As Peças Que Faltam ao Quebra-Cabeça


A costa oeste do Pacífico, na América do Norte, esteve muito nos noticiários ultimamente. Muitos geólogos estão levantando a bandeira vermelha de que há perigos eminentes para toda a costa oeste da América do Norte que poderiam matar milhares de pessoas. Se você está familiarizado com o ministério do irmão Branham, então já sabe o que vai acontecer. A Califórnia tem um terremoto enorme formando-se silenciosamente sob a superfície, e um dia irá “afundar aquele lugar.”

Olhem os terremotos aqui na Califórnia. Eu predigo que, antes da vinda do Senhor Jesus, Deus afundará esse lugar. Eu creio que Hollywood e Los Angeles, e aqueles lugares sujos lá, que o Deus Todo-Poderoso os afundará.

Os crentes entendem que a costa oeste um dia será abalada por terremotos, mas a ciência também tem dito a mesma coisa há décadas. Como eles sabem? É muito simples.

Os cientistas observam as coisas. Eles tentam imaginar por que as coisas têm acontecido, e então especulam o que vai acontecer no futuro. Eles usam todos os meios à sua disposição, tais como propriedades físicas das rochas, terremotos registrados, evidência de terremotos e tsunamis pré-históricos, e até mesmo escritos de civilizações antigas. Cada uma destas são peças de um quebra-cabeça que são utilizadas para prever o que vai acontecer no futuro. O problema é que eles não sabem como deveria se parecer o quebra-cabeça montado. A Palavra de Deus é como a foto do lado de fora da caixa do quebra-cabeça já montado. Se os cientistas colocassem as peças do quebra-cabeça de acordo com a imagem final, então poderiam chegar a algum lugar. A conclusão para nós é que se a ciência está em harmonia com a Palavra, então é verdade. Se não está em harmonia com a Palavra, então nossos amigos altamente instruídos estão simplesmente errados. A Palavra de Deus é a mais elevada forma de conhecimento.

Compilamos algumas descobertas científicas recentes que parecem um pouco semelhantes ao que o profeta disse muitas décadas atrás. Embora não saibamos exatamente como as profecias se cumprirão, estamos vendo a ciência se inclinar mais para a profecia do que em qualquer momento antes.

Antes de mais nada, o que eles querem dizer quando dizem “terremoto de magnitude 7,0?” Magnitude é simplesmente uma medida da quantidade de energia que é liberada na fonte do terremoto. A intensidade ou força de um terremoto é determinada pela quantidade de danos. A diferença entre um 4 e um 5 pode não parecer significativa para a maioria de nós, mas é. Uma magnitude 5 é 10 vezes maior do que uma magnitude 4. Assim, quando se adiciona 1 à intensidade (4,0 a 5,0), multiplica-se o tremor por 10. Isso fica muito grande quando os números ficam acima de 6 ou 7, e um tremor maior produz um abalo mais poderoso que dura mais tempo, o que aumenta a força dez vezes mais. Por exemplo, um de 9,0 que poderia atingir o noroeste dos Estados Unidos, vai liberar 100 vezes mais energia e será 1.000 vezes mais forte do que o de 7,0 que arrasou o Haiti alguns anos atrás.

