A Âncora


MELQUISEDEQUE, O GRANDE PRÍNCIPE E REI
William M. Branham
09 de Janeiro de 1955
Tabernáculo Branham – Domingo – Manhã
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

88 – Agora, passando, rapidamente. Nosso tempo se afastará de nós antes que saibamos. Agora, eu creio que é o versículo 19.

A qual temos como âncora da alma segura e firme…. penetrou até ao que está no véu,

89 – A âncora de nossa alma, que penetrou no véu, além do véu e ancorou!

90 – Você sabe, um barco, algumas vezes… Os que servem a marinha e assim por diante, sabem disto, e você que esteve no mar. Quando, verdadeiramente, as ondas começam a se lançar forte demais contra o barco, eles ancoraram. E isto tem uma linha que desce até embaixo, que o segura. E isto tem uma linha que desce até embaixo, que o segura. E ele pode sacudi-lo de um lado para outro desta maneira, e de um lado para outro daquela maneira, porém essa âncora o segura. A âncora! Não se pode ver terra, em nenhum lugar. Porém lança-se a âncora além do véu, que é a água, e essa âncora desce até ao fundo do mar, em cima deem cima de alguma grande montanha em algum lugar. E arrasta até que apanhe essa montanha, se refreia naquela fenda ali, e todo o mar não pode mais movê-lo. Está ancorado, fora da visão. 

91 – E cada pessoa que recebeu Jesus Cristo como Salvador pessoal, nascida de novo do Espírito Santo, você lançou a âncora. Se você está enfermo, e sua esperança está edificada em Cristo, você lançou a sua âncora. O médico talvez diga isto, aquilo outro; porém, tão certo que sua fé olha além! As ondas, períodos de enfermidade, a febre pode surgir, e tudo assim, porém sua âncora segura – se dentro do véu.

92 – Em algum lugar além na terra mística, diz: “Sobre o que você tem edificado suas esperanças? O médico disse que não tem jeito. A medicina diz que não pode fazer nada. A cirurgia falhou.” Porém minhas esperanças não estão edificadas nisso.

93 – Nós temos esperanças dentro do véu. Que véu? Através do derramamento de Seu Sangue, que tirou Seu Espírito de Seu corpo. E, dentro desse véu ali, a âncora agarrou Algo.

94 – Eu vi um barco, uma vez, quando ele estava sendo agitado lá. E eu pensei: “O que está segurando aquele barco naquele mesmo lugar?” Eu não pude entender. “Encontrava-se lá no mar?” E eu notei que as ondas o levaram em volta desta maneira, e para trás em volta desta maneira, porém ele não se movia daquele lugar. Eu não podia ver nada. Porém havia um pequeno fio, uma corda, que descia da proa desse barco, até uma âncora que havia se agarrado em algo debaixo do meu… onde eu não podia ver, além das águas. E estava segurando ali. E eu disse: “Louvado seja Deus!” 

95 – Sim, um dia, eu encontrei uma âncora. Eu li aqui embaixo, Isto dizia: “Quem quiser, venha.” Eu lancei essa âncora além em algo que eu não podia ver. Algo agarrou. E quando a batalha está bramando, a Âncora segura dentro do véu. Quando os infiéis se levantam, e problemas surgem, e tudo em volta de mim cede, nossa âncora segura dentro do véu, em algum lugar além, ancorada dentro da Rocha das Eras. “Nossa âncora é firme, imóvel. Ela segura, dentro do véu.”.

A qual temos como âncora da alma segura e firme…

96 – “Segura e firme.” Oh, se nós somente tivéssemos um pouquinho mais de tempo, para fazer o que segurança significa. “Segura e firme.” Oh, se nós somente tivéssemos um pouquinho mais de tempo, para trazer o que segurança. O significa. “Segurança,” algo que você sabe, e sua segurança. O que é segurança? “Deus prometeu através de um juramento que Ele o faria.” Isso é segurança.


