Aniversários


SENHORES, QUERÍAMOS VER A JESUS
William M. Branham
24 de Dezembro de 1961
Tabernáculo Branham
Domingo – Manhã
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

02 – Nós celebramos o aniversário de Lincoln; nós celebramos o aniversário de Washington. E se você estivesse no extremo sul, nós celebraríamos o aniversário de Lee, ou – ou Jackson. Seus aniversários são uma celebração. Porém o aniversário de Cristo, eu creio que deveria ser um dia de consagração, adoração. Ao invés, hoje à noite, das pessoas na igreja de joelhos, orar, agradecer a Deus pelo verdadeiro Dom do Natal… Sapatos de salto alto, e faces pintadas, e sobrecasacas, e copos de uísque se vão bater um no outro; e dezenas de milhares vezes milhares de dólares no valor de uísques, e charutos, e cigarros serão distribuídos hoje à noite, quando milhares de pobres criancinhas famintas deitam-se sem terem nada para comer ou um lugar para encostarem suas cabeças.


UM VERDADEIRO SINAL QUE SE DEIXA PASSAR POR ALTO
William M. Branham
12 de Novembro de 1961
Tabernáculo Branham – Manhã
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

05 – Ontem à tarde eu tive o privilégio de ter estado em uma das casas de nossa irmã aqui da igreja, a casa de sua filha (e eu penso que ela também está aqui na igreja), onde prepararam um pequeno jantar de aniversário para o Irmão Neville. E ele passou mais um marco miliário [Que marca a distância em milhas nas estradas – Trad.] ontem. E deste modo nós estamos – dizemos ao Irmão Neville, um “aniversário muito feliz,” cada um de nós, porque ele é um irmão muito bom. E naturalmente, ele já passou um pouquinho dos vinte e cinco, e deste modo – do mesmo modo que eu, e deste modo…Nós já passamos pela segunda vez. Isso é…Agora isso é estar chegando a ser um velho quando se vai passar essa marca pela segunda vez, você sabe.


AS REALIDADES INFALÍVEIS DO DEUS VIVO
William M. Branham
26 de Junho de 1960
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

05 – (O irmão Neville diz, “Irmão Branham?” – Ed.) Sim. (“Poderia anunciar sobre o aniversário da irmã Edith e que nos reuniremos ali embaixo na próxima sexta-feira à noite”.) Bem, isto é muito bom. A irmã Edith Wright ficará um dia mais nova. E ela… Eles vão fazer uma pequena reunião na casa dela na próxima sexta à noite. Bem, isto é ótimo! Está bem. Estão todos convidados? (“Todos”) Todos estão convidados para o aniversário da irmã Edith. Ela fará dezoito anos; não é mesmo, irmã Edith?

55 – E agora se for possível estar de volta, Edith, meu bem, sei que a sua festa de aniversário será sexta à noite; se eu puder voltar de Oklahoma a tempo, eu vou aparecer lá, vê, na sexta à noite, se eu puder.


O SEGUNDO SELO
W.M. Branham
19 de março de 1963
Tabernáculo Branham
Jefersonville – Indiana – U.S.A

10 – Depois do culto tenho que fazer um telefonema a uma amiga minha, hoje é seu aniversário, está completando doze anos, é Sara minha filha. Logo depois de amanhã tenho que fazer outro telefonema a minha outra filha, Rebeca, por seu aniversário.


NECESSÁRIO VOS É NASCER DE NOVO
William M. Branham
31 de Dezembro de 1961
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

18 – Irmão Way, eu… aquela linda Bíblia que você e a irmã Way me deram como presente de aniversário, esta será uma boa coisa para guardar minhas anotações em vez de um livro como esse, quando eu tiver tempo para datilografá-las. Não quero escrever, porque não posso fazer minha própria escrita, e como alguém mais o faria? Eu lhes disse que eu tinha uma caligrafia bem própria. E eu tenho que estudá-la eu mesmo para ver o que eu disse. E eu terei isto datilografado algum dia. Ela é uma Bíblia de folhas removíveis, onde você pode tira-la como isso aqui. Eu tomei dois textos aqui esta manhã, dois lugares de onde eu quero ler. E nesta Bíblia que ele me deu, você puxa para fora assim, e pode tomar uma folha de Gênesis, Apocalipse, ou qualquer lugar, e coloca-las ambas juntas, e lê-las diretamente assim, vejam. E então um pequeno lugar atrás aqui no final com uma folha em branco, você pode voltar imediatamente para elas, para todas as Escrituras escritas naquela mensagem e coisas. É maravilhoso. Então eu espero que eu ajudarei a ganhar muitas almas para Cristo com Ela.

19 – Deus te abençoe a cada um de vocês. Eu quero dizer novamente pelos simpáticos presentes de Natal que cada um me deu. A igreja me deu um terno novo, oh, como eu o apreciei! E ganhei dois ternos novos no Natal. Meu irmão, a igrejinha lá em Macon, Geórgia, lá embaixo, irmão Palmer, enviou-me um terno novo. E o Tabernáculo deu-me um terno novo, e lá foram tantas coisas boas dadas, em, e – e presentes de Natal na ordem de dinheiro. O qual, a divisão de impostos me disse que se fosse um presente e escrito “Presente de Natal” ou um “Presente de aniversário”, qualquer coisa, você pode aceitá-lo; de outra forma que teria que…isto – isto iria para o trabalho, o que é correto. E eu agradeço a cada e cada um de vocês, minha esposa e eu, e as crianças, e todos nós expressamos nossa gratidão a cada um de vocês, muito simpáticos. Desejávamos poder voltar e retribuir a cada um de vocês um presente, porém vocês a gente não pode fazer isto, vocês sabem, a gente apenas… oh, que coisa, eu… eu não poderia fazê-lo. Eu desejaria poder, porém eu… eu realmente não posso. Eu estou certo que vocês entendem e eu sei que é o sentimento de meu precioso irmão assentado aqui, também. Nós realmente sentimos que as pessoas não amam desta forma, nós as apreciamos.


