Armagedom, Gogue e Magogue


1. E ouvi, vinda do templo, uma grande voz, que dizia aos sete anjos: Ide e derramai sobre a terra as sete taças da ira de Deus.

2. E foi o primeiro e derramou a sua taça sobre a terra, e fez-se uma chaga má e maligna nos homens que tinham o sinal da besta e que adoravam a sua imagem.

3. E o segundo anjo derramou a sua taça no mar, que se tornou em sangue como de um morto, e morreu no mar toda alma vivente.

4. E o terceiro anjo derramou a sua taça nos rios e nas fontes das águas, e se tornaram em sangue.

5. E ouvi o anjo das águas que dizia: Justo és tu, ó Senhor, que és, e que eras, e santo és, porque julgaste estas coisas.

6. Visto como derramaram o sangue dos santos e dos profetas, também tu lhes deste sangue a beber; porque disto são merecedores.

7. E ouvi outro do altar, que dizia: Na verdade, ó Senhor, Deus Todo-poderoso, verdadeiros e justos são os teus juízos.

8. E o quarto anjo derramou a sua taça sobre o sol, e foi-lhe permitido que abrasasse os homens com fogo.

9. E os homens foram abrasados com grandes calores, e blasfemaram o nome de Deus, que tem poder sobre estas pragas; e não se arrependeram para lhe darem glória.

10. E o quinto anjo derramou a sua taça sobre o trono da besta, e o seu reino se fez tenebroso; e os homens mordiam a língua de dor.

11. E, por causa das suas dores e por causa das suas chagas, blasfemaram do Deus do céu e não se arrependeram das suas obras.

12. E o sexto anjo derramou a sua taça sobre o grande rio Eufrates; e a sua água secou-se, para que se preparasse o caminho dos reis do Oriente.

13. E da boca do dragão, e da boca da besta, e da boca do falso profeta vi saírem três espíritos imundos, semelhantes a rãs,

14. porque são espíritos de demônios, que fazem prodígios; os quais vão ao encontro dos reis de todo o mundo para os congregar para a batalha, naquele grande Dia do Deus Todo-poderoso.

15. ( Eis que venho como ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se vejam as suas vergonhas. )

16. E os congregaram no lugar que em hebreu se chama Armagedom.

17. E o sétimo anjo derramou a sua taça no ar, e saiu grande voz do templo do céu, do trono, dizendo: Está feito!

18. E houve vozes, e trovões, e relâmpagos, e um grande terremoto, como nunca tinha havido desde que há homens sobre a terra; tal foi este tão grande terremoto.

19. E a grande cidade fendeu-se em três partes, e as cidades das nações caíram; e da grande Babilônia se lembrou Deus para lhe dar o cálice do vinho da indignação da sua ira.

20. E toda ilha fugiu; e os montes não se acharam.

21. E sobre os homens caiu do céu uma grande saraiva, pedras do peso de um talento; e os homens blasfemaram de Deus por causa da praga da saraiva, porque a sua praga era mui grande.

Apocalipse 16

 

1. E vi descer do céu um anjo que tinha a chave do abismo e uma grande cadeia na sua mão.

2. Ele prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o diabo e Satanás, e amarrou-o por mil anos.

3. E lançou-o no abismo, e ali o encerrou, e pôs selo sobre ele, para que mais não engane as nações, até que os mil anos se acabem. E depois importa que seja solto por um pouco de tempo.

4. E vi tronos; e assentaram-se sobre eles aqueles a quem foi dado o poder de julgar. E vi as almas daqueles que foram degolados pelo testemunho de Jesus e pela palavra de Deus, e que não adoraram a besta nem a sua imagem, e não receberam o sinal na testa nem na mão; e viveram e reinaram com Cristo durante mil anos.

5. Mas os outros mortos não reviveram, até que os mil anos se acabaram. Esta é a primeira ressurreição.

6. Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte, mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo e reinarão com ele mil anos.

7. E, acabando-se os mil anos, Satanás será solto da sua prisão

8. e sairá a enganar as nações que estão sobre os quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, cujo número é como a areia do mar, para as ajuntar em batalha.

9. E subiram sobre a largura da terra e cercaram o arraial dos santos e a cidade amada; mas desceu fogo do céu e os devorou.

