Dízimos


UM GUIA
William M. Branham
14 de Outubro de 1962
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

97 – E isto é o que as pessoas dizem hoje, “Oh, agora esperem! Você não crê agora, se vou à igreja e pago meus dízimos, e faço isto e aquilo, Deus vai me rejeitar?” A menos que o homem nasça de novo, ele nem mesmo compreenderá o reino de Deus! Vêem? Sem desculpas! “Bem, o pobre velho homem, a pobre velha mulher, a uma boa velha alma”. A única maneira pela qual podem ver a Deus é nascendo de novo, isto é tudo. Não me importa quão pequeno, quão velho, quão novo, o que eles fizeram, o quanto eles foram à igreja, quantas denominações eles conhecem, a quantidade de credos que eles possam citar. Você tem que nascer outra vez ou voe não está nem mesmo no fundamento, para começar. Isto é exatamente correto.


TESTEMUNHAS
William M. Branham
05 de Abril de 1953
Tabernáculo Branham – Domingo de Páscoa – Noite
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

190 – “Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus.” Você já testemunhou ser isto a verdade? Coloque primeiro. Pague seus dízimos, primeiro. Pague tudo, primeiro. Pague a Deus. Ore primeiro, de manhã. Ore, através do dia todo. Dê a Deus o primeiro lugar em tudo. Você será testemunha.


RESTAURAÇÃO DA ÁRVORE NOIVA
William M. Branham
22 de Abril de 1962
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

25 – Agora, os índios… Lá não haverá nenhum centavo em dinheiro (como você sabe, eu nunca tiro ofertas em minhas reuniões; e eu não pego dinheiro), mas a igreja aqui é – está patrocinando aquela reunião aos Índios. Alguns do seu dinheiro de dízimo e coisas irão para pagar, para trazer esta Mensagem de Salvação e libertação para aqueles pobres e iletrados Índios. Depois de tudo, eles são os Americanos, vocês sabem. Nós somos os estrangeiros (vêem?); nós viemos e tomamos isto deles. E queremos… Eu não posso lhes dar de volta sua nação, mas eu posso lhes dar as esperanças em Cristo, que nos colocará juntos como uma irmandade algum dia em uma terra onde não há luta e tomando a terra um do outro. Isto será uma terra, terá espaço para todos. E eu estarei agradecido quando o tempo chegar, se todos que amo estiverem salvos e prontos naquele dia.


RELIGIÃO DE JEZABEL
William M. Branham
19 de Março de 1961
Middletown – Ohio – U.S.A.

57 – Isto é… um cão é a coisa pior de que Deus fala. Mesmo o dízimo deles não pode nem mesmo ser pago na casa de Deus. “É como a prostituta, um dízimo de prostituta,” a Bíblia disse. E, ainda, ai está. Elas praticarão controle de natalidade e pagarão hum mil dólares, aproximadamente, por um velho cãozinho; e o conduzirão por ai e lhe darão um amor de filho, assim ela pode correr fora à noite toda, e praticará controle de natalidade.


QUE É O ESPÍRITO SANTO?
William M. Branham
16 de Dezembro de 1959
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

125 – Entre os gentios, havia um chamado Cornélio. Ele era um homem maravilhoso, pagava os dízimos, construía sinagogas para o povo, respeitava Deus, temia a Deus, um bom homem, bom presbiteriano, metodista, batista, ou outra coisa (Vêem?), um homem muito bom. Mas um dia disse Deus, “Ele é um bom homem, porém vou enviá-lo a uma reunião. Eu terei que enviar meu pregador aqui para lhe falar a respeito disto.” Correto, então ele viu a visão e disse: “Vá a Jope, e ali encontrarás a um chamado Simão, um curtidor. E tem um, Simão Pedro, ali. Faça com que venha aqui; ele te mostrará o caminho porque ele tem recebido algo.”


POR QUE NÃO SOMOS UMA DENOMINAÇÃO?
William M. Branham
27 de Setembro de 1958
Tabernáculo Branham – Sábado – Noite
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

80 – Olhe aqui, tomemos Hebreus, capítulo 7. A Bíblia diz que, quando – quando Melquisedeque encontrou-se com Abraão, que regressava da matança do rei, e abençoou-o, e disse… Agora, Levi está falando em pagar dízimos. Disse: “Levi tinha uma ordem do Senhor para receber dízimos do seu irmão”. E Levi, que recebia dízimos, pagou dízimos, porque ainda ele estava nos lombos de Abraão quando ele encontrou-se com Melquisedeque. E Abraão era seu bisavô. Abraão gerou a Isaque, Isaque gerou a Jacó, Jacó gerou a Levi; Levi, pai, avô, bisavô. E enquanto Levi estava nos lombos de Abraão, a Bíblia disse que ele pagava dízimos a Melquisedeque. Aleluia!