UM MANTO USADO
William M. Branham
25 de Novembro de 1956
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

123 – Estava pensando. Nesta tarde, nós vamos até o irmão e irmã Wright. Não os esqueça. Este é o aniversário de bodas de ouro deles. Eu creio, a igreja, eles terão um – um jantar com eles. Eu estava pensando, outro dia: Cinqüenta anos! E eu vi os dois, bem amadurecidos e idosos. Eu pensei: “Sim, estou com quarenta e sete anos de idade.” Eles eram recém-casados três anos antes de eu nascer.

124 – Quarenta e sete! Estou andando em direção ao Jordão. Eu terei que descer. Eu tenho que chegar lá. Eu vou chegar lá. Pode ser em um acidente na estrada. Posso cair do ar em um avião. Posso receber um tiro, do dardo do diabo em algum lugar e morrer. Eu não sei como partirei. Mas,  de uma coisa eu sei, eu vou, e estou andando em direção ao Jordão.

125 – Mas quando eu chegar ali, eu desejo saber uma coisa, que eu tenho um manto usado, também. Não estou confiando no meu, porque ele não é bom. Pois, tão logo que Eliseu apanhou o manto de Elias, ele rasgou o seu em pedaços e o jogou fora. E esta é a maneira que aconteceu quando descobri a Cristo. Eu me dilacerei, minhas próprias ideias, minhas próprias besteiras, minhas coisinhas insignificantes. Eu pensei, quando eu era um pequeno, pregador Batista, eu estava como…  eu fosse alguém. Mas, eu dilacerei aquilo; eu coloquei o manto Dele. E quando eu chegar ao Jordão, eu desejo me encontrar envolto no Seu manto. Ele proverá aquilo. E chegaremos ali um dia.


PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE HEBREUS – 3ª PARTE
William M. Branham
06 de Outubro de 1957
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

12 – E simplesmente para aqueles que estão aqui nesta noite, que não estiveram aqui nesta manhã para desfrutarem do testemunho; eu fui até uma loja de ‘10 centavos’, para comprar uma boneca ontem. Agora, aquilo não era para mim. Vêem? Aquilo era para a minha garotinha Rebeca ali. E – e a Sara estava indo para alguma coisa outro dia. Algumas de suas pequenas coleguinhas de classe estavam tendo algum tipo de reuniãozinha de aniversário, ou algo, e ela ia levar um presentinho para ela; e eu estava comprando uma pequena boneca mais ou menos deste tamanho. E uma senhora aproximou ali, disse: “O senhor se lembra de mim?”


VIDA
William M. Branham
02 de Junho de 1957
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

102 – Agora, Deus fez o homem sedento. Isto faz parte do ser humano, na sua sede. Mas, Deus colocou a sede no homem para que tivesse sede de Deus. E o diabo perverteu isto, e usou isto para que tivesse sede pelo seu reino, pelo mundo. Você compreende isto? A sede no homem é pura, pois Deus fez o homem para sentir sede,  sede por Deus.

103 – E como alguns de vocês ousam, os quais seriam tão pequenos como para clamar… tentar saciar aquela bendita coisa da sede, tentando satisfazer aquilo com bebida, cigarro, televisão, e saindo e se portando assim, e cheios das festanças, tentando satisfazer aquela coisa pia que Deus colocou em você para ter sede por Ele. Você está poluindo a fonte que Deus colocou em você, para receber o Seu Espírito, e você está afogando isto com as coisas do mundo. E elas não satisfazem. Elas nunca vão satisfazer.


COMPANHEIRISMO ATRAVÉS DA REDENÇÃO
William Marrion Branham
03 de abril de 1955
Jeffersonville – Indiana – E.U.A.

168 – Agora, Deus tinha confiança em Jó. Ele tinha companheirismo com ele, e Ele sabia que Jó podia confiar Nele. Então Ele disse: “Correto, Satanás, vá em frente. Ele está em tuas mãos, mas não tira a sua vida. Você pode fazer tudo que quiser com ele.” Então, Satanás, bom no seu ofício, ali vai ele, e mata todos os filhos de Jó.

169 – Agora, quero que vocês observem uma coisinha. Jó teve um – um pressentimento daquilo, eu creio. Você observou, quando seus filhos, todos eles se reuniram um dia, eles fizeram um enorme banquete.

170 – Aí está onde você geralmente entra em algum problema, indo a essas grandes festas. O escritório fará uma festança. “Você irá na véspera do Natal,” como Billy Granham disse no jornal outro dia, “… e se sentirá bem e bêbado pela primeira vez. Você tem que dar vazão à sua alma.” [Espaço vazio na fita-Ed.] Você tem estado confinado por tanto tempo, então você simplesmente tem que sair e deixar sua alma viajar por algum tempo, simplesmente tem que sair e se divertir bastante, se soltar em umas férias. Irmão, isso mostra que você nunca teve companheirismo com Cristo. Se um homem ou mulher alguma vez já teve o gosto divino do companheirismo com Cristo, eu preferia ter isso do que todas as férias e coisas do mundo. Claro. Se você quer me dar um descanso, deixe-me sentir Cristo. Deixe-me falar com Ele por algum tempo, e meus fardos rolarão para longe. Está tudo terminado. Nenhum… Eu preferiria falar com Ele do que qualquer coisa que eu saiba no mundo, ter companheirismo com Ele.

tabernaculo-4 - Copia

Posted in Matérias do Profeta.

Deixe seu comentário

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...