10. E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre.

11. E vi um grande trono branco e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu, e não se achou lugar para eles.

12. E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante do trono, e abriram-se os livros. E abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras.

13. E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras.

14. E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte.

15. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.

Apocalipse 20


O QUARTO SELO
W. M. Branham
21 de março de 1963
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana

162 – Agora, onde vai dar tudo isto? Está regressando a como começou. Começou no Céu, e está chegando à batalha do fim.

163 – A primeira coisa que houve no Céu foi uma batalha quando Lúcifer foi lançado, e veio a terra. Então foi quando lançou a perder o Éden, E desde então tem estado contaminando. E daquela batalha no céu, está chegando à batalha sobre a terra, e será finalizada sobre a terra no tempo do fim na batalha chamada Armagedom. Qualquer um sabe isso. A batalha começou no Céu. Foram lançados. Miguel e seus anjos venceram a Lúcifer e o lançaram para baixo. Então ele desceu diretamente ao Éden, e deu começo à batalha terrestre.

168 – Agora, a batalha começou no Céu, e será terminada sobre a terra na forma de Armagedom. Agora observemos bem para ver como será. Que o Senhor nos ajude a desenrolar isto.

185 – Então ele os ajunta sobre seu cavalo de cores misturadas. Está unindo a coisa e está toda misturada com credos, denominações, doutrinas feitas pelo homem, correto? Assim é. É uma cor misturada, a cor misturada do cavalo amarelo, morte e mundanismo. Não há nada do sangue santo da Palavra. E dos quatro cantos do mundo são ajuntados pra a guerra de Armagedom, assim diz a Bíblia.

186 – Agora, pensando neste cavalo de cores misturadas, amarelo doentio e mundano, isso é algo terrível. Porém observe que estão ajuntando dos quatro cantos do mundo; os estão ajuntando agora mesmo para o desafio. O desafio será em Armagedom, segundo a Palavra de Deus. O lado oposto virá sobre seu cavalo amarelo, e o que vem em cima terá um nome: Morte.

187 – O anticristo foi a primeira denominação. Isso não pode ser o Espírito. Então vemos Jezabel, uma prostituta na Palavra juntamente com suas filhas, as quais se estão ajuntando agora mesmo numa unidade.

188 – Alguns de vocês escutaram em dias passados ao ministro Batista, aqui na cidade vizinha dizendo: “Não temos que unir-nos com eles (os católicos), porém convém que sejamos amigos e concordemos com eles. Não temos que unir-nos com a igreja, porém…” Ali o tem você, exatamente o que diz a Palavra: a grande prostituta desde o princípio.

189 – Então os vemos unindo-se, chegando ao desafio de Armagedom, e vem sobre um cavalo de cores misturadas, cores derivadas do cavalo branco, vermelho e o negro, os quais são os três poderes: político, religioso e ambos dominados pelo poder demoníaco, o qual é o anticristo. Ao misturar tudo isso obtemos uma cor amarelada, doentia. Correto!

190 – Agora, ele vem sobre este cavalo amarelo doentio, e vem à batalha de Armagedom juntando seus súditos de todas as nações.

191 – Não interpretou Daniel aquele sonho e viu o ferro (Roma) que passou por todas as nações? Aqui vêm ajuntando-se. Fiquem quietos, já vamos terminar.

192 – Agora, vendo Apocalipse capítulo dezenove, ele não somente está preparando, mas Cristo também está preparando para encontra-lo. Será uma batalha dura. Em Apocalipse 19, vemos que Cristo não está ajuntando os Seus dos quatro ângulos da terra, porque haverá um remanescente pequeno; então que está fazendo? Os está ajuntando dos quatro cantos do Céu.

206 – Agora, aqui vem Satanás pelos quatro cantos da terra, com os Protestantes, os Católicos e todos indo para a batalha de Armagedom. Bem. E por aqui vem Jesus, do céu, com os santos ressuscitados – A Palavra vindicada.

207 – Eu sempre tenho dito: “Se Deus enviou a alguém, ele sustentará o que o tal disser”. Se você é um embaixador Celestial, todo o Céu o sustentará; e o Céu consiste da Palavra.

