Como não devemos olhar para os nossos sintomas, mas para a promessa de Deus. Sim, senhor. “Pedi ao Pai qualquer coisa em Meu Nome, Eu o farei.” Isso é tudo. Ele é o Sumo Sacerdote assentado à destra de Sua Majestade nas alturas (Heb. 1:3) para fazer intercessões sobre a nossa confissão, o que temos crido e confessado. E podemos confessar qualquer coisa que Ele fez por nós, e crer nisto, e Ele está lá para confirmá-lo diante da Presença de Deus. Como devemos nos regozijar, e não olhar para qualquer sintoma. Olhe para o que Deus prometeu. É uma promessa.

62-0612 Eis que Está Aqui Quem É Maior do que Salomão

O testemunho deste jovem irmão com certeza dará um impulso à sua fé hoje. Independente dos sintomas, ele tomou a promessa de Deus acima de qualquer coisa que a ciência pudesse lhe dizer. Agora ele se encontra vitorioso e pronto para qualquer chamado que Deus tenha para sua vida.

Eu estava na casa da minha avó, e então tive um sério ataque de asma enquanto minha mãe estava no trabalho. Minha avó me levou para casa e fiquei lá com meu padrasto. Minha respiração foi ficando cada vez mais difícil. Eu estava em pânico pelo receio de não conseguir mais respirar. Assim, ele estava orando para Deus enviar uma ambulância rapidamente para vir me buscar. Deus entrou em cena e permitiu que a ambulância chegasse a tempo. Quando cheguei ao hospital fiquei inconsciente por cerca de três dias, e meu médico disse que não havia esperança de me trazer de volta.

Os médicos então me mandaram para outro hospital depois que viram meu dedo do pé se mexer. Lá finalmente recobrei a consciência. Eu tinha só nove anos, e estava sendo mantido vivo por aparelhos, e dizia ao médico e às enfermeiras que Deus havia me curado. Quando estava brincando com um jogo de perguntas e respostas uma das perguntas foi: “Há cura para a asma, verdadeiro ou falso?” Eu coloquei verdadeiro, e o jogo disse que era falso. Eu disse ao médico, juntamente com as enfermeiras e minha mãe, e a qualquer um que esteve ali, que aquela resposta à pergunta era mentira. Eu disse a eles que a cura para todas as doenças é Deus, que pode curar qualquer coisa. Minha fé foi capaz de me tirar daquele hospital, e agora o demônio da asma me deixou.

Agora posso correr por aí sem NENHUMA dificuldade de respirar. Agora tenho 14 anos, e logo farei 15. Creio que a razão pela qual ainda estou aqui é porque sou necessário para o trabalho de Deus na terra.

Irmão Joshua Stephens

EUA

Fonte: Voice of God Recordings

gravações a voz de Deus

Posted in Testemunhos.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...