Aqui estão alguns exemplos de magnitudes de terremoto. Menos de 2,0 não pode ser sentida pela maioria das pessoas. 2,0 a 3,9 pode ser sentida, e fará vibrar os pratos no armário, mas não é muito significativo. Você saberá que é um terremoto quando um de 4,0 a 4,9 se der. Algumas coisas podem cair das prateleiras, mas normalmente há poucos danos, especialmente nos edifícios mais modernos. Um de 5,0 a 5,9 vai derrubar coisas das prateleiras e danificar estruturas que não foram bem construídas, mas geralmente não são muito perigosos. Um de 6,0 a 6,9 está na faixa perigosa. Aí é quando casas começam a desmoronar, e o tremor pode ser sentido a centenas de milhas de distância. Um de 7,0 a 7,9 é considerado um grande terremoto. Dependendo de onde ocorrer, ele pode produzir milhares de vítimas e grandes danos estruturais. Cidades como Tóquio foram construídas para grandes terremotos, de modo que os danos seriam limitados. No entanto, quando um de 7,0 atingiu o Haiti há alguns anos, bem mais de 100.000 pessoas morreram, e mais de 6 milhões foram afetadas. Embora a maioria das estruturas tenha sido bem construída na Califórnia, não estamos tão preparados como Tóquio ou muitas outras áreas metropolitanas para um grande terremoto. Um de magnitude 8 ou maior é simplesmente enorme, com potencial para destruir tudo em seu caminho. Apenas o tremor poderia causar milhares de mortes se este terremoto atingisse Los Angeles, e se incluir um tsunami, seria catastrófico. O maior terremoto registrado da história foi um de 9,5 em 1960, no Chile. O segundo maior foi o terremoto de sexta-feira da paixão, de magnitude 9,2 no Alasca, do qual o irmão Branham falou.
Existem dois grandes sistemas de falhas na Califórnia que a ciência conhece: 1) A falha de San Andrea, que vai do sul da Califórnia, perto do Mar Salton, em direção norte até o Cabo Mendocino no norte da Califórnia. Os cientistas dizem que ele pode produzir um terremoto na faixa de magnitude 8. Na extremidade norte do sistema de falhas, ele se aproxima de uma poderosa colisão de duas placas continentais, chamada Zona de Subducção de Cascadia. 2) O sistema de falhas de Cascadia estende-se ao norte do Cabo Mendocino até à Ilha de Vancouver. A maior parte dele encontra-se sob o oceano, o que o torna duplamente perigoso. Não só pode este gigante produzir o maior terremoto já registrado, como também produzir uma onda gigantesca que engolirá tudo em seu caminho. A maior parte da Costa Oeste dos Estados Unidos estaria em perigo.

f8bc06d0-76a8-4c3e-a549-e5b9193feea5

Há dois sistemas de falhas enormes na Costa Oeste que têm o potencial de causar danos catastróficos, mas aqui está algo que a ciência só está descobrindo agora: Os dois sistemas de falhas estão relacionados! Eles estão juntando as peças do quebra-cabeça que mostram que a maioria dos grandes terremotos da falha de San Andrea foi causada por terremotos gigantes na Cascadia. Portanto, é possível ter um terremoto devastador e ondas enormes no norte da Califórnia, Oregon ou Washington (ou em todos os três); e pouco tempo depois, outro terremoto poderia arrasar Los Angeles. E tudo isso vem de algumas peças do quebra-cabeça que a ciência juntou. A imagem do lado de fora da caixa diz:

d8a07f55-0bb4-45dc-b45c-11f6544894c5

Isto é uma advertência solene. Nós não sabemos a que hora. E você não sabe a que hora esta cidade um dia vai se encontrar aqui no fundo deste oceano.

“Oh, Cafarnaum,” disse Jesus, “tu que te ergues até ao céu, serás abatida até aos infernos. Porque, se em Sodoma e Gomorra tivessem sido feitos os prodígios, teriam permanecido até hoje.” E Sodoma e Gomorra se encontram no fundo do Mar Morto. E Cafarnaum está no fundo do mar.

Tu, cidade que afirma ser a cidade dos Anjos, que tens te exaltado até ao céu, e enviado todas as coisas sujas e imundas de modas e coisas tais, a ponto de até mesmo as nações estrangeiras virem aqui apanhar nossa imundície e divulgá-la, até nossas finas igrejas e torres, e assim por diante, a maneira que fazes. Lembra-te, um dia jazerás no fundo do mar, tua grande falha como favo de mel debaixo de ti agora mesmo. A ira de Deus está arrotando bem debaixo de ti. Por quanto tempo mais Ele reterá este banco de areia pendendo sobre aquilo? Quando, esse oceano mais além, de uma milha de profundidade, deslizar ali, até chegar ao Mar Salton [Lago ao sudeste da Califórnia próximo à divisa com o estado do Arizona—Trad.] Será pior do que o último dia de Pompéia. Arrepende-te, Los Angeles.

Arrependa-se, o resto de vocês, e volte-se para Deus. A hora da Sua ira está sobre a terra. Fuja enquanto há tempo para fugir, e entre em Cristo.

Aqui estão mais algumas peças do quebra-cabeça que ouvimos nos noticiários ultimamente:

  • A história da medição da força dos terremotos foi desenvolvida em 1935, de modo que os cientistas estão apenas especulando acerca da magnitude e frequencia dos terremotos históricos. Eles pensam que entendem como essas coisas funcionam, mas estão especulando sobre milhares de anos, dos quais não têm nenhuma informação sólida.
  • A falha de San Andrea se estende por cerca de 1.287 quilômetros através da Califórnia e tem 16 quilômetros de profundidade.
  • Tanto a de San Andrea quanto a da Cascadia são chamados de “sistemas de falhas” e não uma “falha,” porque são constituídos de numerosas falhas conhecidas e desconhecidas, cada uma tendo o potencial de se romper e causar um terremoto.
  • O trecho sul da falha de San Andrea está muito atrasado para um grande terremoto. Seu grande terremoto mais recente foi estimado em 7,9 em 1857. A parte sul do sistema de falhas de San Andrea (área de Los Angeles) deveria se mover cerca de 5 metros a cada 100 anos. Caso contrário, continua somente aumentando a pressão. Em 1812 ocorreu o último movimento substancial naquela área, e mais ao sul não se moveu desde cerca de 1680. Está muito atrasado.
  • Um terremoto no megassismo (área de atrito entre duas placas tectônicas) da Cascadia em 26 de janeiro de 1700 não só abalou a costa oeste, como também produziu uma onda enorme que atravessou o Oceano Pacífico e arrasou povoados no Japão.
  • O megassismo da Cascadia também influencia uma série de vulcões desde o norte da Califórnia até a Colúmbia Britânica. Há 13 vulcões ativos nessa área. O maior é o Monte Shasta, na Califórnia, e o Monte Rainier em Washington tem o potencial de causar o maior dano por causa de sua proximidade com grandes centros populacionais.
  • O terremoto de 1906 em San Francisco foi de magnitude 8,2 no norte da falha de San Andrea, matando mais de 3.000 pessoas e destruindo 28.000 edifícios. Havia 800.000 pessoas vivendo na área da Baía de San Francisco em 1906. Hoje há 7 milhões de pessoas vivendo lá.
  • Em 17 de janeiro de 1994, um terremoto de magnitude 6,7 atingiu a área de Los Angeles, matando 57 pessoas e causando 20 bilhões de dólares em danos. Os cientistas dizem que o San Andrea tem potencial para um de 8,0, que é 20 vezes maior e quase 90 vezes mais forte do que um de 6,7.
  • Recentemente os cientistas descobriram que o sistema de falhas de San Andrea está começando a mover-se lentamente. Eles não sabem o que isso significa, e estão especulando que poderia ser um sinal de um grande terremoto na Califórnia.

Aqui estão algumas peças do quebra-cabeça que estão na foto do lado de fora da caixa, mas que a ciência ignora.

  • O terremoto de San Francisco se deu em 18 de abril de 1906. O reavivamento da rua Azusa começou em 9 de abril de 1906 em Los Angeles, o que marcou o início da sétima e última Era da Igreja.
  • O terremoto do Alasca se deu em 28 de março de 1964. Em 26 de março de 1964, um redemoinho passou rasgando por um desfiladeiro no Arizona, e foi revelado ao irmão Branham que o juízo atingiria a costa oeste.
  • A Palavra nos ensina mui claramente que terremotos e inundações são muitas vezes resultado de vida pecaminosa (o grande dilúvio – Gên. 7, e a destruição de Sodoma e Gomorra – Gên. 19).
  • O irmão Branham disse: “Nunca houve um tempo, desde Sodoma, em que os homossexuais e a perversão estivessem em marcha como estão agora.
    • A primeira lei de casamento entre pessoas do mesmo sexo foi promulgada em Berkeley, Califórnia, em 1984.
    • Mesmo a população dos Estados Unidos quase sempre votando contra casamento entre pessoas do mesmo sexo, tribunais consistentemente derrubam o voto do povo. O tribunal mais poderoso do mundo já resolveu o problema. O supremo tribunal dos Estados Unidos emitiu a decisão determinando que o casamento entre pessoas do mesmo sexo é legal nos Estados Unidos.
    • Isso nunca aconteceu em toda a história registrada. Faça esta pergunta para si mesmo: O que é pior, nosso mundo moderno ou Sodoma e Gomorra? “Se Deus deixasse esta nação passar impune com o que é feito agora, Ele seria obrigado a levantar Sodoma e Gomorra, e pedir desculpas por queimá-las.” (64-0208)

Pode ser que a bonança que estamos vendo na tempestade seja devido à longanimidade de nosso Senhor Jesus. Ele deterá os terremotos e destruição, enquanto Sua Noiva está Se aprontando, mas até mesmo as predições dos cientistas são uma advertência de que nosso tempo é curto. Já vimos muitas profecias se cumprirem, como o aumento da imoralidade, carros em forma de ovo, e até mesmo o sério potencial de uma mulher presidente. O Arrebatamento virá um dia em breve, por isso asseguremo-nos de que tudo esteja em ordem em nossa vida. O tempo é curto.

Fonte: Voice of God Recordings

gravações a voz de Deus

Posted in Notícias.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...