81 – Não deixe que ninguém lhe diga que qualquer classe de movimento no mundo pode interferir na grande engrenagem de Deus. Ela está avançando! Ela já foi planejada bem lá no começo. Não há demônios, ou bastante demônios, que possam interferir em Seu programa.

82 – Agora, a Bíblia não disse que “potencialmente” ele pagou, a Bíblia diz que “ele pagou dízimos” quando estava no lombo de seu bisavô. Glória! Este é meu Senhor! Oh, Ele sabia disto, mesmo antes que o mundo já fosse formado! Ele sabia tudo. E, em Abraão, ele pagou dízimos.

83 – E, irmã, irmão, como você pode correr aqui fora, e as pessoas vivendo e flertando com esposas de outros homens, e esposas fazendo os lares em pedaços, e – e assim vivendo do modo que vocês vivem, o que vocês esperam que outra geração seja? Eis aqui o que é: tornou-se agora nada mais que um bando de gente ilegítima, uma terrível mescla de gente nascida da corrupção. E resta apenas uma coisa para isto, e é o dia atômico em que estamos vivendo. Isto é exatamente correto. Estamos no tempo do fim.


PONDO-NOS AO LADO DE JESUS
William M. Branham
01 de Junho de 1962
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

01 – … em algum lugar em Louisville onde você – vocês comem, e é chamado uh- deixe-me ver, Dogpatch Restaurante. Eu fui lá hoje. Quando alguém come ali, então eles tomam o dinheiro que vocês lhes dão e enviam para a igreja o dízimo daquilo. Fica em algum lugar na Rua West Jefferson 319. Eu creio que esta foi a razão pela qual Billy deixou aquilo ali, foi para que eles pudessem ver. Isto é muito bom.


PERGUNTAS E RESPOSTAS
William M. Branham
15 de Outubro de 1961
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

11SERIA ERRADO USAR OS DÍZIMOS COMO FUNDOS PARA A CONSTRUÇÃO DA IGREJA?

176 – Bem agora, aqui – aqui está uma coisinha melindrosa para a igreja agora. Não, corretamente os dízimos tem que ir para o ministro. Isto é certo! Na Bíblia eles tinham uma caixa que colocavam à porta no Velho Testamento quando o – na edificação. Esta caixa servia de fundo onde as pessoas depositavam ali… Vocês já leram isto muitas vezes no Velho Testamento. Eles mantinham as construções e coisas assim… todos os reparos no edifício eram tirados daquele fundo. Porém um décimo daquilo ia – um décimo dos dízimos – todos seus dízimos iam para seus sacerdotes, seus pastores. Sim, os dízimos não vão para nada mais.

177 – Eu conheço pessoas que pegam seus dízimos e os dão para uma mulher viúva. Isto é errado. Se você tem qualquer coisa para dar à viúva, dê a ela, não lhes dê o dinheiro de Deus Em primeiro lugar ele não é seu. Ele é de Deus!

178 – Se você me manda ate a cidade para comprar um pão, e você me da vinte e cinco centavos para comprar um pão, e eu encontro alguém na rua que quer aquilo…algo  mais, e eu lhe dou os vinte e cinco centavos , vejam ,eu estaria lhe dando o seu dinheiro .Se me pedissem algo, o pegaria aqui neste bolso e lhes daria o meu  dinheiro; porém este é o  seu dinheiro.E um décimo dele é do Senhor.E Leví o sacerdote podia viver por aquele décimo.

179 – A décima parte é o dízimo que é para ser trazido para o tesouro com uma promessa de Deus para abençoar isto, e uma prova. Ele disse, “Se não crês nisto, venha e Me prove e veja se não o farei”. Vêem? Isto é certo!

180 – Os dízimos vão para a igreja para o pastor e assim por diante para viver dele. E então o – os – os fundos para a construção e coisas assim que são fundos totalmente separados. Agora, isto – isto é escriturístico.

181 – Qualquer dia quando começarmos, eu quero tirar uma noite… Há algum tempo atrás antes de eu deixar o tabernáculo eu saí aí e tirei cerca de duas ou três semanas em assuntos apenas como estes e fui diretamente através disto e mostrei o que eram os dízimos na igreja.


