersonville e nos hospedamos num hotel próximo. Ficamos ocupados aquela manhã arrumando nossas coisas no hotel para estarmos prontos para voltar para casa depois do culto daquela noite de domingo. Meu marido também tinha parado para tomar café e tratado de algumas incumbências aquela manhã antes de pegar Myles, nosso filho de 8 anos, e eu no hotel para irmos à Comunhão aquela noite e então pegar o caminho de volta para casa.

Após o culto, nos dirigimos para casa e começamos a falar sobre o maravilhoso culto daquela noite e depois refletimos sobre onde sua aliança poderia estar. Recentemente ele emagreceu a conselho de seu médico devido ao colesterol ligeiramente elevado, e estava frio naquela manhã. Assim, com a combinação dessas duas coisas, sua aliança escorregou do dedo sem ele perceber. Quando chegamos em casa, conferimos nossa bagagem e procuramos por ela em toda parte em meu veículo, e não se encontrava em lugar algum. Eu então liguei para o hotel, o restaurante em que ele tinha tomado café, e para um dos lugares onde ele esteve tratando de uma incumbência aquela manhã. Nenhum deles tinha qualquer informação sobre ter-se achado uma aliança perdida. Fiquei muito desapontada e sabia que havia muito pouco que eu poderia fazer, estando tão longe de Jeffersonville. Todo tipo de pensamento passou pela minha mente sobre onde sua aliança poderia estar.

Isso ocorreu em meados de dezembro de 2015. Desde então já fizemos cerca de 4 a 5 viagens a Jeffersonville para tomar parte dos cultos ou por motivos pessoais, e para ter companheirismo com nossos irmãos e irmãs em Cristo. As viagens que fizemos resultaram em bagagem sendo carregada e descarregada juntamente com diversos itens para levar conosco. Eu também sou uma mãe muito ocupada com as tarefas do lar, e tudo ficando empilhado na parte de trás da minha picape. Meu marido trabalha muito para prover para nós, e assim eu realmente tento manter limpa a picape que ele comprou para mim.

Nosso filho Myles e eu levamos a minha picape para lavar cerca de uma ou duas vezes por semana, e limpar por fora e passar bem o aspirador para manter os carpetes limpos. Também tivemos uma primavera de quebrar recordes com a quantidade de chuva que recebemos nesta parte do Texas, e por isso deixo uns dois guarda-chuvas à mão sob os assentos de trás, aos quais se tem acesso levantando a tampa da parte de trás da minha picape. Esta área também é aspirada ocasionalmente.

Eu sempre me perguntava onde a aliança do meu marido poderia estar, e queria saber em meu coração por que o Senhor havia permitido que isso acontecesse. Certo dia, enquanto dirigia para casa recentemente, eu estava pensando na aliança do meu marido, e simplesmente disse no coração: “Senhor, por algum motivo agradou-Te que meu marido perdesse sua aliança, Tu tens um propósito para isso.” Com isso eu simplesmente deixei o assunto de lado e ignorei todos os pensamentos que o inimigo estava colocando na minha cabeça a respeito de onde sua aliança poderia estar. Eu tinha pensamentos de alguém vender sua aliança em uma loja de penhores ou possivelmente ficar com ela, ou que estivesse caída à beira da estrada que nunca seria encontrada.

Em meados de junho de 2016, estávamos com pressa e nos preparando para sair da cidade e ir para Houston a negócios, e estávamos esperando chuva novamente, e meu marido me pediu para sair até a minha picape e me certificar de que tínhamos um guarda-chuva. Eu levantei a tampa traseira, o que eu tinha feito inúmeras vezes desde dezembro, e enfiei a mão para pegar o guarda-chuva, o que também fiz inúmeras vezes, incluindo olhar sob o assento para encontrar o guarda-chuva se não o enxergava à primeira vista, e quando olhei sob o assento para pegar o guarda-chuva, lá estava a aliança do meu marido!

bab591a4-785e-42a0-997b-384c18cf6c27

Tive de olhar para ela duas vezes para ter certeza que estava realmente vendo sua aliança! Fiquei tão animada e muito feliz! Entrei correndo em casa e disse ao meu marido: “Pode vir aqui, por favor, preciso muito de você.” Ele olhou para mim de um jeito engraçado, porque estávamos com pressa, e eu o levei até o banco de trás da picape. Eu disse: “Você acredita em milagres?” Eu sabia qual seria a sua resposta, mas estava tentando prepará-lo para o que ele estava prestes a ver. Ele olhou para mim com um olhar muito estranho, como se perguntasse: “Que tipo de pergunta é essa? Somos crentes e ouvintes de fitas de Malaquias 4!” Ele disse: “Claro que sim.” Eu apontei para ele olhar para o guarda-chuva, e ele viu sua aliança!

Ficamos ali nos regozijando e agradecendo ao Senhor por Sua Graça e Misericórdia para conosco e por nos permitir ter de volta a aliança do meu marido!

Deus é tão bom, e estou tão agradecida por estas coisas que Ele faz só para mostrar Seu amor e que Ele está verdadeiramente vivo e bem aqui conosco, conduzindo, guiando e nos preparando para ir para o Lar muito em breve.

Deus os abençoe,

Irmão Lesley e irmã Bridget

Fotos

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

 

Fonte: Voice of God Recordings

gravações a voz de Deus

Posted in Testemunhos.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...