208 – Então Ele vem com os santos ressuscitados, vindicando que Sua Palavra é verdade. Satanás sabe que o abismo o espera. A morte vem sobre o cavalo amarelo e sobre os credos e denominações. Ele os guiou a uma separação eterna de Deus. Cristo guiou Sua Igreja a glória na ressurreição. Vejamos bem o verso oito, já para terminar: “E lhe foi dado poder”. A quem? Bem. O anticristo é chamado “Morte” e o inferno lhe segue. Observem bem seu plano que é em quatro partes:


DIA DA VITÓRIA
William M. Branham
21 de Abril de 1963
Sierra Vista – Arizona – U.S.A

50 – Tivemos muitas grandes batalhas, batalhas espirituais. Muitos grandes dias-V que a igreja tem tido; quero dizer a igreja, o Corpo de Cristo. Não estou falando a respeito do sistema organizacional agora. Estou falando a respeito do Corpo de Cristo. O corpo dos crentes através das eras tem tido muitos grandes dias-V. Falamos a respeito…Já tivemos várias guerras, guerras, e rumores de guerras, e dias-V, e dias-V, e dias-V, e…Isto finalmente terminará na grande batalha de Armagedom. Aquela será a última delas. Quando ela chegar para a batalha de Armagedom, aquilo estabelecerá toda a coisa. Pouco antes do grande milênio, Armagedom é para limpar a terra. Ela repurificará a si mesma com esta explosão atômica, e as lavas vulcânicas, e a coisa sorverá toda corrente de sangue dos homens sobre a terra, e pecado, e crime. Ela submergirá debaixo da terra. Os vulcões se romperão outra vez, e renovarão, e limparão a terra para o grande milênio. Ele limpará Sua igreja durante aquele tempo para um povo viver aqui. Amém. Eu — eu digo, eu gosto disso, sim senhor. Chegará o tempo quando haverá grande…


PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE OS SELOS
W. M. Branham
24 de março de 1963
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

36a- Por favor, explique-me como é que Satanás é atado por mil anos e logo solto para a batalha de Apocalipse 20:8.

243- Essa não é a batalha de Armagedom. A batalha de Armagedom  se efetua ao final da tribulação antes do Milênio.

36b- Que relação tem esta batalha com a batalha de Armagedom, como é mencionado no quarto Selo?

244- Nenhuma relação. Uma batalha se efetua deste lado dos mil anos, e a outra, do outro lado dos mil anos.

36c- Serão juntados Gogue e Magogue (de Apocalipse 20: 8) dentre as gentes da Nova Terra?

245- Satanás foi solto de sua prisão ao final do Milênio, seguidamente juntou a toda gente malvada e os trouxe a este lugar; é ali quando Deus desceu fogo e enxofre e os devorou. Essas são as duas batalhas.


AS SETENTA SEMANAS DE DANIEL
William M. Branham
06 de Agosto de 1961
Tabernáculo Branham
Jefersonville – Indiana – U.S.A

83 – Agora, permitam-me deter-me aqui um momento. Para que vocês possam conhecer sem sombra de dúvida, eu não tomaria apenas um lugar. Eu posso tomá-lo através da Escritura inteira e provar a vocês que sete dias é – que sete – uma semana é – são sete anos na Bíblia. O acabo de fazer aqui em Apocalipse capítulo 13 – ou capítulo 11 e versículo 3. Esses profetas profetizarão mil duzentos e sessenta dias, que é em meio da última semana dos Judeus. Então são cortados e começa o Armagedom. Então se isto é assim, hoje de novo trinta dias é um mês. Vê? Então é um – não é um trinta e um dias e outro vinte e oito dias e assim por conseguinte – é exatamente trinta dias num mês todo o tempo.

215 – E, oh, observe a estes três profetas – dois profetas, quando eles se levantam aqui. E em meio da semana são cortados, e então começa o Armagedom, então Deus começa a falar por Si Mesmo. Então Ele se levanta e começa a pelejar. Esses profetas estão ferindo a terra. Eles estão pregando no Nome do Senhor Jesus Cristo. Eles estão batizando da mesma maneira. Eles estão fazendo as mesmas coisas que fizeram os primeiros pais Pentecostais, e muitos estão lhes seguindo. Porém aqueles que estão confederados – essa organização se moveu até o ponto que nem mesmo o poder daqueles profetas a rompeu. E finalmente eles disseram, “Faremos de todos uma só organização”, e ele traz (que é?) a abominação, Romanismo, para espalhar a coisa que desola. A abominação desoladora toma tudo, a imundície.