O ABSOLUTO
William M. Branham
Tabernáculo Branham
30 de Dezembro de 1962
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

136 – O Absoluto para Cristo – o Absoluto para o Cristão é como o – é – é como a âncora no navio. Sim, você – você tem que ter um Absoluto. E se Cristo é o seu Absoluto, é como a âncora que quando você… O mar está bastante revolto, e o navio está quase para afundar, e você – a única esperança que você tem é lançar a âncora. E então se o navio está balançando (veem?), se – a âncora segurará o navio. Você sabe, nós temos um hino (eu me esqueci agora o nome do autor, mas…): A Minha Âncora Segura. 


VÉU A DENTRO 
William M. Branham
01 de Janeiro de 1956
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

71 – Eu dizia: “A fé cristã está baseada completamente em repouso. Isso é correto. Um cristão não é agitado. Um cristão não corre de lugar em lugar. Um cristão não se irrita nem discute nem se preocupa com as coisas. Um cristão repousa. Tudo tem terminado. Tudo termina para o crente no Calvário. Isso é o correto. Oh, pode vir a enfermidade e ocorrer decepções, mas o cristão está em repouso; conhecendo isto – que Deus é capaz de guardar o que Ele tem feito. Sabendo que não importa o que for ou como pareça, não há enfermidade nem morte; não há fome ou qualquer outra coisa que nos possa separar do amor de Deus que está em Jesus Cristo. Estamos em repouso. Deixe que o velho barco se mova para onde queira; a âncora está firme”.

72 – Eu visitei um porto uma vez e vi que… Estávamos voando em um avião. Voávamos a pouca altura. Ali havia um grande velho navio. A vela havia caído, você sabe. E, oh, uma tempestade estava sobre o mar. Oh, ela estava sacudindo! eu vi aquele velho barco ali balançando para trás e para frente, e algumas ondas passavam por baixo e outras caíam dentro do barco, e tudo mais. E eu disse: “Me pergunto porque se mantém aí?” E um companheiro disse: “Tem uma âncora que o fixa. Portanto,” ele disse: “O navio não pode afundar.” Ele disse: “Pode passar as ondas, mas não pode se afundar, porque está ancorado.” 

73 – Eu disse: “Oh, louvado seja Deus, temos uma âncora.” Algumas ondas passam por debaixo e outras por cima; mas enquanto a âncora sustiver –  não é o barco que se sustém, é a âncora a que o mantém seguro. Não é o que eu seja, ou o que serei ou o que tenho sido. É o que Ele é agora e o que Ele fez por nós – por mim e por você. 

74 – Não é o que eu possa fazer. É o que Ele tem feito. Minha fé não descansa no que serão minhas próximas campanhas. Minha fé não descansa em nenhuma habilidade que eu possua ou na igreja a que me una ou nas pessoas com quem eu me associe. Minha fé está ancorada e descansa inteiramente sobre a obra consumada do Senhor Jesus Cristo; já recebida.


AS ÁGUIAS DE DEUS
William M. Branham
02 de Abril de 1960
Tulsa – Oklahoma – U.S.A.

82 – Certa vez um homem apanhou um velho corvo e o amarrou, porque ele estava no milharal e ele… E os pássaros começaram a voar por cima, dizendo, “Vamos Joãozinho Corvo, vamos para o sul; vamos para o sul; o inverno está chegando”.

83 – Ele estava tão abatido, que dificilmente podia andar. Havia um bom homem que passou por ali um dia e disse, “Aquele pobre velho corvo. Eu vou desamarrá-lo”. E quando ele o fez, os outros corvos vieram e disseram, “Vamos Joãozinho Corvo, vamos para o sul”. Mas ele esteve amarrado por tanto tempo que saiu andando por ali e disse, “Eu não posso; eu não posso”. Ele não sabia que estava livre.

84 – Esta é a maneira que acontece com o homem hoje. Você não sabe que Jesus Cristo te libertou, irmão. Vamos sair disto! Vamos para algum lugar! Deus nos fez livres. Não morra de fome. Deus possui bênçãos pentecostais através de todo os céus e recursos impenetráveis de Sua bondade. Vamos alcançá-lo! “Quem desejar, deixe-o ir!” Beba das Águas da Vida de graça.