PERGUNTAS E RESPOSTAS – NÚMERO 2
William M. Branham
23 de agosto de 1964
Tabernáculo Branham – Noite
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

28 – DEVE UMA PESSOA PAGAR DÍZIMOS A UM INDIVÍDUO OU TEM QUE TRABALHAR UM CRISTÃO?

180 – Seguro que deve. Ele é o homem que trabalhará, é um cristão.

181 – Pagar dízimos a um indivíduo? Depende de quem seja o indivíduo. Vêem? Isso é certo. Em Hebreus 7, a primeira vez emq eu se falaram dos dízimos… numa posição que nós… Espere um momento; creio eu, a pergunta número dois. Não! Oh, oh. Não! Para o irmão… Dizia: “Duas perguntas para o irmão Branham”.

182 – Quando… No capítulo 7 de Hebreus quando Abraão regressava da matança dos reis, encontrou a Melquisedeque; ele lhe pagou um dízimo. Aquele era Melquisedeque, Rei de Salém, o qual é o Rei de Paz e Rei de Justiça que não era outro senão o próprio Deus. Vêem?

183 – Porém quando tu pagas dízimo… Realmente onde deves os dízimos é onde obténs teu alimento. “Trazei todos vossos dízimos a minha casa de tesouro, diz o Senhor (é certo?). E provai-Me então nisto, diz Deus, se não vos abrirei as janelas do Céu, e derramarei sobre vós bênçãos tais que superabunde”. Desafio a qualquer homem ou mulher que não seja um dizimista a aceitar isso.

184 – Posso permanecer aqui até a madrugada só lhes contando o que sucedeu quando vi isso e em que condição me encontrava. Porém tão leal como jamais pude, paguei os dízimos. E quando tomava meu próprio dinheiro da igreja aqui ou de minhas campanhas, colhia mais… dava um décimo. Então o dava a ministros e dava o resto deles a ministros. Quando não podia fazer isto, então a coisa que fazia: retinha dez por cento e a Deus dava noventa. E logo, quando a lei me disse que não podia fazer isso, teria que tomar… e se o fazia estava encarregado por isso, logo tive que toma-lo e passa-la a missões estrangeiras e assim sucessivamente e então só tomar um salário disso de cem dólares semanais e disse pago os meus dízimos.

185 – Sim, senhor! Eu creio em pagar dízimos. É uma das bênçãos de Deus que tem sido provadas ser uma benção. Você diz: “Isso  é do Antigo Testamento”. O é também do Novo Testamento. Sim, senhor!


ONDE ESTÁ ELE, O REI DOS JUDEUS?
William M. Branham
21 de Dezembro de 1958
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

24 – E quando eu olhei para aquela coisinha, eu peguei em sua mãozinha, não maior do que isto, e a coloquei em meus dedos, assim, e a segurei. E eu disse, “Pela fé em Deus, eu coloco entre este câncer e o bebê, o Sangue do Senhor Jesus Cristo”, e apenas virei e sai. O pai da criança saiu comigo. Eu simplesmente não pude dizer nada mais.

25 – E eu entrei no carro, e ele disse, “Irmão Branham, aqui está um pequeno dízimo que eu guardei para o irmão”.

26 – Eu disse, “Ó meu irmão, não faça isto”. Eu disse, “Não, eu não pego dinheiro”.

27 – Disse, “Mas isto é dízimo que vai para o ministério”. Disse, “Eu o ajuntei, pensei que te veria algum dia”.

28 – Eu disse, “Coloque isto na conta do Ricky lá dentro”. Eu disse, “Ele, ele precisará disto”. E então eu fui para casa.

29 – E duas horas depois, o queixinho havia voltado ao normal, a língua voltou para o lugar certo em sua boca. O amor benigno da misericórdia, o amor do Pai proveu a cura do bebê. Na manhã seguinte, o neném seria enviado para casa, por ser um neném sadio.

30 – E quando eu estava me preparando para partir… Naturalmente, aquilo espalhou pela Costa Oeste. E aqui determinado médico famoso havia enviado seu neto lá atras antes de Pasadena, e fez uma barricada ali, para orar por aquela criança; onde ele lhe havia dado uma injeção de penicilina, e aquilo fez com que aparecesse câncer no seu lado, um garotinho de dois anos.

31 – E então este pequeno missionário mexicano telefonou e disse, “Eu – eu tenho que ver o irmão Branham antes dele partir”. E minha esposa e eu já estávamos no carro”.

