Estai Quietos


Veja, é sua mente que abre a porta; ou fecha a porta e dá ouvidos à sua consciência, dá ouvidos à sua memória, dá ouvidos às suas afeições. Mas quando sua mente se fecha a estas coisas, e deixa Deus, o Espírito de Sua Palavra entrar, Ele sopra o resto da bugiganga para fora. Toda dúvida se foi. Todo medo se foi. Toda sensação de dúvida se foi. Todo sentimento se foi. Nada se encontra ali, exceto a Palavra de Deus, e Satanás não pode lutar contra Isso. Não, senhor. Ele não pode lutar contra Ela.

Ao longo da história, um homem passava a exercer a mesma ocupação do pai, e essas habilidades eram transmitidas através dos tempos. Hoje é muito diferente. Bilhões de pessoas vivendo na terra criaram uma enorme diversidade na vida cotidiana, bem como inúmeras distrações que estão sempre tentando distanciar nossa mente das coisas importantes para bobagens. Somos confrontados com decisão após decisão, cada uma com o potencial de mudar o rumo da nossa vida. Quando se juntam todas as opções apresentadas a nós à responsabilidade de prover para uma nova família, cria-se uma situação estressante para os padrões de qualquer um.

Este jovem sabia que precisava das escolhas de Deus para sua vida. Se ele pudesse encontrar Sua perfeita vontade, então tudo estaria bem. O diabo pôde ver que o irmão Calebe estava no caminho certo, de modo que tentou sobrecarregá-lo com pressões quase insuportáveis. Nosso jovem irmão fez exatamente o que a Palavra ordena, e “ficou quieto” até o caminho ser iluminado perante ele. Então tudo se encaixou perfeitamente no lugar.

Só quero compartilhar este testemunho para glorificar nosso Senhor Jesus e incentivar a família de Deus. Pouco depois de receber o Espírito Santo em meu coração no Acampamento Still Waters de agosto de 2011, comecei minha primeira prova de verdade como cristão nascido de novo.

Apenas duas semanas após o acampamento, eu me mudei temporariamente da minha cidade natal para um estágio. Eu tinha sido um bom aluno e conquistei uma vaga competitiva numa grande empresa. Na época, eu não entendi por que, mas comecei a criar medo de fazer a escolha errada quanto à carreira. Apesar desta ser uma decisão importante para um jovem tomar, eu agora vejo que era um espírito de ansiedade que estava entrando furtivamente na minha vida.

Lentamente comecei a me preocupar cada vez mais quanto a tomar decisões, em vez de confiar no Senhor para me conduzir. Isso afetou minha vida diária, causando depressão e uma profunda e constante dor de cabeça. Na maior parte do tempo eu agia de modo normal, sendo capaz de suprimir a sensação para assim dar conta do trabalho e escola e realizar o que eu precisava para o dia, mas não tinha alegria para nada. Essa sensação ia piorar, desaparecendo e voltando por vários meses, que se transformaram em anos. Muitas vezes se manifestava em um ataque em escala total de ansiedade, deixando-me soluçando de confusão. Eu estava tão frustrado por não conseguir afastar esse sentimento de ansiedade e falta de esperança, e sentia como se estivesse me privando da minha felicidade. Mesmo quando estava para me casar, tudo o que eu sentia era a pressão acerca do meu futuro, em vez de ser feliz com tudo o que o Senhor tem me abençoado.

Por quase quatro anos eu prossegui na batalha, apenas lançando mão da Palavra para acalmar meus nervos. Eu entrava correndo no meu carro e dirigia estrada abaixo com uma fita tocando. Às vezes as sensações diminuíam, e outras vezes transbordavam, enquanto eu chorava e gastava o couro do meu volante ao torcê-lo com as mãos.

Em uma sexta-feira à noite, em março de 2015, eu tive um ataque de ansiedade quando minha esposa e eu estávamos saindo para jantar. Era humilhante para mim, não ser capaz de controlar meus nervos na frente da minha querida esposa cristã (Deus realmente dá os melhores presentes). Depois que as lágrimas cessaram, e pensando no que eu precisava fazer com a minha vida, eu disse a ela: “Simplesmente não sei o que fazer. Ou tenho que lutar contra isto e avançar para algo, ou ficar quieto e confiar no Senhor para fazê-lo.”

Acordei na manhã seguinte, ainda com o coração pesado, e fui até o nosso iPod na sala de estar. Como tantos crentes, nós gostamos de tocar a Palavra em casa, e o iPod (com os alto-falantes) tinha tocado diversas fitas durante toda a noite. Fui até o iPod para selecionar uma fita para a Hora de Meditação e descobri que estava tocando “Estai Quietos” 57-0518.

Acreditando que isso era uma resposta do Senhor, simplesmente continuei ouvindo. O irmão Branham leu uma pequena porção da Escritura em Números 13:30: “Então Calebe fez calar o povo perante Moisés…” Fiquei tão animado ao ouvir o profeta mencionar o MEU NOME na própria fita cujo título respondia a pergunta pela qual eu buscava o Senhor. Ouvi atentamente, simplesmente me encharcando de cada letra e pontuação daquela fita. Senti-me tão abençoado em ouvir do Senhor, e uma calma segurança começou a aquecer o meu coração.

Quando a fita terminou, eu saí para verificar se tinha recebido correspondência. Irmãos e irmãs do Evangelho, vocês podem imaginar como meu coração saltou de alegria quando nas cartas que recebi naquela manhã, eu encontrei uma resposta do irmão José a uma carta que eu lhe havia escrito mais de 6 MESES antes, a respeito dessas mesmas coisas que estavam no meu coração?!!! Pela Graça de Deus, meu testemunho é que A PARTIR DAQUELE MOMENTO eu não tive um único vestígio de ansiedade. Simplesmente procuro caminhar com o Senhor hoje, sabendo que Ele cuidará do amanhã.

 

Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho.

Salmos 119:105

 

Ele disse: “Vou para o outro lado do monte. Eu moro sobre… Bem, venha comigo.” Um homem agradável. Disse: “Venha para casa comigo, fique a noite toda, irmão Branham.”

Eu disse: “Gostaria de poder, irmão. Mas, eu disse: “Estou indo aqui com meu tio.” E ele disse… Eu disse: “O irmão pretende ir por cima?”

Disse: “Não, tenho que subir pelo monte lá em cima, nesta direção, e descer por uma grota, e subir,” vocês sabem como é por lá.

E eu disse: “Bem,” eu disse, “como vai chegar lá?”

Ele disse: “Vou subir pelo caminho lá.”

Eu disse: “Como vai chegar lá?” Disse: “Eu tenho um lampião!” E eu disse: “Bem, como o irmão… O que o irmão faz, acende esse lampião e então caminha com ele?” Ele disse: “Sim, senhor.” Eu disse: “Quando acende esse lampião, o irmão pode segurá-la alto assim? Eu gostaria de ver sua casa.” Ele disse: “O irmão não consegue vê-la.” Eu disse: “Então, como vai chegar lá?” “Oh,” ele disse, “eu apenas acendo o lampião, e enquanto caminho, ele… Eu simplesmente caminho à medida que a luz…” Eu disse: “É exatamente isso. Amém, somente caminhe na Luz.”

60-1205 A Era da Igreja de Éfeso

Fonte: Voice of God Recordings

gravações a voz de Deus

Posted in Testemunhos.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...