Sobre a Tua Palavra


Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus.

Mateus 4:4

É o simples ato de seguir todo mandamento que é colocado perante nós. Pode ser algo tão simples quanto inclinar a cabeça, mas todo ato de obediência em nossa vida não será ignorado.

O momento de vitória desta irmã veio quando ela não esperava.

Estive muito doente, sendo diagnosticada com EM (esclerose múltipla). Isso afetou minha vista, distorcendo-a, e perdendo toda a visão do meu olho direito, com exceção de alguns pontinhos de luz e cor.

Domingo à noite não pude ir à igreja. Fiquei sentada no quintal com meu marido, ouvindo “Assim Nos Convém Cumprir Toda a Justiça,” a mesma Mensagem que estavam tocando em Jeffersonville e em minha igreja local.

No fim da fita, o irmão Branham pediu à congregação para inclinar a cabeça e fechar os olhos. IMEDIATAMENTE quando levantei a cabeça e abri os olhos, eu pude ver o céu, as árvores e o gramado pelo menos 50% melhor! E minha vista tem melhorado a cada dia desde então. Meus médicos me disseram na sexta-feira anterior que não sabiam se minha vista iria melhorar. MAS EU SABIA QUE IRIA.

Recebemos um e-mail desta mesma irmã cinco dias depois.

Esta é uma atualização de um testemunho anterior sobre o fato do Senhor curar a minha vista. Ontem, 24 de julho, acordei com nenhum ponto cego na vista. Cobri o olho esquerdo e podia ler com o olho direito tão bem quanto com o esquerdo. A oftalmologista, depois de ler o relatório da imagem por ressonância magnética (IRM) do neurologista, me disse que “minha vista talvez nunca melhorasse.” Então, depois que melhorou, ela me disse: “Seu olho direito nunca será seu olho bom.” Fico agradecida de que me informem suas limitações, contudo, meu Deus é criador!

Irmã Esther

EUA

Fonte: Voice of God Recordings

gravações a voz de Deus

Posted in Testemunhos.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...