32 – E eu tinha pescado um peixe, a uns dois anos atras, lá embaixo no Rio “No – Return”, juntamente com os Homens Cristãos de Negócios. E o Walt Disney, aquele pessoal ali, o havia empalhado, porque é o recorde mundial da truta arco-íris. E eu a estava arrumando no carro.

33 – E ali havia um – uma pequena perua parou atras e dali desceu este pequeno pai mexicano. E as lágrimas corriam por sua face, enquanto ele corria e balançava seu chapéu; juntamente com sua pequena esposa Finlandesa. E ele disse, “Irmão Branham, aqui estão aqueles dízimos que o Senhor lhe enviou”.

“Oh”, eu disse, “Irmão!”

Disse, “Sabe, o Ricky está indo para casa hoje”.

34 – E eu disse, “Fico grato por isto”. Ele disse… Eu disse, “Mas eu lhe disse para tomar o – os dízimos e colocá-los na conta do Ricky”.

35 – Ele disse, “Era sobre isto que eu ia lhe falar, irmão Branham”. Ele disse, “Quando eu fui pagar o médico, nesta manhã, eu entreguei (este) este dinheiro para ele”. Eu disse, “Doutor, eu quero lhe pagar uma parte da conta”. Ele disse, “Senhor, nem mesmo mencione isto para mim. Você não me deve nada”. Ele disse, “Esta foi a maior coisa que já vi ser feita em toda minha vida”. Ele disse, “Este foi o fenômeno dos fenômenos!” Disse, “Você não me deve um centavo”.


O SINAL
William M. Branham
01 de Setembro de 1963
Tabernáculo Branham – Domingo – Manhã
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

444 – Vejam, eu entendo. Sabem de uma coisa? É por meio dos seus dízimos e das ofertas de vocês que eu vivo. É pelo apoio de vocês, aqui na igreja que eu tenho a quem pregar. E seu amor, e seus  “améns,” e seu companheirismo. E suas boas palavras lá no mundo lá onde vocês vão, aos diversos estados de um lado a outro da nação, são suas palavras que ajudam a levar a Mensagem. São vocês. Nós somos participantes nisto, com Cristo. Nós somos irmãos e irmãs, e Ele é nosso Rei. E eu amo vocês. Eu – eu – eu – eu, onde eu estou, eu quero que vocês estejam. Atravesso a nação dirigindo para falar-lhes umas vezes. Anelo congregar-me com vocês aqui no domingo pela manhã. Eu amo vocês. Tenho sempre amado vocês. As vezes tenho que falar mui duramente, porém é simplesmente para corrigir. Vejam vocês, é porque eu amo vocês, vejam, e eu não quero que vocês percam Isto. Vocês, não devem fazer isso.


O NOME DE JESUS
William M. Branham
28 de Setembro de 1958
Jeffersonville – Indiana – U.S.A

73 – Eu disse: “O que me fere é saber que estas pobres e velhas viúvas e órfãos, eles terão que pagar imposto de renda nisto também ou morrerem devendo o governo.” Eu não sabia o que eu estava dizendo. Aquilo era o Pai falando, e eu não sabia disto.

– “Oh,” ele disse: “não, eles não terão que pagar o imposto de renda nisto.”

– Eu disse: “Por que eles não têm que pagar?”

– Disse: “Veja você, aquele foi um presente não solicitado.” Então o Espírito Santo me despertou.

– “Oh,” eu disse: então não se paga o imposto de renda de um presente não solicitado?”

– Disse: “Correto.”

– Eu disse: “Então eu não devo nada ao governo, pois eu nunca levantei uma oferta em minha vida.”

– Então  o meu advogado levantou, e ele disse: “Sr. Branham pode você…

– Eu disse: “Eu posso te mandar dois milhões de cartas para Washington e provar isto.” Eu disse: “Eu nunca levantei uma oferta…” –

– Disse: “Mas quando você sai para estas reuniões e este dinheiro que é levantado através destes ministros para pagar isto,” disse: “Você tem algum tipo de entendimento para você conseguir algo.”

– Eu disse: “Nenhum pouco.”

– Ele disse: “Bem, então, não solicita você através do Correio?”

– Eu disse: “Nada.”

– Disse: “Como você consegue o seu dinheiro?”