220 – Então eu lhes fiz repetir a todos: “Mantenham seus olhos na Rússia”. Recordam isso? “Mantenham seus olhos na Rússia”. Ela terminará em Comunismo. E então tudo ficará reduzido a Catolicismo. Recordem, tudo ficará reduzido a Catolicismo no tempo do fim. Isso é exatamente correto. Isso é na batalha do Armagedom, aqui mesmo quando Cristo Mesmo vem…


PERGUNTAS E RESPOSTAS – NÚMERO 4
William M. Branham
30 de Agosto de 1964
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

18b – …terminado a era da igreja e se tem escurecido. É chamada a Noiva, nós já temos entrado ao período da tribulação.

75 – Não, não, não, estás…Gostaria de poder ter mais tempo que isso. Vêem, vêem? A Noiva, quando ela é tirada da igreja, então a era da igreja cessará. Laodiceia entra em caos, a Noiva vai à Glória, e começa o período da tribulação sobre as virgens néscias por três anos e meio enquanto Israel está recebendo sua profecia; logo a tribulação começa sobre Israel e então chega a Batalha de Armagedom que destrói todas as coisas. E depois a Noiva regressa com o Noivo por mil anos: o Reinado do Milênio; depois disso vem o Juízo do Trono Branco; depois disso vem os Novos céus e a Nova Terra e a Nova Cidade descendo do céu, de Deus. A Eternidade e o tempo se misturam juntamente.


O PRINCÍPIO E O FIM DA DISPENSAÇÃO GENTIA
William M. Branham
09 de Janeiro de 1955
Tabernáculo Branham – Domingo – Noite
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

100 – Agora, deu-se a Daniel esta segurança, e no fim da dispensação gentia. Leia o… Quando você for para casa, e amanhã, leia o capítulo 11. Você pode ver como o rei do norte está vindo, o qual não é nada menos que a Rússia, vindo para pressionar contra ele, como um remoinho. E a grande Batalha do Armagedom será travada bem ali perto dos portais de Jerusalém. Note. Oh, gosto muito disto!

…mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que se achar escrito no livro, no livro a vida do Cordeiro.


A MARCA DA BESTA
13 de maio de 1954
Jeffersonville – Indiana – E.U.A.
Tradução – EUA

257 – Diretamente até o tempo da Vinda do Senhor, e ele é lançado no inferno. E os dez chifres que viste são dez reis, que ainda não receberam reinos, mas receberão o poder como reis por uma hora, juntamente com a besta.

258 – Se tão-somente tivéssemos… “Ainda não receberam poder.” Eles não são reis. Eles não tinham… Eles não podem. Os chifres não tinham coroas. “Eles receberam poder de reis.” Que é isto? Ditadores; não reis coroados. Ditadores! Oh, que coisa!

259 – Agora, oh, quando leio isto, algumas vezes meu coração salta de alegria, muito bem, quando penso como estamos vivendo aqui no último dia.

E os dez chifres que viste são dez reis, que ainda não receberam o reino, mas receberão o poder como reis por uma hora, juntamente com a besta.

Estes têm um mesmo intento e entregarão o seu poder e autoridade à besta,

Estes combaterão contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá,…

260 – Aí vem a Batalha do Armagedom; pronto para o Milênio.


DEUS SENDO MAL ENTENDIDO
William M. Branham
23 de Julho de 1961
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

12 – Ezequiel 38 e 39 acontecerá antes do Rapto?

102 – Agora se você observar, Ezequiel 38 e 39 trata com Gogue e Magogue, que é a Rússia, o país do norte. Agora, eu ano digo que isto é correto, mas na minha maneira de ensinar isto, aquilo, isto acontecerá após o Rapto, após a Igreja ser tomada. E Deus trata com Gogue e Magogue quando eles descem diante de Israel ali. E eu penso que aquilo acontecerá depois do Rapto. Agora, isto não quer dizer que assim seja, vêem. Mas esta é apenas minha maneira de ensinar isto. Eu suponho que isto seja o que desejavam saber, o que era a minha ideia.

tabernaculo-4 - Copia

Posted in Matérias do Profeta.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...