85 – A águia, ela constrói seu ninho no alto das rochas. Ela é como a … Ela é como a Igreja. A Igreja de Jesus Cristo é a Igreja que está assentada sobre a colina que produz Luz. Ela é alta; ela tem altas ambições. Ela devia ter grandes perspectivas. Ela devia ter grandes perspectivas, porque estamos esperando Deus fazer algo.

86 – Se você chega aqui nesta tarde dizendo, “Bem, eu subirei. Se eu entrar na fila de oração, tudo bem”. “Bem, se Ele me disser que estou bem, se o Senhor me fizer saber que eu… Oh, não tenha perspectivas assim.” Porém se ele não o fizer, então eu não obterei nada ““.

87 – Suas expectativas não são muitas! Venha à igreja nesta tarde; se você está enfermo diga, “Espero voltar para casa curado! Eu não sairei até que isto aconteça!” Se você não tem o Espírito Santo diga, “Eu ficarei aqui e apodrecerei neste lugar, ou receberei o Espírito Santo. Estou aqui no meio de pessoas cheias do Espírito Santo; e estou aqui onde está o Espírito, e ficarei bem aqui até recebê-lo!”

88 – Seja como o velho Buddy Robinson estava quando ele foi para o milharal. Ele disse, “Senhor, se Tu não me deres o Espírito Santo, quando Tu voltares a terra, Tu encontrarás um monte de ossos do Buddy Robinson jogados bem aqui”. Esta é a maneira para fazê-lo. Exatamente! Nós o fazemos casualmente.

89 – Um homem certa vez estava tentando buscar a Deus e cada vez que ele dizia, “Estou salvo”, o diabo dizia, “Não, você não está”. Um dia ele fincou uma estaca. Ele disse, “Satanás, de agora em diante, eu apontarei para esta estaca; este é o lugar onde me encontrei com os requisitos de Deus bem aqui”.

90 – Você finca sua estaca bem ao lado do seu lugar nesta tarde, dizendo, “Satanás, bem aqui é onde cada dúvida vai ficar, e eu vou voar com Ele nesta tarde. Eu vou aceitar exatamente o que Ele me disse que eu poderia fazer”; se você crer nisto.

91 – Esta velha águia, quando ela se prepara para construir seu ninho, ela sobe bem alto nas rochas, e constrói seu ninho no alto. Porque ela tem… Ela quer proteger seus pequeninos.

92 – Esta é a maneira que Deus faz. Ele levanta Sua Igreja em um lugar, se você simplesmente O permitir, e Ele te colocará em um lugar onde você estará longe dos abutres da terra. Com certeza Ele colocará.

93 – Quão diferente é ela da galinha! A galinha é um pássaro, também, mas ela constrói o seu ninho lá fora no celeiro em alguma parte – bem no chão onde doninhas, serpentes, e tudo mais pode apanhar sua cria. Ela nada sabe sobre o céu, mesmo sendo um pássaro; talvez um irmão denominacional, mas ele – ele está no chão. Ele nada sabe sobre o céu – voar alto. Em alguma parte bem lá em cima onde é azul e bonito.

94 – A velha mãe águia, quando ela faz seu ninho… como já as observei muitas vezes – ela sai e apanha galhos grandes, colocando-os nestas rochas, arrancando-os aqui com seu grande bico, e os une, toma raízes de trepadeiras, e os entrelaça. E o lado de dentro do ninho é feito destas raízes, a maioria, para atar o grande… como uma espécie de varetas unidas que ela leva para cima; mas ela ancora aquele ninho de tal forma que não existe tempestade que possa arrancá-lo dali. 

95 – Estou muito feliz. “Sobre esta Rocha edificarei a Minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra Ela”. Que tipo de rocha? – A Revelação Espiritual.

tabernaculo-4 - Copia

Posted in Matérias do Profeta.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...