74 – Eu disse: “O que as pessoas me enviam.” Estou olhando agora mesmo na face de pessoas que me enviam dízimos continuamente. Eu nunca os pedi; eles simplesmente fazem isto. Este é o Espírito Santo. Ele é capaz de tomar conta dos Seus.


HEBREUS, CAPÍTULO 7 – 1ª PARTE
William M. Branham
15 de Setembro de 1957 – Noite
Jeffersonville – Indiana – U.S.A

119 – Agora, ouça atentamente.

E os que dentre os filhos de Levi recebem o ofício do sacerdócio têm ordem, segundo a lei, de tomar o dízimo do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão.

120 – Agora, observe isto se você quer ver algo.

Mas aquele cuja genealogia não é contada… entre eles tomou dízimos de Abraão, e abençoou o que tinha as promessas.

121 – Abraão tinha a promessa e este Homem abençoou Abraão que tinha a promessa. Quem era este? Os filhos de Levi pagaram dízimos aos seus irmãos, ou seus irmãos pagaram dízimos para eles. Eles tinham um mandamento do Senhor para tomarem a décima parte do que seus irmãos ganhavam, para o sustento deles, pois eles eram o sacerdócio. Agora, isso deixa de fora o sacerdócio de Melquisedeque, como vocês comentam, bem ali. Isto é certo. Mas este Homem… Aquele o qual tinha a promessa, o maior homem na terra, Abraão encontrou este Homem e pagou dízimos para Ele; Ele tinha que ser maior.

122 – Ouça.

Ora, sem contradição alguma, o menor é abençoado pelo maior. (Certamente. Observe quem Ele é.)

E aqui certamente tomam dízimos homens que morrem, ali, porém, (Isso é o sacerdócio da ordem dos sacerdotes e pregadores e assim por diante, homens que morrem recebem dízimos. Vê?)… ali, porém, aquele de quem se testifica que vive.

123 – Para que um homem receberia dízimos, se ele teve algum… Se ele nunca nasceu e nunca morrerá, e era desde o princípio até o fim e… e nunca teve pai, nem mãe, nem genealogia, e possuía os céus e terra e tudo o que neles há, por que Ele receberia dízimo? Por que Ele pediria a Abraão para pagar dízimos? Vê você como pagar o dízimo é uma coisa rigorosa? Dizimar é correto. É dever de todo cristão pagar o dízimo. Isto é certo. Nunca mudou.


HEBREUS, CAPÍTULO 2 – 1ª PARTE
William M. Branham
25 de Agosto de 1957
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

257 – Ora, certa vez Ele precisava de dinheiro, e Ele disse, “Pedro, há um peixe, que há pouco engoliu uma moeda (o o suficiente, a quantia que precisamos). Lancem o anzol. Eu o mandarei lá. Tive aquela moeda de sua boca, porque Ele mesmo não pode usá-la. Vá e lhe pague nosso dízimo é tributo”. Amém.


DEUS SENDO MAL ENTENDIDO
William M. Branham
23 de Julho de 1961
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A

05 – Pode um Cristão ir para o Céu se ele ou ela não paga o dízimo? 

43 – Agora, esta é uma que eu não poderia responder, escrituristicamente.

44 – Agora, este “Pia, Filho e Espírito Santo”, se o ministro é sincero, apenas deixe – deixe-nos saber, veja você, estaríamos contentes… O Irmão Neville e eu mesmo, ou o Irmão Beeler, ou o Irmão Collins, ou quaisquer destes ministros aqui que são ordenados a este ministério, e assim por diante, pode – pode fazê-lo.

Agora, porém agora: Se um Cristão não vai ao céu porque não paga dízimo?

45 – Eu – eu não poderia dizer “Sim” ou “não” para aquilo. Mas eu realmente creio que cada Cristão está obrigado a pagar os dízimos porque é um mandamento do Senhor. “E bendito é… são aqueles que cumprem todos os Seus mandamentos, para que eles possam ter o direito de entrar na Vida, na Árvore da Vida”. Agora, eu realmente creio que pagar dízimo é essencial numa experiência Cristã. Pois eu chegarei naquilo em outra pergunta em poucos momentos, eu sei que há outra aqui que pertence àquilo.

15 – Irmão Branham, não sente você que cada um que alega ser Cristão deve pagar o dízimo, pagar seu dízimo na casa do Senhor? Por favor me dê Escritura para esta pergunta. 

111 – Correto, se você… Isto é correto, o que a Bíblia diz em Malaquias, capitulo 4, “Um homem roubará a Deus? E você diz, ‘Onde Te roubamos?’ Nos dízimos e ofertas para Minha casa, e provai-Me”, diz o Senhor, “se Eu não vos abrir as janelas do Céu, e derramar sobre vós benção tal, que dela vos advenha maior abastança”.

112 – Isto é um desafio para qualquer individuo! E se eu simplesmente tivesse tempo, e não tivesse que entrar nesta pequena Escritura que eu gostaria de entrar nos próximos dez minutos, eu gostaria de lhes dar um testemunho pessoal de como eu estava ate mesmo com fome, e minha mãe e os outros com fome, e o meu pai enfermo, porém eu separava o meu dízimo primeiro e o entregava a Deus, e você devia ver o que acontecia. Eu nunca vi em minha vida, qualquer homem ou mulher, que, ainda que ganhe unicamente um dólar por semana, traga os dez centavos daquele dinheiro e o coloque na casa do tesouro, ou na igreja onde assistem, que Deus não lhes haja abençoado, se assim não é, podem me chamar de hipócrita. Sim, senhor. Este é um desafio para qualquer um. E cada Cristão… Aquilo vai para esta outra pergunta. Cada Cristão deve pagar o dízimo! Isto deve ser feito.


DEMONOLOGIA: ESTADO FÍSICO
William M. Branham
08 de junho de 1953
Connersville – Indiana – E.U.A.

73 – Hoje estão tentando tirar o lugar do dízimo de Deus. Estão tentando adotar algo. Estão tentando torná-lo diferente. Vão e têm jogos de batota nas igrejas, jogam na loteria. A loteria nunca tomará o lugar do dízimo de Deus. Jantares, venda de cobertores, piqueniques, para arrecadar dinheiro para liquidar várias dívidas, isso nunca tomará o lugar do dízimo e da oferta eternos de Deus. Nunca tomará. No entanto estamos tentando fazer isso.


CRISTO É REVELADO EM SUA PRÓPRIA PALAVRA
William M. Branham
22 de Agosto de 1965
Tabernáculo Branham
Jeffersonville – Indiana – U.S.A.

13 – Eu recordo daquela vez que eu era um rapaz e fiquei doente. Eu saí do hospital devendo cerca de dois mil dólares. E havia uma farmácia aqui, do Sr. Swaniger, eu lhe devia cerca de trezentos ou quatrocentos dólares em remédios. Ele nem mesmo me conhecia. E o homem… Eu cheguei até ele. Eu não o conhecia, e ele simplesmente enviava isto lá para cima de qualquer maneira, nunca recusou mandar; e eu disse, “Eu te devo”. E disse…Eu creio, não era o Swaniger, era o Sr. Mason lá na avenida Court e Spring. E eu disse, “Eu lhe devo. E eu – e permaneço terrivelmente fraco, mas estou tentando ir trabalhar. Agora, se eu não puder te pagar…” Eu havia acabado de me tornar um cristão; eu disse, “A primeira coisa, Sr. Mason, como meu dever para com Deus, eu devo a Ele nos meus dízimos. E eu quero pagar a Ele os meus dízimos primeiro”. E eu disse, “Então o meu dever seguinte é pagar as minhas dívidas”. E eu disse, “O meu pai é doente e ele – e temos…Na família somos dez filhos”. Mas eu disse, “Eu… Se eu não puder te pagar mais do que vinte e cinco centavos daquela conta em cada dia de pagamento… Se eu não puder te pagar nem mesmo os vinte e cinco centavos, eu virei e lhe direi sobre isto. Eu lhe direi, “Eu – eu não posso fazer isto desta vez”. Agora, pela ajuda de Deus, eu paguei cada pedacinho daquilo. Vê? É isto que quero dizer.


POSICIONANDO DIÁCONOS
William M. Branham
20 de julho de 1958
Jeffersonville – Indiana – E.U.A.

01 – E isso é que… a primeira coisa é posicionar alguns diáconos na igreja. E nossa pequena igreja aqui é soberana. Ela não tem nenhuma denominação nem nada para mandar seus diáconos, ela elege seus próprios diáconos. Ela elege seu pastor, elege seus administradores, elege tudo o que entra e sai da igreja. Nenhuma pessoa tem autoridade sobre nada, é a igreja. E a igreja são aqueles que vêm e apoiam a igreja com sua presença, com seus dízimos e ofertas; são sempre os que têm autoridade legal para posicionar os tais.

tabernaculo-4 - Copia

 

 

Posted in Matérias do Profeta.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...